PCS JÁ



    Tópico Geral

    khnofre
    khnofre
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 31
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 30/01/2013

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por khnofre em Sex 10 Maio 2013, 1:58 pm

    Eis o REQUISITO FUNDAMENTAL para um bom salário na Adm Pública: "Devem ser pouquíssimos servidores". Não importa o grau de complecidade, natureza do serviço, carreira do estado. O que interessa para o Tesouro Nacional, e, especial a equipe financeira do Estado é o IMPACTO ORÇAMENTÁRIO. Infelizmente o PJU tem mais de 100k servidores qq 10/15% é significante... E por isso q um Porteiro do Senado Federal pode ganhar 12k e ainda ter um aiumento de 30%, a veja vai falar, vai; a Globo vai falar. vai... Mas to impacto é destacado não salta os olhos e "cabe no bolso público"


    Letrado escreveu:
    camirecas escreveu:
    A polícia de Acre, Roraima, Amapá e Rondônia é bancada ainda pela União?
    Rapaz, que anomalias. Como um delegado (R$ 15.000,00 - 22.000,00) ou escrivão (R$ 8.000,00 - 13.000,00) desse estado pode receber um tratamento desse, enquanto o dos outros estados estão ralando feito condenados para aumentar 5% de uma merreca?
    Federação esquizofrênica!!
    Acho que são apenas os servidores pré-CF/88, quando os atuais Estados do Acre, Amapá, Roraima e Rondonia eram territórios federais mantidos pela União.
    Devem ser pouquíssimos servidores.
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza em Sex 10 Maio 2013, 2:00 pm

    khnofre escreveu:Eis o REQUISITO FUNDAMENTAL para um bom salário na Adm Pública: "Devem ser pouquíssimos servidores". Não importa o grau de complecidade, natureza do serviço, carreira do estado. O que interessa para o Tesouro Nacional, e, especial a equipe financeira do Estado é o IMPACTO ORÇAMENTÁRIO. Infelizmente o PJU tem mais de 100k servidores qq 10/15% é significante... E por isso q um Porteiro do Senado Federal pode ganhar 12k e ainda ter um aiumento de 30%, a veja vai falar, vai; a Globo vai falar. vai... Mas to impacto é destacado não salta os olhos e "cabe no bolso público"


    Letrado escreveu:
    camirecas escreveu:
    A polícia de Acre, Roraima, Amapá e Rondônia é bancada ainda pela União?
    Rapaz, que anomalias. Como um delegado (R$ 15.000,00 - 22.000,00) ou escrivão (R$ 8.000,00 - 13.000,00) desse estado pode receber um tratamento desse, enquanto o dos outros estados estão ralando feito condenados para aumentar 5% de uma merreca?
    Federação esquizofrênica!!
    Acho que são apenas os servidores pré-CF/88, quando os atuais Estados do Acre, Amapá, Roraima e Rondonia eram territórios federais mantidos pela União.
    Devem ser pouquíssimos servidores.

    Mas é isso msm!
    Não interessa o que são. E sim se são poucos.
    Psicologicamente falando, o impacto orçamentário fica "menor"!!
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado em Sex 10 Maio 2013, 2:00 pm

    epitaciosouza escreveu:
    darkshi escreveu:
    pernalonga escreveu:
    Todo e qualquer recurso para reajustes continuaria saindo o mesmo orçamento apertado do do PJU, com a diferença que alguns seriam privilegiados em relação a uma massa lutando por migalhas...É a formula perfeita para a derrocada da carreira.

    Da mesma maneria que os aumentos do Executivo saem do mesmo montante e dos Legislativo também.
    E isto impede eles de alguma coisa?

    A diferença é que cada aumento teria um impacto menor e aumentos com impactos menores são mais fáceis de serem aprovados.

    Será se o TJDFT fosse do GDF seria mais fácil conseguir aumento? Eu penso que sim hein...
    Muito melhor lidar com o Agnulo e com a Câmara Legislativa do que com a Marechala Presidenta.

    Da mesma forma que a divisão da carreira seria melhor tb! Só que é inconstitucional e fere o princípio da isonomia, sob o prisma de que não se justifica um técnico do TST ganhar mais do que o do TJDFT, se ambas possuem atribuições semelhantes, dentro de um mesmo Poder. Pelo jeito é assim que pensam...

    Quanto aos Tribunais superiores e a Justiça comum e especializada Federais, eu até concordo com a isonomia.
    Mas quanto ao TJDFT eu acho que é uma coisa que só existe no Brasil. O TJDF, na minha opinião, está fora do lugar.
    O Distrito Federal, que para umas coisas é estado, para outras é município e é bancado em quase tudo com dinheiro federal.

    Mas, se está na Constituição, fazer o quê?
    khnofre
    khnofre
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 31
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 30/01/2013

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por khnofre em Sex 10 Maio 2013, 2:01 pm

    Eiiii, vi que era B7 e passei para A5 e realmente o colega tá certo NEM EXISTE MAIS O A5 (!!!!)
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza em Sex 10 Maio 2013, 2:14 pm

    FCCOSTA escreveu:
    epitaciosouza escreveu:
    darkshi escreveu:
    pernalonga escreveu:
    Todo e qualquer recurso para reajustes continuaria saindo o mesmo orçamento apertado do do PJU, com a diferença que alguns seriam privilegiados em relação a uma massa lutando por migalhas...É a formula perfeita para a derrocada da carreira.

    Da mesma maneria que os aumentos do Executivo saem do mesmo montante e dos Legislativo também.
    E isto impede eles de alguma coisa?

    A diferença é que cada aumento teria um impacto menor e aumentos com impactos menores são mais fáceis de serem aprovados.

    Será se o TJDFT fosse do GDF seria mais fácil conseguir aumento? Eu penso que sim hein...
    Muito melhor lidar com o Agnulo e com a Câmara Legislativa do que com a Marechala Presidenta.

    Da mesma forma que a divisão da carreira seria melhor tb! Só que é inconstitucional e fere o princípio da isonomia, sob o prisma de que não se justifica um técnico do TST ganhar mais do que o do TJDFT, se ambas possuem atribuições semelhantes, dentro de um mesmo Poder. Pelo jeito é assim que pensam...



    Quanto aos Tribunais superiores e a Justiça comum e especializada Federais, eu até concordo com a isonomia.
    Mas quanto ao TJDFT eu acho que é uma coisa que só existe no Brasil. O TJDF, na minha opinião, está fora do lugar.
    O Distrito Federal, que para umas coisas é estado, para outras é município e é bancado em quase tudo com dinheiro federal.

    Mas, se está na Constituição, fazer o quê?


    Eu sou servidor do TJDFT e penso que deveria ser do GDF.
    é uma coisa anômala!!
    e repito: prefiro ir pedir aumento para o Agnulo...
    pirat


    _________________
    GDI de 100%.  Aí eu aposento no Judiciário.  [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    pernalonga
    pernalonga
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2060
    Reputação : 828
    Data de inscrição : 25/04/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por pernalonga em Sex 10 Maio 2013, 2:26 pm

    darkshi escreveu:
    pernalonga escreveu:
    andre3107 escreveu:
    pernalonga escreveu:
    Todo e qualquer recurso para reajustes continuaria saindo o mesmo orçamento apertado do do PJU, com a diferença que alguns seriam privilegiados em relação a uma massa lutando por migalhas...É a formula perfeita para a derrocada da carreira.

    Isso ai pernalonga ok
    O legislativo e o Executivo detém o controle sobre o orçamento. E o Judiciário???
    É muita ingenuidade achar que o que dá certo no Legislativo daria pra copiar pra gente...
    Acho que a gente tinha de se concentrar em discutir como aproveitar a proposta de plano de carreira que ja existe, pois ela já esta pronta, é boa para todos de um modo geral, e principalmente: está sendo encampada pela Fenajufe. Chegar para discutir com propostas divisionistas não nos levará a nada, a não ser mais um bom tempo sem reajuste. O modelo remuneratório tem de ser discutido sobre uma proposta concreta, e não sobre achismo do que é bom ou ruim,ou então sobre exemplos que não se adequam a nossa realidade...

    Pelo visto o Mamute está querendo voltar do caixão.
    Velho, nem a fenajufe mais quer o 6613. O papo é emplacar uma proposta que diminua o abismo salarial com outras carreiras que fazem trabalho identico ao nosso, como o legislativo. Se vai ser por subsídio, eu não sei, mas a proposta aprovada por nós em 2008, e jogada na lata do lixo pelo Policarpo em troca do famigerado mamute, já é um bom começo de conversa...
    pernalonga
    pernalonga
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2060
    Reputação : 828
    Data de inscrição : 25/04/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por pernalonga em Sex 10 Maio 2013, 2:48 pm

    epitaciosouza escreveu:
    FCCOSTA escreveu:
    epitaciosouza escreveu:
    darkshi escreveu:

    Da mesma maneria que os aumentos do Executivo saem do mesmo montante e dos Legislativo também.
    E isto impede eles de alguma coisa?

    A diferença é que cada aumento teria um impacto menor e aumentos com impactos menores são mais fáceis de serem aprovados.

    Será se o TJDFT fosse do GDF seria mais fácil conseguir aumento? Eu penso que sim hein...
    Muito melhor lidar com o Agnulo e com a Câmara Legislativa do que com a Marechala Presidenta.

    Da mesma forma que a divisão da carreira seria melhor tb! Só que é inconstitucional e fere o princípio da isonomia, sob o prisma de que não se justifica um técnico do TST ganhar mais do que o do TJDFT, se ambas possuem atribuições semelhantes, dentro de um mesmo Poder. Pelo jeito é assim que pensam...



    Quanto aos Tribunais superiores e a Justiça comum e especializada Federais, eu até concordo com a isonomia.
    Mas quanto ao TJDFT eu acho que é uma coisa que só existe no Brasil. O TJDF, na minha opinião, está fora do lugar.
    O Distrito Federal, que para umas coisas é estado, para outras é município e é bancado em quase tudo com dinheiro federal.

    Mas, se está na Constituição, fazer o quê?


    Eu sou servidor do TJDFT e penso que deveria ser do GDF.
    é uma coisa anômala!!
    e repito: prefiro ir pedir aumento para o Agnulo...
    pirat
    Nada que uma simples Emenda Constitucional não resolva...
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8695
    Reputação : 245
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi em Sex 10 Maio 2013, 2:49 pm

    epitaciosouza escreveu:
    Será se o TJDFT fosse do GDF seria mais fácil conseguir aumento? Eu penso que sim hein...
    Muito melhor lidar com o Agnulo e com a Câmara Legislativa do que com a Marechala Presidenta.

    Da mesma forma que a divisão da carreira seria melhor tb! Só que é inconstitucional e fere o princípio da isonomia, sob o prisma de que não se justifica um técnico do TST ganhar mais do que o do TJDFT, se ambas possuem atribuições semelhantes, dentro de um mesmo Poder. Pelo jeito é assim que pensam...

    Não é inconstitucional. Tanto que nossa carreira era separada até 96.
    E principio da isonomia é um conceito bem amplo para dizer que será ferido.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8695
    Reputação : 245
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi em Sex 10 Maio 2013, 2:51 pm

    pernalonga escreveu:
    Velho, nem a fenajufe mais quer o 6613. O papo é emplacar uma proposta que diminua o abismo salarial com outras carreiras que fazem trabalho identico ao nosso, como o legislativo. Se vai ser por subsídio, eu não sei, mas a proposta aprovada por nós em 2008, e jogada na lata do lixo pelo Policarpo em troca do famigerado mamute, já é um bom começo de conversa...

    Agora só existe três coisas na mesa.

    1 - Adiantamento dos 15%
    2 - Separação do STF
    3 - GRAEL.

    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado em Sex 10 Maio 2013, 3:10 pm

    darkshi escreveu:
    gabg escreveu:
    bem, infelizmente o nosso reajuste sempre recairá no tamanho grande da carreira...mais de 100 mil servidores. No senado e câmara o número de funcionários é infinitamente menor. Vão sempre bater no impacto no orçamento. Esqueçam qualificação dos servidores, esqueçam passar o cargo de técnico para nível superior, esqueçam tudo, somente o que importará ao governo é o impacto e, com a máquina inchada só teremos aumentos mirrados, não adianta espernear. Negócio é passar numa carreira melhor e com poucos agraciados, aí sim, os reajustes serão interessantes..alias, o salário inicial corrente já é recompensador. Estamos lascados e ministros e juízes estão cagando para os servidores.

    Por isto que eu defendo a separação das carreiras do PJU.

    Não achem que o número de servidores do PL é tão menor, principalmente se comprar pelo tamanho, número de órgãos e demandas.
    Se eu não me engano, ao todo eles são 22 mil. Se for pensar que são 22 mil com 90% concentrado no DF (o tcu tem representação nos estados), eles são sim bem grandinhos.

    E acho que a divisão das três casas ajuda eles e muito. O próprio sindlegis nunca propôs a unificação das três casas. Mas sempre usa a que está mais valorizada como justificativa para reajustar o salário dos outros dois.

    Por este motivo, acho que dividindo entre os ramos da justiça. Só temos a ganhar. Os impactos seriam diluídos, teríamos a justificativa perfeita para os reajustes (equiparação com casas do mesmo poder) e teríamos carreiras adaptadas a realidade de cada ramo.


    Temos várias coisas a aprender com o Sindlegis.
    Lá, historicamente, apenas divulgam índices de reajuste, que é um número abstrato, "ninguém" vai fazer a conta para depois criticar.

    Só para citar como exemplo, o último reajuste do TCU prevê um aumento MÍNIMO de 26,6%, além da possibilidade de instituírem uma gratificação de qualificação, salvo engano, dependendo da situação orçamentária.

    Já o Judiciário e MPU tiveram um reajuste MÁXIMO de 26,6%, que só é deste índice se o cara não tiver nem 1% de treinamento, ou qualquer outro acréscimo: VPNI, função, anuênio, graduação etc. Ao invés de falar 8 bilhões, se falar 31% (índice do mamutão)parcelado em 2 anos para uma carreira depois de quatro anos sem aumento não é mentiroso e muito mais palatável.
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza em Sex 10 Maio 2013, 3:19 pm

    pernalonga escreveu:
    epitaciosouza escreveu:
    FCCOSTA escreveu:
    epitaciosouza escreveu:

    Será se o TJDFT fosse do GDF seria mais fácil conseguir aumento? Eu penso que sim hein...
    Muito melhor lidar com o Agnulo e com a Câmara Legislativa do que com a Marechala Presidenta.

    Da mesma forma que a divisão da carreira seria melhor tb! Só que é inconstitucional e fere o princípio da isonomia, sob o prisma de que não se justifica um técnico do TST ganhar mais do que o do TJDFT, se ambas possuem atribuições semelhantes, dentro de um mesmo Poder. Pelo jeito é assim que pensam...

    Vdd!!


    Quanto aos Tribunais superiores e a Justiça comum e especializada Federais, eu até concordo com a isonomia.
    Mas quanto ao TJDFT eu acho que é uma coisa que só existe no Brasil. O TJDF, na minha opinião, está fora do lugar.
    O Distrito Federal, que para umas coisas é estado, para outras é município e é bancado em quase tudo com dinheiro federal.

    Mas, se está na Constituição, fazer o quê?


    Eu sou servidor do TJDFT e penso que deveria ser do GDF.
    é uma coisa anômala!!
    e repito: prefiro ir pedir aumento para o Agnulo...
    pirat
    Nada que uma simples Emenda Constitucional não resolva...


    _________________
    GDI de 100%.  Aí eu aposento no Judiciário.  [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    pernalonga
    pernalonga
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2060
    Reputação : 828
    Data de inscrição : 25/04/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por pernalonga em Sex 10 Maio 2013, 3:49 pm

    darkshi escreveu:
    pernalonga escreveu:
    Velho, nem a fenajufe mais quer o 6613. O papo é emplacar uma proposta que diminua o abismo salarial com outras carreiras que fazem trabalho identico ao nosso, como o legislativo. Se vai ser por subsídio, eu não sei, mas a proposta aprovada por nós em 2008, e jogada na lata do lixo pelo Policarpo em troca do famigerado mamute, já é um bom começo de conversa...

    Agora só existe três coisas na mesa.

    1 - Adiantamento dos 15%
    2 - Separação do STF
    3 - GRAEL.

    Nenhuma delas interessa para mim, assim como para a grande maioria dos servidores (se bem que se sair os 15% adiantados, ninguém vai reclamar). Se um não quer, 2 não brigam, não é mesmo?
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8695
    Reputação : 245
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi em Sex 10 Maio 2013, 3:51 pm

    josebarbos escreveu:
    darkshi escreveu:
    gabg escreveu:
    bem, infelizmente o nosso reajuste sempre recairá no tamanho grande da carreira...mais de 100 mil servidores. No senado e câmara o número de funcionários é infinitamente menor. Vão sempre bater no impacto no orçamento. Esqueçam qualificação dos servidores, esqueçam passar o cargo de técnico para nível superior, esqueçam tudo, somente o que importará ao governo é o impacto e, com a máquina inchada só teremos aumentos mirrados, não adianta espernear. Negócio é passar numa carreira melhor e com poucos agraciados, aí sim, os reajustes serão interessantes..alias, o salário inicial corrente já é recompensador. Estamos lascados e ministros e juízes estão cagando para os servidores.

    Por isto que eu defendo a separação das carreiras do PJU.

    Não achem que o número de servidores do PL é tão menor, principalmente se comprar pelo tamanho, número de órgãos e demandas.
    Se eu não me engano, ao todo eles são 22 mil. Se for pensar que são 22 mil com 90% concentrado no DF (o tcu tem representação nos estados), eles são sim bem grandinhos.

    E acho que a divisão das três casas ajuda eles e muito. O próprio sindlegis nunca propôs a unificação das três casas. Mas sempre usa a que está mais valorizada como justificativa para reajustar o salário dos outros dois.

    Por este motivo, acho que dividindo entre os ramos da justiça. Só temos a ganhar. Os impactos seriam diluídos, teríamos a justificativa perfeita para os reajustes (equiparação com casas do mesmo poder) e teríamos carreiras adaptadas a realidade de cada ramo.


    Temos várias coisas a aprender com o Sindlegis.
    Lá, historicamente, apenas divulgam índices de reajuste, que é um número abstrato, "ninguém" vai fazer a conta para depois criticar.

    Só para citar como exemplo, o último reajuste do TCU prevê um aumento MÍNIMO de 26,6%, além da possibilidade de instituírem uma gratificação de qualificação, salvo engano, dependendo da situação orçamentária.

    Já o Judiciário e MPU tiveram um reajuste MÁXIMO de 26,6%, que só é deste índice se o cara não tiver nem 1% de treinamento, ou qualquer outro acréscimo: VPNI, função, anuênio, graduação etc. Ao invés de falar 8 bilhões, se falar 31% (índice do mamutão)parcelado em 2 anos para uma carreira depois de quatro anos sem aumento não é mentiroso e muito mais palatável.

    Já defendi isto pra alguns sindicalistas do sindjus/df
    Mas como sempre, eles ignoram.

    Tinha dito que um dos segredos dos planos de carreira feitos pelo sindlegis é que o plano não é de fácil leitura. PPor ex, as gratificações deles, em vez de ser em porcentagem, é um fator de correção. Algo dito "Gratificação de Atividade legislativa será de fator 1,3). O que torna o entendimento disto um pouco mais difícil para um jornalista ou deputado desatento.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8695
    Reputação : 245
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi em Sex 10 Maio 2013, 3:55 pm

    pernalonga escreveu:
    Nenhuma delas interessa para mim, assim como para a grande maioria dos servidores (se bem que se sair os 15% adiantados, ninguém vai reclamar). Se um não quer, 2 não brigam, não é mesmo?

    Quanto ao primeiro, para mim é Canto da Sereia versão 3.0. Assim como foi a história das progressões extraordinárias. Este adiantamento do resto do aumento é um engano para manter a categoria ocupada até 2014 e também servirá para o Sindjus/DF alegar que está trabalhando em prol a categoria, sendo que na verdade estão sentados na mesma mesa do patrão. ( A ilustração do final do Fazenda dos Bichos é perfeita).

    O segundo. Eu estou totalmente interessado. Já que já declarei aqui abertamente que sou a favor.

    E o terceiro, bem.... Não acho que irá rolar. Então não precisa ficar criando rusga por conta de algo que não vai acontecer.
    pernalonga
    pernalonga
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2060
    Reputação : 828
    Data de inscrição : 25/04/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por pernalonga em Sex 10 Maio 2013, 4:20 pm

    darkshi escreveu:
    pernalonga escreveu:
    Nenhuma delas interessa para mim, assim como para a grande maioria dos servidores (se bem que se sair os 15% adiantados, ninguém vai reclamar). Se um não quer, 2 não brigam, não é mesmo?

    Quanto ao primeiro, para mim é Canto da Sereia versão 3.0. Assim como foi a história das progressões extraordinárias. Este adiantamento do resto do aumento é um engano para manter a categoria ocupada até 2014 e também servirá para o Sindjus/DF alegar que está trabalhando em prol a categoria, sendo que na verdade estão sentados na mesma mesa do patrão. ( A ilustração do final do Fazenda dos Bichos é perfeita).

    O segundo. Eu estou totalmente interessado. Já que já declarei aqui abertamente que sou a favor.

    E o terceiro, bem.... Não acho que irá rolar. Então não precisa ficar criando rusga por conta de algo que não vai acontecer.

    Acho que tu me entendeu errado, Darkshi. O que quis dizer é que o pessoal aqui do fórum acha erroneamente que a Federação e os Sindicatos não apitam nada, mas dificilmente a administração do PJU encaminharia algo que fosse causar uma revolução na carreira, como a separação dos tribunais superiores ou vantagens específicas para apenas 1 setor, sem a concordância das entidades que representam a categoria. Podem sim é mandar um reajuste bem meia boca pra todos, que não agradará ninguém, mas que mantenha a estrutura da carreira como está.
    Fazer algo como vc quer faria unir todo o resto dos servidores contra a medida, que seria tomada exclusivamente pelo STF, que iria se tornar o inimigo comum da categoria como um todo. Enfim, tudo o que a administração não quer: gastar pólvora com chimango. Se for pra se estressarem, eles preferem gastar energia é aumentando salário de Juiz...
    Não adianta, se quiserem fazer a coisa acontecer, tem de ser por dentro, levando para as instâncias sindicais. Por mais sem moral que os Policarpos da vida possam parecer, em última análise a opinião deles sempre é levada em conta pelos capas-pretas no que se refere aos assuntos da nossa carreira. A Anata já aprendeu isso (elegeu 3 diretores na Fenajufe), tá na hora do restante também aprender.
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Sex 10 Maio 2013, 4:26 pm

    Sugiro ao moderador a criação de uma enquete para termos uma noção de quem concorda com a continuidade de equiparação entre os ramos do Judiciário ou quem concorda com separação da carreira em ramos ou só entre Tribunais Superiores.

    Por que ficar batendo na mesma tecla sem saber se tem pelo menos apoio em massa é complicado.
    pernalonga
    pernalonga
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2060
    Reputação : 828
    Data de inscrição : 25/04/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por pernalonga em Sex 10 Maio 2013, 4:46 pm

    andre3107 escreveu:Sugiro ao moderador a criação de uma enquete para termos uma noção de quem concorda com a continuidade de equiparação entre os ramos do Judiciário ou quem concorda com separação da carreira em ramos ou só entre Tribunais Superiores.

    Por que ficar batendo na mesma tecla sem saber se tem pelo menos apoio em massa é complicado.

    Se fosse uma enquete in loco, colhendo a opinião de cada um dos servidores do PJU, seria algo como 117 mil contra e tallllvez 3 mil a favor, no caso os que trabalham nos tribunais superiores.
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Sex 10 Maio 2013, 4:49 pm

    pernalonga escreveu:
    andre3107 escreveu:Sugiro ao moderador a criação de uma enquete para termos uma noção de quem concorda com a continuidade de equiparação entre os ramos do Judiciário ou quem concorda com separação da carreira em ramos ou só entre Tribunais Superiores.

    Por que ficar batendo na mesma tecla sem saber se tem pelo menos apoio em massa é complicado.

    Se fosse uma enquete in loco, colhendo a opinião de cada um dos servidores do PJU, seria algo como 117 mil contra e tallllvez 3 mil a favor, no caso os que trabalham nos tribunais superiores.

    Na verdade é só pra termos uma noção se esse assunto deve ser levado adiante como estão propondo aqui...
    Muita gente frequenta este espaço, mas não se manifesta, só observa.
    Queria ter essa noção de quantos apoiariam essa ideia de separar por ramos. Acho um absurdo, mas...
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza em Sex 10 Maio 2013, 5:18 pm

    andre3107 escreveu:
    pernalonga escreveu:
    andre3107 escreveu:Sugiro ao moderador a criação de uma enquete para termos uma noção de quem concorda com a continuidade de equiparação entre os ramos do Judiciário ou quem concorda com separação da carreira em ramos ou só entre Tribunais Superiores.

    Por que ficar batendo na mesma tecla sem saber se tem pelo menos apoio em massa é complicado.

    Se fosse uma enquete in loco, colhendo a opinião de cada um dos servidores do PJU, seria algo como 117 mil contra e tallllvez 3 mil a favor, no caso os que trabalham nos tribunais superiores.

    Na verdade é só pra termos uma noção se esse assunto deve ser levado adiante como estão propondo aqui...
    Muita gente frequenta este espaço, mas não se manifesta, só observa.
    Queria ter essa noção de quantos apoiariam essa ideia de separar por ramos. Acho um absurdo, mas...


    Na verdade ficamos aqui debatendo um monte de possibilidades, e quem manda mesmo não está nem aí. Vem sempre com o PCS goela abaixo e acabou. Vamos rezar, para pelo menos conseguir os 10% faltante da GAJ.

    Mad
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Sex 10 Maio 2013, 5:33 pm

    epitaciosouza escreveu:
    andre3107 escreveu:
    pernalonga escreveu:
    andre3107 escreveu:Sugiro ao moderador a criação de uma enquete para termos uma noção de quem concorda com a continuidade de equiparação entre os ramos do Judiciário ou quem concorda com separação da carreira em ramos ou só entre Tribunais Superiores.

    Por que ficar batendo na mesma tecla sem saber se tem pelo menos apoio em massa é complicado.

    Se fosse uma enquete in loco, colhendo a opinião de cada um dos servidores do PJU, seria algo como 117 mil contra e tallllvez 3 mil a favor, no caso os que trabalham nos tribunais superiores.

    Na verdade é só pra termos uma noção se esse assunto deve ser levado adiante como estão propondo aqui...
    Muita gente frequenta este espaço, mas não se manifesta, só observa.
    Queria ter essa noção de quantos apoiariam essa ideia de separar por ramos. Acho um absurdo, mas...


    Na verdade ficamos aqui debatendo um monte de possibilidades, e quem manda mesmo não está nem aí. Vem sempre com o PCS goela abaixo e acabou. Vamos rezar, para pelo menos conseguir os 10% faltante da GAJ.

    Mad

    Se o JB enviar goela abaixo um subsídio nenhum daqui vai achar ruim...

    Agora eu faço a seguinte pergunta, um possível subsídio reduziria o valor das CJs ??? Digo isso porque o Supremo encaminhou o PL 5426 para reajustar as CJs visando um tal valorização de seus assessores e equiparação com os DAS do Executivo... Não sei se o subsídio atrapalharia esse povo...
    Se houver influência, acho meio difícil mudar o modelo remuneratório...

    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza em Sex 10 Maio 2013, 5:36 pm

    andre3107 escreveu:
    epitaciosouza escreveu:
    andre3107 escreveu:
    pernalonga escreveu:

    Se fosse uma enquete in loco, colhendo a opinião de cada um dos servidores do PJU, seria algo como 117 mil contra e tallllvez 3 mil a favor, no caso os que trabalham nos tribunais superiores.

    Na verdade é só pra termos uma noção se esse assunto deve ser levado adiante como estão propondo aqui...
    Muita gente frequenta este espaço, mas não se manifesta, só observa.
    Queria ter essa noção de quantos apoiariam essa ideia de separar por ramos. Acho um absurdo, mas...


    Na verdade ficamos aqui debatendo um monte de possibilidades, e quem manda mesmo não está nem aí. Vem sempre com o PCS goela abaixo e acabou. Vamos rezar, para pelo menos conseguir os 10% faltante da GAJ.

    Mad

    Se o JB enviar goela abaixo um subsídio nenhum daqui vai achar ruim...

    Agora eu faço a seguinte pergunta, um possível subsídio reduziria o valor das CJs ??? Digo isso porque o Supremo encaminhou o PL 5426 para reajustar as CJs visando um tal valorização de seus assessores e equiparação com os DAS do Executivo... Não sei se o subsídio atrapalharia esse povo...
    Se houver influência, acho meio difícil mudar o modelo remuneratório...

    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?

    Ouvi o mesmo boato..mas também ouvi que não há muito respaldo legal. Na verdade, trata-se de mais uma manobra para tentarem aumentar o salário, sem anuência de algum PL ou da Marechala!!!
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Sex 10 Maio 2013, 5:40 pm

    epitaciosouza escreveu:
    andre3107 escreveu:
    epitaciosouza escreveu:
    andre3107 escreveu:

    Na verdade é só pra termos uma noção se esse assunto deve ser levado adiante como estão propondo aqui...
    Muita gente frequenta este espaço, mas não se manifesta, só observa.
    Queria ter essa noção de quantos apoiariam essa ideia de separar por ramos. Acho um absurdo, mas...


    Na verdade ficamos aqui debatendo um monte de possibilidades, e quem manda mesmo não está nem aí. Vem sempre com o PCS goela abaixo e acabou. Vamos rezar, para pelo menos conseguir os 10% faltante da GAJ.

    Mad

    Se o JB enviar goela abaixo um subsídio nenhum daqui vai achar ruim...

    Agora eu faço a seguinte pergunta, um possível subsídio reduziria o valor das CJs ??? Digo isso porque o Supremo encaminhou o PL 5426 para reajustar as CJs visando um tal valorização de seus assessores e equiparação com os DAS do Executivo... Não sei se o subsídio atrapalharia esse povo...
    Se houver influência, acho meio difícil mudar o modelo remuneratório...

    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?

    Ouvi o mesmo boato..mas também ouvi que não há muito respaldo legal. Na verdade, trata-se de mais uma manobra para tentarem aumentar o salário, sem anuência de algum PL ou da Marechala!!!

    Teve Diretor já fazendo as contas e querendo trocar o AP e o carro... :guy:
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza em Sex 10 Maio 2013, 5:44 pm

    andre3107 escreveu:
    epitaciosouza escreveu:
    andre3107 escreveu:
    epitaciosouza escreveu:


    Na verdade ficamos aqui debatendo um monte de possibilidades, e quem manda mesmo não está nem aí. Vem sempre com o PCS goela abaixo e acabou. Vamos rezar, para pelo menos conseguir os 10% faltante da GAJ.

    Mad

    Se o JB enviar goela abaixo um subsídio nenhum daqui vai achar ruim...

    Agora eu faço a seguinte pergunta, um possível subsídio reduziria o valor das CJs ??? Digo isso porque o Supremo encaminhou o PL 5426 para reajustar as CJs visando um tal valorização de seus assessores e equiparação com os DAS do Executivo... Não sei se o subsídio atrapalharia esse povo...
    Se houver influência, acho meio difícil mudar o modelo remuneratório...

    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?

    Ouvi o mesmo boato..mas também ouvi que não há muito respaldo legal. Na verdade, trata-se de mais uma manobra para tentarem aumentar o salário, sem anuência de algum PL ou da Marechala!!!

    Teve Diretor já fazendo as contas e querendo trocar o AP e o carro... :guy:


    kkkkkkk
    é por aí...
    cool
    avatar
    Letrado
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 410
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Letrado em Sex 10 Maio 2013, 5:53 pm

    andre3107 escreveu:
    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?
    Mas seria a volta da incorporação apenas das CJs? E das FCs?
    Se isso acontecer, aí é que nao haverá mesmo possibilidade de reajuste, com o inchaço da folha de pagamento decorrente.
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Sex 10 Maio 2013, 5:55 pm

    Letrado escreveu:
    andre3107 escreveu:
    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?
    Mas seria a volta da incorporação apenas das CJs? E das FCs?
    Se isso acontecer, aí é que nao haverá mesmo possibilidade de reajuste, com o inchaço da folha de pagamento decorrente.

    Pois é, não sei de mais informações, infelizmente... Se isso acontecer estamos ferrados mais ainda...
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza em Sex 10 Maio 2013, 5:57 pm

    andre3107 escreveu:
    Letrado escreveu:
    andre3107 escreveu:
    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?
    Mas seria a volta da incorporação apenas das CJs? E das FCs?
    Se isso acontecer, aí é que nao haverá mesmo possibilidade de reajuste, com o inchaço da folha de pagamento decorrente.

    Pois é, não sei de mais informações, infelizmente... Se isso acontecer estamos ferrados mais ainda...

    Aí que vai rolar até tiro para conseguir uma CJ!!
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado em Sex 10 Maio 2013, 6:17 pm

    epitaciosouza escreveu:
    andre3107 escreveu:
    Letrado escreveu:
    andre3107 escreveu:
    Essa semana um boato foi ventilado nos corredores do TRT entre os Diretores sobre uma suposta volta das incorporações das CJs que eles ocupam há anos. Dizem que o TCU deliberou de maneira favorável...
    Alguém tá por dentro do assunto?
    Mas seria a volta da incorporação apenas das CJs? E das FCs?
    Se isso acontecer, aí é que nao haverá mesmo possibilidade de reajuste, com o inchaço da folha de pagamento decorrente.

    Pois é, não sei de mais informações, infelizmente... Se isso acontecer estamos ferrados mais ainda...

    Aí que vai rolar até tiro para conseguir uma CJ!!

    E os retroativos que cobrariam, então?
    Os quintos de 98 a 2002 até hoje não acabaram(imagino que esteja perto). Já pensou se jogarem mais fermento nesse bolo? Eu falo de retroativos....
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Sex 10 Maio 2013, 8:48 pm

    ANATA assume diretoria na Fenajufe
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    tec-TRE-RJ
    tec-TRE-RJ
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 555
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 30/07/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por tec-TRE-RJ em Sex 10 Maio 2013, 9:37 pm

    mesmo de saída do judiciário, quero dar meus parabéns a grande vitória da ANATA.
    EXPULSEM ESSES LIXOS CUTISTAS VENDIDOS.

    BOA SORTE A TODOS!!
    Ti@go
    Ti@go
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : AJAJ
    Mensagens : 781
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 02/10/2011
    Idade : 36

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Ti@go em Sex 10 Maio 2013, 10:14 pm

    Parabéns ANATA, parabéns mesmo.

    Aproveitando ....

    Olha ai como não é somente a gente que sofre com sindicato com infiltrações.

    "Protesto de professores termina com PMs feridos e dois detidos

    O protesto de professores que provocou um tumulto na avenida Paulista, no centro de São Paulo, na tarde desta sexta-feira, deixou quatro policiais militares feridos e dois manifestantes detidos, segundo a Polícia Militar. A categoria decidiu encerrar a greve iniciada no último dia 19.

    Segundo a PM, os quatro policiais tiveram ferimentos leves em decorrência de pedradas e pauladas. Já os dois manifestantes detidos foram levados ao 78º DP (Jardins), sendo um em decorrência de uma agressão e outro por desobediência.

    Segundo a assessoria da Apeoesp (sindicato estadual dos professores), a confusão foi iniciada por um grupo descontente com a assembleia que resultou no fim da greve. Esses docentes teriam cercado o carro de som, impedindo a passagem. A Polícia Militar então interveio, o que acabou provocando o tumulto.

    O sindicato afirmou que o final da greve foi determinado por maioria de votos e culpou membros do "PSTU e PCO passaram a realizar um grande tumulto, arremessando objetos e agredindo pessoas".

    Antônio Carlos Silva, membro da direção nacional do partido, afirmou que a diretoria da Apeoesp contrariou a decisão da maioria dos professores que participaram da assembleia e decidiu arbitrariamente pelo término da greve. Ele acrescentou ainda que isso teria motivado a revolta dos professores, inclusive membros do PCO.

    "A diretoria simplesmente desligou o microfone e encerrou as discussões", afirmou Silva, que disse ainda que o partido vai promover um abaixo-assinado contra a decisão da Apeoesp. Ele afirmou que uma reunião está marcada com a diretoria do sindicato para a próxima terça-feira, para discutir o ocorrido.

    O PSTU ainda não se manifestou sobre o tumulto. Professores que participaram da assembleia também disseram ser contra o fim da grave. "A maioria defendeu a manutenção [da greve], só que a presidente do sindicato decretou o fim da greve", afirmou João Victor Pavesi de Oliveira, professor da rede estadual."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    sergio caldas
    sergio caldas
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : analista judiciário
    Mensagens : 1238
    Reputação : 29
    Data de inscrição : 29/11/2010
    Localização : são paulo

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por sergio caldas em Sab 11 Maio 2013, 7:18 am

    Ti@go escreveu: Parabéns ANATA, parabéns mesmo.

    Aproveitando ....

    Olha ai como não é somente a gente que sofre com sindicato com infiltrações.

    "Protesto de professores termina com PMs feridos e dois detidos

    O protesto de professores que provocou um tumulto na avenida Paulista, no centro de São Paulo, na tarde desta sexta-feira, deixou quatro policiais militares feridos e dois manifestantes detidos, segundo a Polícia Militar. A categoria decidiu encerrar a greve iniciada no último dia 19.

    Segundo a PM, os quatro policiais tiveram ferimentos leves em decorrência de pedradas e pauladas. Já os dois manifestantes detidos foram levados ao 78º DP (Jardins), sendo um em decorrência de uma agressão e outro por desobediência.

    Segundo a assessoria da Apeoesp (sindicato estadual dos professores), a confusão foi iniciada por um grupo descontente com a assembleia que resultou no fim da greve. Esses docentes teriam cercado o carro de som, impedindo a passagem. A Polícia Militar então interveio, o que acabou provocando o tumulto.

    O sindicato afirmou que o final da greve foi determinado por maioria de votos e culpou membros do "PSTU e PCO passaram a realizar um grande tumulto, arremessando objetos e agredindo pessoas".

    Antônio Carlos Silva, membro da direção nacional do partido, afirmou que a diretoria da Apeoesp contrariou a decisão da maioria dos professores que participaram da assembleia e decidiu arbitrariamente pelo término da greve. Ele acrescentou ainda que isso teria motivado a revolta dos professores, inclusive membros do PCO.

    "A diretoria simplesmente desligou o microfone e encerrou as discussões", afirmou Silva, que disse ainda que o partido vai promover um abaixo-assinado contra a decisão da Apeoesp. Ele afirmou que uma reunião está marcada com a diretoria do sindicato para a próxima terça-feira, para discutir o ocorrido.

    O PSTU ainda não se manifestou sobre o tumulto. Professores que participaram da assembleia também disseram ser contra o fim da grave. "A maioria defendeu a manutenção [da greve], só que a presidente do sindicato decretou o fim da greve", afirmou João Victor Pavesi de Oliveira, professor da rede estadual."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    acompanhei pelos jornais a greve dos professores aqui em SP. A televisão também mostrou cenas de batalha campal nas imediações da avenida paulista, a mais famosa da cidade, que parou o trânsito, mostrando professores sendo espancados, agredidos com gás lacrimogênio, um caos. bem, o sindicato deles pode ser o culpado, mas eles reagiram... e como reagiram...para mim, isso é o que importa, os professores atraíram a atenção da mídia, no mínimo, se o sindicato pensa que pode representá-los bovinamente, pensarão duas vezes...e nós? vou parar por aqui, porque não quero estragar meu sábado nem o de ninguém...
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 6781
    Reputação : 300
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin em Dom 12 Maio 2013, 9:31 am

    É isso mesmo Sérgio! Até então o ânimo de quem se candidatava para vaga sindical era o mesmo dos candidatos a cargos políticos, ou seja, conquistar o poder para depois fazer uso da máquina em proveito próprio. Novos tempos, pois pelo que tenho visto os atuais são pessoas de caráter, que cansaram da muita hipocrisia e da pouca ação.


    _________________
    Flavinho acima de tudo, eu acima de todos!
    sergio caldas
    sergio caldas
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : analista judiciário
    Mensagens : 1238
    Reputação : 29
    Data de inscrição : 29/11/2010
    Localização : são paulo

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por sergio caldas em Dom 12 Maio 2013, 3:01 pm

    Galizezin escreveu:É isso mesmo Sérgio! Até então o ânimo de quem se candidatava para vaga sindical era o mesmo dos candidatos a cargos políticos, ou seja, conquistar o poder para depois fazer uso da máquina em proveito próprio. Novos tempos, pois pelo que tenho visto os atuais são pessoas de caráter, que cansaram da muita hipocrisia e da pouca ação.

    isso mesmo, meu amigo galizezin, os novos sindicalistas precisam aprender a ouvir a categoria, não é tarefa fácil, pois estão acostumados a viver de contribuições estatais que desfiguram a representatividade...
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Dom 12 Maio 2013, 5:46 pm

    Advogados da AGU querem honorários, prática restrita à iniciativa privada

    Quase 9 mil servidores dividiriam uma cifra que pode chegar a R$ 180 milhões anuais. Planalto é contra o benefício

    Após tentarem, sem êxito, igualar a remuneração da categoria aos vencimentos do Ministério Público da União — R$ 24 mil no começo da carreira —, os servidores da Advocacia-Geral da União (AGU) resolveram agir em outra frente para aumentar os salários, que variam entre R$ 15 mil e R$ 19 mil. Advogados, procuradores federais e procuradores da Fazenda Nacional querem implementar a cobrança de honorários, como na iniciativa privada. A ideia é receber de 10% a 20% de todas as causas ganhas pela União, uma bolada que varia entre R$ 150 milhões e R$ 180 milhões por ano.

    Essa é a quantia que entra nos cofres públicos a título de honorários advocatícios pagos pela parte perdedora somente das ações chamadas de conhecimento, aquelas que tratam de pedido de indenizações e de vantagens salariais. A soma não inclui as ações de cobrança de tributos. Distribuída a bolada entre os 8.868 integrantes ativos e inativos da AGU, daria algo em torno de R$ 1,7 mil a mais por mês para cada um. Isso num primeiro momento, pois a perspectiva é que esse valor a mais no contracheque aumente com o tempo, devido ao maior empenho dos advogados e procuradores nas causas.

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado em Dom 12 Maio 2013, 6:36 pm

    andre3107 escreveu:Advogados da AGU querem honorários, prática restrita à iniciativa privada

    Quase 9 mil servidores dividiriam uma cifra que pode chegar a R$ 180 milhões anuais. Planalto é contra o benefício

    Após tentarem, sem êxito, igualar a remuneração da categoria aos vencimentos do Ministério Público da União — R$ 24 mil no começo da carreira —, os servidores da Advocacia-Geral da União (AGU) resolveram agir em outra frente para aumentar os salários, que variam entre R$ 15 mil e R$ 19 mil. Advogados, procuradores federais e procuradores da Fazenda Nacional querem implementar a cobrança de honorários, como na iniciativa privada. A ideia é receber de 10% a 20% de todas as causas ganhas pela União, uma bolada que varia entre R$ 150 milhões e R$ 180 milhões por ano.

    Essa é a quantia que entra nos cofres públicos a título de honorários advocatícios pagos pela parte perdedora somente das ações chamadas de conhecimento, aquelas que tratam de pedido de indenizações e de vantagens salariais. A soma não inclui as ações de cobrança de tributos. Distribuída a bolada entre os 8.868 integrantes ativos e inativos da AGU, daria algo em torno de R$ 1,7 mil a mais por mês para cada um. Isso num primeiro momento, pois a perspectiva é que esse valor a mais no contracheque aumente com o tempo, devido ao maior empenho dos advogados e procuradores nas causas.

    http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica/2013/05/12/interna_politica,365525/advogados-da-agu-querem-honorarios-pratica-restrita-a-iniciativa-privada.shtml

    Como seria isso, se eles ganham por subidio?

    Desse jeito ó próximo seria a Receita Federal, que iria reivindicar a produtividade de volta....
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 em Dom 12 Maio 2013, 6:54 pm

    FCCOSTA escreveu:
    andre3107 escreveu:Advogados da AGU querem honorários, prática restrita à iniciativa privada

    Quase 9 mil servidores dividiriam uma cifra que pode chegar a R$ 180 milhões anuais. Planalto é contra o benefício

    Após tentarem, sem êxito, igualar a remuneração da categoria aos vencimentos do Ministério Público da União — R$ 24 mil no começo da carreira —, os servidores da Advocacia-Geral da União (AGU) resolveram agir em outra frente para aumentar os salários, que variam entre R$ 15 mil e R$ 19 mil. Advogados, procuradores federais e procuradores da Fazenda Nacional querem implementar a cobrança de honorários, como na iniciativa privada. A ideia é receber de 10% a 20% de todas as causas ganhas pela União, uma bolada que varia entre R$ 150 milhões e R$ 180 milhões por ano.

    Essa é a quantia que entra nos cofres públicos a título de honorários advocatícios pagos pela parte perdedora somente das ações chamadas de conhecimento, aquelas que tratam de pedido de indenizações e de vantagens salariais. A soma não inclui as ações de cobrança de tributos. Distribuída a bolada entre os 8.868 integrantes ativos e inativos da AGU, daria algo em torno de R$ 1,7 mil a mais por mês para cada um. Isso num primeiro momento, pois a perspectiva é que esse valor a mais no contracheque aumente com o tempo, devido ao maior empenho dos advogados e procuradores nas causas.

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Como seria isso, se eles ganham por subidio?

    Desse jeito ó próximo seria a Receita Federal, que iria reivindicar a produtividade de volta....

    Há uma PEC tramitação sobre o assunto, inclusive dando autonomia funcional e administrativa à AGU.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8695
    Reputação : 245
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi em Seg 13 Maio 2013, 1:00 pm

    Cada um chora pelo o que acha justo.

    Mas se o governo for esperto, que dê salário de procurador/juiz. Pq se for começar a pagar honorário, além de ser, digamos, antiético (já que serviço público não deve visar lucro. E honorário é lucro) vai gerar uma casta de marajás no serviço público.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8695
    Reputação : 245
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi em Seg 13 Maio 2013, 1:19 pm

    pernalonga escreveu:
    Acho que tu me entendeu errado, Darkshi. O que quis dizer é que o pessoal aqui do fórum acha erroneamente que a Federação e os Sindicatos não apitam nada, mas dificilmente a administração do PJU encaminharia algo que fosse causar uma revolução na carreira, como a separação dos tribunais superiores ou vantagens específicas para apenas 1 setor, sem a concordância das entidades que representam a categoria. Podem sim é mandar um reajuste bem meia boca pra todos, que não agradará ninguém, mas que mantenha a estrutura da carreira como está.

    Não é assim que eu vejo.

    A verdade é que politica neste país é extremamente personalista. E o que o ministro presidente do STF faz depende da personalidade de quem ocupa a cadeira.
    Por ex. Vc acha que um ministro como o JB, que mandou humilhou a associação de juízes em público, vai se preocupar com o que o sindicado acha?

    Este PCS me mostrou que a concordância ou não dos sindicatos é ilusória. Normalmente o que acontecia era o oposto. O Sindjus/DF entrava em concordância com o que era negociado a portas fechadas entre o PJ e o PE. E o papel do Sindjus era agir como perfeito pelego e simplesmente impor a vontade do patrão para a categoria.



    Fazer algo como vc quer faria unir todo o resto dos servidores contra a medida, que seria tomada exclusivamente pelo STF, que iria se tornar o inimigo comum da categoria como um todo. Enfim, tudo o que a administração não quer: gastar pólvora com chimango. Se for pra se estressarem, eles preferem gastar energia é aumentando salário de Juiz...

    E quem disse que ministro do STF liga para o que a categoria acha ou deixa de achar deles? Porque vc acha que nenhum deles se moveu durante o PCS? Ou não protegeu a categoria quando o Frentas cagou o nosso plano, criando o mamute?

    E que administração vc está falando? A do STF? A do TST? A do TSE? Entenda que os problemas da administração de um tribunal é do tribunal. O ministro presidente do STF se sente responsável com o seus servidores (e olhe lá). Não liga que um servidor de uma vara está insatisfeito ou não.


    Não adianta, se quiserem fazer a coisa acontecer, tem de ser por dentro, levando para as instâncias sindicais. Por mais sem moral que os Policarpos da vida possam parecer, em última análise a opinião deles sempre é levada em conta pelos capas-pretas no que se refere aos assuntos da nossa carreira. A Anata já aprendeu isso (elegeu 3 diretores na Fenajufe), tá na hora do restante também aprender.

    Não é o que eu vejo.
    Sei que o STF já está pronto para dividir a carreira. Esperando só o momento politico certo para mandar a bomba.

    pernalonga
    pernalonga
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2060
    Reputação : 828
    Data de inscrição : 25/04/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por pernalonga em Seg 13 Maio 2013, 2:13 pm

    darkshi escreveu:
    pernalonga escreveu:
    Acho que tu me entendeu errado, Darkshi. O que quis dizer é que o pessoal aqui do fórum acha erroneamente que a Federação e os Sindicatos não apitam nada, mas dificilmente a administração do PJU encaminharia algo que fosse causar uma revolução na carreira, como a separação dos tribunais superiores ou vantagens específicas para apenas 1 setor, sem a concordância das entidades que representam a categoria. Podem sim é mandar um reajuste bem meia boca pra todos, que não agradará ninguém, mas que mantenha a estrutura da carreira como está.

    Não é assim que eu vejo.

    A verdade é que politica neste país é extremamente personalista. E o que o ministro presidente do STF faz depende da personalidade de quem ocupa a cadeira.
    Por ex. Vc acha que um ministro como o JB, que mandou humilhou a associação de juízes em público, vai se preocupar com o que o sindicado acha?

    Este PCS me mostrou que a concordância ou não dos sindicatos é ilusória. Normalmente o que acontecia era o oposto. O Sindjus/DF entrava em concordância com o que era negociado a portas fechadas entre o PJ e o PE. E o papel do Sindjus era agir como perfeito pelego e simplesmente impor a vontade do patrão para a categoria.



    Fazer algo como vc quer faria unir todo o resto dos servidores contra a medida, que seria tomada exclusivamente pelo STF, que iria se tornar o inimigo comum da categoria como um todo. Enfim, tudo o que a administração não quer: gastar pólvora com chimango. Se for pra se estressarem, eles preferem gastar energia é aumentando salário de Juiz...

    E quem disse que ministro do STF liga para o que a categoria acha ou deixa de achar deles? Porque vc acha que nenhum deles se moveu durante o PCS? Ou não protegeu a categoria quando o Frentas cagou o nosso plano, criando o mamute?

    E que administração vc está falando? A do STF? A do TST? A do TSE? Entenda que os problemas da administração de um tribunal é do tribunal. O ministro presidente do STF se sente responsável com o seus servidores (e olhe lá). Não liga que um servidor de uma vara está insatisfeito ou não.


    Não adianta, se quiserem fazer a coisa acontecer, tem de ser por dentro, levando para as instâncias sindicais. Por mais sem moral que os Policarpos da vida possam parecer, em última análise a opinião deles sempre é levada em conta pelos capas-pretas no que se refere aos assuntos da nossa carreira. A Anata já aprendeu isso (elegeu 3 diretores na Fenajufe), tá na hora do restante também aprender.

    Não é o que eu vejo.
    Sei que o STF já está pronto para dividir a carreira. Esperando só o momento politico certo para mandar a bomba.

    Essa história de o presidente do STF estar só esperando a hora certa de separar a carreira de seu tribunal me parece com o Subsídio no MPU....Lauro cardoso e o PGR acabaram com a greve , e até agora estão esperando o momento certo...Vendendo ilusões para acalmar a tropa!
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado em Seg 13 Maio 2013, 3:10 pm

    pernalonga escreveu:
    darkshi escreveu:
    pernalonga escreveu:
    Acho que tu me entendeu errado, Darkshi. O que quis dizer é que o pessoal aqui do fórum acha erroneamente que a Federação e os Sindicatos não apitam nada, mas dificilmente a administração do PJU encaminharia algo que fosse causar uma revolução na carreira, como a separação dos tribunais superiores ou vantagens específicas para apenas 1 setor, sem a concordância das entidades que representam a categoria. Podem sim é mandar um reajuste bem meia boca pra todos, que não agradará ninguém, mas que mantenha a estrutura da carreira como está.

    Não é assim que eu vejo.

    A verdade é que politica neste país é extremamente personalista. E o que o ministro presidente do STF faz depende da personalidade de quem ocupa a cadeira.
    Por ex. Vc acha que um ministro como o JB, que mandou humilhou a associação de juízes em público, vai se preocupar com o que o sindicado acha?

    Este PCS me mostrou que a concordância ou não dos sindicatos é ilusória. Normalmente o que acontecia era o oposto. O Sindjus/DF entrava em concordância com o que era negociado a portas fechadas entre o PJ e o PE. E o papel do Sindjus era agir como perfeito pelego e simplesmente impor a vontade do patrão para a categoria.



    Fazer algo como vc quer faria unir todo o resto dos servidores contra a medida, que seria tomada exclusivamente pelo STF, que iria se tornar o inimigo comum da categoria como um todo. Enfim, tudo o que a administração não quer: gastar pólvora com chimango. Se for pra se estressarem, eles preferem gastar energia é aumentando salário de Juiz...

    E quem disse que ministro do STF liga para o que a categoria acha ou deixa de achar deles? Porque vc acha que nenhum deles se moveu durante o PCS? Ou não protegeu a categoria quando o Frentas cagou o nosso plano, criando o mamute?

    E que administração vc está falando? A do STF? A do TST? A do TSE? Entenda que os problemas da administração de um tribunal é do tribunal. O ministro presidente do STF se sente responsável com o seus servidores (e olhe lá). Não liga que um servidor de uma vara está insatisfeito ou não.


    Não adianta, se quiserem fazer a coisa acontecer, tem de ser por dentro, levando para as instâncias sindicais. Por mais sem moral que os Policarpos da vida possam parecer, em última análise a opinião deles sempre é levada em conta pelos capas-pretas no que se refere aos assuntos da nossa carreira. A Anata já aprendeu isso (elegeu 3 diretores na Fenajufe), tá na hora do restante também aprender.

    Não é o que eu vejo.
    Sei que o STF já está pronto para dividir a carreira. Esperando só o momento politico certo para mandar a bomba.

    Essa história de o presidente do STF estar só esperando a hora certa de separar a carreira de seu tribunal me parece com o Subsídio no MPU....Lauro cardoso e o PGR acabaram com a greve , e até agora estão esperando o momento certo...Vendendo ilusões para acalmar a tropa!

    Cada um acredita na história que melhor lhe convém.

    Conteúdo patrocinado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 19 Set 2019, 7:12 pm