PCS JÁ



    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    servidor.tre
    servidor.tre
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1149
    Reputação : 32
    Data de inscrição : 30/10/2012

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por servidor.tre em Seg 17 Jun 2019, 11:58 am

    Boa tarde, colegas!

    Vamos juntar aqui informações sobre possíveis reajustes em nossos auxílios.

    Abraços!
    JusticeiroSP
    JusticeiroSP
    Novo Usuário

    Mensagens : 11
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 28/06/2015

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por JusticeiroSP em Ter 02 Jul 2019, 8:31 am

    NO TRT02, fonte SINTRAJUD:

    TRT-2: Notredame reajusta plano de saúde em 13,75%
    27 de junho de 2019Shuellen Peixoto
    Diretoria do Sintrajud destacou que aumento pesará mais sobre servidores, sem perspectiva de aumento salarial e com parcela do Tribunal congelada, e voltou a cobrar comissão sobre a autogestão em saúde.

    Nesta quarta-feira, 26 de junho, em reunião convocada um dia antes, a NotreDame Intermédica fechou acordo com o Tribunal para reajustar em 13,75% o valor do contrato de prestação de serviço de assistência em saúde para servidores e magistrados. O Sintrajud esteve presente, junto com as associações dos juízes e dos oficiais de justiça, e destacou que embora seja verdade que o aumento é o menor dos últimos anos – o que a administração frisou como ponto positivo – os servidores terão impacto maior devido ao congelamento da participação do Tribunal no custeio do plano e a falta de reajuste salarial.

    O impacto médio para os trabalhadores será de 23,5% de aumento sobre o plano básico. O diretor do Sindicato Tarcisio Ferreira apresentou na reunião a preocupação com o peso do reajuste sobre o salário dos servidores e voltou a reivindicar alternativas aos altos custos do plano de saúde.

    “Com os cortes orçamentários e o congelamento previsto na Emenda Constitucional 95, este reajuste onera ainda mais os servidores. Ano após ano o comprometimento de nossos rendimentos com o plano cresce, impactando o orçamento familiar de maneira cada vez dura, por isso precisamos discutir alternativas. E o Tribunal, que tem obrigação de prover assistência à saúde dos seus trabalhadores, precisa fazer avançar os estudos sobre a autogestão”, afirmou o diretor.

    Comissão aceita abrir diálogo sobre a autogestão

    A Administração informou que não há previsão de reajuste da verba destinada à rubrica de atenção à saúde e, para 2020, o orçamento deve ser corrigido de acordo com os parâmetros da Emenda Constitucional 95 (que leva em consideração apenas a inflação anual, estimada em 3%) e não estão descartados contingenciamentos no custeio. Por isso, Tarcisio Ferreira voltou a insistir no avanço do debate sobre a autogestão, orientação do Conselho Nacional de Justiça que vem se expandindo em todo o país. O TRT-6 (Pernambuco) acaba de adotar o modelo após um ano de funcionamento de um grupo de trabalho sobre o assunto.

    “Sabemos das complexidades da mudança e que, exatamente por elas, esse é um projeto que só avança se administração abraçar, mas se não começarmos a estudar o momento possível para implantação de um modelo que em todo o Judiciário Federal onde foi instituído tem sido positivo, nunca vamos superar as dificuldades e ficaremos sempre na mão do mercado dos planos. Isso já está se mostrando inviável. Daqui a um ano e meio vence o atual contrato com a NotreDame, um contrato amarrado em que eles ganham sempre. Esse é um bom prazo para o Tribunal estudar as necessidades para viabilizar a autogestão em São Paulo”, frisou Tarcisio.

    O diretor do Sindicato lembrou que antes do seminário realizado no ano passado em iniciativa conjunta entre o Tribunal, o Sintrajud e a Amatra-2 houve uma série de diálogos institucionais. O Sintrajud já apresentou o estudo do TRT-5 sobre o assunto, cujo sucesso foi apresentado pelo representante daquele Regional no seminário, com redução de cerca de 30% dos custos de administração.

    Após o debate, ocorrido já sem a presença das prepostas da NotreDame, Tarcisio resgatou o requerimento que foi protocolado em conjunto pelo Sintrajud e a Amatra sobre a instalação de uma comissão de estudos sobre a adoção do modelo de autogestão em saúde, encaminhado pela presidente para a Comissão Gestora dos Planos de Assistência Médica e Odontológica do Tribunal. O desembargador José Ruffolo, membro da Comissão, se dispôs a retomar o diálogo com as entidades sobre o assunto. Na reunião com a presidente do TRT-2 na ultima terça-feira, 18 de junho, a Administração havia destacado as dificuldades da implantação da autogestão sem tocar no fato de que já estava em negociação o reajuste do contrato com a NotreDame nos patamares definidos.

    “Sabemos que não é uma solução mágica, por isso estamos propondo dar início aos estudos. Os fatores dificultadores que temos na carteira do Tribunal existem também na negociação com os planos e resultam sempre em aumentos maiores do custo para nós trabalhadores”, destacou. “Além disso, em que pese o cenário difícil, é preciso que o TRT busque mais recursos junto aos Tribunais Superiores e enfrente a Emenda 95, que tem mostrado seus efeitos nefastos sobre as condições de trabalho dos servidores públicos”, finalizou Tarcisio.

    Formalização dos debates

    O Sintrajud voltará a apresentar junto ao Tribunal os estudos sobre a autogestão disponíveis e apresentados no seminário realizado no ano passado. Também vai formalizar nesta quinta-feira o pedido de acesso a todos os documentos apresentados pela NotreDame à administração para embasar o percentual de reajuste no plano. E o Sindicato vai reiterar ainda a necessidade instalação do grupo de trabalho sobre a autogestão com participação do Sintrajud e estudo sobre o modelo nos tribunais que já o adotam. O TST e os TRTs 10 (Brasília e Tocantins), 5 (Bahia), 8 (Pará e Amapá), 6 (Pernambuco), entre outros órgãos no país, já adotaram a autogestão.
    Solange4
    Solange4
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1129
    Reputação : 108
    Data de inscrição : 03/06/2015

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por Solange4 em Qua 03 Jul 2019, 8:24 am

    Olha, aqui na terceira região, só se fala nos cortes de orçamento para 2020. Estão aumentando o teletrabalho, vai ser diminuído o horário de atendimento, mudanças de prédios alugados...
    Eu não acredito em reajuste de benefícios.
    Tchuba
    Tchuba
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 227
    Reputação : 29
    Data de inscrição : 26/03/2015
    Localização : Brasília

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por Tchuba em Qua 03 Jul 2019, 8:58 am

    Aumento??? Pode esquecer...


    Mensalidades do TST-Saúde serão reajustadas em 12,82%
    Objetivo é equilibrar contas e preservar as reservas financeiras do Programa

    As mensalidades do TST-Saúde terão reajuste de 12,82% a partir 1º de agosto de 2019. A decisão foi tomada pelo Conselho Deliberativo do Programa com o objetivo de equilibrar as receitas e as despesas e preservar as reservas financeiras do Programa.

    O percentual aplica-se ainda a parcela destinada a reserva para custeio de dívidas deixadas por ex-titulares falecidos e aos valores máximos de coparticipação devida por internação hospitalar. Com a decisão, o percentual de desconto na folha de pagamento da coparticipação devida será de, no máximo, 5% para reduzir o montante de R$12 milhões de coparticipações a receber devidas ao Programa TST-Saúde.

    A deliberação foi tomada com base em estudos realizados pela Coordenadoria de Saúde Suplementar do TST e em recomendações de estudo atuarial para manutenção da higidez do programa ao longo do tempo. Para esclarecer dúvidas dos atuais beneficiários sobre a situação do plano, está prevista a realização um seminário no TST em agosto deste ano.

    Know how

    O TST-Saúde se tornou referência para outros órgãos no controle de despesas e em modelo de autogestão em planos de saúde. O sistema utilizado pelo TST foi desenvolvido pelo próprio tribunal, há 12 anos.

    Atualmente, o plano tem a adesão de 6.759 pessoas, entre servidores e dependentes, e conta com 283 prestadores de serviço credenciados.

    Reunião

    A próxima reunião do Conselho Deliberativo do Programa TST Saúde já está marcada para ocorrer em setembro. A intenção é avaliar os resultados dos estudos que serão realizados nos próximos meses e reanalisar as faixas remuneratórios de valores de descontos das mensalidades e a coparticipação.

    (JS/TG)
    Korgano Masaka
    Korgano Masaka
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : Técnico do MPU
    Mensagens : 1638
    Reputação : 73
    Data de inscrição : 29/07/2015

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por Korgano Masaka em Qua 03 Jul 2019, 10:24 am

    Solange4 escreveu:Olha, aqui na terceira região, só se fala nos cortes de orçamento para 2020. Estão aumentando o teletrabalho, vai ser diminuído o horário de atendimento, mudanças de prédios alugados...
    Eu não acredito em reajuste de benefícios.

    Não haverá mesmo. Reajuste, se vier, só para juízes/procuradores.
    Pergunta: o que farão "nossos" sindicatos/associações?
    ptralhasnopoder
    ptralhasnopoder
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 627
    Reputação : 54
    Data de inscrição : 18/09/2014

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por ptralhasnopoder em Qua 03 Jul 2019, 2:34 pm

    O que farao?
    Como sempre
    Nada
    avatar
    SENATUS
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 476
    Reputação : 33
    Data de inscrição : 23/11/2010

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por SENATUS em Qui 04 Jul 2019, 8:12 am

    Auxílio alimentação no TJAM

    Vencimento básico
    Assistente Judiciário
    Inicial: R$ 4.558,34
    Final: R$ 8.808,49

    Analista Judiciário
    Inicial: R$ 8.936,96
    Final: R$ 17.156,77

    Benefícios
    Auxílio-alimentação (R$ 1.761,20); affraid
    Auxílio-transporte;
    Assistência médica e odontológica;
    Exames periódicos
    Auxílio- Saúde – R$ 412,34
    Bastião
    Bastião
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 739
    Reputação : 64
    Data de inscrição : 10/11/2017

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por Bastião em Qui 04 Jul 2019, 12:12 pm

    SENATUS escreveu:Auxílio alimentação no TJAM

    Vencimento básico
    Assistente Judiciário
    Inicial: R$ 4.558,34
    Final: R$ 8.808,49

    Analista Judiciário
    Inicial: R$ 8.936,96
    Final: R$ 17.156,77

    Benefícios
    Auxílio-alimentação (R$ 1.761,20); affraid
    Auxílio-transporte;
    Assistência médica e odontológica;
    Exames periódicos
    Auxílio- Saúde – R$ 412,34

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Se vc fizer parte de alguma das dinastias de lá, aí é só alegria...

    Conteúdo patrocinado

    REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020 Empty Re: REAJUSTE - AUXÍLIOS 2020

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 19 Set 2019, 7:11 pm