PCS JÁ



    PCS - PL 2648/2015

    Denovo??
    Denovo??
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2139
    Reputação : 185
    Data de inscrição : 23/10/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Denovo?? em Qua 16 Dez - 8:51

    Agora vejam como é engraçado.
    O que é melhor para o governo?
    Aprovar o pl leite ou o zero?
    Óbvio que é o zero!
    Aí  surgem os zerista e duzem: "só aceito o pl com emendas que o equiparem ao plc 28.
    Aí o governo pensa  e diz: "genial!! Esses trouxas vão passar meses nessa enrolação e nós protelamos o aumento deles para agosto, igual aos demais servidores! !
    Aí  a turma dos zeristas vem e diz: "olha ai  o pl é um engodo! !
    Kkkkk
    Só na mente louca dos socialistas do pstu que o governo está DESESPERADO  para aprovar este aumento  e "engessar " esta nossa PODEROSA categoria, capaz de parar o país! !
    O governo está adorando este debate. Quem diria que,hj, os maiores aliados do governo são da conlutas.


    Última edição por Denovo?? em Qua 16 Dez - 8:53, editado 1 vez(es)
    Denise
    Denise
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 296
    Reputação : 37
    Data de inscrição : 20/06/2015

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Denise em Qua 16 Dez - 8:52

    DJANGO escreveu:
    Denise escreveu:
    Denovo?? escreveu:Kkkkk meu deus!!!
    Que triste ocaso do mestre dos maçons, digo, dis magos, e seus infindáveis enigmas  kkk
    Quero dele a prova da devolução do aumento quando sair. Só isso!!!
    No mais, PELO AMOR DE DEUS, parem de responder ao Vander.
    Ele é  desequilibrado,  TODO mundo sabe disso


    Del Piero escreveu:

    Por que ele não tem nada pra falar, só encher linguiça mesmo; é simples.


    Galera,
    Desculpa aí, mas todo mundo estressado, pegando pra K7 no pé do Mestre dos Magos,
    esse carinha tem todo o meu respeito porque foi lá defender o que acredita e em nome de
    muitos que não puderam ir,

    Sei lá, teve gente que morreu no meio disso tudo,
    o mínimo é respeitar o cara né não ??

    No mais, o cara é sutil, só pensar um pouquinho né?
    Não fica floodando, dá a dica e deixa o povo pensar, na paz,
    será que vai ter que desenhar????  KKKKK

    De boa, cada um com sua convicção, o cara fez a parte dele, assim como muitos,
    enquanto outros nada fizeram, nem pelo sim, nem pelo não, só cornetando quem faz...


    Concordo totalmente, Denise.
    Além do mais, somos todos colegas, e alguns estão praticando verdadeiro canibalismo com colegas que, com a maior dignidade foram pra luta, se quebraram - como todos - e agora ainda têm que aguentar a corneta maliciosa de colegas que parece que vivem de defenestrar seus semelhantes.
    Por isso que estamos nessa mer-da, já falei trocentas vezes e não canso de repetir.
    Rodssss
    Rodssss
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 813
    Reputação : 99
    Data de inscrição : 27/03/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Rodssss em Qua 16 Dez - 8:53

    Del Piero escreveu:
    subsidioja_ escreveu:
    diegowfcp escreveu:
    Brasília Amarela escreveu:

    Que venha algo. 2009 foi uma lição dura, e parece que muitos não aprenderam.


    A categoria só se curara da síndrome de chiquinho scarpa, quando, em 2025, um analista estiver ganhando igual a um soldado da PM. Aí os delirantes e os "não foi por 50 centavos!!" vão rastejando implorar reajuste de 5% ao governo pmdbista da situação.

    A poha do projeto que estão recusando levará a carreira de analista a 21 mil reais de final brutos já com auxílio alimentação!

    Tiraremos uma boa diferença para as carreiras análogas. Hoje, a diferença é bem maior!

    Mas não!!!
    Vmos pedir pra dividir o prazo, pra diminuir o percentual! PQP!!


    Vão ser BURROS ASSIM lá longe e maluco lá na área do Vander!
    Carvalho!

    Os magistrados vão ganhar 5% ano que vem.

    Será que tem juiz pedindo pro Lewa arquivar o PL deles?

    Onde você leu isso meu caro a emenda ao projeto dos togados simplesmente parcela o aumento de 16% deles em 2x uma em janeiro e outra em março.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2773
    Reputação : 638
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Morena em Qua 16 Dez - 8:54

    Denise escreveu:
    DJANGO escreveu:
    Denise escreveu:
    Denovo?? escreveu:Kkkkk meu deus!!!
    Que triste ocaso do mestre dos maçons, digo, dis magos, e seus infindáveis enigmas  kkk
    Quero dele a prova da devolução do aumento quando sair. Só isso!!!
    No mais, PELO AMOR DE DEUS, parem de responder ao Vander.
    Ele é  desequilibrado,  TODO mundo sabe disso





    Galera,
    Desculpa aí, mas todo mundo estressado, pegando pra K7 no pé do Mestre dos Magos,
    esse carinha tem todo o meu respeito porque foi lá defender o que acredita e em nome de
    muitos que não puderam ir,

    Sei lá, teve gente que morreu no meio disso tudo,
    o mínimo é respeitar o cara né não ??

    No mais, o cara é sutil, só pensar um pouquinho né?
    Não fica floodando, dá a dica e deixa o povo pensar, na paz,
    será que vai ter que desenhar????  KKKKK

    De boa, cada um com sua convicção, o cara fez a parte dele, assim como muitos,
    enquanto outros nada fizeram, nem pelo sim, nem pelo não, só cornetando quem faz...


    Concordo totalmente, Denise.
    Além do mais, somos todos colegas, e alguns estão praticando verdadeiro canibalismo com colegas que, com a maior dignidade foram pra luta, se quebraram - como todos - e agora ainda têm que aguentar a corneta maliciosa de colegas que parece que vivem de defenestrar seus semelhantes.
    Por isso que estamos nessa mer-da, já falei trocentas vezes e não canso de repetir.
    SADACA
    SADACA
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Cargo : ANALISTA JUDICIÁRIO
    Mensagens : 497
    Reputação : 30
    Data de inscrição : 04/04/2011

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por SADACA em Qua 16 Dez - 8:55

    DJANGO escreveu:
    Denise escreveu:
    Denovo?? escreveu:Kkkkk meu deus!!!
    Que triste ocaso do mestre dos maçons, digo, dis magos, e seus infindáveis enigmas  kkk
    Quero dele a prova da devolução do aumento quando sair. Só isso!!!
    No mais, PELO AMOR DE DEUS, parem de responder ao Vander.
    Ele é  desequilibrado,  TODO mundo sabe disso


    Del Piero escreveu:

    Por que ele não tem nada pra falar, só encher linguiça mesmo; é simples.


    Galera,
    Desculpa aí, mas todo mundo estressado, pegando pra K7 no pé do Mestre dos Magos,
    esse carinha tem todo o meu respeito porque foi lá defender o que acredita e em nome de
    muitos que não puderam ir,

    Sei lá, teve gente que morreu no meio disso tudo,
    o mínimo é respeitar o cara né não ??

    No mais, o cara é sutil, só pensar um pouquinho né?
    Não fica floodando, dá a dica e deixa o povo pensar, na paz,
    será que vai ter que desenhar????  KKKKK

    De boa, cada um com sua convicção, o cara fez a parte dele, assim como muitos,
    enquanto outros nada fizeram, nem pelo sim, nem pelo não, só cornetando quem faz...


    Concordo totalmente, Denise.
    Além do mais, somos todos colegas, e alguns estão praticando verdadeiro canibalismo com colegas que, com a maior dignidade foram pra luta, se quebraram - como todos - e agora ainda têm que aguentar a corneta maliciosa de colegas que parece que vivem de defenestrar seus semelhantes.
    Por isso que estamos nessa mer-da, já falei trocentas vezes e não canso de repetir.

    A maior covardia não é não lutar, é não lutar e criticar os que lutam.
    Denovo??
    Denovo??
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2139
    Reputação : 185
    Data de inscrição : 23/10/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Denovo?? em Qua 16 Dez - 8:55

    É bem legal tirar sarro de quem precisa de aumento com ironias "sutis". Só espero a devolução do aumento. Só isso.


    Denise escreveu:
    DJANGO escreveu:
    Denise escreveu:
    Denovo?? escreveu:Kkkkk meu deus!!!
    Que triste ocaso do mestre dos maçons, digo, dis magos, e seus infindáveis enigmas  kkk
    Quero dele a prova da devolução do aumento quando sair. Só isso!!!
    No mais, PELO AMOR DE DEUS, parem de responder ao Vander.
    Ele é  desequilibrado,  TODO mundo sabe disso





    Galera,
    Desculpa aí, mas todo mundo estressado, pegando pra K7 no pé do Mestre dos Magos,
    esse carinha tem todo o meu respeito porque foi lá defender o que acredita e em nome de
    muitos que não puderam ir,

    Sei lá, teve gente que morreu no meio disso tudo,
    o mínimo é respeitar o cara né não ??

    No mais, o cara é sutil, só pensar um pouquinho né?
    Não fica floodando, dá a dica e deixa o povo pensar, na paz,
    será que vai ter que desenhar????  KKKKK

    De boa, cada um com sua convicção, o cara fez a parte dele, assim como muitos,
    enquanto outros nada fizeram, nem pelo sim, nem pelo não, só cornetando quem faz...


    Concordo totalmente, Denise.
    Além do mais, somos todos colegas, e alguns estão praticando verdadeiro canibalismo com colegas que, com a maior dignidade foram pra luta, se quebraram - como todos - e agora ainda têm que aguentar a corneta maliciosa de colegas que parece que vivem de defenestrar seus semelhantes.
    Por isso que estamos nessa mer-da, já falei trocentas vezes e não canso de repetir.
    Maurício
    Maurício
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 291
    Reputação : 29
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Maurício em Qua 16 Dez - 8:57

    Vander, vá se lascar!

    -25 pontos na minha barra e um dia de banimento por mandar o Vander se lascar.
    Denovo??
    Denovo??
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2139
    Reputação : 185
    Data de inscrição : 23/10/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Denovo?? em Qua 16 Dez - 8:58

    Maurício me inclua nessa. Preciso de um tempo fora disso aqui.
    Vander, vá à -----!


    Maurício escreveu:Vander, vá se lascar!

    -25 pontos na minha barra e um dia de banimento por mandar o Vander se lascar.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Convidado em Qua 16 Dez - 8:59

    Todos precisamos de aumento.
    O que está sendo falado aqui no fórum já passa dessa questão, há tempos.
    Virou uma palhaçada ideológica, onde tudo é justificativa para críticas e deboches.
    E desrespeito com aqueles que botaram a cara a tapa por aquilo que parecia o mais vantajoso - e, principalmente, justo - para a categoria.
    Não deu. Paciência.
    Só que não sairemos da lama agindo dessa forma primitiva.
    Del Piero
    Del Piero
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 432
    Reputação : 25
    Data de inscrição : 17/12/2014
    Localização : Rio de Janeiro

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Del Piero em Qua 16 Dez - 9:00

    Rodssss escreveu:
    Del Piero escreveu:
    subsidioja_ escreveu:
    diegowfcp escreveu:


    A categoria só se curara da síndrome de chiquinho scarpa, quando, em 2025, um analista estiver ganhando igual a um soldado da PM. Aí os delirantes e os "não foi por 50 centavos!!" vão rastejando implorar reajuste de 5% ao governo pmdbista da situação.

    A poha do projeto que estão recusando levará a carreira de analista a 21 mil reais de final brutos já com auxílio alimentação!

    Tiraremos uma boa diferença para as carreiras análogas. Hoje, a diferença é bem maior!

    Mas não!!!
    Vmos pedir pra dividir o prazo, pra diminuir o percentual! PQP!!


    Vão ser BURROS ASSIM lá longe e maluco lá na área do Vander!
    Carvalho!

    Os magistrados vão ganhar 5% ano que vem.

    Será que tem juiz pedindo pro Lewa arquivar o PL deles?

    Onde você leu isso meu caro a emenda ao projeto dos togados simplesmente parcela o aumento de 16% deles em 2x uma em janeiro e outra em março.

    Ah, gênio, então já está definido que vão ganhar 16% ?
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por jgpg em Qua 16 Dez - 9:08

    Foi apresentado o relatório:

    16/12/2015
    Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público ( CTASP )

    • Apresentação do Parecer do Relator n. 1 CTASP, pelo Deputado Aureo (SD-RJ). Inteiro teor
    • Parecer do Relator, Dep. Aureo (SD-RJ), pela aprovação deste e da Emenda 22/15 da CTASP, com subemenda; e pela rejeição das Emenda 01/15 a 21/15 e 23/15 a 72/15, todas da CTASP. Inteiro teor
    Chuck Coleman
    Chuck Coleman
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1162
    Reputação : 103
    Data de inscrição : 16/04/2015

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Chuck Coleman em Qua 16 Dez - 9:11

    APROVA A BAGAÇA, POIS!
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por jgpg em Qua 16 Dez - 9:12

    Pelo o que li rapidamente é com a redução para seis parcelas.
    avatar
    lfg84
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : TJAA frustrado
    Mensagens : 928
    Reputação : 17
    Data de inscrição : 07/07/2010

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por lfg84 em Qua 16 Dez - 9:13

    jgpg escreveu:Foi apresentado o relatório:

    16/12/2015
    Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público ( CTASP )

    • Apresentação do Parecer do Relator n. 1 CTASP, pelo Deputado Aureo (SD-RJ). Inteiro teor
    • Parecer do Relator, Dep. Aureo (SD-RJ), pela aprovação deste e da Emenda 22/15 da CTASP, com subemenda; e pela rejeição das Emenda 01/15 a 21/15 e 23/15 a 72/15, todas da CTASP. Inteiro teor


    O relatório aprovou apenas uma emenda, a que diminui o parcelamento
    avatar
    SENATUS
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 476
    Reputação : 33
    Data de inscrição : 23/11/2010

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por SENATUS em Qua 16 Dez - 9:15

    lfg84 escreveu:
    jgpg escreveu:Foi apresentado o relatório:

    16/12/2015
    Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público ( CTASP )

    • Apresentação do Parecer do Relator n. 1 CTASP, pelo Deputado Aureo (SD-RJ). Inteiro teor
    • Parecer do Relator, Dep. Aureo (SD-RJ), pela aprovação deste e da Emenda 22/15 da CTASP, com subemenda; e pela rejeição das Emenda 01/15 a 21/15 e 23/15 a 72/15, todas da CTASP. Inteiro teor


    O relatório aprovou apenas uma emenda, a que diminui o parcelamento


    O impacto 2016 continua o mesmo???
    RVMS
    RVMS
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1355
    Reputação : 47
    Data de inscrição : 29/07/2011

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por RVMS em Qua 16 Dez - 9:15

    Não é informação nenhuma, até porque não tenho acesso a bastidor algum, mas tenho a nítida impressão que os relatórios do Dep. Áureo, nos dois PLs, serão pela aprovação do leitinho (original no PJU e substitutivo do Senado no MPU).

    Uma das coisas que me faz ter esse "feeling" é que o Dep., antes do PL 7919/2014 sair de pauta da CTASP, foi visitado pela Administração do MPU, na pessoa do SRI e, talvez, do SG. Lembro-me que o Sen. Raupp alterou seu relatório após visita similar e o substitutivo do Senado foi aprovado de forma relâmpago e inesperada.

    Acaso a sensação esteja errada, creio que os relatórios não serão aprovados e será apresentado relatório avulso (não sei se esse é o termo) por outro Deputado e será aprovado, na CTASP, o leitinho original. A partir daí, vai depender da vontade da PGR e do STF a aprovação de ambos PLs em plenário, em regime de urgência. Se houver atuação das cúpulas, não tem sindicato que segure a aprovação. Pode ser Con ou Sem lutas que não segura.

    A bola está nas mãos do PGR, no nosso caso. Levando em conta que ele não está pagando nem auxílio alimentação pra servidor, não sei se o chefão está muito preocupado conosco. Opa, ainda tem o amigão Lauro...

    OBS: no Grupo do MPU no face foi colocado que Papai Lewando garantiu a aprovação do PL leite original, em discurso proferido no CNJ. Isso confere?
    herval
    herval
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Cargo : técnico
    Mensagens : 458
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 09/07/2010

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por herval em Qua 16 Dez - 9:16

    não passou. mas alguns são caras de pau. tentam e tentam....

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Simetria constitucional

    Auxílio-alimentação concedido a magistrados federais não é cumulativo
    15 de dezembro de 2015, 20h37

    Quando há expressa vedação legal, o administrador não tem o direito de possibilitar o acúmulo de benefícios. Com base nesse entendimento, o Conselho da Justiça Federal negou pedido da Associação dos Juízes Federais do Brasil para revisar a Resolução 175, de 2011, a fim de permitir que magistrados federais que recebem auxílio-alimentação de outros órgãos acumulassem o benefício.

    A decisão foi tomada na sessão desta segunda-feira (14/12). Segundo o relator, ministro Og Fernandes, os artigos 6º e 9º, questionados pela Ajufe, não extrapolam sua função essencialmente regulamentadora, conforme alegado pela entidade no requerimento, pois reproduzem as vedações previstas na Lei 8.460, de 1992. “Em face do princípio da legalidade estrita, na administração pública só é permitido fazer o que a lei autoriza”, pontuou.

    Em seu requerimento, a Ajufe alegou que os artigos 6º e 9º da Resolução 175, de 2011, criaria restrição que não existe na Lei Complementar 75, de 1993, e na Resolução do Conselho Nacional de Justiça 133, de 2011, que dispõe sobre a simetria constitucional entre magistratura e Ministério Público, bem como prevê a equiparação de vantagens, entre elas o auxílio-alimentação. A entidade afirmou que a Resolução do CJF restabelece uma assimetria inconstitucional, pois aos membros do MP não seria imposta restrição semelhante.

    Para o corregedor-geral da Justiça Federal, em relação ao auxílio-alimentação, não há norma que se destine especificamente aos membros do MP da União, razão pela qual há a aplicação subsidiária das disposições gerais destinadas aos servidores públicos, no artigo 22 da Lei 8.460, de 1992. "Ademais, no âmbito do Ministério Público da União, prevalece o entendimento de que é vedada a percepção desse benefício de forma cumulativa, consoante o disposto no parágrafo único do artigo 3º do Regulamento do Programa de Auxílio-Alimentação daquele órgão", observou o ministro.

    No entendimento do relator, quando há expressa vedação legal, não cabe ao administrador possibilitar o acúmulo de benefícios, como pretende a Ajufe. "Da mesma forma, tendo em vista que essas vedações legais também se aplicam aos membros do Ministério Público da União, está preservada a simetria constitucional de que trata a Resolução 133, de 2011, do Conselho Nacional de Justiça", concluiu o conselheiro Og Fernandes. Com informações da Assessoria de Imprensa do CJF.
    CJF-PCO-2015/00155
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por jgpg em Qua 16 Dez - 9:18

    Que exaustivas negociações foram essas?

    "As
    Emendas de nºs 22, 23, 37, 53 e 65 tratam do reescalonamento dos reajustes, sendo que a primeira reduz o número de
    parcelas de oito para seis, em consonância com o resultado de exaustivas negociações com representantes dos servidores do Poder Judiciário."
    Chuck Coleman
    Chuck Coleman
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1162
    Reputação : 103
    Data de inscrição : 16/04/2015

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Chuck Coleman em Qua 16 Dez - 9:20

    SANCIONA LOGO ESTA CARALHA!
    RVMS
    RVMS
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1355
    Reputação : 47
    Data de inscrição : 29/07/2011

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por RVMS em Qua 16 Dez - 9:21

    Opa, vi o relatório agora. Será aprovado se houver concordância entre STF e Governo. Acaso não haja, continuo com a opinião do texto acima.
    servidor.tre
    servidor.tre
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1149
    Reputação : 32
    Data de inscrição : 30/10/2012

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por servidor.tre em Qua 16 Dez - 9:21

    jgpg escreveu:Que exaustivas negociações foram essas?

    "As
    Emendas de nºs 22, 23, 37, 53 e 65 tratam do reescalonamento dos reajustes, sendo que a primeira reduz o número de
    parcelas de oito para seis, em consonância com o resultado de exaustivas negociações com representantes dos servidores do Poder Judiciário."

    Já aprovou???

    Como ficou???

    Foram tiradas as parcelas de 2019?
    lanlan
    lanlan
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 513
    Reputação : 23
    Data de inscrição : 07/07/2010

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por lanlan em Qua 16 Dez - 9:21

    Ta jogando pra galera. No fundo sabe que a emenda que eleva gastos é inconstitucional. Reduzir escalonamento = elevar impacto de despesas.
    Para passar teria que ser nos termos do acordado e previsto no orçamento, se não. é zero.
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por jgpg em Qua 16 Dez - 9:22

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por jgpg em Qua 16 Dez - 9:23

    servidor.tre escreveu:
    jgpg escreveu:Que exaustivas negociações foram essas?

    "As
    Emendas de nºs 22, 23, 37, 53 e 65 tratam do reescalonamento dos reajustes, sendo que a primeira reduz o número de
    parcelas de oito para seis, em consonância com o resultado de exaustivas negociações com representantes dos servidores do Poder Judiciário."

    Já aprovou???

    Como ficou???

    Foram tiradas as parcelas de 2019?

    Foi apresentado o relatório, não sei se vão votar hoje.

    "16/12/2015
    Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público ( CTASP )

    • Apresentação do Parecer do Relator n. 1 CTASP, pelo Deputado Aureo (SD-RJ). Inteiro teor
    • Parecer do Relator, Dep. Aureo (SD-RJ), pela aprovação deste e da Emenda 22/15 da CTASP, com subemenda; e pela rejeição das Emenda 01/15 a 21/15 e 23/15 a 72/15, todas da CTASP. Inteiro teor"
    servidor.tre
    servidor.tre
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1149
    Reputação : 32
    Data de inscrição : 30/10/2012

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por servidor.tre em Qua 16 Dez - 9:23

    lanlan escreveu:Ta jogando pra galera. No fundo sabe que a emenda que eleva gastos é inconstitucional. Reduzir escalonamento = elevar impacto de despesas.
    Para passar teria que ser nos termos do acordado e previsto no orçamento, se não. é zero.

    Deve ser a redução do parcelamento e do reajuste.... Retirando as duas últimas parcelas.
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por jgpg em Qua 16 Dez - 9:26

    Em dia de reuniões, Fenajufe busca acelerar negociação do PL 2648/15 com governo e STF

    Publicado em Quarta, 16 Dezembro 2015 00:11

    A Comissão de Negociação da Fenajufe composta pelos coordenadores Cledo Vieira, Eugênia Lacerda, Mara Rejane Weber e Saulo Arcangeli,  esteve nesta terça-feira, 15, no Congresso Nacional, buscando avançar no fechamento da negociação por melhorias do PL 2648/15 e acordo que viabilizasse aprovação ainda esse ano. Após contato com os líderes do governo na Câmara – deputado José Guimarães (PT/CE) – e no Senado – senador Paulo Rocha (PT/PA) – os coordenadores foram informados que o Supremo Tribunal Federal (STF) não havia encaminhado o ofício com a posição do Judiciário acerca das reivindicações da categoria, conforme havia sido acordado em reunião na quinta-feira, 10 (leia mais aqui). Os parlamentares reforçaram a necessidade das posições oficiais da Fenajufe e do STF para continuar o processo de negociação. O ofício da Fenajufe foi encaminhado na sexta-feira, 11. 
    Diante da constatação, os coordenadores estiveram no STF onde se reuniram com o Diretor Geral, Amarildo Vieira, quando foram informados que o expediente aguardava a assinatura do presidente do Tribunal, ministro Ricardo Lewandowski, o que aconteceria após a sessão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) na noite desta terça-feira. Amarildo informou ainda que em ligação realizada pelo senador Paulo Rocha indagando sobre o ofício, o parlamentar reforçou a importância da assinatura do documento ser do próprio presidente. Rocha sugeriu que o ofício fosse entregue na manhã da quarta-feira, 16.        
    Mais cedo a Comissão também esteve reunida com o assessor especial do ministro Ricardo Berzoini, da Secretaria de Governo da Presidência da República, Geraldo Magela. A reunião foi agendada pelo senador Paulo Rocha. Nela, Magela recebeu a pauta dos servidores e se comprometeu a auxiliar dentro dos limites institucionais de seu cargo. 
    Apesar das reuniões e contatos mantidos desde a semana anterior com lideranças do governo e STF, a partir do cenário de votações no congresso, da crise política que avança e opinião dos parlamentares contatados, a Comissão avalia como pouco provável a aprovação do projeto ainda este ano. Havendo convocação extraordinária, o esforço é no sentido de que o PL seja incluído entre os itens a serem apreciados a partir de 12 de janeiro de 2016, quando deverão ser retomados os trabalhos. 
    Mas, segundo parlamentares que mantiveram contato com os coordenadores, se a LDO for votada entre a terça e a quarta-feira desta semana, a convocação extraordinária não deve acontecer. Nesse caso, o foco da Comissão seria incluir o PL nas votações a partir da retomada dos trabalhos do Congresso  em fevereiro de 2016. 
    Garantia dos recursos para janeiro de 2016 
    Em se concretizando o cenário de não aprovação do PL 2648/2015 ainda em 2015, a Fenajufe busca garantir os recursos já alocados no anexo V do orçamento em sua integralidade, ou seja, a partir de janeiro de 2016, independente da data de votação. O senador Paulo Rocha se comprometeu em buscar solução nesse sentido. 
    Nesta quarta-feira, 16, a Comissão de Negociação da Fenajufe vai acompanhar os desdobramentos da negociação entre lideranças parlamentares e governo, bem como a movimentação em torno da votação da LDO que determinará se o parlamento entrará em recesso ou haverá convocação extraordinária. Além disso, acompanhará a tramitação da LOA 2016, visando garantir a manutenção dos recursos no anexo V. 
    PL 2648 entra na pauta da CTASP
    Os coordenadores também  estiveram no gabinete do relator do PL 2648/2015 na CTASP da Câmara, deputado Aureo Lidio Ribeiro (SD/RJ), que não foi encontrado. O deputado deve apresentar o relatório antes do início da sessão da CTASP desta quarta-feira, 16, quando o PL 2648 será analisado como 12º item da pauta.
    Na sexta-feira, 11, o relator encaminhou oficio a Fenajufe, cujo texto circulou amplamente. Nele, o parlamentar se comprometeu a apresentar o relatório com as alterações reivindicadas pela categoria. No entanto, manifestou opinião alegando dificuldade ou risco de rejeição do PL pela inclusão das alterações propostas. O ofício pode ser lido [url=http://fenajufe.org.br/images/Of%C3%ADcio Dep Aureo.pdf]aqui[/url]. 
    Foto: Joana Darc Melo/Fenajufe  
    tre-rj
    tre-rj
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1404
    Reputação : 101
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por tre-rj em Qua 16 Dez - 9:27

    like like like like

    Nós somos uma categoria de gado indo numa hora na direção da cut, outra na da conlutas. E relembro: em 2009 as duas alas rechaçaram a gd, o subsidio, a gpt.

    Denovo?? escreveu:Agora vejam como é engraçado.
    O que é melhor para o governo?
    Aprovar o pl leite ou o zero?
    Óbvio que é o zero!
    Aí  surgem os zerista e duzem: "só aceito o pl com emendas que o equiparem ao plc 28.
    Aí o governo pensa  e diz: "genial!! Esses trouxas vão passar meses nessa enrolação e nós protelamos o aumento deles para agosto, igual aos demais servidores! !
    Aí  a turma dos zeristas vem e diz: "olha ai  o pl é um engodo! !
    Kkkkk
    Só na mente louca dos socialistas do pstu que o governo está DESESPERADO  para aprovar este aumento  e "engessar " esta nossa PODEROSA categoria, capaz de parar o país! !
    O governo está adorando este debate. Quem diria que,hj, os maiores aliados do governo são da conlutas.
    Der Erpresser
    Der Erpresser
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : AJAJ
    Mensagens : 1098
    Reputação : 216
    Data de inscrição : 16/07/2015

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Der Erpresser em Qua 16 Dez - 9:27

    Opa!

    Já podemos começar a gastar por conta? Olha lá, ein!!?
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por jgpg em Qua 16 Dez - 9:28

    É o 12º item da pauta de hoje:

    12 -
    Link
    anuvenzinha
    anuvenzinha
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : ANALISTA
    Mensagens : 1123
    Reputação : 158
    Data de inscrição : 19/12/2014

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por anuvenzinha em Qua 16 Dez - 9:29

    Morena escreveu:deixem o Vander em paz.


    Ao contrário de um comentário q um moderador fez em relação ao Vander dele estar contaminando... na verdade a contaminação está geral inclusive nesse comentário!
    Vlw Vander!
    tre-rj
    tre-rj
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1404
    Reputação : 101
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por tre-rj em Qua 16 Dez - 9:29

    Acelerar as negociações? faz-me rir fenajufe...


    jgpg escreveu:

    Em dia de reuniões, Fenajufe busca acelerar negociação do PL 2648/15 com governo e STF



    Publicado em Quarta, 16 Dezembro 2015 00:11

    A Comissão de Negociação da Fenajufe composta pelos coordenadores Cledo Vieira, Eugênia Lacerda, Mara Rejane Weber e Saulo Arcangeli,  esteve nesta terça-feira, 15, no Congresso Nacional, buscando avançar no fechamento da negociação por melhorias do PL 2648/15 e acordo que viabilizasse aprovação ainda esse ano. Após contato com os líderes do governo na Câmara – deputado José Guimarães (PT/CE) – e no Senado – senador Paulo Rocha (PT/PA) – os coordenadores foram informados que o Supremo Tribunal Federal (STF) não havia encaminhado o ofício com a posição do Judiciário acerca das reivindicações da categoria, conforme havia sido acordado em reunião na quinta-feira, 10 (leia mais aqui). Os parlamentares reforçaram a necessidade das posições oficiais da Fenajufe e do STF para continuar o processo de negociação. O ofício da Fenajufe foi encaminhado na sexta-feira, 11. 
    Diante da constatação, os coordenadores estiveram no STF onde se reuniram com o Diretor Geral, Amarildo Vieira, quando foram informados que o expediente aguardava a assinatura do presidente do Tribunal, ministro Ricardo Lewandowski, o que aconteceria após a sessão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) na noite desta terça-feira. Amarildo informou ainda que em ligação realizada pelo senador Paulo Rocha indagando sobre o ofício, o parlamentar reforçou a importância da assinatura do documento ser do próprio presidente. Rocha sugeriu que o ofício fosse entregue na manhã da quarta-feira, 16.        
    Mais cedo a Comissão também esteve reunida com o assessor especial do ministro Ricardo Berzoini, da Secretaria de Governo da Presidência da República, Geraldo Magela. A reunião foi agendada pelo senador Paulo Rocha. Nela, Magela recebeu a pauta dos servidores e se comprometeu a auxiliar dentro dos limites institucionais de seu cargo. 
    Apesar das reuniões e contatos mantidos desde a semana anterior com lideranças do governo e STF, a partir do cenário de votações no congresso, da crise política que avança e opinião dos parlamentares contatados, a Comissão avalia como pouco provável a aprovação do projeto ainda este ano. Havendo convocação extraordinária, o esforço é no sentido de que o PL seja incluído entre os itens a serem apreciados a partir de 12 de janeiro de 2016, quando deverão ser retomados os trabalhos. 
    Mas, segundo parlamentares que mantiveram contato com os coordenadores, se a LDO for votada entre a terça e a quarta-feira desta semana, a convocação extraordinária não deve acontecer. Nesse caso, o foco da Comissão seria incluir o PL nas votações a partir da retomada dos trabalhos do Congresso  em fevereiro de 2016. 
    Garantia dos recursos para janeiro de 2016 
    Em se concretizando o cenário de não aprovação do PL 2648/2015 ainda em 2015, a Fenajufe busca garantir os recursos já alocados no anexo V do orçamento em sua integralidade, ou seja, a partir de janeiro de 2016, independente da data de votação. O senador Paulo Rocha se comprometeu em buscar solução nesse sentido. 
    Nesta quarta-feira, 16, a Comissão de Negociação da Fenajufe vai acompanhar os desdobramentos da negociação entre lideranças parlamentares e governo, bem como a movimentação em torno da votação da LDO que determinará se o parlamento entrará em recesso ou haverá convocação extraordinária. Além disso, acompanhará a tramitação da LOA 2016, visando garantir a manutenção dos recursos no anexo V. 
    PL 2648 entra na pauta da CTASP
    Os coordenadores também  estiveram no gabinete do relator do PL 2648/2015 na CTASP da Câmara, deputado Aureo Lidio Ribeiro (SD/RJ), que não foi encontrado. O deputado deve apresentar o relatório antes do início da sessão da CTASP desta quarta-feira, 16, quando o PL 2648 será analisado como 12º item da pauta.
    Na sexta-feira, 11, o relator encaminhou oficio a Fenajufe, cujo texto circulou amplamente. Nele, o parlamentar se comprometeu a apresentar o relatório com as alterações reivindicadas pela categoria. No entanto, manifestou opinião alegando dificuldade ou risco de rejeição do PL pela inclusão das alterações propostas. O ofício pode ser lido [url=http://fenajufe.org.br/images/Of%C3%ADcio Dep Aureo.pdf]aqui[/url]. 
    Foto: Joana Darc Melo/Fenajufe  

    -------

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Conteúdo patrocinado

    PCS - PL 2648/2015 - Página 25 Empty Re: PCS - PL 2648/2015

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 19 Set - 20:14