PCS JÁ

PCS JÁ



    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    milhocolin
    milhocolin
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Hey, Apple!
    Mensagens : 620
    Reputação : 21
    Data de inscrição : 17/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por milhocolin Sex 17 Jul 2015, 5:41 pm

    Robinho Da Bahia escreveu:
    milhocolin escreveu:Pessoal, ela não vai vetar. Já falei aqui e reafirmo.

    Fonte: águas de lindóia.


    Vc conhece Monte Cristo????

    So vc e ele nessa linha!

    Hoje tenho dúvidas... Ontem quase liguei pra ele pra falar que o veto sairia hj pela manhã, mas fiquei com medo de queimar a língua! Ainda bem que não liguei!



    Cara, pura esquizofrenia. Todos aqui sabem que você é o fake do monte cristo... famoso papagaio de pirata versão hightech!
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 17 Jul 2015, 5:42 pm

    marlon_plaster escreveu:pra quem assim com eu eh do mpu, a melhor coisa é o fortalecimento total do plc28 e sua concretização... não tenho dúvidas.
    estou fazendo de tudo para apoiar.

    vamo q vamo
    se nós do Jud conseguirmos o PL (e estamos brigando para isso), acredito que isso só ajudará vcs do MPU conseguir mais facilmente o de vcs, até porque o impacto é bem menor. até o próprio Janot iria se esforçar mais para que fosse aprovado e sancionado nos moldes do Jud. minha visão/opinião
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8806
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por darkshi Sex 17 Jul 2015, 5:42 pm

    o Iluminado escreveu:Eu acredito que esse PLC já esteve muito mais vetado ontem do que hj....
    Acredito no veto parcial....

    Kbeção escreveu:
    galo-bh escreveu:Sinceramente, parece pela fala do Lewandolero q estão realmente negociando veto parcial
    Cara, ele é ensaboado.
    Nunca dirá que sim ou não.
    Tudo que for perguntado a ele nesse sentido terá a resposta iniciada com "veja bem".
    O certo é veto. A única opção é greve e articulação para derrubá-lo. Não tem acordo e se ele falar que pode ser lembre-se do boletim do sindjus com a foto do Peluso e a manchete PCS definido.

    Penso o mesmo.
    como disse. Política é feita de momentos. E no dia da aprovação do PLC era um momento. Dia 21 será outro bem diferente. Dia 1 de julho Dilma poderia arriscar o veto, hj não.

    Para vcs terem uma ideia do cenário. Cunha acabou de implantar a CPI do BNDES e dos fundos de pensões.
    EduardoTRT12
    EduardoTRT12
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 34
    Reputação : 2
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por EduardoTRT12 Sex 17 Jul 2015, 5:42 pm

    galo-bh escreveu:O mais legal do pessoal da comissão que foi conversar...
    Lewandovski falou que chegou a viajar 120km para conversar com dilma sobre o projeto, em Portugal, tentando mostrar seu esforço...
    O povo da comissão rebateu: ministro, nem precisaria de tanto, só andar 200 metros em Brasília que vc conversa com ela!!
    Palmas para o povo do Sitraemg, outro sindicato que tiramos dos cutistas!!


    hahahahaahahaahahahahaaaaa !!!!!!

    Morri. Caí da cadeira. Fantástica a resposta.
    milhocolin
    milhocolin
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Hey, Apple!
    Mensagens : 620
    Reputação : 21
    Data de inscrição : 17/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por milhocolin Sex 17 Jul 2015, 5:43 pm

    A parte dos prints do Amarildo não é brincadeira.

    Ele realmente afirmou isso, por mensagens, a um colega que o interpelou a respeito da possibilidade de veto parcial.

    E isso foi logo após a sessão plenária do dia 30, num dos dias que se seguiram de imediato (um ou dois, no máximo).

    Por isso causa estranheza esse papo mole de que Lewa ligou para Amarildo. Papo furado!
    Henrique
    Henrique
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 223
    Reputação : 19
    Data de inscrição : 01/04/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Henrique Sex 17 Jul 2015, 5:44 pm

    JFRJ Rey escreveu:O walter ou valter do sisejufe disse hj aqui na jfrj na Rio Branco que o Lewandowski só irá se manifestar após o veto/sançao. Disse tb q no dia da sessao do senado estavam negociando um percentual de 33% sobre a folha ( e que o plc representa 38%). E esse calculo seria 10% no vb e resto na gaj.
    Questionei pq lewandowski mandou ofício dizendo q as anegociacoes estavam avançadas e nenhuma nova proposta foi apresentada, inclusive essa. Ele disse que eu perdi o inicio da fala dele quando informou q nao queriam virar parametro para os servidores do executivo.
    Disse, ainda, q lewandowski nao fara nada sem a aceitacao da categoria.
    A fala dele foi toda no sentido de amedrontar por um possivel zero em 2016, ja q o orçamento tem q ser enviado em agosto, sem q haja tempo de analise do veto no CN.
    Questionaram sobre a possibilidade de enviar o orçamento com o valor integral e ele disse que ha anos o governo corta.
    Ou seja, até o sindicato joga com o governo. O questionamento sobre o que ponciano faz la, ja que prefere a manutençao do governo ao nosso aumento ficará para a proxima oportunidade.

    Agora só falta os terroristas dizerem que no dia da votação estavam negociando valores acima do PLC 28/2015, posto que achavam que a tabela já estaria desatualizada..., mas com a aprovação a catiguria atropelou tudo.... troll2
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 17 Jul 2015, 5:44 pm

    Interessante observar a rapidez e o tamanho do levante ocorrido após alguns importantes sindicatos terem sido limpos de direções governistas/cutistas. Em muito tempo não sentia um otimismo e esperança na força e união dos servidores do judiciário da União.
    avatar
    galo-bh
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 266
    Reputação : 39
    Data de inscrição : 02/12/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por galo-bh Sex 17 Jul 2015, 5:46 pm

    Aroldo Rique escreveu:
    galo-bh escreveu:O mais legal do pessoal da comissão que foi conversar...
    Lewandovski falou que chegou a viajar 120km para conversar com dilma sobre o projeto, em Portugal, tentando mostrar seu esforço...
    O povo da comissão rebateu: ministro, nem precisaria de tanto, só andar 200 metros em Brasília que vc conversa com ela!!
    Palmas para o povo do Sitraemg, outro sindicato que tiramos dos cutistas!!

    KKKKK, tem.isso no vídeo?

    Aroldo, isso o pessoal que nos falou lá no ato após saírem da reunião...
    JUDiado
    JUDiado
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 218
    Reputação : 9
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por JUDiado Sex 17 Jul 2015, 5:46 pm

    O que vai ter de boato, balela, absurdo até terça baterá recorde!
    Haja coração, estômago e saco pra aguentar isso aqui!
    VETA LOGO!
    fabiomodel
    fabiomodel
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1059
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 14/08/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por fabiomodel Sex 17 Jul 2015, 5:53 pm

    Com a instalação da CPI do BNDES, os 10 bi do plc 28/2015 são o menor dos problemas..
    avatar
    wlalve
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 192
    Reputação : 8
    Data de inscrição : 29/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por wlalve Sex 17 Jul 2015, 5:55 pm

    Voces não conseguem ver que nesse momento o STF atráves de seu presidente não negocia o nosso aumento com o Executivo é ao contrário ele esta trabalhando para o governo, ele esta negociando um reajuste que interesse ao governo e que consiga desarmar a Luta no congresso.

    Independente de quebrarmos o veto ou não essa será uma luta cansativa que o governo não gostaria de lutar. E se perder, depois de todo terrorismo que eles fizeram sobre o assunto , inflando sua importância ao ponto de dizer que o reajuste desestabilizaria o País, será uma derrota gigantesca.

    Mas foi o próprio governo que criou essa situação. Fazemos um grande serviço a nação e a nós mesmos lutando pela derrubada desse veto. Essa é a luta de uma vida e independe de resultado.

    LUTEMOS POIS
    Lord Sith
    Lord Sith
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2138
    Reputação : 91
    Data de inscrição : 25/05/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Lord Sith Sex 17 Jul 2015, 5:55 pm

    milhocolin escreveu:A parte dos prints do Amarildo não é brincadeira.

    Ele realmente afirmou isso, por mensagens, a um colega que o interpelou a respeito da possibilidade de veto parcial.

    E isso foi logo após a sessão plenária do dia 30, num dos dias que se seguiram de imediato (um ou dois, no máximo).

    Por isso causa estranheza esse papo mole de que Lewa ligou para Amarildo. Papo furado!

    Não faz sentido algum. O que vai ocorrer é que o aumento vai ser em dois exercícios 55% em um e 45% em outro. Ou seja, 5,5 bi em 2016 e 4,5 bi em 2017.
    Papa Mike em QRU
    Papa Mike em QRU
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Soldadinho amarelo
    Mensagens : 798
    Reputação : 17
    Data de inscrição : 21/05/2012
    Localização : Crateús - CE

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Papa Mike em QRU Sex 17 Jul 2015, 5:56 pm

    Henrique escreveu:
    JFRJ Rey escreveu:O walter ou valter do sisejufe disse hj aqui na jfrj na Rio Branco que o Lewandowski só irá se manifestar após o veto/sançao. Disse tb q no dia da sessao do senado estavam negociando um percentual de 33% sobre a folha ( e que o plc representa 38%). E esse calculo seria 10% no vb e resto na gaj.
    Questionei pq lewandowski mandou ofício dizendo q as anegociacoes estavam avançadas e nenhuma nova proposta foi apresentada, inclusive essa. Ele disse que eu perdi o inicio da fala dele quando informou q nao queriam virar parametro para os servidores do executivo.
    Disse, ainda, q lewandowski nao fara nada sem a aceitacao da categoria.
    A fala dele foi toda no sentido de amedrontar por um possivel zero em 2016, ja q o orçamento tem q ser enviado em agosto, sem q haja tempo de analise do veto no CN.
    Questionaram sobre a possibilidade de enviar o orçamento com o valor integral e ele disse que ha anos o governo corta.
    Ou seja, até o sindicato joga com o governo. O questionamento sobre o que ponciano faz la, ja que prefere a manutençao do governo ao nosso aumento ficará para a proxima oportunidade.

    Agora só falta os terroristas dizerem que no dia da votação estavam negociando valores acima do PLC 28/2015, posto que achavam que a tabela já estaria desatualizada..., mas com a aprovação a catiguria atropelou tudo.... troll2

    Poizé, e que esse atropelo do conlutas prejudicou uma proposta do governo que aumento de 48% na folha e que, com esse aumento, passaríamos a ganhar mais que um consultor do senado em início de carreira. só que os malvados saíram atropelando tudo e lascou de vez...
    esse discurso é pra enganar besta. conversa
    mdsfabio
    mdsfabio
    Novo Usuário

    Mensagens : 1
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 07/07/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por mdsfabio Sex 17 Jul 2015, 5:56 pm

    17/07/2015 17:08

    Pressão da categoria e contradições fazem STF “admitir” defesa do PLC 28

    Textos divulgados por pelo menos dois sindicatos cujas direções são ligadas ao governo Dilma dizem que o diretor-geral do Supremo Tribunal Federal, Amarildo Vieira, convocou uma reunião, por fora da organização sindical nacional da categoria, para desdizer o que dissera na véspera aos representantes dos servidores. Ao que parece, a repercussão negativa e as contradições geradas pela afirmação do diretor-geral de que o ministro Ricardo Lewandowski não intercedera mais em favor do projeto de reajuste salarial, após a aprovação do PLC 28 no Senado, teriam levado o tribunal a montar a reunião com supostos “interlocutores” da categoria escolhidos a dedo.


    No entanto, o recuo do Supremo, que agora diz que teria atuado a favor do PLC 28/15 mesmo após a votação no Senado e que defenderá o reajuste salarial seja qual for a decisão da presidente Dilma Rousseff (PT) sobre o projeto esvazia a própria versão oficial de que a pressão dos servidores para votar o PLC 28/15 teria sido um “erro”. O diretor do STF tentou “plantar” essa versão na reunião de quarta-feira, 15, com representantes da Fenajufe, do Comando Nacional de Greve, doSindjus/DF e do Sisejufe/RJ. Disse que Lewandowski se sentira desautorizado pela categoria, estaria irritado com postagens nas redes sociais e não se movera mais a favor do PLC 28/15 após o envio da proposta pelo Legislativo para sanção ou veto da presidente Dilma. Afirmou ainda que o presidente do Supremo não receberia mais os representantes sindicais dos servidores e que só após a decisão do governo definiria o que fazer.


    Logo em seguida à audiência, um dirigente da Fenajufe, Roberto Ponciano, que é também sindicalista da CUT e integra o grupo que dirige o Sisejufe/RJ, postou nas redes sociais áudio em que corrobora com a visão apresentada pelo STF para a questão, chegando a dizer que o ministro Lewandowski tinha motivos para não mais interceder a favor da proposta, já que estaria sendo “achincalhado” por servidores. O curioso é que coube à própria direção do Sisejufe/RJ, sem autorização ou conhecimento da base da categoria no estado, a “tarefa” de participar do encontro montado às pressas no dia seguinte para “desmentir” o que de essencial se dissera na véspera.


    Encontro no Porto


    A nova versão do suposto cenário das negociações após o PLC 28/15 ser aprovado no Congresso foi divulgado por pelo menos dois sindicatos – o Sisejufe, do Rio, e o Sindiquinze, cuja sede principal é em Campinas (SP). Ambos estão entre os poucos que permanecem filiados à Central Única dos Trabalhadores (CUT) no Judiciário Federal e no MPU e são dirigidos por sindicalistas que defendem o governo Dilma, apesar dos sucessivos “vetos” da presidente ao reajuste salarial da categoria. Teriam participado da reunião o presidente do Sindiquinze/SP, Zé Aristéia, o presidente do Sisejufe/RJ, Valter Nogueira, o secretário-geral da Anajustra, Alexandre Seixas, o presidente da Agelpojus, Edmilton Gomes, o diretor de base do Sisejufe Roberto Ponciano, e o servidor do TJDF Jailton Assis. O texto publicado nos dois sindicatos é basicamente o mesmo – não havendo, porém, indicação explícita sobre de quem é a autoria.


    Segundo o relato, durante a segunda reunião conduzida pelo diretor-geral, Lewandowski teria passado brevemente pela sala e dito aos servidores que conversou sim com Dilma sobre o projeto durante o encontro dos dois na cidade do Porto, em Portugal, quando teria se deslocado 120 quilômetros de onde estava, em Coimbra, para isso. Lewandowski vinha sendo cobrado pela mídia e por setores da oposição ao governo sobre o teor do encontro, por fora da agenda oficial, que tivera com a presidente Dilma em terras portuguesas, já que eventuais processos contra ela tendem a passar pelo Supremo.


    Sem propostas


    Na confusão de informações difundidas pelos sindicalistas da CUT que se articularam com o STF nessa tentativa de repassar para a categoria a responsabilidade pelo possível veto, foi mencionado uma suposta proposta de acordo que estaria para ser finalizada poucos dias após a sessão do Senado que aprovou o PLC 28/15, de acordo com o diretor-geral. Concretamente, porém, até hoje nada foi apresentado além dos 21,3% em quatro anos.


    Não só não houve proposta como jamais foi divulgado pelo STF que algo já estaria quase sendo fechado – o que, mais uma vez, seria contraditório com o documento enviado pelo ministro Lewandowski ao Senado, que não afirma isso, e com os próprios argumentos das lideranças do governo no Congresso para evitar a votação. É também difícil de explicar por que o tribunal não teria tornado isso público, caso existisse qualquer proposta que solucionasse o impasse com o Executivo antes da votação no Senado. O que se disse àquela altura, e é de conhecimento público, é que as supostas negociações estavam em curso, mas tudo ainda permanecia indefinido.


    Fortalecer a greve


    Reunido na noite dessa quinta-feira, 16, o Comando Nacional de Greve criticou o que ocorreu e ressaltou que a definição de quem negocia em nome da categoria cabe aos servidores em seus fóruns sindicais, não ao STF. O Comando reafirmou a unidade da categoria em torno da federação, cobrou explicações dos sindicatos envolvidos, manteve a orientação de fortalecer a greve e adequou o calendário de mobilizações. A proposta é fazer de 21 a 22 de julho dias de protestos, apagões e greve total da categoria em Brasília e nos estados para exigir a sanção do PLC 28/15.


    Editado por Sintrajufe/RS; fonte: LutaFenajufe Notícias, por Hélcio Duarte.
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por TRF1/MG Sex 17 Jul 2015, 5:57 pm

    Essa do veto parcial aumentar o impacto orçamentário juro que não entendi. Tentei até, mas não consegui. Alguém poderia tentar explicar.
    servidor.tre
    servidor.tre
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1310
    Reputação : 38
    Data de inscrição : 30/10/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por servidor.tre Sex 17 Jul 2015, 5:59 pm

    TRF1/MG escreveu:Essa do veto parcial aumentar o impacto orçamentário juro que não entendi. Tentei até, mas não consegui. Alguém poderia tentar explicar.

    É migué do cara...não tem mais o que argumentar !!!!
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por TRF1/MG Sex 17 Jul 2015, 6:00 pm

    Essas conversas com o Lewa só levam a fortalecer o que já sabíamos: ESTAMOS NA LUTA SOZINHOS E VAMOS EM FRENTE.
    JACKLUTADOR
    JACKLUTADOR
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 53
    Reputação : 8
    Data de inscrição : 18/06/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por JACKLUTADOR Sex 17 Jul 2015, 6:01 pm

    Caros,

    RUMO À DERRUBADA DO VETO:

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Sorte a todos
    fabiomodel
    fabiomodel
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1059
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 14/08/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por fabiomodel Sex 17 Jul 2015, 6:01 pm

    Quando diz que "aumenta o impacto" acredito que queira dizer que aumenta o impacto num mesmo exercício: é melhor pagar 1bi em 2015 e 5bi em 2016 ao invés de 6bi em 2016 (por exemplo). Só pode ser isso.
    Jack Tequila
    Jack Tequila
    Novo Usuário

    Mensagens : 28
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Jack Tequila Sex 17 Jul 2015, 6:02 pm

    servidor.tre escreveu:
    TRF1/MG escreveu:Essa do veto parcial aumentar o impacto orçamentário juro que não entendi. Tentei até, mas não consegui. Alguém poderia tentar explicar.

    É migué do cara...não tem mais o que argumentar !!!!

    Simples, o PL com veto parcial é mais caro do que outro PL rebaixado.
    Dfernandes
    Dfernandes
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 362
    Reputação : 37
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Dfernandes Sex 17 Jul 2015, 6:02 pm

    ricnatal escreveu:
    grazi escreveu:Eu sou do MPU e tenho a mesma sensação, pior é que não vejo força para conseguir algo melhor e tenho certeza que o Janot já nos rifou pela sua recondução.

    RELATOR escreveu:parece que o MPU vai ficar pra Tras!!

    Pessoal do MPU,

    Por incrível que pareça a situação de vcs é extremamente confortável, graças ao vínculo com o pJU, e o melhor é que o PL de vcs não seja apreciado agora:

    1º ) Vcs seguirão na esteira do que for decidido para o JUD, se tiver veto e o for derrubado, o de vcs será aprovado e sancionado, dúvido que a louca dê margem para uma segunda paulada nos mesmo moldes, isso se ela ainda tiver lá, torço pela sua derrubada e para que o TEMER assuma o que tornaria mais fácil ainda,

    2º) Se o PLC tiver veto parcial o de vcs sofre emenda de adequação orçamentária e segue o do JUD.

    3º) Essa é a pior hipótese, se o veto não for derrubado, DÚVIDO, vcs sofrerão emenda para se adequar a um novo PL do JUD.

    CONCLUSÃO : Vcs seguirão PARA O BEM OU PRA O MAL O PL DO JUD.

    OBS( ACHISMO PESSOAL) .: O PGR RODARÁ, E SE FOR INDICADO SUA RECONDUÇÃO SERÁ MAIS UMA PRO CUNHA/RENAN DAR NA CABEÇA DA DILMA.

    Minha leitura é parecida. Acho que a situação dos colegas do MPU é mais confortável do que a dos servidores do judiciários. Na pior das hipóteses, terão o que o judiciário conseguir. Menos, nunca.
    o Iluminado
    o Iluminado
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 218
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 27/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por o Iluminado Sex 17 Jul 2015, 6:03 pm

    TRF1/MG escreveu:Essa do veto parcial aumentar o impacto orçamentário juro que não entendi. Tentei até, mas não consegui. Alguém poderia tentar explicar.

    pois é....o orçamento não é calculado anualmente????
    o impacto no exercício será o mesmo
    milhocolin
    milhocolin
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Hey, Apple!
    Mensagens : 620
    Reputação : 21
    Data de inscrição : 17/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por milhocolin Sex 17 Jul 2015, 6:04 pm

    Lord Sith escreveu:
    milhocolin escreveu:A parte dos prints do Amarildo não é brincadeira.

    Ele realmente afirmou isso, por mensagens, a um colega que o interpelou a respeito da possibilidade de veto parcial.

    E isso foi logo após a sessão plenária do dia 30, num dos dias que se seguiram de imediato (um ou dois, no máximo).

    Por isso causa estranheza esse papo mole de que Lewa ligou para Amarildo. Papo furado!

    Não faz sentido algum. O que vai ocorrer é que o aumento vai ser em dois exercícios 55% em um e 45% em outro. Ou seja, 5,5 bi em 2016 e 4,5 bi em 2017.

    Que não faz sentido, acho que todos nós sabemos.

    like
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por TRF1/MG Sex 17 Jul 2015, 6:04 pm

    fabiomodel escreveu:Quando diz que "aumenta o impacto" acredito que queira dizer que aumenta o impacto num mesmo exercício: é melhor pagar 1bi em 2015 e 5bi em 2016 ao invés de 6bi em 2016 (por exemplo). Só pode ser isso.

    1 bi de 2015 vai ter que ser pago em 2016, mais uns 5 bi, logo da os 6 bi. E se vetar parcial ainda economiza 1 bi de 2015.
    Podem tentar fazer o calculo que quiser, mas não fecha a conta. Tá certo que fiz direito e não sou bom em matematica, mas essa conta não fecha "Dotô".
    srodrigues
    srodrigues
    Novo Usuário

    Mensagens : 21
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 02/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por srodrigues Sex 17 Jul 2015, 6:05 pm

    mdsfabio escreveu:17/07/2015 17:08

    Pressão da categoria e contradições fazem STF “admitir” defesa do PLC 28

    Textos divulgados por pelo menos dois sindicatos cujas direções são ligadas ao governo Dilma dizem que o diretor-geral do Supremo Tribunal Federal, Amarildo Vieira, convocou uma reunião, por fora da organização sindical nacional da categoria, para desdizer o que dissera na véspera aos representantes dos servidores. Ao que parece, a repercussão negativa e as contradições geradas pela afirmação do diretor-geral de que o ministro Ricardo Lewandowski não intercedera mais em favor do projeto de reajuste salarial, após a aprovação do PLC 28 no Senado, teriam levado o tribunal a montar a reunião com supostos “interlocutores” da categoria escolhidos a dedo.


    No entanto, o recuo do Supremo, que agora diz que teria atuado a favor do PLC 28/15 mesmo após a votação no Senado e que defenderá o reajuste salarial seja qual for a decisão da presidente Dilma Rousseff (PT) sobre o projeto esvazia a própria versão oficial de que a pressão dos servidores para votar o PLC 28/15 teria sido um “erro”. O diretor do STF tentou “plantar” essa versão na reunião de quarta-feira, 15, com representantes da Fenajufe, do Comando Nacional de Greve, doSindjus/DF e do Sisejufe/RJ. Disse que Lewandowski se sentira desautorizado pela categoria, estaria irritado com postagens nas redes sociais e não se movera mais a favor do PLC 28/15 após o envio da proposta pelo Legislativo para sanção ou veto da presidente Dilma. Afirmou ainda que o presidente do Supremo não receberia mais os representantes sindicais dos servidores e que só após a decisão do governo definiria o que fazer.


    Logo em seguida à audiência, um dirigente da Fenajufe, Roberto Ponciano, que é também sindicalista da CUT e integra o grupo que dirige o Sisejufe/RJ, postou nas redes sociais áudio em que corrobora com a visão apresentada pelo STF para a questão, chegando a dizer que o ministro Lewandowski tinha motivos para não mais interceder a favor da proposta, já que estaria sendo “achincalhado” por servidores. O curioso é que coube à própria direção do Sisejufe/RJ, sem autorização ou conhecimento da base da categoria no estado, a “tarefa” de participar do encontro montado às pressas no dia seguinte para “desmentir” o que de essencial se dissera na véspera.


    Encontro no Porto


    A nova versão do suposto cenário das negociações após o PLC 28/15 ser aprovado no Congresso foi divulgado por pelo menos dois sindicatos – o Sisejufe, do Rio, e o Sindiquinze, cuja sede principal é em Campinas (SP). Ambos estão entre os poucos que permanecem filiados à Central Única dos Trabalhadores (CUT) no Judiciário Federal e no MPU e são dirigidos por sindicalistas que defendem o governo Dilma, apesar dos sucessivos “vetos” da presidente ao reajuste salarial da categoria. Teriam participado da reunião o presidente do Sindiquinze/SP, Zé Aristéia, o presidente do Sisejufe/RJ, Valter Nogueira, o secretário-geral da Anajustra, Alexandre Seixas, o presidente da Agelpojus, Edmilton Gomes, o diretor de base do Sisejufe Roberto Ponciano, e o servidor do TJDF Jailton Assis. O texto publicado nos dois sindicatos é basicamente o mesmo – não havendo, porém, indicação explícita sobre de quem é a autoria.


    Segundo o relato, durante a segunda reunião conduzida pelo diretor-geral, Lewandowski teria passado brevemente pela sala e dito aos servidores que conversou sim com Dilma sobre o projeto durante o encontro dos dois na cidade do Porto, em Portugal, quando teria se deslocado 120 quilômetros de onde estava, em Coimbra, para isso. Lewandowski vinha sendo cobrado pela mídia e por setores da oposição ao governo sobre o teor do encontro, por fora da agenda oficial, que tivera com a presidente Dilma em terras portuguesas, já que eventuais processos contra ela tendem a passar pelo Supremo.


    Sem propostas


    Na confusão de informações difundidas pelos sindicalistas da CUT que se articularam com o STF nessa tentativa de repassar para a categoria a responsabilidade pelo possível veto, foi mencionado uma suposta proposta de acordo que estaria para ser finalizada poucos dias após a sessão do Senado que aprovou o PLC 28/15, de acordo com o diretor-geral. Concretamente, porém, até hoje nada foi apresentado além dos 21,3% em quatro anos.


    Não só não houve proposta como jamais foi divulgado pelo STF que algo já estaria quase sendo fechado – o que, mais uma vez, seria contraditório com o documento enviado pelo ministro Lewandowski ao Senado, que não afirma isso, e com os próprios argumentos das lideranças do governo no Congresso para evitar a votação. É também difícil de explicar por que o tribunal não teria tornado isso público, caso existisse qualquer proposta que solucionasse o impasse com o Executivo antes da votação no Senado. O que se disse àquela altura, e é de conhecimento público, é que as supostas negociações estavam em curso, mas tudo ainda permanecia indefinido.


    Fortalecer a greve


    Reunido na noite dessa quinta-feira, 16, o Comando Nacional de Greve criticou o que ocorreu e ressaltou que a definição de quem negocia em nome da categoria cabe aos servidores em seus fóruns sindicais, não ao STF. O Comando reafirmou a unidade da categoria em torno da federação, cobrou explicações dos sindicatos envolvidos, manteve a orientação de fortalecer a greve e adequou o calendário de mobilizações. A proposta é fazer de 21 a 22 de julho dias de protestos, apagões e greve total da categoria em Brasília e nos estados para exigir a sanção do PLC 28/15.


    Editado por Sintrajufe/RS; fonte: LutaFenajufe Notícias, por Hélcio Duarte.

    Alguém avisa pro Amarildo que o Jailton não faz mais parte da direção do Sindjus.
    avatar
    talmeida
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 647
    Reputação : 16
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por talmeida Sex 17 Jul 2015, 6:05 pm

    Recebi um vídeo agora lá do ato de Minas e no final o cara do microfone informa o seguinte a respeito de uma fala do Lewando: Caso haja veto, lutem pela derrubada veto! Pelo que se falou, o próprio ministro disse isto.

    Então, vamos atrás de derrubar o veto, galeraaaa....

    É greve neleeees!
    milhocolin
    milhocolin
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Hey, Apple!
    Mensagens : 620
    Reputação : 21
    Data de inscrição : 17/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por milhocolin Sex 17 Jul 2015, 6:05 pm

    TRF1/MG escreveu:Essas conversas com o Lewa só levam a fortalecer o que já sabíamos: ESTAMOS NA LUTA SOZINHOS E VAMOS EM FRENTE.

    Exato! Que fique claro que não sou eu que estou argumentando, isso foi o que Amarildo disse, para justificar a impossibilidade de veto parcial.

    Disse também que "todos os anos se senta à mesa com o Governo e negocia índices, o que vem dando certo"

    Sim, "dando certo". PASMEM!
    PCS-TRE
    PCS-TRE
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1771
    Reputação : 154
    Data de inscrição : 27/02/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por PCS-TRE Sex 17 Jul 2015, 6:07 pm

    Se a Dilma se ausentar nos próximos dias....

    Não será o Temer que sancionará/vetará nosso PL.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    6:02 \ Governo


    E o Temer? Vai para NY


    Temer vai vi\ajar
    Temer vai vi\ajar

    Michel Temer mudo está, mudo ficará. Mas tomará um chá de sumiço em meio ao tumulto que envolve o governo e o seu companheiro de partido Eduardo Cunha na Lava-Jato. Segue com a família amanhã para uma semana de três dias de trabalho e quatro de férias em Nova York. Ninguém é de ferro.

    A temporada de férias, registre-se, já estava marcada, há tempos, para ocorrer justamente durante o recesso do Legislativo.

    Temer vai se encontrar com empresários americanos com investimentos no Brasil e terá uma conversa na American Bar Association, a ordem dos advogados americana.

    Em tempos de caça às bruxas, será precavido: vai pagar passagens e hospedagem do seu bolso.
    Por Lauro Jardim
    avatar
    RELATOR
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1845
    Reputação : 77
    Data de inscrição : 07/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por RELATOR Sex 17 Jul 2015, 6:08 pm

    O pior sindicayo ero o sindjusdf na epoca do poli e sua corja agora é o sisejuferj
    anuvenzinha
    anuvenzinha
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : ANALISTA
    Mensagens : 1444
    Reputação : 214
    Data de inscrição : 19/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por anuvenzinha Sex 17 Jul 2015, 6:09 pm

    Lula Molusco escreveu:
    Pablo Souza escreveu:
    Miseravão escreveu:
    Pablo Souza escreveu:O jogo sujo do terrorismo do veto já começou. Já leram o posto do Ponciano no Facebook, sobre o Conlutas?

    Pode postar aqui? Nem todos tem acesso ao Facebook. Obrigado!

    Conlutas leva categoria do Judiciário a um beco sem saída.
    Com informações privilegiadas sobre acordo a ser fechado dois dias depois da votação, e sonegando as informações ao movimento e à própria Fenajufe, o Conlutas levou a categoria à aventura do veto total.
    Numa política de morde e assopra, ao mesmo tempo que leva a cabo as loucuras e aventuras mais descabidas, como pedido virtual de "impeachment" do Ministro Lewandowski e cartazes chulos do tipo "Lewandowski, capacho da Dilma", os companheiros que são leões no discurso, suplicam para serem recebidos pelo Ministro do STF, e quando estão na frente dele nem chegam perto do discurso pseudo-radical que fazem ao longe.
    Na verdade o Conlutas foi para o tudo ou nada esperando que o STF fosse negociar e buscar uma saída, como adolescente que faz festas, bebe demais, quebra os pratos e fica esperando o pai para pagar a conta.
    Do momento em que o STF saiu da mesa de negociação e disse, quem apostou no tudo ou nada que resolva a vida da categoria, o Conlutas alega a própria parvalhice, pois ao mesmo tempo que diz que o Presidente do STF é mero seguidor da Presidente da República o denuncia por não fazer a articulação política.
    Isto é até erro de lógica.
    Ou o Presidente Lewandowski é o articulador capaz de negociar o projeto, ou é mero executar das ordens de Dilma, as duas coisas é impossível.
    Num jogo esquizofrênico de dizer que vai aprovar, conseguir a sanção ou derrubar o veto, ao mesmo tempo em que suplica, implora a ajuda do STF, o que o Conlutas conseguiu foi se inviabilizar na negociação do projeto e não ser mais recebido para negociar com o Supremo.
    No desespero, o que resta ao Conlutas?
    Ataques pessoais a quem sim, continua negociando e articulando o projeto, porque o custo político do veto será deles, e não terão NADA PARA APRESENTAR COMO ALTERNATIVA À CATEGORIA, POSTO QUE ESTÃO FORA DA MESA DE NEGOCIAÇÃO.
    Quem tem articulação política, capacidade de intervir e de negociar, continuará negociando e vai trabalhar para trazer uma alternativa ao beco sem saídas em que o Conlutas nos colocou.

    O principal culpado de não ter acordo chama-se Dilma. Ninguém pode se responsabilizado por isso.

    Mas como expliquei antes. É estranho Adilson ter sido informado de um possível fechamento de acordo e não ter repassado esta informação. Aí estraga a firma...


    COMO DISSE AQUI DIAS ATRÁS ESSA PROPOSTA REBAIXADA DE 44%/45% NUNCA TEVE AVAL DO GOVERNO. SALVO ENGANO SERIA EM 4 ANOS. ISSO ESTAVA SENDO GESTADO NO STF. O PERNALONGA USOU O TERMO CORRETO: DISCUTIDA COM O GOVERNO O QUE É MUITO DIFERENTE DE "ACEITA PELO GOVERNO". DAQUI PRA FRENTE VÃO SURGIR INÚMEROS BOATOS OU COMENTÁRIOS SOBRE O VETO E/OU PROPOSTAS HIPOTÉTICAS QUE NUNCA FORAM ACEITAS PELO GOVERNO! O AMARILDO QUE SAIR POR CIMA, DANDO O AR QUE TINHA ALGO ACORDADO E QUE OS SERVIDORES/FENAJUFE NÃO CUTISTA/SINDJUS-DF ATRAPALHARAM VIA APROVAÇÃO DO PLC 28.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 17 Jul 2015, 6:09 pm

    TRF1/MG escreveu:Essa do veto parcial aumentar o impacto orçamentário juro que não entendi. Tentei até, mas não consegui. Alguém poderia tentar explicar.


    A única explicação é que o coleguinha do Subalterno Tribunal Federal é o mais petralha dos petealhas entre os pobres Técnicos em todo o Judiciário... Autodestrutivo!

    Que papel desse Técnico... Eu já teria entregue o cargo há tempo!
    brunomartins
    brunomartins
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 72
    Reputação : 8
    Data de inscrição : 16/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por brunomartins Sex 17 Jul 2015, 6:09 pm

    Disputando o título de pior com o sindiquinze, que é CUT e também defende o projeto de poder!
    Del Piero
    Del Piero
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 432
    Reputação : 25
    Data de inscrição : 17/12/2014
    Localização : Rio de Janeiro

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Del Piero Sex 17 Jul 2015, 6:10 pm

    talmeida escreveu:Recebi um vídeo agora lá do ato de Minas e no final o cara do microfone informa o seguinte a respeito de uma fala do Lewando: Caso haja veto, lutem pela derrubada veto! Pelo que se falou, o próprio ministro disse isto.

    Então, vamos atrás de derrubar o veto, galeraaaa....

    É greve neleeees!

    VAMOS DERRUBAR O VETO !

    FÉ EM DEUS, DJ!
    PCS-TRE
    PCS-TRE
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1771
    Reputação : 154
    Data de inscrição : 27/02/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por PCS-TRE Sex 17 Jul 2015, 6:13 pm

    o Iluminado escreveu:
    TRF1/MG escreveu:Essa do veto parcial aumentar o impacto orçamentário juro que não entendi. Tentei até, mas não consegui. Alguém poderia tentar explicar.

    pois é....o orçamento não é calculado anualmente????
    o impacto no exercício será o mesmo

    Aumenta o impacto se comparar com os 21,3% ou até mesmo com os 33(45)%.

    Em primeiro lugar por que o PLC 28 é mais caro em valores absolutos, mesmo retirando 2015.

    Em segundo lugar, porque todos os cenários/boatos de possível índice com possibilidade de ser endossado pelo governo tem implantação em parcelas anuais, enquanto que o PLC é semestral.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 17 Jul 2015, 6:14 pm

    Não haverá dia melhor para a sanção, ainda mais que será parcial, do que hoje!

    Absolutamente TODOS holofotes da mídia sobre o Cunha!

    Plc 28 sancionado parcialmente hoje, nem será mais noticiado na segunda-feira!

    Essa mandioca não enxerga isso?

    Que governo mequetrefe do caceteh esse!
    shinobi
    shinobi
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 536
    Reputação : 53
    Data de inscrição : 24/05/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por shinobi Sex 17 Jul 2015, 6:15 pm


    like like like like like like
    RELATOR escreveu:O pior sindicayo ero o sindjusdf na epoca do poli e sua corja agora é o sisejuferj
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 17 Jul 2015, 6:15 pm

    lbarreto escreveu:
    MPF SP escreveu:
    VANDER DE PAULA escreveu:
    AnalistaTrabalhista escreveu:

    Eu voto para que esse site seja retirado do ar. Apesar de ser uma boa iniciativa, pode dar resultado inverso.

    Sobre a pressão nos congressistas, penso também que isso deve ser visto com cuidado, para que de fato não fiquem constrangidos. Acompanhei a sessão do Senado onde o PL 41 quase foi votado, e tenho pra mim que não foi por conta da bagunça de vuvuzelas. Os congressistas são muito lisos, podem mudar de ideia por qualquer motivo. Só isso que digo.


    É cada idéia ! ! Este site é o que une os servidores.

    Nenhum sindicato,  ou Fenajufe, ou facetruque une
    a categoria mais, só este fórum. Apesar dos pesares..

    Vander, acho que o colega não estava se referindo ao pcsja.org e sim esse aqui: https://inimigosdojudiciario.wordpress.com

    Alteraram o título na página do site, mas o endereço continua como inimigos. Assim, quando forem olhar o link é isso que vão pensar, que é uma página dos inimigos do judiciário.
    Eu já falei, que fez o site pelo Wordpress pode fazer outro site com o endereço correto e importar o conteúdo do site anterior e aí apagar esse tal de inimigos.

    Vocês se esqueceram de quem tem um aparato cibernético a seu favor: os Mav's! Pode ser uma estratégia dos governistas ofenderem os parlamentares fazendo-se passar por nós, embora não duvide do raciocínio curto de uns e dos maus modos de outros...
    Já havia dito noutras postagens algo sobre persuasão. Mas tem gente que prefere crer que o poder de um xingamento e superior ao de um elogio...
    Deve-se tentar persuadir os que ainda não nos apoiam, não ofender ou agredir. É uma sedução: alguém aqui ainda dá golpes de clava ou tacape para conquistar outrem...
    gomescoe
    gomescoe
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 234
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 09/11/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por gomescoe Sex 17 Jul 2015, 6:19 pm

    RELATOR escreveu:O pior sindicayo ero o sindjusdf na epoca do poli e sua corja agora é o sisejuferj


    Rapaz, eu sou do Rio de Janeiro e posso te garantir: nosso Estado é um dos mais atrasados - senão o mais - do Brasil em matéria de organização sindical, por conta da nossa esquerdopatia política. Enquanto o Nordeste, por exemplo, abraçou o PT por razões meramente pragmáticas, o que, ao contrário do que muitos pensam, demonstra perspicácia, nós cidadãos fluminenses estamos arraigados neste infeliz caminho por pura opção ideológica completamente injustificável, a qual continua refletindo com força no meio sindical, vide Ponciano e companhia. Triste...
    Tchê
    Tchê
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 510
    Reputação : 71
    Data de inscrição : 23/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Tchê Sex 17 Jul 2015, 6:20 pm

    Façam suas apostas.

    Quem cai primeiro ?

    a) O tal veto da Dilma.

    b) a Dilma.

    c) o Cunha.

    d) o Renan.

    e) o Collor.

    Obs: Se votar em todos tem que acertar a ordem das derrocadas.

    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 17 Jul 2015, 6:21 pm

    Del Piero escreveu:
    talmeida escreveu:Recebi um vídeo agora lá do ato de Minas e no final o cara do microfone informa o seguinte a respeito de uma fala do Lewando: Caso haja veto, lutem pela derrubada veto! Pelo que se falou, o próprio ministro disse isto.

    Então, vamos atrás de derrubar o veto, galeraaaa....

    É greve neleeees!

    VAMOS DERRUBAR O VETO !

    FÉ EM DEUS, DJ!


    Se ele realmente disse isso, não vai ter a coragem de mandar pl rebaixado... Então isso é tudo que precisamos!



    Nossa batalha será travada no Congresso... Vamos derrubar o veto, se ocorrer!

    Quanto mais o tempo se esgota mais acredito que vamos vencer... Estou feito a maré, mas o cenário político empurra para sanção com caneta na mão! Apenas postergando o início do pagamento!


    Eduardo Cunha me pareceu MUITO tranquilo... NÃO duvido muito de que tenha armação do governo para tirar o foco de Dilma e da queda dela!

    Conteúdo patrocinado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg 06 Dez 2021, 11:25 pm