PCS JÁ



    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    AnalistaJE
    AnalistaJE
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 730
    Reputação : 9
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por AnalistaJE em Sex 04 Set 2015, 8:08 am

    DJANGO escreveu:
    Inquietude escreveu:Sou filha de Juiz.
    Lembro-me de meu pai passando madrugadas debruçado sobre pilhas de processos. Redigindo, a mão, após noites mal dormidas, sentenças cuidadosamente lapidadas, segundo as provas e razões das partes.
    Lembro-me das crises de consciência, quando ainda Juiz de remota Comarca do interior, meu pai relutava em aceitar o presente de uma galinha, ou de uma pequena leitoa de pessoas gratas. Lembro-me de que ele, na ponderação entre o que poderia significar suborno ou ação desprovida de má-fé, discernia entre a possibilidade de aceitar um presente ou recusá-lo; obrigando-se, contudo, a, na primeira oportunidade, retribuir o gesto, a fim de que não restasse prejudicada, de qualquer forma, sua imparcialidade e independência no julgamento de qualquer causa.
    Foi com essa visão da Magistratura que assumi um cargo na Justiça Federal. Que choque de realidade!
    Ainda que existam magistrados dignos, o dia a dia da magistratura já não permite que Juízes debrucem-se sobre processos. É necessário delegar.
    Hoje, o ofício jurisdicional não é possível sem o auxílio de todos os servidores que, como longa manus do juízes, analisam e, como juízes de fato, minutam sentenças. Com sorte, estas minutas serão lidas pelos magistrados antes de assinadas. Infelizmente, nem sempre isto ocorre.
    Pergunte-me, qual a razão destas ponderações? Respondo-lhe: - A sociedade ainda não se deu conta de que, ao não valorizar adequadamente o trabalho desenvolvido pelos servidores do Judiciário, corre o risco de ver o mais completo emperramento da Justiça. Somos nós que, mal ou bem, ainda tornamos minimante possível o exercício jurisdicional neste País.
    A sociedade deve fazer uma opção e o momento é agora.

    É o que a todos nós preocupa, colega.
    Estamos também decepcionados pela opção de minar o Judiciário, porque a cúpula já está contaminada. Basta olharmos o que estão fazendo conosco.
    Está entre os pilares da nossa resistência como a manutenção da carreira, a nossa dignidade e a salvação do próprio Judiciário.
    Sua análise deixa transparecer a mesma angústia que sentimos: a quem interessa um Judiciário enfraquecido, com servidores desmotivados e improdutivos?
    Há algo maquiavélico, maior, por trás de todo esse circo que estamos enfrentando.
    Por tudo isso, temos que vencer!

    Essa greve é um divisor de águas para o PJU...O que vejo e NUNCA tinha visto antes em meus 20 anos de PJU são os rostos de desânimo, desalento e, principalmente ARREPENDIMENTO de muuuitos colegas que abdicaram de seguir outras carreiras para investirem seu intelecto por aqui...

    São colegas de uma capacidade gerencial, intelectual e humana incríveis, de botar no chinelo qualquer togado, e que se arrependem amargamente...

    SÓ A DERRUBADA DO VETO SALVA ESTE PJU....


    Última edição por AnalistaJE em Sex 04 Set 2015, 8:15 am, editado 1 vez(es)
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado em Sex 04 Set 2015, 8:15 am

    Eletrotec escreveu:http://www.diariodopoder.com.br/coluna.php?i=30175131348
    04 DE SETEMBRO DE 2015

    DILMA PEDE AJUDA A TEMER PARA EVITAR ‘BOMBA’

    Isolada, a presidente Dilma pediu socorro ao vice-presidente Michel Temer, ex-articulador-geral, para barrar a sessão do Congresso que discutiria o veto ao reajuste do Judiciário. Ela já está convencida que a Câmara derrubará o veto. Trata-se de “retaliação” ao governo, que prometeu a liberação de R$ 500 milhões em emendas parlamentares, mas não cumpriu o acordo. Dilma foi categórica: “Não há recursos”

    BOMBEIRO

    O vice Michel Temer interveio no Senado e conseguiu que a sessão de 4ª-feira fosse cancelada. Havia 37 dos 41 senadores necessários.


    Que era coisa da filha do capeta já sabíamos, agora fica mais evidente a mão do mordomo do capiroto tb.
    A posição do comando de greve do MPU está muito boa, especialmente o último item. É preciso engrossar com Renan Calheiros, é muita desfaçatez reunir servidores e prestar compromisso (em AL mês passado) e tramar contra no Congresso. O Melqui que é tão próximo a ele podia dar uma palavra sobre isso.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado em Sex 04 Set 2015, 8:25 am

    phaal2001 escreveu:
    phaal2001 escreveu:Não é uma boa chamar o pessoal de Brasília pra Esplanada em um dia da semana?
    Só pra não desmobilizar. ..

    Dois dias, pelo menos!!
    Lula Molusco
    Lula Molusco
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3722
    Reputação : 2293
    Data de inscrição : 10/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Lula Molusco em Sex 04 Set 2015, 8:35 am

    Alvinegro de Coração escreveu:
    BitaTRE/MG escreveu:Gente,
    Desculpem... Mas depois de ontem estou muito desanimada!
    O Renan marcou sessão para o dia 22/09. Neste dia 10 senadores estarão na China! O quorum de senador já é difícil e 10 a menos! PQP!!!!
    Sem falar que ele pode colocar outro testa de ferro e nos ferrar novamente!
    Outra coisa que me atormenta. Como brecar o andamento dos PL 's Titicas? Principalmente o do MPU? Será que os colegas que estão no front já contactaram "amigos do judiciário" para pedir vista, propor emendas, enfim fazer o que for preciso para esses pl's não avançarem?
    Se alguém puder me esclarecer esses pontos ou mesmo rebatê-los ficaria imensamente grata.
    Estou muiiiito ansiosa! Na sofrência mesmo!

    Nao sou do sindicato, mas o que sei é: o relator do pl 7919 é do solidariedade e se disse a favor dos servidores. Que eu saiba,  é grande o apoio dos deputados. Para que o substitutivo vá a plenario antes do relatório,  é necessario o voto de 1/3 dos deputados, se nao me engano. Então,  até o momento o substitutivo esta sob controle. Mas ninguem pode nem piscar.

    Ademais, o comando de greve do MPU deve começar a adotar uma postura mais critica, politicamente falando, denunciando as manobras do Renan.

    Abraços,  boa noite, bom descanso.

    #DerrubaoVeto

    Precisa de requerimento com 52 deputados assinando mais o requerente.
    jserpa
    jserpa
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 47
    Reputação : 2
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por jserpa em Sex 04 Set 2015, 8:51 am


    ATENÇÃO !!!!!! MUITA ATENÇÃO !!!!!!

    Há outras ideias em estudo, como endurecer o pagamento de auxílios estipulados por decisões judiciais e até mesmo reduzir ou atrasar o reajuste dos servidores.


    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado em Sex 04 Set 2015, 9:03 am

    jserpa escreveu:
    ATENÇÃO !!!!!!          MUITA ATENÇÃO !!!!!!

    Há outras ideias em estudo, como endurecer o pagamento de auxílios estipulados por decisões judiciais e até mesmo reduzir ou atrasar o reajuste dos servidores.


    http://oglobo.globo.com/brasil/governo-avalia-plano-para-cobrir-rombo-no-orcamento-2016-17399671#ixzz3klmDEERx


    Ao que tudo indica, o orçamento, como está, corre sérios riscos de não ser aprovado no congresso.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado em Sex 04 Set 2015, 9:04 am

    Estou indo à assembleia aqui no RS, e gostaria de ficar conectado ao fórum.

    Alguém me informa se existe algum aplicativo do forum PCSJá para smartfone??
    BLACK SOUL
    BLACK SOUL
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2047
    Reputação : 119
    Data de inscrição : 03/01/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por BLACK SOUL em Sex 04 Set 2015, 9:08 am

    DJANGO escreveu:Estou indo à assembleia aqui no RS, e gostaria de ficar conectado ao fórum.

    Alguém me informa se existe algum aplicativo do forum PCSJá para smartfone??

    Sim, você abre o web browser no seu smartphone, digite [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.] faz login e corre para o abraço!
    sergio caldas
    sergio caldas
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : analista judiciário
    Mensagens : 1238
    Reputação : 29
    Data de inscrição : 29/11/2010
    Localização : são paulo

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por sergio caldas em Sex 04 Set 2015, 9:09 am

    AnalistaJE escreveu:
    DJANGO escreveu:
    Inquietude escreveu:Sou filha de Juiz.
    Lembro-me de meu pai passando madrugadas debruçado sobre pilhas de processos. Redigindo, a mão, após noites mal dormidas, sentenças cuidadosamente lapidadas, segundo as provas e razões das partes.
    Lembro-me das crises de consciência, quando ainda Juiz de remota Comarca do interior, meu pai relutava em aceitar o presente de uma galinha, ou de uma pequena leitoa de pessoas gratas. Lembro-me de que ele, na ponderação entre o que poderia significar suborno ou ação desprovida de má-fé, discernia entre a possibilidade de aceitar um presente ou recusá-lo; obrigando-se, contudo, a, na primeira oportunidade, retribuir o gesto, a fim de que não restasse prejudicada, de qualquer forma, sua imparcialidade e independência no julgamento de qualquer causa.
    Foi com essa visão da Magistratura que assumi um cargo na Justiça Federal. Que choque de realidade!
    Ainda que existam magistrados dignos, o dia a dia da magistratura já não permite que Juízes debrucem-se sobre processos. É necessário delegar.
    Hoje, o ofício jurisdicional não é possível sem o auxílio de todos os servidores que, como longa manus do juízes, analisam e, como juízes de fato, minutam sentenças. Com sorte, estas minutas serão lidas pelos magistrados antes de assinadas. Infelizmente, nem sempre isto ocorre.
    Pergunte-me, qual a razão destas ponderações? Respondo-lhe: - A sociedade ainda não se deu conta de que, ao não valorizar adequadamente o trabalho desenvolvido pelos servidores do Judiciário, corre o risco de ver o mais completo emperramento da Justiça. Somos nós que, mal ou bem, ainda tornamos minimante possível o exercício jurisdicional neste País.
    A sociedade deve fazer uma opção e o momento é agora.

    É o que a todos nós preocupa, colega.
    Estamos também decepcionados pela opção de minar o Judiciário, porque a cúpula já está contaminada. Basta olharmos o que estão fazendo conosco.
    Está entre os pilares da nossa resistência como a manutenção da carreira, a nossa dignidade e a salvação do próprio Judiciário.
    Sua análise deixa transparecer a mesma angústia que sentimos: a quem interessa um Judiciário enfraquecido, com servidores desmotivados e improdutivos?
    Há algo maquiavélico, maior, por trás de todo esse circo que estamos enfrentando.
    Por tudo isso, temos que vencer!

    Essa greve é um divisor de águas para o PJU...O que vejo e NUNCA tinha visto antes em meus 20 anos de PJU são os rostos de desânimo, desalento e, principalmente ARREPENDIMENTO de muuuitos colegas que abdicaram de seguir outras carreiras para investirem seu intelecto por aqui...

    São colegas de uma capacidade gerencial, intelectual e humana incríveis, de botar no chinelo qualquer togado, e que se arrependem amargamente...

    SÓ A DERRUBADA DO VETO SALVA ESTE PJU....

    também sou filho de juiz. há trinta anos passei no concurso para trabalhar na famigerada justiça do trabalho. quando entrei, não tinha dinheiro para comprar comida decente para minha mulher e meu filho. minha mãe "magistrada" ia escondida ao supermercado comigo, enchia meu carrinho...aos poucos, foi se estabelecendo uma relação doentia com a "justiça", "mãe juíza", "esposa insatisfeita", "privilégios injustificáveis", etc, etc. isso tudo quase destruiu minha vida...grande m...essa doutrinação de juízes dedicados, que trabalham à noite, fazendo justiça...eu que eu vi com meus olhos que a terra há de comer é muita putaria, nessa justiça que é uma grande prostituta.
    GIGANTINHO
    GIGANTINHO
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 249
    Reputação : 9
    Data de inscrição : 16/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por GIGANTINHO em Sex 04 Set 2015, 9:12 am

    zotrix escreveu:
    Mestre dos Magos! escreveu:
    Onde os fracos não têm vez.

    (Desitir? Nem a pau, Juvenal) – Desde 2009 nossa categoria luta incessantemente pela aprovação de um projeto de recomposição salarial que minimamente nos traga um quê de dignidade. Há anos dia sim e no outro também vemos nossos salários sendo corroídos pela inflação, nosso poder de compra sendo subtraído pela metade. É uma luta difícil, cansativa, que deixa diversas marcas, cicatrizes ao longo do caminho.

    Servidor: É só tu e tu mesmo! Nem adianta olhar pro lado.

    Em sua grande maioria, os "Deuses do Olimpo" pouco se importam com nossa defasagem salarial. Eles estão muito bem, obrigado. Vivem em suas mansões, naves do ano, se deliciam com o trio: mulher (muita mulher), cerveja e futebol. São luxos e mimos pagos pelo dinheiro que em boa parte jorra da corrupção e de falcatruas escusas que permanecem embaixo do tapete. Já nós, não! Nós temos que assistir a corrosão de nosso poder de compra em patamares superiores a 50% e ainda termos nosso direito de greve e manifestação, aos poucos, podado pela administração. Aqui é Brasil, sil, sil, sil, onde "o filho chora e a mãe não vê".

    Dedo no gatilho!

    Já disse aqui e repito. Posso cair, mas caio com o dedo no gatilho, atirando pra todos os lados, se pegar, pegou. Já vamos para nosso terceiro mês de greve. É cansativo? Sim, é. É desgastante? Sim, claro! Dá vontade de desistir, jogar tudo pro alto, chutar o pau da barraca? Tem dia que sim, confesso. Mas é preciso ter em mente o momento histórico que estamos vivendo. Nunca antes na história dessa categoria (eita frasezinha mais clichê, reconheço!) estivemos tão unidos em prol de um objetivo. Repito: um ú-ni-co objetivo. Vencer e derrubar a porrra desse veto. Nem que me comparem com candidato de um discurso só, mas esse veto vai cair, nem que seja na marreta. Digo e repito!

    Ameaças à vista e a prazo.

    Sofremos com ameaça de corte de ponto, sofremos com horas intermináveis de assembleias. É sol, é frio, é chuva, é dificuldade pra entrar no CN, é vigília, é manifestação, é chá de cadeira (amargo e sem açúcar) pra falar 3 minutos com as Excelências e tentar sintetizar anos em segundos, é ter que ler nos noticiários as mentiras implantadas por esse (des)governo de m&rda e não possuir os mesmos recursos pra rebater, é ver colegas viajarem quilômetros para estarem em Brasília, alguns tirando do próprio bolso (e com sorrisão no rosto) e saber que muitos se recusam a dirigir 40 min de carro, é lembrar da porrra do suplente que só tirou proveito próprio de nossa categoria e hoje deve tá por aí desfrutando e quem sabe até rindo de nossas caras, é ficar em aeroporto buscando apoio, é ficar em pé nos corredoras da CD e SF segurando plaquinha por horas a fio e ser solenemente ignorado, é escutar o Presidente do STF dizer que nos tem como filhos e envia a porrra de um novo PL que além de não recompor nossa defasagem, nos coloca mais ainda no buraco, é lutar pela instalação da sessão do CN e vê-la ser encerrada ditatorialmente, é ficar até quasse as 22h da noite do dia 21/07 pra ter a confirmação do veto da Demônio, é assistir entrevista do dedo de seta, X9, caguete, sim, o Dr. dizendo que o veto não será derrubado, é escutar áudio de "ÂNUS, Ponci do Kraleo a 4" dizendo que entre derrubar esse governo e não conseguir o aumento, dane-se o aumento. É tanta coisa “cumpadi” que vou parar por aqui para não alongar demasiadamente esse texto que, no início, tinha objetivo de ser curto. Sim, era pra ser curto. A-cre-di-te. Mas é tanta “m&rda” já realizada ao longo desses anos e tantas outras que não relatei aqui, que faz o rio Tietê parecer água mineral,  sim, água mineral, e das boas. Vai um gole aí?

    Segue o cortejo nessa bagaça, pois!

    Você sente que esse comportamento novo do PMDB (Eunício estava na sessão e não marcou presença, além de ter ficado rindo após o encerramento da sessão, enquanto o Picciani orientou a bancada a manter o veto) tem a ver com uma possível reaproximação com o Planalto ou sinaliza para uma tentativa de preservar os cofres públicos para o Governo do Michel Temer, pós-renúncia, tendo em vista as últimas notícias que indicam uma frente parlamentar pró-impeachment?

    Não tenha dúvida de que se trata de preservação dos cofres do futuro presidente. O impedimento está sendo ventilado em Brasília a todo vapor.
    BLACK SOUL
    BLACK SOUL
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2047
    Reputação : 119
    Data de inscrição : 03/01/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por BLACK SOUL em Sex 04 Set 2015, 9:12 am

    sergio caldas escreveu:
    AnalistaJE escreveu:
    DJANGO escreveu:
    Inquietude escreveu:Sou filha de Juiz.
    Lembro-me de meu pai passando madrugadas debruçado sobre pilhas de processos. Redigindo, a mão, após noites mal dormidas, sentenças cuidadosamente lapidadas, segundo as provas e razões das partes.
    Lembro-me das crises de consciência, quando ainda Juiz de remota Comarca do interior, meu pai relutava em aceitar o presente de uma galinha, ou de uma pequena leitoa de pessoas gratas. Lembro-me de que ele, na ponderação entre o que poderia significar suborno ou ação desprovida de má-fé, discernia entre a possibilidade de aceitar um presente ou recusá-lo; obrigando-se, contudo, a, na primeira oportunidade, retribuir o gesto, a fim de que não restasse prejudicada, de qualquer forma, sua imparcialidade e independência no julgamento de qualquer causa.
    Foi com essa visão da Magistratura que assumi um cargo na Justiça Federal. Que choque de realidade!
    Ainda que existam magistrados dignos, o dia a dia da magistratura já não permite que Juízes debrucem-se sobre processos. É necessário delegar.
    Hoje, o ofício jurisdicional não é possível sem o auxílio de todos os servidores que, como longa manus do juízes, analisam e, como juízes de fato, minutam sentenças. Com sorte, estas minutas serão lidas pelos magistrados antes de assinadas. Infelizmente, nem sempre isto ocorre.
    Pergunte-me, qual a razão destas ponderações? Respondo-lhe: - A sociedade ainda não se deu conta de que, ao não valorizar adequadamente o trabalho desenvolvido pelos servidores do Judiciário, corre o risco de ver o mais completo emperramento da Justiça. Somos nós que, mal ou bem, ainda tornamos minimante possível o exercício jurisdicional neste País.
    A sociedade deve fazer uma opção e o momento é agora.

    É o que a todos nós preocupa, colega.
    Estamos também decepcionados pela opção de minar o Judiciário, porque a cúpula já está contaminada. Basta olharmos o que estão fazendo conosco.
    Está entre os pilares da nossa resistência como a manutenção da carreira, a nossa dignidade e a salvação do próprio Judiciário.
    Sua análise deixa transparecer a mesma angústia que sentimos: a quem interessa um Judiciário enfraquecido, com servidores desmotivados e improdutivos?
    Há algo maquiavélico, maior, por trás de todo esse circo que estamos enfrentando.
    Por tudo isso, temos que vencer!

    Essa greve é um divisor de águas para o PJU...O que vejo e NUNCA tinha visto antes em meus 20 anos de PJU são os rostos de desânimo, desalento e, principalmente ARREPENDIMENTO de muuuitos colegas que abdicaram de seguir outras carreiras para investirem seu intelecto por aqui...

    São colegas de uma capacidade gerencial, intelectual e humana incríveis, de botar no chinelo qualquer togado, e que se arrependem amargamente...

    SÓ A DERRUBADA DO VETO SALVA ESTE PJU....

    também sou filho de juiz. há trinta anos passei no concurso para trabalhar na famigerada justiça do trabalho. quando entrei, não tinha dinheiro para comprar comida decente para minha mulher e meu filho. minha mãe "magistrada"  ia escondida ao supermercado comigo, enchia meu carrinho...aos poucos, foi se estabelecendo uma relação doentia com a "justiça", "mãe juíza", "esposa insatisfeita", "privilégios injustificáveis", etc, etc. isso tudo quase destruiu minha vida...grande m...essa doutrinação de juízes dedicados, que trabalham à noite, fazendo justiça...eu que eu vi com meus olhos que a terra há de comer é muita putaria, nessa justiça que é uma grande prostituta.

    Amigo, confusão demais em poucas linhas!

    Calma, assim o corpo não aguenta!
    sergio caldas
    sergio caldas
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : analista judiciário
    Mensagens : 1238
    Reputação : 29
    Data de inscrição : 29/11/2010
    Localização : são paulo

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por sergio caldas em Sex 04 Set 2015, 9:16 am

    BLACK SOUL escreveu:
    sergio caldas escreveu:
    AnalistaJE escreveu:
    DJANGO escreveu:

    É o que a todos nós preocupa, colega.
    Estamos também decepcionados pela opção de minar o Judiciário, porque a cúpula já está contaminada. Basta olharmos o que estão fazendo conosco.
    Está entre os pilares da nossa resistência como a manutenção da carreira, a nossa dignidade e a salvação do próprio Judiciário.
    Sua análise deixa transparecer a mesma angústia que sentimos: a quem interessa um Judiciário enfraquecido, com servidores desmotivados e improdutivos?
    Há algo maquiavélico, maior, por trás de todo esse circo que estamos enfrentando.
    Por tudo isso, temos que vencer!

    Essa greve é um divisor de águas para o PJU...O que vejo e NUNCA tinha visto antes em meus 20 anos de PJU são os rostos de desânimo, desalento e, principalmente ARREPENDIMENTO de muuuitos colegas que abdicaram de seguir outras carreiras para investirem seu intelecto por aqui...

    São colegas de uma capacidade gerencial, intelectual e humana incríveis, de botar no chinelo qualquer togado, e que se arrependem amargamente...

    SÓ A DERRUBADA DO VETO SALVA ESTE PJU....

    também sou filho de juiz. há trinta anos passei no concurso para trabalhar na famigerada justiça do trabalho. quando entrei, não tinha dinheiro para comprar comida decente para minha mulher e meu filho. minha mãe "magistrada"  ia escondida ao supermercado comigo, enchia meu carrinho...aos poucos, foi se estabelecendo uma relação doentia com a "justiça", "mãe juíza", "esposa insatisfeita", "privilégios injustificáveis", etc, etc. isso tudo quase destruiu minha vida...grande m...essa doutrinação de juízes dedicados, que trabalham à noite, fazendo justiça...eu que eu vi com meus olhos que a terra há de comer é muita putaria, nessa justiça que é uma grande prostituta.

    Amigo, confusão demais em poucas linhas!

    Calma, assim o corpo não aguenta!

    por isso estou fazendo regime, indo para academia, etc, etc...já perdi oito quilos e melhorei meu desempenho sexual
    petrolino
    petrolino
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 40
    Reputação : 13
    Data de inscrição : 07/11/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por petrolino em Sex 04 Set 2015, 9:20 am

    Parece q o governo vai oferecer uma "nova" proposta p/ os SPFs (na vdd é a mesma, só q diminuiram p/ 2 anos):

    Governo cede e Planejamento sinaliza percentual de 10,8% para servidores num prazo de 2 anos

    "O Ministerio do Planejamento convocou uma reunião com a Condsef no final da tarde desta quinta-feira e informou ser possível negociar um percentual de 10,8% em um prazo de 2 anos (2016-2017)."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    Solange4
    Solange4
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1129
    Reputação : 108
    Data de inscrição : 03/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Solange4 em Sex 04 Set 2015, 9:29 am

    Portaria Nº 1310821, DE 02 DE setembro DE 2015.
    PORTARIA Nº 112/2015-DSUJ/DOURADOS DE 02 DE SETEMBRO DE 2015
    Dispõe sobre procedimentos a serem adotados durante a greve dos servidores na Subseção Judiciária de Dourados, e dá outras providências.
    O Doutor LEANDRO ANDRÉ TAMURA, MM. Juiz Federal, Vice-Diretor do Fórum da 2ª Subseção Judiciária de Mato Grosso do Sul/Dourados, no exercício da titularidade, no uso de suas atribuições legais e regulamentares, e,
    CONSIDERANDO o movimento grevista dos servidores desta Subseção Judiciária, em prol da aprovação do PLC 28/2015, iniciado em 26/06/2015, conforme oficio de doc. nº 1170890, Processo SEI nº 0001946-13.2015.4.03.8002;
    CONSIDERANDO que a Justiça Federal presta serviços essenciais à população, e que a análise de cada caso concreto envolvendo greve deve ser ponderada com vistas a preservar o máximo da atividade pública;
    CONSIDERANDO que a paralisação por longo período vem ocasionando danos aos jurisdicionados e
    funcionamento precário desta Subseção Judiciária;
    CONSIDERANDO a responsabilidade de manutenção de serviços essenciais e o que dispõe a Lei 7.783/89, que regula o exercício do direito de greve, aplicável também aos servidores públicos, conforme decidido pelo Supremo Tribunal Federal no julgamento do Mandado de Injunção n.º 708;
    CONSIDERANDO que os Oficiais de Justiça Avaliadores Federais preencheram regularmente suas folhas de frequências nos meses de junho a agosto, sem que tenha constado que qualquer deles tenha aderido ao movimento paredista, bem assim, que o supervisor do referido Setor, que se encontra em greve, tem recebido somente os mandados em que se determina a prática de ato, que a seu critério, seja urgente;
    CONSIDERANDO o razoável número de servidores que trabalham no Setor Administrativo e que não aderiram integralmente ao movimento grevista, e o dever da Administração de propiciar a regular prestação de serviços, de acordo com a força de trabalho disponível;
    CONSIDERANDO que cabe à liderança do movimento grevista o encaminhamento de listagem de servidores que permanecerão em greve;
    RESOLVE :
    Art. 1º. DETERMINAR a recepção pela Central de Mandados de todos os mandados encaminhados pelas Varas Federais para cumprimento, cabendo ao Oficial de Justiça Avaliador Federal plantonista, excepcionalmente, efetuar o seu regular recebimento, bem como promover o encaminhamento de todos os mandados cumpridos que se encontram no Setor;
    Art. 2º DETERMINAR a imediata retomada dos serviços de protocolo e distribuição;
    Art. 3º DETERMINAR à Diretora do Núcleo de Apoio Regional que diligencie e obtenha cópia da listagem de participação na greve assinada pelos servidores;
    Art. 4º DETERMINAR que o Setor Protocolo encaminhe às Varas Federais todas as petições já protocoladas, bem assim as recebidas através de qualquer meio, devendo, neste último caso, proceder ao imediato protocolo, com a consequente certificação da data do recebimento;
    Art. 5º. DETERMINAR que a Diretora do Núcleo de Apoio Regional organize e distribua o trabalho aos
    servidores que não aderiram a greve, para que o Setor de Protocolo e Distribuição tenha o seu funcionamento normalizado, bem como realize o recebimento de correspondências e malotes;
    Art. 6º DETERMINAR que novas adesões ao movimento da greve, ou ainda, a majoração de horas, sejam precedidas de comunicação à Diretora do Núcleo de Apoio Regional, antes do término do expediente do dia anterior à realização da referida paralisação, com a finalidade de se aferir a força de trabalho disponível para sua organização e distribuição.
    PUBLIQUE-SE. REGISTRE-SE. CUMPRA-SE.
    Rodssss
    Rodssss
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 813
    Reputação : 99
    Data de inscrição : 27/03/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Rodssss em Sex 04 Set 2015, 9:30 am

    Cara esses trolha não cedem nem um mm, por isso ta do jeito que ta.
    PCS-JA
    PCS-JA
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2284
    Reputação : 134
    Data de inscrição : 15/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por PCS-JA em Sex 04 Set 2015, 9:37 am

    petrolino escreveu:Parece q o governo vai oferecer uma "nova" proposta p/ os SPFs (na vdd é a mesma, só q diminuiram p/ 2 anos):

    Governo cede e Planejamento sinaliza percentual de 10,8% para servidores num prazo de 2 anos

    "O Ministerio do Planejamento convocou uma reunião com a Condsef no final da tarde desta quinta-feira e informou ser possível negociar um percentual de 10,8% em um prazo de 2 anos (2016-2017)."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    ________________

    Eles estão APAVORADOS - Temer diz que com está popularidade o Governo CAI:

    "Hoje, realmente o índice é muito baixo. Ninguém vai resistir três anos e meio com esse índice baixo. Muitas vezes, se a economia começar a melhorar, se a classe política colaborar, o índice acaba voltando ao patamar razoável”, afirmou.

    Temer disse ainda que não basta torcer para o índice de popularidade melhorar, é preciso trabalhar para isso. “O que nós precisamos não é torcer, é trabalhar para que nós possamos estabilizar essas relações. Se continuar assim, eu vou dizer a você, para continuar 7%, 8% de popularidade, de fato fica difícil passar três anos e meio".

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    PCS-JA
    PCS-JA
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2284
    Reputação : 134
    Data de inscrição : 15/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por PCS-JA em Sex 04 Set 2015, 9:42 am

    petrolino escreveu:Parece q o governo vai oferecer uma "nova" proposta p/ os SPFs (na vdd é a mesma, só q diminuiram p/ 2 anos):

    Governo cede e Planejamento sinaliza percentual de 10,8% para servidores num prazo de 2 anos

    "O Ministerio do Planejamento convocou uma reunião com a Condsef no final da tarde desta quinta-feira e informou ser possível negociar um percentual de 10,8% em um prazo de 2 anos (2016-2017)."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    ______________

    Já que o Governo Dilmônica quer Acordo:

    - Governo deveria CEDER também para os Servidores do Judiciário e aceitar o PLC 28, com vetos dos dois primeiros incisos e implantação a partir de julho de 2016 ou

    - Oferecer reposição em dois anos (2016-2017), com 10,8% (ou 12%) em 2016 e 10,8% (ou 13%) em 2017, já que prometeu o tal de "plus", para nossa catiguria.
    Ai fechavamos a conta e passavamos a régua.

    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado em Sex 04 Set 2015, 9:47 am

    PCS-JA escreveu:
    petrolino escreveu:Parece q o governo vai oferecer uma "nova" proposta p/ os SPFs (na vdd é a mesma, só q diminuiram p/ 2 anos):

    Governo cede e Planejamento sinaliza percentual de 10,8% para servidores num prazo de 2 anos

    "O Ministerio do Planejamento convocou uma reunião com a Condsef no final da tarde desta quinta-feira e informou ser possível negociar um percentual de 10,8% em um prazo de 2 anos (2016-2017)."

    http://servidorpblicofederal.blogspot.com.br/2015/09/governo-cede-e-planejamento-sinaliza.html

    ______________

    Já que o Governo Dilmônica quer Acordo:

    - Governo deveria CEDER também para os Servidores do Judiciário e aceitar o PLC 28, com vetos dos dois primeiros incisos e implantação a partir de julho de 2016 ou

    - Oferecer reposição em dois anos (2016-2017), com 10,8% (ou 12%) em 2016 e 10,8% (ou 13%) em 2017, já que prometeu o tal de "plus", para nossa catiguria.
    Ai fechavamos a conta e passavamos a régua.


    PAPI LEWANDO, aquele denunciado à OIT por maus-tratos aos filhos, já disse, questionado nesse sentido pelo Sen. Gurgacz, na famigerada reunião que "não tem acordo com a catiguria";; Ao que o Sen. respondeu: Então, Excelência, o veto vai cair!"
    Savissimo
    Savissimo
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 526
    Reputação : 552
    Data de inscrição : 18/11/2013

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Savissimo em Sex 04 Set 2015, 9:50 am

    sergio caldas escreveu:
    AnalistaJE escreveu:
    DJANGO escreveu:
    Inquietude escreveu:Sou filha de Juiz.
    Lembro-me de meu pai passando madrugadas debruçado sobre pilhas de processos. Redigindo, a mão, após noites mal dormidas, sentenças cuidadosamente lapidadas, segundo as provas e razões das partes.
    Lembro-me das crises de consciência, quando ainda Juiz de remota Comarca do interior, meu pai relutava em aceitar o presente de uma galinha, ou de uma pequena leitoa de pessoas gratas. Lembro-me de que ele, na ponderação entre o que poderia significar suborno ou ação desprovida de má-fé, discernia entre a possibilidade de aceitar um presente ou recusá-lo; obrigando-se, contudo, a, na primeira oportunidade, retribuir o gesto, a fim de que não restasse prejudicada, de qualquer forma, sua imparcialidade e independência no julgamento de qualquer causa.
    Foi com essa visão da Magistratura que assumi um cargo na Justiça Federal. Que choque de realidade!
    Ainda que existam magistrados dignos, o dia a dia da magistratura já não permite que Juízes debrucem-se sobre processos. É necessário delegar.
    Hoje, o ofício jurisdicional não é possível sem o auxílio de todos os servidores que, como longa manus do juízes, analisam e, como juízes de fato, minutam sentenças. Com sorte, estas minutas serão lidas pelos magistrados antes de assinadas. Infelizmente, nem sempre isto ocorre.
    Pergunte-me, qual a razão destas ponderações? Respondo-lhe: - A sociedade ainda não se deu conta de que, ao não valorizar adequadamente o trabalho desenvolvido pelos servidores do Judiciário, corre o risco de ver o mais completo emperramento da Justiça. Somos nós que, mal ou bem, ainda tornamos minimante possível o exercício jurisdicional neste País.
    A sociedade deve fazer uma opção e o momento é agora.

    É o que a todos nós preocupa, colega.
    Estamos também decepcionados pela opção de minar o Judiciário, porque a cúpula já está contaminada. Basta olharmos o que estão fazendo conosco.
    Está entre os pilares da nossa resistência como a manutenção da carreira, a nossa dignidade e a salvação do próprio Judiciário.
    Sua análise deixa transparecer a mesma angústia que sentimos: a quem interessa um Judiciário enfraquecido, com servidores desmotivados e improdutivos?
    Há algo maquiavélico, maior, por trás de todo esse circo que estamos enfrentando.
    Por tudo isso, temos que vencer!

    Essa greve é um divisor de águas para o PJU...O que vejo e NUNCA tinha visto antes em meus 20 anos de PJU são os rostos de desânimo, desalento e, principalmente ARREPENDIMENTO de muuuitos colegas que abdicaram de seguir outras carreiras para investirem seu intelecto por aqui...

    São colegas de uma capacidade gerencial, intelectual e humana incríveis, de botar no chinelo qualquer togado, e que se arrependem amargamente...

    SÓ A DERRUBADA DO VETO SALVA ESTE PJU....

    também sou filho de juiz. há trinta anos passei no concurso para trabalhar na famigerada justiça do trabalho. quando entrei, não tinha dinheiro para comprar comida decente para minha mulher e meu filho. minha mãe "magistrada"  ia escondida ao supermercado comigo, enchia meu carrinho...aos poucos, foi se estabelecendo uma relação doentia com a "justiça", "mãe juíza", "esposa insatisfeita", "privilégios injustificáveis", etc, etc. isso tudo quase destruiu minha vida...grande m...essa doutrinação de juízes dedicados, que trabalham à noite, fazendo justiça...eu que eu vi com meus olhos que a terra há de comer é muita putaria, nessa justiça que é uma grande prostituta.

    like
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado em Sex 04 Set 2015, 9:51 am

    BLACK SOUL escreveu:
    DJANGO escreveu:Estou indo à assembleia aqui no RS, e gostaria de ficar conectado ao fórum.

    Alguém me informa se existe algum aplicativo do forum PCSJá para smartfone??

    Sim, você abre o web browser no seu smartphone, digite www.pcsja.org, faz login e corre para o abraço!

    Valeu,amigo!!
    PCS-JA
    PCS-JA
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2284
    Reputação : 134
    Data de inscrição : 15/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por PCS-JA em Sex 04 Set 2015, 9:52 am

    pntarj escreveu:
    16Toneladas escreveu:Temos que sentar e pensar com calma. Nessa viagem do Renan pra China, quantos Senadores perderemos? Três? O importante não são os contrários, são os a nosso favor. 3 votos podem fazer a diferença. Se o pessoal que estiver em Brasília achar que temos alguma folga, há de se verificar o quórum no dia e ver o que se faz.

    Talvez, os sindicatos possam oficiar aos senadores que nos apoiam para que permaneçam aqui para derrubar o veto, o que pelo menos posterguem a viagem (sei que é difícil, mas não custa tentar). Apenas dizendo algo que passou pela cabeça.

    Sobre a greve, ficarei enquanto for preciso, pois pelo visto no julgamento do STF, essa será a última greve que poderemos fazer. Depois será regime de escravidão. Ou se arranca algo agora ou ficaremos no lixo pra sempre. E vejam como será longo os tempo em que os petistas do STF permanecerão em suas cadeiras.

    Com todo o respeito aos demais, mas este post acima é o mais lucido do dia. Teremos dia 22 três desfalques IMPORTANTÍSSIMOS no Senado para ajudarem na derrubada do veto. ESTAMOS NO LIMITE DE AMIGOS SENADORES E NÃO PODEMOS PERDER NENHUM, QUANTO MAIS TRÊS.

    Somente 38 deram presença ontem e nem todos são amigos do jud (por exemplo RENAN CALHEIROS (sim, ele deu presença) e os três que viajarão para a china ESTAVAM LÁ (CASSIO, FLEXA E ANASTASIA). Ou seja, corremos o risco de chegar no dia 22 e TERMOS QUORUM MAS NÃO TERMOS NUMERO PARA A DERRUBADA E AÍ TUDO SE ACABA.

    Sinceramente, é MUITO ARRISCADA ESSA SESSÃO DO DIA 22. MUITO ARRISCADA.


    ____________
    Pessoal, vamos encher a caixa e e-mais facebook deste três senadores (Cássio, Flexa e Anastasia), para não irem para a CHINA, pois contamos e precisamos muitooooo deles no dia 22 de setembro para:

    DERRUBADA DO VETO.
    PCS-JA
    PCS-JA
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2284
    Reputação : 134
    Data de inscrição : 15/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por PCS-JA em Sex 04 Set 2015, 9:55 am

    DJANGO escreveu:
    PCS-JA escreveu:
    petrolino escreveu:Parece q o governo vai oferecer uma "nova" proposta p/ os SPFs (na vdd é a mesma, só q diminuiram p/ 2 anos):

    Governo cede e Planejamento sinaliza percentual de 10,8% para servidores num prazo de 2 anos

    "O Ministerio do Planejamento convocou uma reunião com a Condsef no final da tarde desta quinta-feira e informou ser possível negociar um percentual de 10,8% em um prazo de 2 anos (2016-2017)."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    ______________

    Já que o Governo Dilmônica quer Acordo:

    - Governo deveria CEDER também para os Servidores do Judiciário e aceitar o PLC 28, com vetos dos dois primeiros incisos e implantação a partir de julho de 2016 ou

    - Oferecer reposição em dois anos (2016-2017), com 10,8% (ou 12%) em 2016 e 10,8% (ou 13%) em 2017, já que prometeu o tal de "plus", para nossa catiguria.
    Ai fechavamos a conta e passavamos a régua.


    PAPI LEWANDO, aquele denunciado à OIT por maus-tratos aos filhos, já disse, questionado nesse sentido pelo Sen. Gurgacz, na famigerada reunião que "não tem acordo com a catiguria";; Ao que o Sen. respondeu: Então, Excelência, o veto vai cair!"
    ___________
    DJANGO que o Padrastro não quer a gente sabe, mas tem fato novo a CHEFA dele (a Dilmônia) determinando expressamente ele corre aos prantos e faz o que ela determinar.
    A chefona esta desesperada caindo aos pedaços em popularidade - acentou para os demais federais dois anos - acho que logo deve repensar nossa situação e ao
    LEWANDONOSSODINHEIRO - LEWAJUDAS - LEWACAPETA e etc vai ter que obedecer sob vara.


    JudiciarioNoZero
    JudiciarioNoZero
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 231
    Reputação : 9
    Data de inscrição : 25/04/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por JudiciarioNoZero em Sex 04 Set 2015, 9:56 am

    O ANTA deverá aceitar qualquer acordo agora, seja com o judiciário ou servidores do executivo, seu governo está nos últimos suspiros.
    O problema é que o PMDB deverá assumir a bagaça em breve, e será que manterão algum acordo??? melhor nosso sindicato já abrir conversação com o temer.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado em Sex 04 Set 2015, 9:57 am

    BLACK SOUL escreveu:
    DJANGO escreveu:Estou indo à assembleia aqui no RS, e gostaria de ficar conectado ao fórum.

    Alguém me informa se existe algum aplicativo do forum PCSJá para smartfone??

    Sim, você abre o web browser no seu smartphone, digite www.pcsja.org, faz login e corre para o abraço!

    E utilizar modo de visualização "versão para desktop"
    Ínfimo
    Ínfimo
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 185
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 07/09/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Ínfimo em Sex 04 Set 2015, 10:02 am

    Momento reflexao

    Ilustrações satíricas revelam como líderes mundiais veem a justiça

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Acho que o ilustrador pegou muito leve com o Brasil. Eu diria que a grega e a do Peru ( nao seria turquia?) sao  perfeitas para ilustrar nossos sentimentos e fica a dica para os grevistas porem em cartazes.
    BitaTRE/MG
    BitaTRE/MG
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 102
    Reputação : 13
    Data de inscrição : 27/03/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por BitaTRE/MG em Sex 04 Set 2015, 10:17 am

    Eu acho que valeria a pena o sindicato, o Melqui, etc...procurar Michel Temer. Será que ele sabe que no custo do nosso plano o impacto será diluído em anos? Será que ele sabe que não são 25 bilhões?
    E tem outra. Michel está indo claramente pra oposição!
    Peleador
    Peleador
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Cargo : Técnico TRT
    Mensagens : 107
    Reputação : 24
    Data de inscrição : 28/05/2015
    Localização : Porto Alegre

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Peleador em Sex 04 Set 2015, 10:19 am

    ZOOJAF escreveu:
    Eletrotec escreveu:[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    04 DE SETEMBRO DE 2015

    DILMA PEDE AJUDA A TEMER PARA EVITAR ‘BOMBA’

    Isolada, a presidente Dilma pediu socorro ao vice-presidente Michel Temer, ex-articulador-geral, para barrar a sessão do Congresso que discutiria o veto ao reajuste do Judiciário. Ela já está convencida que a Câmara derrubará o veto. Trata-se de “retaliação” ao governo, que prometeu a liberação de R$ 500 milhões em emendas parlamentares, mas não cumpriu o acordo. Dilma foi categórica: “Não há recursos”

    BOMBEIRO

    O vice Michel Temer interveio no Senado e conseguiu que a sessão de 4ª-feira fosse cancelada. Havia 37 dos 41 senadores necessários.


    Que era coisa da filha do capeta já sabíamos, agora fica mais evidente a mão do mordomo do capiroto tb.
    A posição do comando de greve do MPU está muito boa, especialmente o último item. É preciso engrossar com Renan Calheiros, é muita desfaçatez reunir servidores e prestar compromisso (em AL mês passado) e tramar contra no Congresso.  O Melqui que é tão próximo a ele podia dar uma palavra sobre isso.

    like like like
    The Robin Hood
    The Robin Hood
    Novo Usuário

    Mensagens : 8
    Reputação : -23
    Data de inscrição : 15/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por The Robin Hood em Sex 04 Set 2015, 10:23 am

    SUGESTÃO DE SUBSTITUTIVO:
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8695
    Reputação : 245
    Data de inscrição : 14/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por darkshi em Sex 04 Set 2015, 10:27 am

    Rodssss escreveu:Cara esses trolha não cedem nem um mm, por isso ta do jeito que ta.

    Verdade. Se eles (tanto Dilma, quanto o STF) tivessem negociado o 6613 anos atrás, hj não estariam com 20 mil servidores na frente do Congresso fazendo pressão.

    Mas o que esperar da Anta da Dilma?
    Depois da LDO com deficit a fim de pressionar o congresso a aprovar o retorno da CPMF, nada mais me surpreende vindo dela.
    RICARDO.PONTES
    RICARDO.PONTES
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : Oréia Seca
    Mensagens : 3440
    Reputação : 23
    Data de inscrição : 25/08/2010
    Localização : Brasília - DF

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por RICARDO.PONTES em Sex 04 Set 2015, 10:28 am

    The Robin Hood escreveu:SUGESTÃO DE SUBSTITUTIVO:
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO

    VC É SERVIDOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO?
    arielson
    arielson
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 237
    Reputação : 18
    Data de inscrição : 05/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por arielson em Sex 04 Set 2015, 10:33 am

    Regimento Comum do Congresso Nacional

    Artigo 666. O presidente do Congresso Nacional, por mando do chefe do poder executivo, encerrará arbitrariamente a seção que está em andamento ou a se formar independente de qualquer norma jurídica ou constitucional. Não cabendo qualquer recurso pela parte prejudica. Sendo à esta concedido somente o jus experniandi.
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por jgpg em Sex 04 Set 2015, 10:43 am

    Em reunião com a DENC e servidores do MPU e do CNMP, na última quarta-feira (03/09), o Deputado Áureo (SD/RJ) alertou sobre a possibilidade do Governo trabalhar pela aprovação do substitutivo, contra a categoria. Ele sugeriu que os servidores persistam no trabalho de convencimento junto às lideranças partidárias e permaneçam firmes na pressão sobre o Congresso Nacional.
    O Governo Federal está no seu limite, pois ciente do risco que corre em ver derrubado o veto do PLC do judiciário, no Congresso Nacional, tem manobrado para evitar a sua votação e está tentando impor aos servidores do MPU e do CNMP um substitutivo totalmente insuficiente para atender as demandas da categoria.
    A administração traiu a confiança de seus servidores quando encaminhou um substitutivo que não foi discutido e acordado com a carreira.
    A situação é mesmo muito delicada e exige dos servidores total engajamento e união. O Governo de um lado exigindo corte de despesas, do outro lado, a Administração que não honrou com seu compromisso.
    Todos precisam se mobilizar, pois estamos lutando por dignidade, por respeito, por melhores condições de trabalho, por salário digno, por nossas famílias, por nossos filhos.Nenhum ser humano pode se privar de suas necessidades primordiais. As perdas inflacionárias acumuladas ao longo dos anos interferem no dia a dia dos servidores. Com a inflação em alta, o poder de compra é reduzido e a carreira, que um dia foi umas das mais cobiçadas, já não é mais atrativa. Esse quadro tem que mudar e para que isso aconteça tem que haver a união da categoria.
    A luta é por respeito, dignidade, valorização, melhores condições de trabalho e um Ministério Público forte, com servidores satisfeitos e reconhecidos como parte importante e fundamental para o funcionamento do órgão. Vamos a luta!
    O SINASEMPU somos todos nós!
    AnalistaTrabalhista
    AnalistaTrabalhista
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 1394
    Reputação : 81
    Data de inscrição : 01/06/2015
    Localização : São Paulo

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por AnalistaTrabalhista em Sex 04 Set 2015, 10:44 am

    The Robin Hood escreveu:SUGESTÃO DE SUBSTITUTIVO:
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO
    SUGESTÃO

    eita!
    Copiou a justificativa do PL dos magistrados. É justo, porém é uma utopia acreditar que vão nos pagar 36% à vista, ainda que tudo em cima da GAJ e com absorção dos 13%.
    Korgano Masaka
    Korgano Masaka
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : Técnico do MPU
    Mensagens : 1636
    Reputação : 73
    Data de inscrição : 29/07/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Korgano Masaka em Sex 04 Set 2015, 10:55 am

    PCS-JA escreveu:
    petrolino escreveu:Parece q o governo vai oferecer uma "nova" proposta p/ os SPFs (na vdd é a mesma, só q diminuiram p/ 2 anos):

    Governo cede e Planejamento sinaliza percentual de 10,8% para servidores num prazo de 2 anos

    "O Ministerio do Planejamento convocou uma reunião com a Condsef no final da tarde desta quinta-feira e informou ser possível negociar um percentual de 10,8% em um prazo de 2 anos (2016-2017)."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    ________________

    Eles estão APAVORADOS - Temer diz que com está popularidade o Governo CAI:

    "Hoje, realmente o índice é muito baixo. Ninguém vai resistir três anos e meio com esse índice baixo. Muitas vezes, se a economia começar a melhorar, se a classe política colaborar, o índice acaba voltando ao patamar razoável”, afirmou.

    Temer disse ainda que não basta torcer para o índice de popularidade melhorar, é preciso trabalhar para isso. “O que nós precisamos não é torcer, é trabalhar para que nós possamos estabilizar essas relações. Se continuar assim, eu vou dizer a você, para continuar 7%, 8% de popularidade, de fato fica difícil passar três anos e meio".

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Governo cede aonde? A proposta continua a mesma, só o prazo menor.
    Mestre dos Magos!
    Mestre dos Magos!
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4045
    Reputação : 396
    Data de inscrição : 08/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Mestre dos Magos! em Sex 04 Set 2015, 10:57 am

    arielson escreveu:Regimento Comum do Congresso Nacional

    Artigo 666. O presidente do Congresso Nacional, por mando do chefe do poder executivo, encerrará arbitrariamente a seção que está em andamento ou a se formar independente de qualquer norma jurídica ou constitucional. Não cabendo qualquer recurso pela parte prejudica. Sendo à esta concedido somente o jus experniandi.

    Sugestão de emenda.

    Art. 666. O presidente do Congresso Nacional,  a mando do Chefe do Poder Executivo, ao perceber que a sessão será instalada à revelia  da Chefia, poderá, de ofício e sem aviso prévio, encerrá-lá imediatamente, ainda que haja oradores na tribuna e/ou inscritos.

    Parágrafo único: A medida não está sujeita a qualquer tipo de recurso, seja na via judicial ou administrativa. Entretanto, desde que respeitosamenre e com parcimônia, poderá o reclamante utilizar-se do jus experniandi.
    AnalistaJE
    AnalistaJE
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 730
    Reputação : 9
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por AnalistaJE em Sex 04 Set 2015, 11:00 am

    Galera, segue uma dica aonde vai parar o ajuste fiscal do governo...quebra sempre no galho fraco (leia-se servidor):

    A PRESIDENTA DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 62 da Constituição, adota a seguinte Medida Provisória, com força de lei:

    Art. 1º A Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990, passa a vigorar com as seguintes alterações:



    “Art. 183. .....................................................................

    .............................................................................................

    § 3º Será assegurada ao servidor licenciado ou afastado sem remuneração a manutenção da vinculação ao regime do Plano de Seguridade Social do Servidor Público, mediante o recolhimento mensal da contribuição própria, no mesmo percentual devido pelos servidores em atividade, acrescida do valor equivalente à contribuição da União, suas autarquias ou fundações, incidente sobre a remuneração total do cargo a que faz jus no exercício de suas atribuições, computando-se, para esse efeito, inclusive, as vantagens pessoais.

    ...................................................................................” (NR)

    Art. 2o Fica revogado o § 2º do art. 183 da Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990.

    Art. 3o Esta Medida Provisória entra em vigor na data de sua publicação, produzindo efeitos a partir do primeiro dia do quarto mês subsequente ao de sua publicação.

    Brasília, 31 de agosto de 2015; 194o da Independência e 127o da República.

    DILMA ROUSSEFF

    Nelson Barbosa


    Ou seja, o servidor licenciado vai ter de contribuir arcando com o custo previdenciário da União (patronal)...Raspas e restos me interessam....E o servidor óóóóó...
    avatar
    JBTécnico
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 115
    Reputação : -1
    Data de inscrição : 06/08/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por JBTécnico em Sex 04 Set 2015, 11:01 am

    Entre alguns vetos que constam para votações, o nosso tem impacto muito inferior a outros, fator previdenciário, correção da aposentadorias, etc... sendo o nosso impopular, ele é usado como boi de piranha, é o que penso. Provavelmente caiam estes outros vetos também, e não é interesse do PMDB, partido que governará em caso de afastamento da presidente por qualquer motivo, que estes vetos bombas caiam. É o que estou interpretando do vídeo em que o Renan se manifesta sobre acordos que estão sendo tratados. A derrubada do nosso veto é questão institucional, inclusive manifestada pelos ministros do TST e STJ e desembargadores pelo Brasil afora, precisaríamos mais apoio dos juízes e juízas, pois eles são a linha de base da instituição.
    arielson
    arielson
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 237
    Reputação : 18
    Data de inscrição : 05/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por arielson em Sex 04 Set 2015, 11:08 am

    Mestre dos Magos! escreveu:
    arielson escreveu:Regimento Comum do Congresso Nacional

    Artigo 666. O presidente do Congresso Nacional, por mando do chefe do poder executivo, encerrará arbitrariamente a seção que está em andamento ou a se formar independente de qualquer norma jurídica ou constitucional. Não cabendo qualquer recurso pela parte prejudica. Sendo à esta concedido somente o jus experniandi.

    Sugestão de emenda.

    Art. 666. O presidente do Congresso Nacional,  a mando do Chefe do Poder Executivo, ao perceber que a sessão será instalada à revelia  da Chefia, poderá, de ofício e sem aviso prévio, encerrá-lá imediatamente, ainda que haja oradores na tribuna e/ou inscritos.

    Parágrafo único: A medida não está sujeita a qualquer tipo de recurso, seja na via judicial ou administrativa. Entretanto, desde que respeitosamenre e com parcimônia, poderá o reclamante utilizar-se do jus experniandi.


    emenda aceita.
    alecspe
    alecspe
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1532
    Reputação : 53
    Data de inscrição : 07/11/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por alecspe em Sex 04 Set 2015, 11:11 am

    The Robin Hood escreveu:SUGESTÃO DE SUBSTITUTIVO:



    CARA DESISTA, POR FAVOR!!!!!
    avatar
    ldmelo
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 758
    Reputação : 14
    Data de inscrição : 07/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por ldmelo em Sex 04 Set 2015, 11:11 am

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

    Conteúdo patrocinado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter 17 Set 2019, 6:26 am