PCS JÁ

PCS JÁ



    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 12:26 am

    Bem, não imaginava que o saco de maldades ainda contivesse algum brinquedo, como essa do reajuste de 16% aos deuses.
    Não sei mais o que pensar de tudo que anda rolando nessa nação de mehda em que transformaram nosso país.
    Só me passa pela cabeça que o demônio anda solto, e está dando trabalho combatê-lo.
    Como diz o ditado, "nada que não possa ser piorado". Hoje isso ficou provado.

    Rezo a Deus para que tenhamos energia para terminar a nossa tarefa com êxito:

    VAMOS DERRUBAR O VETO AO PLC 28!!!
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:26 am

    DJANGO escreveu:
    Maxiou escreveu:40% pagos no carnê aos soldados e 16% num tapa só aos membros. Entao, 40 + 16= 56% IMPACTO DO PLC 28 que paga tudo (magistratura +CJs) e ainda sobra troco e de quebra vai la na Dilma e diz que economizou, tendo em vista o momento economico.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    que é isso colega. pensa no quarentinha, esquece o prazo (4 anos), que o valor é aquém do pleiteado e necessitamos, e vai ver que é interessante. como alguns lembraram aqui, em 2021, a gente já pode pedir mais um aumento.
    colega vou afanar sua figura, a do deboche. resume esplendidamente o que está sendo estudado/proposto


    Última edição por Morena em Sex 07 Ago 2015, 12:31 am, editado 2 vez(es)
    milhocolin
    milhocolin
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Hey, Apple!
    Mensagens : 620
    Reputação : 21
    Data de inscrição : 17/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por milhocolin Sex 07 Ago 2015, 12:27 am

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Em sessão administrativa, STF aprova proposta orçamentária de 2016 sem recursos para reajuste previsto no PLC 28

    Coordenadores da Fenajufe acompanharam na tarde desta quinta-feira, 6, sessão administrativa do Supremo Tribunal Federal (STF) que aprovou a proposta orçamentária do tribunal para 2016. Com acréscimo de apenas 3% em relação ao valor do ano passado, o orçamento aprovado não leva em conta o reajuste dos servidores. Estiveram presentes à sessão os coordenadores Adilson Rodrigues, Tarcísio Ferreira, Saulo Arcangeli e Eugênia Lacerda.

    O mesmo ocorreu dois dias antes, na terça-feira, 6, quando foi aprovada a proposta orçamentária do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O orçamento foi aprovado também sem conter previsão para o reajuste salarial da categoria.

    Após a aprovação do orçamento do Supremo, o presidente Ricardo Lewandowski falou aos demais ministros sobre o reajuste dos servidores. Disse que se reuniu com os presidentes dos tribunais superiores na noite anterior e com a presidente Dilma Rousseff horas antes, para tratar do assunto. O encontro constou da agenda oficial de ambos, tendo como assunto, de acordo com a página do STF, o reajuste dos servidores.

    Lewandowski disse que no encontro com Dilma foram definidas as bases para uma proposta, já avalizadas pelo governo. Segundo ele, o propósito é alcançar o “melhor reajuste possível” dentro da atual conjuntura, em consideração às perdas salariais acumuladas.

    No entanto, a proposta não estaria ainda fechada. O ministro disse que técnicos do STF e do governo vão trabalhar sobre detalhes ainda pendentes e a nova proposta com valores deve ser apresentada para deliberação pelos ministros em nova sessão administrativa da Corte, prevista para a próxima quarta-feira, 12. O envio de um novo projeto estaria previsto para a sexta-feira, 14.

    Notícia publicada nesta noite na página do STF diz que no encontro “ficou acordado que a equipe técnica do Ministério do Planejamento, com a colaboração da equipe técnica do STF, deve finalizar as negociações para a próxima semana, de modo a concretizar o melhor reajuste possível aos servidores do Poder Judiciário da União, tendo em vista as condições econômicas do presente momento”.

    Magistratura

    Na sequência, Lewandowski disse que no mesmo prazo deve enviar uma proposta para o reajuste dos subsídios dos ministros do STF, que alcança toda a magistratura. De acordo com os portais G1 e EBC, o reajuste giraria em torno de 16%, o que elevaria os subsídios dos ministros para aproximadamente 39 mil reais.

    Além disso, o presidente disse também que pretende dar início à discussão sobre a nova Lei Orgânica da Magistratura a partir da próxima sessão administrativa. Segundo ele, a proposta deve ser discutida em blocos, por assuntos, de acordo com as posições e sugestões do conjunto dos ministros. A proposta divulgada tem conteúdo polêmico, por instituir uma série de benefícios aos magistrados e tratar do poder de investigação do CNJ.

    Pouco antes do início da sessão, o coordenador-geral Adilson Rodrigues falou com Lewandowski em busca de informações. O ministro orientou que os dirigentes sindicais procurassem o diretor-geral, Amarildo Vieira, para obterem mais detalhes sobre o assunto.

    Informações

    No início da noite, os coordenadores da Fenajufe Adilson Rodrigues, Eugênia Lacerda, Roberto Ponciano e Saulo Arcangeli, acompanhados do dirigente do Sindjus/DF José Rodrigues Costa Neto, reuniram-se com o diretor-geral para indagar se havia mais informações do STF à categoria além daquelas já transmitidas por Lewandowski durante a sessão.

    Os dirigentes indagaram se havia um índice definido e reivindicaram mais uma vez contato direto com Lewandowski, que não tem recebido a representação da categoria no STF para tratar da recomposição salarial.

    Sobre o reajuste, Vieira disse que deve ser elaborado um novo projeto, com um reajuste que deve ser menor que o esperado pela categoria, e que o governo pretende que a implementação se dê em quatro anos. O STF estaria trabalhando sobre esse referencial, que resultaria em oito parcelas semestrais, entre 2016 e 2019. Indagado pelos dirigentes, o diretor-geral confirmou que o governo teria avalizado um percentual de 41% sobre o salário efetivo e que o STF trabalharia para elevar esse índice a 46%. Essa informação chegou a ser veiculada em órgãos de imprensa diversos. No entanto, Vieira não mencionou um montante definido, que poderia resultar nesses índices.

    O diretor-geral falou das dificuldades da negociação no atual momento político e econômico, e que Dilma teria concordado e orientado o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, a buscar o melhor reajuste possível dentro das circunstâncias. Ele voltou a afirmar que o STF não vai trabalhar pela derrubada do veto ao PLC 28/2015.

    Os dirigentes reafirmaram a reivindicação da categoria por uma recomposição salarial plena e justa, e que não pode ser imposto um índice rebaixado com prazo ainda maior, tendo em vista as perdas acumuladas por anos e a inflação futura. Reivindicaram ainda que a categoria tenha espaço e que qualquer proposta que venha a ser delineada seja antes submetida aos servidores.

    Para os coordenadores, com a sessão administrativa desta quinta, pouco foi acrescentado ao que já se sabia. O STF deu nova demonstração de haver abandonado o conteúdo do projeto, e confirma que vinha negociando em patamares inferiores com o governo. Parte dessas informações já vinha sendo veiculada pela imprensa, sem que tenha havido um aval nem qualquer comunicação oficial prévia à representação legítima da categoria, apesar das reiteradas solicitações.

    Os servidores seguem em greve nacional desde junho pela recomposição salarial, que vem se expressando na luta pela derrubada do veto de Dilma ao PLC 28/2015, já que a categoria não fez parte de nenhuma negociação entre Judiciário e governo e não recebeu nenhuma proposta para ser apreciada. Por isso, além da busca de apoios no Congresso, em um contexto no qual o próprio governo reconhece o risco de derrubada do veto, a categoria segue cobrando uma posição mais firme, respeitosa e transparente do Judiciário, e não abre mão de ser consultada em qualquer negociação que envolva a reposição salarial.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:29 am

    DJANGO escreveu:Bem, não imaginava que o saco de maldades ainda contivesse algum brinquedo, como essa do reajuste de 16% aos deuses.
    Não sei mais o que pensar de tudo que anda rolando nessa nação de mehda em que transformaram nosso país.
    Só me passa pela cabeça que o demônio anda solto, e está dando trabalho combatê-lo.
    Como diz o ditado, "nada que não possa ser piorado". Hoje isso ficou provado.

    Rezo a Deus para que tenhamos energia para terminar a nossa tarefa com êxito:

    VAMOS DERRUBAR O VETO AO PLC 28!!!
    os 40% virarem menos durante o curso do PL no Congresso, lembra da GAJ100 e que hoje é GAJ90?
    Denovo??
    Denovo??
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2139
    Reputação : 185
    Data de inscrição : 23/10/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Denovo?? Sex 07 Ago 2015, 12:31 am

    Pra quem ficou animado com os 41% (nossa, tudo isso), para um analista em FIM DE CARREIRA, dá 437 reais líquidos por semestre.
    Que tal?
    Muda a vida de quem?
    Só garante a feira.
    E um técnico em início de carreira.
    R$ 177,45 centavos.
    Um tanque de gasolina e um sanduba com coca no posto Ypiranga
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 12:31 am

    Morena escreveu:
    DJANGO escreveu:Bem, não imaginava que o saco de maldades ainda contivesse algum brinquedo, como essa do reajuste de 16% aos deuses.
    Não sei mais o que pensar de tudo que anda rolando nessa nação de mehda em que transformaram nosso país.
    Só me passa pela cabeça que o demônio anda solto, e está dando trabalho combatê-lo.
    Como diz o ditado, "nada que não possa ser piorado". Hoje isso ficou provado.

    Rezo a Deus para que tenhamos energia para terminar a nossa tarefa com êxito:

    VAMOS DERRUBAR O VETO AO PLC 28!!!
    os 40% virarem menos durante o curso do PL no Congresso, lembra da GAJ100 e que hoje é GAJ90?

    Totalmente, colega! Nenhuma semelhança é mera coincidência, é tudo armação mesmo!
    Sete Vidas
    Sete Vidas
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 837
    Reputação : 221
    Data de inscrição : 17/07/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty PCS

    Mensagem por Sete Vidas Sex 07 Ago 2015, 12:33 am

    maligna escreveu:
    Sete Vidas escreveu:
    maligna escreveu:Não me surpreenderá se, num futuro não muito distante, se o veto ao nosso PL cair, o STF encontrar um motivo (qual o motivo? sei lá, não será difícil para os ministros arrumarem aLGUM) para declarar a sua inconstitucionalidade, e brecar o pagamento. Vcs duvidam ? Sei não, ainda mais se o orçamento ficar apertado.
    A solução? Começar uma forte organização de base, construir um lobby no CN, quem sabe...Acabar com picuinhas internas seria um bom começo.

    Falei bobagem? É revolta


    Maligna, pode acreditar, que nem todos os ministros do STF iriam declarar INCONSTITUCIONALIDADE do plc. Nem todos os ministros estão contentes com o desfecho de nossa greve. Acredito que hoje seria 7 X 4 pela constitucionalidade de nosso plc.
    Quero mesmo estar errada.


    No dia 30/07, havia falado para um clone do Ponci Iscariotes, mesmo contra vontade de vocês o PLC 28 será aprovado. O clone do Ponci apenas sorriu com desdenho. Quando foi aprovado, simplesmente o clone desapareceu. Maligna, vamos crescendo e vencendo por etapas, talvez possa usar o espaço para falar algumas conversas que somente os bastidores conhecem. Só temos que unir mais categoria ou pelo menos 60% dela que nossos salários estão achatados pelos efeitos do inflação. Pena que nosso "pai" convertido não tem ajudado. Se ele apenas tivesse fica quieto ou viajado, já nos ajudaria,
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:35 am

    Denovo?? escreveu:Pra quem ficou animado com os 41% (nossa, tudo isso), para um analista em FIM DE CARREIRA, dá 437 reais líquidos por semestre.
    Que tal?
    Muda a vida de quem?
    Só garante a feira.
    E um técnico em início de carreira.
    R$ 177,45 centavos.
    Um tanque de gasolina e um sanduba com coca no posto Ypiranga

    faz conta não. assim você estraga a lindeza que é o número 40%. foca nele. qdo as tabelas coloridas aparecerem o valor vai ficar mais iluminado. isso e a explicação de alguns colegas aqui.
    agora, você não pode estar mais certo. é o fim da carreira.

    Rook
    Rook
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Cargo : AJAA
    Mensagens : 192
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Rook Sex 07 Ago 2015, 12:36 am

    Denovo?? escreveu:Pra quem ficou animado com os 41% (nossa, tudo isso), para um analista em FIM DE CARREIRA, dá 437 reais líquidos por semestre.
    Que tal?
    Muda a vida de quem?
    Só garante a feira.
    E um técnico em início de carreira.
    R$ 177,45 centavos.
    Um tanque de gasolina e um sanduba com coca no posto Ypiranga

    Os MAV "pira" com a esmola!
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:39 am

    Sete Vidas escreveu:
    maligna escreveu:
    Sete Vidas escreveu:
    maligna escreveu:Não me surpreenderá se, num futuro não muito distante, se o veto ao nosso PL cair, o STF encontrar um motivo (qual o motivo? sei lá, não será difícil para os ministros arrumarem aLGUM) para declarar a sua inconstitucionalidade, e brecar o pagamento. Vcs duvidam ? Sei não, ainda mais se o orçamento ficar apertado.
    A solução? Começar uma forte organização de base, construir um lobby no CN, quem sabe...Acabar com picuinhas internas seria um bom começo.

    Falei bobagem? É revolta


    Maligna, pode acreditar, que nem todos os ministros do STF iriam declarar INCONSTITUCIONALIDADE do plc. Nem todos os ministros estão contentes com o desfecho de nossa greve. Acredito que hoje seria 7 X 4 pela constitucionalidade de nosso plc.
    Quero mesmo estar errada.


    No dia 30/07, havia falado para um clone do Ponci Iscariotes, mesmo contra vontade de vocês o PLC 28 será aprovado. O clone do Ponci apenas sorriu com desdenho. Quando foi aprovado, simplesmente o clone desapareceu. Maligna, vamos crescendo e vencendo por etapas, talvez possa usar o espaço para falar algumas conversas que somente os bastidores conhecem. Só temos que unir mais categoria ou pelo menos 60% dela que nossos salários estão achatados pelos efeitos do inflação. Pena que nosso "pai" convertido não tem ajudado. Se ele apenas tivesse fica quieto ou viajado, já nos ajudaria,
    hj tinha muitos aqui, mas com a notícia dos 16% para os magistrados, ou seja, R$ 6.000, só em 2016, acho que até para alguns o deboche foi forte. Ou foram comemorar o aumento desses companheiros.
    maligna
    maligna
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 298
    Reputação : 38
    Data de inscrição : 20/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por maligna Sex 07 Ago 2015, 12:39 am

    Sete Vidas escreveu:
    maligna escreveu:
    Sete Vidas escreveu:
    maligna escreveu:Não me surpreenderá se, num futuro não muito distante, se o veto ao nosso PL cair, o STF encontrar um motivo (qual o motivo? sei lá, não será difícil para os ministros arrumarem aLGUM) para declarar a sua inconstitucionalidade, e brecar o pagamento. Vcs duvidam ? Sei não, ainda mais se o orçamento ficar apertado.
    A solução? Começar uma forte organização de base, construir um lobby no CN, quem sabe...Acabar com picuinhas internas seria um bom começo.

    Falei bobagem? É revolta


    Maligna, pode acreditar, que nem todos os ministros do STF iriam declarar INCONSTITUCIONALIDADE do plc. Nem todos os ministros estão contentes com o desfecho de nossa greve. Acredito que hoje seria 7 X 4 pela constitucionalidade de nosso plc.
    Quero mesmo estar errada.


    No dia 30/07, havia falado para um clone do Ponci Iscariotes, mesmo contra vontade de vocês o PLC 28 será aprovado. O clone do Ponci apenas sorriu com desdenho. Quando foi aprovado, simplesmente o clone desapareceu. Maligna, vamos crescendo e vencendo por etapas, talvez possa usar o espaço para falar algumas conversas que somente os bastidores conhecem. Só temos que unir mais categoria ou pelo menos 60% dela que nossos salários estão achatados pelos efeitos do inflação. Pena que nosso "pai" convertido não tem ajudado. Se ele apenas tivesse fica quieto ou viajado, já nos ajudaria,
    Sim. Mas os salários achatados são apenas uma consequência, um sintoma da opressão a que estamos submetidos, e que vai continuar independentemente do partido que estiver governando.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 12:41 am

    Nem o Mestre dos Magos tem se animado de comparecer com seus geniais resumos para alegar um pouco esse clima.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:41 am

    Rook escreveu:
    TécnicoJM escreveu:Aos que tem contato frequente com os parlamentares. A apresentação desse novo PL, teria um efeito muuuuuuito negativo junto aos deputados e senadores, mesmo com o governo em frangalhos?

    Cara, também estou fazendo parte de uma comissão que está visitando os gabinetes dos senadores. Tem senador que está a par de toda nossa situação e sabe muito mais sobre ela do que nós. Muitos já apoiam, mas esses que estão mais esclarecidos, estão aguardando a tal proposta do governo. Porém se for uma porcaria, eles votam pela derrubada do veto. Isso realmente vai acontecer? Espero que sim. Enquanto isso nosso trabalho é "grevar", fazer barulho, ir às assembleias e participar do movimento de alguma maneira possível!
    e estar em um número mais do que expressivo no dia da votação, de forma que o cara possa se sentir pressionado e votar a nosso favor.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 12:42 am

    Morena escreveu:
    Sete Vidas escreveu:
    maligna escreveu:
    Sete Vidas escreveu:


    Maligna, pode acreditar, que nem todos os ministros do STF iriam declarar INCONSTITUCIONALIDADE do plc. Nem todos os ministros estão contentes com o desfecho de nossa greve. Acredito que hoje seria 7 X 4 pela constitucionalidade de nosso plc.
    Quero mesmo estar errada.


    No dia 30/07, havia falado para um clone do Ponci Iscariotes, mesmo contra vontade de vocês o PLC 28 será aprovado. O clone do Ponci apenas sorriu com desdenho. Quando foi aprovado, simplesmente o clone desapareceu. Maligna, vamos crescendo e vencendo por etapas, talvez possa usar o espaço para falar algumas conversas que somente os bastidores conhecem. Só temos que unir mais categoria ou pelo menos 60% dela que nossos salários estão achatados pelos efeitos do inflação. Pena que nosso "pai" convertido não tem ajudado. Se ele apenas tivesse fica quieto ou viajado, já nos ajudaria,
    hj tinha muitos aqui, mas com a notícia dos 16% para os magistrados, ou seja, R$ 6.000, só em 2016, acho que até para alguns o deboche foi forte. Ou foram comemorar o aumento desses companheiros.

    Mais fácil terem ido beber pra esquecer, rsrs.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:42 am

    DJANGO escreveu:Nem o Mestre dos Magos tem se animado de comparecer com seus geniais resumos para alegar um pouco esse clima.
    penso que ele deve estar um bagaço, se estava no Congresso. a cabeça deve estar um vazio total.
    avatar
    gleibson
    Novo Usuário

    Mensagens : 10
    Reputação : 1
    Data de inscrição : 15/12/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por gleibson Sex 07 Ago 2015, 12:45 am

    Com uma atuação junto aos demais ministros do STF, será que não conseguiríamos apoio dos seus pares no sentido de pressionar o Lewando a ajudar-nos???

    BitaTRE/MG escreveu:Boa Noite,
    Hoje estou amargurada! Meu marido acabou de me dizer que "ficar lendo isso aí" tá me fazendo mal!
    É revolta misturada com um sentimento de impotência... Vontade de chorar...
    Eu fico me perguntando: o que a FENAJUFE e o SINDJUS estã fazendo diante da iminente facada nas costas da categoria?
    Não estou vendo nenhuma ação efetiva. Cadê Eugênia gente ( que todo mundo diz que é confiável)?
    Agora é hora de colocar a cabeça para funcionar!!!
    Temos que desarmar esse golpe que está sendo noticiado pela mídia!
    Vamos fazer mais do que ficar batendo na tecla "vamos derrubar o veto".
    O que podemos fazer para neutralizar Lewando?
    Eu fico tentando pensar em estratégias com esse fim e vou colocar agora pra vocês. São só idéias que podem ser descartadas, melhoradas, aprimoradas, etc.
    1) Coloquei recentemente aqui a idéia da FENAJUFE enviar um comunicado a ser lida por um senador de nossa inteira confiança antes da apreciação do veto esclarecendo que o novo Pl foi feito sem a participação da categoria e do sindicato que nos representa. O objetivo é tornar bem claro que esse novo Pl visa evitar a derrubada do veto. O comunicado pode dizer que não temos garantia nenhuma, que posteriormente os valores podem ser rebaixados, ratificar a nossa defasagem salarial, tornar público que os magistrados irão receber 16% a vista e para os magistrados a crise econômica não existe, tornar claro que o único anseio da categoria é a derrubada do veto,  mencionar que quem deveria defender a nossa categoria prefere atender às solicitações de outro poder, etc. É chutar o pau da barraca mesmo!
    2) Acho que os servidores que estão fazendo a varredura no congresso poderiam procurar os líderes e esclarecer o que está acontecendo. Mencionar tudo aquilo que escrevi acima.
    3) Outra frente dos servidores continuar tentando novos apoios juntamente com o trabalho de esclarecimento da situação.
    4)  A FEDERAÇÃO, poderia tentar contato com os líderes e fazer esse trabalho de esclarecimento
    5) Entendo que as novas mensagens aos deputados e senadores na "luta virtual" devem informar que um novo Pl está sendo confeccionado com o objetivo de que o veto não seja apreciado, sem a nossa participação e a do sindicato... E que o anseio real da categoria é a apreciação do veto.
    6) Tentar contato com Renan e Eduardo Cunha
    Eu não sei mais o que poderia ser feito gente!
    Mas será que o pessoal de BSB está se articulando para desautorizar Lewandowsky ao máximo?
    Se esse novo Pl chegar e os congressistas não souberem do pano de fundo. O que eles vão fazer é arrefecer o apoio ao veto e respeitar o determinado pelo outro poder. É isso que vai acontecer!
    Alguém sabe o que a FENAJUFE e o SINDJUS estão fazendo? Na altura do campeonato não adianta mais só convocar para a greve e protestos. Tem que agir como o inimigo...na surdina para desconstruir a legitimidade desse novo Pl!
    Desculpem o desabafo gente! Mas é que hoje eu tô muito angustiada!
    Rook
    Rook
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Cargo : AJAA
    Mensagens : 192
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Rook Sex 07 Ago 2015, 12:45 am

    Morena escreveu:
    Rook escreveu:
    TécnicoJM escreveu:Aos que tem contato frequente com os parlamentares. A apresentação desse novo PL, teria um efeito muuuuuuito negativo junto aos deputados e senadores, mesmo com o governo em frangalhos?

    Cara, também estou fazendo parte de uma comissão que está visitando os gabinetes dos senadores. Tem senador que está a par de toda nossa situação e sabe muito mais sobre ela do que nós. Muitos já apoiam, mas esses que estão mais esclarecidos, estão aguardando a tal proposta do governo. Porém se for uma porcaria, eles votam pela derrubada do veto. Isso realmente vai acontecer? Espero que sim. Enquanto isso nosso trabalho é "grevar", fazer barulho, ir às assembleias e participar do movimento de alguma maneira possível!
    e estar em um número mais do que expressivo no dia da votação, de forma que o cara possa se sentir pressionado e votar a nosso favor.

    like
    milhocolin
    milhocolin
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Hey, Apple!
    Mensagens : 620
    Reputação : 21
    Data de inscrição : 17/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por milhocolin Sex 07 Ago 2015, 12:45 am

    Reajuste dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% em 4 anos
    Por Felipe Recondo
    Brasília
    Siga Felipe no Twitter

    O reajuste dos salários dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% parcelados em quatro anos, conforme informações da Diretoria-Geral do Supremo Tribunal Federal (STF).

    O governo propôs ao STF que o percentual fosse de 41%. O Supremo tentava elevar o percentual a 46%, mas já trabalha com percentual menor – 44%. De acordo com as contas do STF, o reajuste teria de superar 50% para recompor as perdas inflacionárias dos servidores.

    De acordo com informações do Supremo, o pagamento do reajuste seria feito em parcelas anuais. Mas isso ainda está sendo negociado com o governo.

    Além do reajuste para o valor do cargo efetivo, o Supremo ainda negocia a aprovação do aumento das funções comissionadas. Na proposta orçamentária, o Supremo adianta que já estão garantidos recursos para arcar com as despesas decorrentes da possível aprovação do PL 5426/2013.

    A CJ-1 passaria para R$ 9,2 mil; a CJ-2 chegaria a R$ 11,3 mil; a CJ-3 iria para R$ 12,9 mil; e a CJ-4 chegaria a R$ 14,6 mil.

    O STF e o Ministério do Planejamento devem fechar um acordo sobre o reajuste até a próxima semana. O ministro Ricardo Lewandowski já marcou uma sessão administrativa para a próxima quarta-feira, às 17h.

    Nesta quinta-feira, o ministro se reuniu com a presidente Dilma Rousseff e com o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, para debater o assunto. De acordo com Lewandowski, a presidente prometeu “o melhor reajuste possível”.

    O presidente do STF afirmou que é preciso levar em consideração a crise econômica por que passa o País para definir o novo salário dos servidores.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:46 am

    Rook escreveu:
    Morena escreveu:
    Rook escreveu:
    TécnicoJM escreveu:Aos que tem contato frequente com os parlamentares. A apresentação desse novo PL, teria um efeito muuuuuuito negativo junto aos deputados e senadores, mesmo com o governo em frangalhos?

    Cara, também estou fazendo parte de uma comissão que está visitando os gabinetes dos senadores. Tem senador que está a par de toda nossa situação e sabe muito mais sobre ela do que nós. Muitos já apoiam, mas esses que estão mais esclarecidos, estão aguardando a tal proposta do governo. Porém se for uma porcaria, eles votam pela derrubada do veto. Isso realmente vai acontecer? Espero que sim. Enquanto isso nosso trabalho é "grevar", fazer barulho, ir às assembleias e participar do movimento de alguma maneira possível!
    e estar em um número mais do que expressivo no dia da votação, de forma que o cara possa se sentir pressionado e votar a nosso favor.

    like
    vou me juntar a vocês na semana que vem.
    zotrix
    zotrix
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 589
    Reputação : 59
    Data de inscrição : 03/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por zotrix Sex 07 Ago 2015, 12:46 am

    Denovo?? escreveu:Pra quem ficou animado com os 41% (nossa, tudo isso), para um analista em FIM DE CARREIRA, dá 437 reais líquidos por semestre.
    Que tal?
    Muda a vida de quem?
    Só garante a feira.
    E um técnico em início de carreira.
    R$ 177,45 centavos.
    Um tanque de gasolina e um sanduba com coca no posto Ypiranga


    Veja como dependendo do ângulo do qual observamos fica pior: se fizer as contas direitinho, vai dar menos que 1% ao mês. Neutral
    FLUSÃO
    FLUSÃO
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 747
    Reputação : 18
    Data de inscrição : 14/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por FLUSÃO Sex 07 Ago 2015, 12:48 am

    Lembrei da assembleia, no terrão embaixo do STF, sobre os últimos 15%, em 2012: colega conhecido meu, com camisa de comando de greve, apito, no movimento desde o primeiro dia, logo que ouviu a proposta já foi arregando dizendo que era a melhor coisa mundo, etc. e tal. O mesmo colega também continua nessa greve desde o início. Sou capaz de apostar que quando ele souber dessa proposta é capaz de dar uma voadora no colega do microfone da assembleia para aceitar sem levar para votação. Um colega desses troca até a mãe pelo tanque mais coca com X-Lixão do posto Ypiranga.
    Voltando à pauta: é muito pouco mesmo. Uma verdadeira piada de mau gosto.


    Denovo?? escreveu:Pra quem ficou animado com os 41% (nossa, tudo isso), para um analista em FIM DE CARREIRA, dá 437 reais líquidos por semestre.
    Que tal?
    Muda a vida de quem?
    Só garante a feira.
    E um técnico em início de carreira.
    R$ 177,45 centavos.
    Um tanque de gasolina e um sanduba com coca no posto Ypiranga
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 12:48 am

    http://www.sindjusdf.org.br/Leitor.aspx?codigo=6589&origem=Default

    NOTÍCIA
    6/8/2015 18:20:00 ( 3052 Leituras internas ) Fechar
    Sindjus busca presidentes para obter informações sobre reunião da cúpula do Judiciário

    O Sindjus tem buscado durante esta quinta-feira (6/Cool, contato com presidentes dos tribunais superiores e do TJDFT que participaram da reunião de ontem (5/Cool, no STF, com o ministro Ricardo Lewandowski, para saber detalhes sobre as negociações envolvendo o PLC 28.
    O coordenador de comunicação do Sindjus Epitácio Florentino, acompanhado das servidoras Giselle Cabral e Letícia Gobbi, conversaram, na tarde de hoje (6/Cool, com o presidente do STM, William de Oliveira Barros. O ministro confirmou que a reunião de cerca de uma hora tratou da recomposição dos servidores e que foi apresentada a eles a proposta que será encaminhada ao Executivo pelo STF. O presidente afirmou que, a pedido de Lewandowksi, não poderia entrar em detalhes sobre a proposta antes de ela ser fechada com o Executivo, em reunião que aconteceria entre Lewandowski e Dilma no dia de hoje.
    Segundo o Presidente do STM, a proposta é boa dentro da conjuntura atual do país e do que fora pedido pelos servidores. Caso a proposta fosse fechada, até amanhã, segundo o ministro, os servidores teriam acesso à proposta. O presidente do STM também confirmou que a proposta em questão contempla aumento para CJ’s.
    Também em busca de informações sobre essa reunião da cúpula do Poder Judiciário, o coordenador Junior Alves conversou, na tarde de hoje, com o secretário-geral do TJDFT, Celso de Oliveira e Sousa, que afirmou que o presidente Getúlio de Moraes ainda não informou nada a respeito. O único diretor-geral que participou da reunião foi o do Supremo, Amarildo Vieira de Oliveira.
    Diante do que foi apurado até então é necessário ampliar a mobilização, pois a apresentação de uma proposta rebaixada pode atrapalhar a derrubada do veto ao PLC 28. Os trabalhos no Congresso Nacional devem seguir a todo vapor, o quantitativo de servidores precisa aumentar na abordagem dos parlamentares e os piquetes e arrastões também precisam ser intensificados.




    Enviar Enviar Enviar Enviar



    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:48 am

    milhocolin escreveu:Reajuste dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% em 4 anos
    Por Felipe Recondo
    Brasília
    Siga Felipe no Twitter

    O reajuste dos salários dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% parcelados em quatro anos, conforme informações da Diretoria-Geral do Supremo Tribunal Federal (STF).

    O governo propôs ao STF que o percentual fosse de 41%. O Supremo tentava elevar o percentual a 46%, mas já trabalha com percentual menor – 44%. De acordo com as contas do STF, o reajuste teria de superar 50% para recompor as perdas inflacionárias dos servidores.

    De acordo com informações do Supremo, o pagamento do reajuste seria feito em parcelas anuais. Mas isso ainda está sendo negociado com o governo.

    Além do reajuste para o valor do cargo efetivo, o Supremo ainda negocia a aprovação do aumento das funções comissionadas. Na proposta orçamentária, o Supremo adianta que já estão garantidos recursos para arcar com as despesas decorrentes da possível aprovação do PL 5426/2013.

    A CJ-1 passaria para R$ 9,2 mil; a CJ-2 chegaria a R$ 11,3 mil; a CJ-3 iria para R$ 12,9 mil; e a CJ-4 chegaria a R$ 14,6 mil.

    O STF e o Ministério do Planejamento devem fechar um acordo sobre o reajuste até a próxima semana. O ministro Ricardo Lewandowski já marcou uma sessão administrativa para a próxima quarta-feira, às 17h.

    Nesta quinta-feira, o ministro se reuniu com a presidente Dilma Rousseff e com o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, para debater o assunto. De acordo com Lewandowski, a presidente prometeu “o melhor reajuste possível”.

    O presidente do STF afirmou que é preciso levar em consideração a crise econômica por que passa o País para definir o novo salário dos servidores.

    a CJ4 vai ser maior do que o valor inicial do analista não? a CJ2 será maior do o final de carreira do técnico. e a cada hora a proposta vai ficando melhor, mais interessante, mais colorida.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 12:50 am

    FLUSÃO escreveu:Lembrei da assembleia, no terrão embaixo do STF, sobre os últimos 15%, em 2012: colega conhecido meu, com camisa de comando de greve, apito, no movimento desde o primeiro dia, logo que ouviu a proposta já foi arregando dizendo que era a melhor coisa mundo, etc. e tal. O mesmo colega também continua nessa greve desde o início. Sou capaz de apostar que quando ele souber dessa proposta é capaz de dar uma voadora no colega do microfone da assembleia para aceitar sem levar para votação. Um colega desses troca até a mãe pelo tanque mais coca com X-Lixão do posto Ypiranga.
    Voltando à pauta: é muito pouco mesmo. Uma verdadeira piada de mau gosto.


    Denovo?? escreveu:Pra quem ficou animado com os 41% (nossa, tudo isso), para um analista em FIM DE CARREIRA, dá 437 reais líquidos por semestre.
    Que tal?
    Muda a vida de quem?
    Só garante a feira.
    E um técnico em início de carreira.
    R$ 177,45 centavos.
    Um tanque de gasolina e um sanduba com coca no posto Ypiranga

    Muda a marca do refrigerante porque nem coca-cola paga.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:52 am

    zotrix escreveu:
    Denovo?? escreveu:Pra quem ficou animado com os 41% (nossa, tudo isso), para um analista em FIM DE CARREIRA, dá 437 reais líquidos por semestre.
    Que tal?
    Muda a vida de quem?
    Só garante a feira.
    E um técnico em início de carreira.
    R$ 177,45 centavos.
    Um tanque de gasolina e um sanduba com coca no posto Ypiranga


    Veja como dependendo do ângulo do qual observamos fica pior: se fizer as contas direitinho, vai dar menos que 1% ao mês. Neutral
    só tomando a pílula de alguns para a proposta ficar melhor. acho que deveriam distribui-la
    milhocolin
    milhocolin
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Hey, Apple!
    Mensagens : 620
    Reputação : 21
    Data de inscrição : 17/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por milhocolin Sex 07 Ago 2015, 12:52 am

    Morena escreveu:
    milhocolin escreveu:Reajuste dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% em 4 anos
    Por Felipe Recondo
    Brasília
    Siga Felipe no Twitter

    O reajuste dos salários dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% parcelados em quatro anos, conforme informações da Diretoria-Geral do Supremo Tribunal Federal (STF).

    O governo propôs ao STF que o percentual fosse de 41%. O Supremo tentava elevar o percentual a 46%, mas já trabalha com percentual menor – 44%. De acordo com as contas do STF, o reajuste teria de superar 50% para recompor as perdas inflacionárias dos servidores.

    De acordo com informações do Supremo, o pagamento do reajuste seria feito em parcelas anuais. Mas isso ainda está sendo negociado com o governo.

    Além do reajuste para o valor do cargo efetivo, o Supremo ainda negocia a aprovação do aumento das funções comissionadas. Na proposta orçamentária, o Supremo adianta que já estão garantidos recursos para arcar com as despesas decorrentes da possível aprovação do PL 5426/2013.

    A CJ-1 passaria para R$ 9,2 mil; a CJ-2 chegaria a R$ 11,3 mil; a CJ-3 iria para R$ 12,9 mil; e a CJ-4 chegaria a R$ 14,6 mil.

    O STF e o Ministério do Planejamento devem fechar um acordo sobre o reajuste até a próxima semana. O ministro Ricardo Lewandowski já marcou uma sessão administrativa para a próxima quarta-feira, às 17h.

    Nesta quinta-feira, o ministro se reuniu com a presidente Dilma Rousseff e com o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, para debater o assunto. De acordo com Lewandowski, a presidente prometeu “o melhor reajuste possível”.

    O presidente do STF afirmou que é preciso levar em consideração a crise econômica por que passa o País para definir o novo salário dos servidores.

    a CJ4 vai ser maior do que o valor inicial do analista não? a CJ2 será maior do o final de carreira do técnico.  e a cada hora a proposta vai ficando melhor, mais interessante, mais colorida.

    De vez em quando me pego procurando as câmeras, pois isso tudo parece uma grande pegadinha, uma grande brincadeira...

    Ou um teste de paciência, um estudo sociológico para descobrir quanta provocação as pessoas aguentam...

    VANDER tinha certa razão.
    Sete Vidas
    Sete Vidas
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 837
    Reputação : 221
    Data de inscrição : 17/07/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Sete Vidas Sex 07 Ago 2015, 12:53 am

    Maligna.

    Estamos vivendo uma guerra de informações, informações vazadas deliberadamente para criar o desespero nos servidores, do tudo ou nada.

    Existe uma via que está sendo pavimentada cada dia, existem pelo menos um grupo de 10 pessoas que estão em contato com deputados e senadores, uma luta diária que não é revelada. Sabemos que no Fórum, vêm muitas informações das mais diversas.

    Se não ganharmos nada agora, como que os servidores irão sobreviver na capitais onde custo de vida é mais caro e qual será nosso próximo aumento.

    O grupo está se movimentando no silêncio do jogo de xadrez, já crescemos muito e sabemos quem são nossos inimigos.

    Nosso reajuste é parâmetro para muitas carreiras, ontem foi vitória em primeiro turno do pessoal da AGU e que vai começar ser sabatado nas primeiras horas de hoje.

    O PJu, está preocupando o Planalto e sua excelência superior do Subalterno PJU. Um pai que joga contra o filho, não pode ser considerado pai.

    Na segunda-feira, vamos ficar mais pressionados ainda, da mesma forma, segunda-feira vamos pressionar também.

    Já não importar mais qual índice que vão nos propor, estamos determinados pela queda do PLC 28 e mais tarde vamos fazer mais greve e pressão pela derrubada, cada fato ao seu momento.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 12:55 am

    E A CRIATIVIDADE DO GOVERNO MANDIOCA NÃO TERMINA NUNCA

    http://g1.globo.com/politica/blog/blog-do-camarotti/post/para-estancar-crise-politica-petistas-cogitam-lula-como-ministro.html
    Quinta-feira, 06/08/2015, às 22:55, por Gerson Camarotti

    Para estancar crise política, petistas cogitam Lula como ministro

    Com o agravamento da crise política, passou a ser avaliada no Palácio do Planalto a possibilidade de nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um cargo de ministro do governo Dilma Rousseff.

    Essa tese já é defendida por alguns interlocutores de Dilma e do próprio Lula. O temor é que isso teria um efeito colateral: Dilma teria o seu poder presidencial completamente esvaziado.

    Mas, para petistas, isso poderia garantir a governabilidade mínima para os próximos anos, por causa da capacidade de articulação política do ex-presidente. Ele tem mais trânsito com o Congresso e poderia fazer uma blindagem do governo.

    Nesse cenário, os dois cargos considerados mais apropriados para Lula, avaliam petistas, são os ministérios das Relações Exteriores e o da Defesa. Isso porque comandam carreiras de Estado que seriam mais apropriadas para um ex-presidente.

    Caso passe a integrar o primeiro escalão, Lula também ganhará foro privilegiado – alguns petistas temem que o ex-presidente vire alvo da investigação da Operação Lava Jato.


    Última edição por DJANGO em Sex 07 Ago 2015, 12:56 am, editado 1 vez(es)
    Rook
    Rook
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Cargo : AJAA
    Mensagens : 192
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Rook Sex 07 Ago 2015, 12:56 am

    Morena escreveu:
    Rook escreveu:
    Morena escreveu:
    Rook escreveu:

    Cara, também estou fazendo parte de uma comissão que está visitando os gabinetes dos senadores. Tem senador que está a par de toda nossa situação e sabe muito mais sobre ela do que nós. Muitos já apoiam, mas esses que estão mais esclarecidos, estão aguardando a tal proposta do governo. Porém se for uma porcaria, eles votam pela derrubada do veto. Isso realmente vai acontecer? Espero que sim. Enquanto isso nosso trabalho é "grevar", fazer barulho, ir às assembleias e participar do movimento de alguma maneira possível!
    e estar em um número mais do que expressivo no dia da votação, de forma que o cara possa se sentir pressionado e votar a nosso favor.

    like
    vou me juntar a vocês na semana que vem.
    like like
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:56 am

    Confiram como estamos de apoio.
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 12:57 am

    DJANGO escreveu:E A CRIATIVIDADE DO GOVERNO MANDIOCA NÃO TERMINA NUNCA

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    Quinta-feira, 06/08/2015, às 22:55, por Gerson Camarotti

    Para estancar crise política, petistas cogitam Lula como ministro

    Com o agravamento da crise política, passou a ser avaliada no Palácio do Planalto a possibilidade de nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um cargo de ministro do governo Dilma Rousseff.

    Essa tese já é defendida por alguns interlocutores de Dilma e do próprio Lula. O temor é que isso teria um efeito colateral: Dilma teria o seu poder presidencial completamente esvaziado.

    Mas, para petistas, isso poderia garantir a governabilidade mínima para os próximos anos, por causa da capacidade de articulação política do ex-presidente. Ele tem mais trânsito com o Congresso e poderia fazer uma blindagem do governo.

    Nesse cenário, os dois cargos considerados mais apropriados para Lula, avaliam petistas, são os ministérios das Relações Exteriores e o da Defesa. Isso porque comandam carreiras de Estado que seriam mais apropriadas para um ex-presidente.

    Caso passe a integrar o primeiro escalão, Lula também ganhará foro privilegiado – alguns petistas temem que o ex-presidente vire alvo da investigação da Operação Lava Jato.

    essa é a unica razao para essa indicação.

    zotrix
    zotrix
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 589
    Reputação : 59
    Data de inscrição : 03/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por zotrix Sex 07 Ago 2015, 12:59 am

    Morena escreveu:Confiram como estamos de apoio.
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Segunda-feira ainda estávamos na casa dos 240 apoios entre deputados. Hoje já são 294. Chegaremos ao dia 18 perto de 400. Vamos derrubar esse veto.
    netofragoso
    netofragoso
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Cargo : AJAJ
    Mensagens : 429
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 12/04/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por netofragoso Sex 07 Ago 2015, 12:59 am

    DJANGO escreveu:E A CRIATIVIDADE DO GOVERNO MANDIOCA NÃO TERMINA NUNCA

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    Quinta-feira, 06/08/2015, às 22:55, por Gerson Camarotti

    Para estancar crise política, petistas cogitam Lula como ministro

    Com o agravamento da crise política, passou a ser avaliada no Palácio do Planalto a possibilidade de nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um cargo de ministro do governo Dilma Rousseff.

    Essa tese já é defendida por alguns interlocutores de Dilma e do próprio Lula. O temor é que isso teria um efeito colateral: Dilma teria o seu poder presidencial completamente esvaziado.

    Mas, para petistas, isso poderia garantir a governabilidade mínima para os próximos anos, por causa da capacidade de articulação política do ex-presidente. Ele tem mais trânsito com o Congresso e poderia fazer uma blindagem do governo.

    Nesse cenário, os dois cargos considerados mais apropriados para Lula, avaliam petistas, são os ministérios das Relações Exteriores e o da Defesa. Isso porque comandam carreiras de Estado que seriam mais apropriadas para um ex-presidente.

    Caso passe a integrar o primeiro escalão, Lula também ganhará foro privilegiado – alguns petistas temem que o ex-presidente vire alvo da investigação da Operação Lava Jato.

    Se isso ocorre é para impedir que Moro o prenda, passando a competência para o STF.
    maligna
    maligna
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 298
    Reputação : 38
    Data de inscrição : 20/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por maligna Sex 07 Ago 2015, 1:00 am

    Sete Vidas escreveu:Maligna.

    Estamos vivendo uma guerra de informações, informações vazadas deliberadamente para criar o desespero nos servidores, do tudo ou nada.

    Existe uma via que está sendo pavimentada cada dia, existem pelo menos um grupo de 10 pessoas que estão em contato com deputados e senadores, uma luta diária que não é revelada. Sabemos que no Fórum, vêm muitas informações das mais diversas.

    Se não ganharmos nada agora, como que os servidores irão sobreviver na capitais onde custo de vida é mais caro e qual será nosso próximo aumento.

    O grupo está se movimentando no silêncio do jogo de xadrez, já crescemos muito e sabemos quem são nossos inimigos.

    Nosso reajuste é parâmetro para muitas carreiras, ontem foi vitória em primeiro turno do pessoal da AGU e que vai começar ser sabatado nas primeiras horas de hoje.

    O PJu, está preocupando o Planalto e sua excelência superior do Subalterno PJU. Um pai que joga contra o filho, não pode ser considerado pai.

    Na segunda-feira, vamos ficar mais pressionados ainda, da mesma forma, segunda-feira vamos pressionar também.

    Já não importar mais qual índice que vão nos propor, estamos determinados pela queda do PLC 28 e mais tarde vamos fazer mais greve e pressão pela derrubada, cada fato ao seu momento.
    Claro, essa é a necessidade imediata, urgente. o que eu questionei foi o excesso de poder dos membros do PJ.
    Mestre dos Magos!
    Mestre dos Magos!
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4045
    Reputação : 396
    Data de inscrição : 08/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Mestre dos Magos! Sex 07 Ago 2015, 1:01 am

    Digoturbinado escreveu:Impressionado com a @Jota e suas informações atualizadas a cada 1 minuto



    Não é à toa.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 1:02 am

    milhocolin escreveu:
    Morena escreveu:
    milhocolin escreveu:Reajuste dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% em 4 anos
    Por Felipe Recondo
    Brasília
    Siga Felipe no Twitter

    O reajuste dos salários dos servidores do Judiciário deve variar entre 41% e 44% parcelados em quatro anos, conforme informações da Diretoria-Geral do Supremo Tribunal Federal (STF).

    O governo propôs ao STF que o percentual fosse de 41%. O Supremo tentava elevar o percentual a 46%, mas já trabalha com percentual menor – 44%. De acordo com as contas do STF, o reajuste teria de superar 50% para recompor as perdas inflacionárias dos servidores.

    De acordo com informações do Supremo, o pagamento do reajuste seria feito em parcelas anuais. Mas isso ainda está sendo negociado com o governo.

    Além do reajuste para o valor do cargo efetivo, o Supremo ainda negocia a aprovação do aumento das funções comissionadas. Na proposta orçamentária, o Supremo adianta que já estão garantidos recursos para arcar com as despesas decorrentes da possível aprovação do PL 5426/2013.

    A CJ-1 passaria para R$ 9,2 mil; a CJ-2 chegaria a R$ 11,3 mil; a CJ-3 iria para R$ 12,9 mil; e a CJ-4 chegaria a R$ 14,6 mil.

    O STF e o Ministério do Planejamento devem fechar um acordo sobre o reajuste até a próxima semana. O ministro Ricardo Lewandowski já marcou uma sessão administrativa para a próxima quarta-feira, às 17h.

    Nesta quinta-feira, o ministro se reuniu com a presidente Dilma Rousseff e com o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, para debater o assunto. De acordo com Lewandowski, a presidente prometeu “o melhor reajuste possível”.

    O presidente do STF afirmou que é preciso levar em consideração a crise econômica por que passa o País para definir o novo salário dos servidores.

    a CJ4 vai ser maior do que o valor inicial do analista não? a CJ2 será maior do o final de carreira do técnico.  e a cada hora a proposta vai ficando melhor, mais interessante, mais colorida.

    De vez em quando me pego procurando as câmeras, pois isso tudo parece uma grande pegadinha, uma grande brincadeira...

    Ou um teste de paciência, um estudo sociológico para descobrir quanta provocação as pessoas aguentam...

    VANDER tinha certa razão.

    a que ponto chegamos.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Sex 07 Ago 2015, 1:03 am

    o Sujo Tribunal Federal é oportunista! buscando emplacar mais um aumento (16%) para as autoridades, à vista, e empurrando os servidores para a desgraça total do parcelamento impiedoso! tenho nojo de dizer aonde trabalho...
    zotrix
    zotrix
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 589
    Reputação : 59
    Data de inscrição : 03/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por zotrix Sex 07 Ago 2015, 1:03 am

    Mestre dos Bagos, tá complicado o cansaço ou tem como fazer um mini resumo ai dos acontecimentos? Grato.
    Sete Vidas
    Sete Vidas
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 837
    Reputação : 221
    Data de inscrição : 17/07/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty PCS

    Mensagem por Sete Vidas Sex 07 Ago 2015, 1:03 am

    DJANGO escreveu:E A CRIATIVIDADE DO GOVERNO MANDIOCA NÃO TERMINA NUNCA

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    Quinta-feira, 06/08/2015, às 22:55, por Gerson Camarotti

    Para estancar crise política, petistas cogitam Lula como ministro

    Com o agravamento da crise política, passou a ser avaliada no Palácio do Planalto a possibilidade de nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um cargo de ministro do governo Dilma Rousseff.

    Essa tese já é defendida por alguns interlocutores de Dilma e do próprio Lula. O temor é que isso teria um efeito colateral: Dilma teria o seu poder presidencial completamente esvaziado.

    Mas, para petistas, isso poderia garantir a governabilidade mínima para os próximos anos, por causa da capacidade de articulação política do ex-presidente. Ele tem mais trânsito com o Congresso e poderia fazer uma blindagem do governo.

    Nesse cenário, os dois cargos considerados mais apropriados para Lula, avaliam petistas, são os ministérios das Relações Exteriores e o da Defesa. Isso porque comandam carreiras de Estado que seriam mais apropriadas para um ex-presidente.

    Caso passe a integrar o primeiro escalão, Lula também ganhará foro privilegiado – alguns petistas temem que o ex-presidente vire alvo da investigação da Operação Lava Jato.


    O Pt está desespero em saber que na semana que vem teremos outras notícias da Lava Jato e ainda reta final para uma manifestação nacional contra PT da Dilma. Hoje o Lula não é mais aquele presidente que falava que não sabia dos mal feitos. Lula também tem seu número aumentando de rejeição. Semana curta para uma articulação com tantos deputados e senadores. Oposição no Congresso já tem três ou quatros planos para cada tipo de movimentação. Lula não aquele aceito por grande parte da população.
    Morena
    Morena
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2812
    Reputação : 653
    Data de inscrição : 01/06/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Morena Sex 07 Ago 2015, 1:05 am

    zotrix escreveu:
    Morena escreveu:Confiram como estamos de apoio.
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Segunda-feira ainda estávamos na casa dos 240 apoios entre deputados. Hoje já são 294. Chegaremos ao dia 18 perto de 400. Vamos derrubar esse veto.
    vamos se tivermos gente suficiente no dia dentro e fora do Congresso a ponto de esses Congressistas se sintam pressionados e mantenham a palavra dada. se sinta sem chão para nos traírem.

    Conteúdo patrocinado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg 06 Dez 2021, 11:22 pm