PCS JÁ

PCS JÁ



    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    josebarbos
    josebarbos
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3319
    Reputação : 433
    Data de inscrição : 20/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por josebarbos Ter 15 Set 2015, 1:42 pm

    lbnb escreveu:
    pauloalc escreveu:

    ....

    e só pra não deixar passar a questão da economia, Canadá entrou em recessão no primeiro semestre de 2015.

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]




    beijos, e boa noite a todos.

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    De fato, caiu: 0,2% no primeiro trimestre e 0,1% no segundo. A inflação anual é de 1,273%.

    Até chutando um exemplo em crise, embora seja uma economia totalmente DIVERSA da nossa, dá um belo exemplo de como estamos pessimamente administrados.
    Savissimo
    Savissimo
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 526
    Reputação : 552
    Data de inscrição : 18/11/2013

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Savissimo Ter 15 Set 2015, 2:01 pm

    Oziris escreveu:Na verdade isso é o que menos importa, pois não há orçamento para o PLC28 na PLOA.

    O valor que foi colocado é para o PL titica...ou seja, no cenário de veto derrubado, ou o congresso muda a PLOA ou deixa como está e receberemos em 2016 somente uma parte do aumento (usando a grana que já foi colocada lá por exemplo), já ficando com o passivo de 2015 e a eventual diferença de 2016 para ser pago futuramente...


    TécnicoJM escreveu:
    PCS-JA escreveu:
    TécnicoJM escreveu:Não há qualquer incompatibilidade entre o PLC28 e as medidas do governo, pois a 1a parcela de 2016 é só para julho.
    Então está tudo bem. (ironic)

    _____________

    DERRUBANDO PARCIALMENTE O VETO

    Os inciso I e II do PLC 28, a primeira parcela seria de JULHO de 2016, exatamente como pretende o Governo com SPfS.
    Interessante este raciocínio.

    Pensei extamente nisso, colega. O problema é que voltamos à discussão se pode haver derrubada parcial de veto total.
    Na dúvida, caso ocorresse, a discussão seria judicializada, e, como sabemos, o judiciárip, hoje, carrega uma estrela no peito.
    Portanto, não é bom arriscar.
    DERRUBADA TOTAL DO VETO.

    Derrubando o veto não há passivo para receber gente, ou põe os valores de julho e dezembro pra pagar em janeiro ou só a partir de julho/2016, o PL é bem claro sobre a eficácia da lei, vamos derrubá-lo e tentar algo no orçamento, mas sem ilusão de receber os atrasados, isso não existe
    mauregas
    mauregas
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 494
    Reputação : 25
    Data de inscrição : 14/03/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por mauregas Ter 15 Set 2015, 2:01 pm

    Caros Colegas,

    Sincero, o desanimo tomou conta de mim nesses dias.

    Não aguento mais arrocho, não aguento mais cortes no meu orçamento e na minha qualidade de vida. Parece piada, mas eu estou cortando mais que o governo nas minhas contas. Hoje, estou no limites das minhas forças mentais e emocionais.

    Uma vitória, qualquer que seja, é essencial nesse momento. Vejo muitos colegas ainda na luta, ainda batalhando. Estamos nessa toada também, mas já quase sem forças para seguir.

    A situação do servidor do MPU é cada vez pior e nenhuma luz no fim do túnel para sonhar com algo melhor.

    abraços e força a todos.
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por jgpg Ter 15 Set 2015, 2:05 pm

    Funcionalismo: adiamento provoca onda de terror



    Alessandra Horto
    O Dia     -     15/09/2015




    Representantes dos servidores federais reagiram imediatamente ao adiamento do pagamento do reajuste de 2016 em sete meses, de janeiro para agosto do próximo ano. As categorias já começaram a ser comunicadas oficialmente que o acordo em negociação atualmente só valerá para o segundo semestre de 2016. Com isso, entidades que já haviam aprovado o término da greve pensam em retomar a paralisação. E as que já estavam de braços cruzados planejam ampliar a mobilização.

    O secretário-geral da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), Sérgio Ronaldo da Silva, disse que o governo traiu os servidores, uma vez que o funcionalismo não tinha sofrido cortes profundos. “De todas as medidas anunciadas, sem dúvida os servidores foram mais atingidos. Acabar com o abono permanência é o fim. Não há quem queira ficar sem essa complementação. E adiar de janeiro para agosto o nosso aumento é uma situação lamentável”, destacou o dirigente.

    Ele declarou que vai fazer uma avaliação com todas as entidades filiadas e convocar o fórum para definir novas medidas. Também não está descartada a retomada da greve, que tinha sido suspensa na semana passada, em ocasião pela assinatura dos acordos.
    J. J. Abrams
    J. J. Abrams
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Filosofo
    Mensagens : 1486
    Reputação : 54
    Data de inscrição : 06/07/2010
    Localização : Sertão

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por J. J. Abrams Ter 15 Set 2015, 2:11 pm

    Na minha opinião, tudo é uma questão de timing agora. O funcionalismo público precisa entrar em greve geral, e provavelmente isto irá forçar os parlamentares a pensarem 1000 vezes antes de manter o veto do nosso reajuste.

    Por outro lado, as outras categorias devem querer que nós consigamos esse reajuste, para pleitear valores melhores que os nossos (ou substancialmente melhores do que os 10% em dois anos).

    Só existe uma parcela desesperada, e é de apoiadores do executivo. Ponciano não se aguenta calado, mas não tem só ele. temos inumeros, inclusive logados no fórum, tentando esvaziar a pressão dia 22. Sejamos fortes, meus caros! Todos em BSB dia 22!

    diegowfcp
    diegowfcp
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : AJAJ
    Mensagens : 1798
    Reputação : 79
    Data de inscrição : 01/09/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por diegowfcp Ter 15 Set 2015, 2:12 pm

    a verdade é que eles sabem que, no fundo no fundo, esse negócio de greve tem prazo determinado: até eles arrumarem um jeito de decretar a ilegalidade.

    eles têm plena consciência disso, por isso estão cagando pra servidor público.

    De toda, forma, ela que se prepare, o caos vai tomar conta pelo menos nos primeiros meses, além da insatisção dos partidários CUTistas dela que ainda tem um pouco de cérebro funcionando (que são poucos, mas existem).

    diegowfcp
    diegowfcp
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : AJAJ
    Mensagens : 1798
    Reputação : 79
    Data de inscrição : 01/09/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por diegowfcp Ter 15 Set 2015, 2:14 pm

    por outro lado, nossa situação PARECE ser um pouco mais "confortável" do que os demais SPFs. Isso porque, ainda que não consigamos derrubar o veto, o PL titica ainda tá rolando por lá, então, caso a tragédia da manutenção do veto ocorra, a gente tem esse plano b (com b minúsculo mesmo).

    Eles nem PL tem. Tá foda a situação deles.

    Kowalski
    Kowalski
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 220
    Reputação : 12
    Data de inscrição : 11/03/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Kowalski Ter 15 Set 2015, 2:17 pm

    jgpg escreveu:

    Funcionalismo: adiamento provoca onda de terror




    Alessandra Horto
    O Dia     -     15/09/2015




    Representantes dos servidores federais reagiram imediatamente ao adiamento do pagamento do reajuste de 2016 em sete meses, de janeiro para agosto do próximo ano. As categorias já começaram a ser comunicadas oficialmente que o acordo em negociação atualmente só valerá para o segundo semestre de 2016. Com isso, entidades que já haviam aprovado o término da greve pensam em retomar a paralisação. E as que já estavam de braços cruzados planejam ampliar a mobilização.

    O secretário-geral da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), Sérgio Ronaldo da Silva, disse que o governo traiu os servidores, uma vez que o funcionalismo não tinha sofrido cortes profundos. “De todas as medidas anunciadas, sem dúvida os servidores foram mais atingidos. Acabar com o abono permanência é o fim. Não há quem queira ficar sem essa complementação. E adiar de janeiro para agosto o nosso aumento é uma situação lamentável”, destacou o dirigente.

    Ele declarou que vai fazer uma avaliação com todas as entidades filiadas e convocar o fórum para definir novas medidas. Também não está descartada a retomada da greve, que tinha sido suspensa na semana passada, em ocasião pela assinatura dos acordos.

    Agora imagina o terror de quem está há 9 anos (tirando um breve hiato) com a recomposição sendo adiada.
    GANDALF
    GANDALF
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 388
    Reputação : 3
    Data de inscrição : 13/06/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por GANDALF Ter 15 Set 2015, 2:18 pm

    J. J. Abrams escreveu:Na minha opinião, tudo é uma questão de timing agora. O funcionalismo público precisa entrar em greve geral, e provavelmente isto irá forçar os parlamentares a pensarem 1000 vezes antes de manter o veto do nosso reajuste.

    Por outro lado, as outras categorias devem querer que nós consigamos esse reajuste, para pleitear valores melhores que os nossos (ou substancialmente melhores do que os 10% em dois anos).

    Só existe uma parcela desesperada, e é de apoiadores do executivo. Ponciano não se aguenta calado, mas não tem só ele. temos inumeros, inclusive logados no fórum, tentando esvaziar a pressão dia 22. Sejamos fortes, meus caros! Todos em BSB dia 22!

    Kowalski
    Kowalski
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 220
    Reputação : 12
    Data de inscrição : 11/03/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Kowalski Ter 15 Set 2015, 2:20 pm

    diegowfcp escreveu:por outro lado, nossa situação PARECE ser um pouco mais "confortável" do que os demais SPFs. Isso porque, ainda que não consigamos derrubar o veto, o PL titica ainda tá rolando por lá, então, caso a tragédia da manutenção do veto ocorra, a gente tem esse plano b (com b minúsculo mesmo).

    Eles nem PL tem. Tá foda a situação deles.


    Não sei se é tão diferente assim. O PL titica é boi de piranha. Só está lá para atrapalhar a derrubada do veto. Não tenho a menor dúvida que se o veto for mantido (batendo na madeira até esfolar os dedos), ele perde a prioridade e irá mofar nas comissões dominadas pela base governista. É um natimorto.
    SADACA
    SADACA
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : ANALISTA JUDICIÁRIO
    Mensagens : 502
    Reputação : 32
    Data de inscrição : 04/04/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por SADACA Ter 15 Set 2015, 2:22 pm

    mauregas escreveu:Caros Colegas,

     Sincero, o desanimo tomou conta de mim nesses dias.

     Não aguento mais arrocho, não aguento mais cortes no meu orçamento e na minha qualidade de vida. Parece piada, mas eu estou cortando mais que o governo nas minhas contas. Hoje, estou no limites das minhas forças mentais e emocionais.

     Uma vitória, qualquer que seja, é essencial nesse momento. Vejo muitos colegas ainda na luta, ainda batalhando. Estamos nessa toada também, mas já quase sem forças para seguir.

     A situação do servidor do MPU é cada vez pior e nenhuma luz no fim do túnel para sonhar com algo melhor.

    abraços e força a todos.


    Força, colega. A coisa não está boa pra ninguém, é verdade, mas temos que pensar positivo e não devemos cair nessa cilada de que erramos ao não aceitar a esmola do Governo/STF. Fizemos o certo, o correto, o digno e devemos estar orgulhosos disso. Nunca, na história do Judiciário Federal estivemos tão fortes, tão unidos. Soubemos deixar as diferenças de lado, para lutarmos juntos, num só coro, contra essa conjuntura perversa, formada pelos 03 Poderes (com a exceção de uns poucos Juízes e parlamentares), que só pensa em prol da cúpula, esquecendo-se daqueles que mantém a estrutura em pé, que somos nós servidores.

    Mesmo que esse veto não caia, ainda assim, prefiro o zero. E não por mera birra, mas por estratégia mesmo. Se aceitarmos a esmola, estamos aceitando a condição subserviente de ralé do serviço público, sem perspectiva de melhora. Ao contrário, rejeitando essa esmola, continuaremos na luta, em busca de nossos objetivos, afinal, estudamos muito, passamos por concorrência pesada e, após a nomeação para o exercício do cargo, levamos nas costas esse barco que é a Justiça, fazendo minutas de despachos, sentenças e votos.

    É a hora de cobrarmos a fatura. Custe o que custar.

    GIGANTINHO
    GIGANTINHO
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 249
    Reputação : 9
    Data de inscrição : 16/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por GIGANTINHO Ter 15 Set 2015, 2:28 pm

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]
    corujito
    corujito
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3137
    Reputação : 209
    Data de inscrição : 06/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por corujito Ter 15 Set 2015, 2:29 pm

    Não sejam tão noobs.

    Não há, nunca houve, e não haverá até o final do ano qualquer garantia total do "outro" PL.

    OJAF BA
    OJAF BA
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 266
    Reputação : 1
    Data de inscrição : 04/11/2013

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por OJAF BA Ter 15 Set 2015, 2:37 pm

    Concordo com Corujito!
    Só nos resta lutar para derrubar o veto. Tenho certeza que venceremos!
    Sniper
    Sniper
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 760
    Reputação : 56
    Data de inscrição : 06/05/2011

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Sniper Ter 15 Set 2015, 2:43 pm

    OJAF BA escreveu:Concordo com Corujito!
    Só nos resta lutar para derrubar o veto.  Tenho certeza que venceremos!

    Me conte em que a sua certeza está baseada, porque preciso de argumentos para acreditar
    Jaspion
    Jaspion
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico
    Mensagens : 1031
    Reputação : 54
    Data de inscrição : 06/08/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Jaspion Ter 15 Set 2015, 2:49 pm

    Tão bonitinhos, mas ainda acreditam fielmente na palavra do governo. Tsc tsc tsc...
    pauloalc
    pauloalc
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1889
    Reputação : 40
    Data de inscrição : 12/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por pauloalc Ter 15 Set 2015, 3:08 pm

    lbnb escreveu:
    pauloalc escreveu:

    ....

    e só pra não deixar passar a questão da economia, Canadá entrou em recessão no primeiríssima semestre de 2015.

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]




    beijos, e boa noite a todos.

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    Vamos à wikipedia amiguinho?


    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]


    Falácia do espantalho

    Falácia do espantalho (também conhecida como Falácia do homem de palha) é um argumento em que a pessoa ignora a posição do adversário no debate e a substitui por uma versão distorcida, que representa de forma errada esta posição. A falácia existe quando a distorção é proposital, de forma a tornar o argumento mais facilmente refutável, ou quando é acidental, quando quem usa a falácia não entendeu o argumento que quer refutar.

    Então amiguinho. Onde diabos eu disse que nosso país sequer se compara ao Canadá? Onde diabos eu disse que temos um governo progressista de esquerda? Ou ainda onde satanás eu fiz algum elogio sequer ao governo Dilma?

    Eu às vezes penso que a situação dos servidores do judiciário é tão caótica que tem foristas usando pedra. Só isso justifica o nível de "arJumentos" vistos por aqui.

    PS: parece que vc quis criticar os traços de Estado de bem-estar-social do nosso país, citando o Canadá. É isso mesmo? Lol
    Nilo
    Nilo
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Administrativo, C-13
    Mensagens : 551
    Reputação : 81
    Data de inscrição : 22/06/2015
    Localização : São Paulo - SP.

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Nilo Ter 15 Set 2015, 3:27 pm

    Solange4 escreveu:Texto bom pro e-mail a ser enviado aos parlamentares:


    O Executivo, ao vetar o PLC 28/2015, alegou “não conseguir bancar com o impacto financeiro da proposta" e que ele era "contrário aos esforços necessários para o equilíbrio fiscal na gestão de recursos públicos”.

    Informou que o impacto financeiro para 2015 trazido no PLC 28 era “insuficiente para atender aos requisitos legais, haja vista que não foram apresentadas as estimativas de impacto orçamentário e financeiro para os anos de 2016, 2017 e 2018, como exigem a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2015, entre outros motivos."

    Igualmente, apontou dados do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão de 2014, indicando que o impacto do reajuste dos servidores do Judiciário seria de mais R$ 5,3 bilhões em 2016, R$ 8,4 bilhões em 2017 e R$ 10,5 bilhões em 2018.

    Não se sustentam, em dados reais, os motivos apresentados pelo Executivo para o veto.

    É de conhecimento público a Nota do Supremo Tribunal Federal, publicada em sua página no dia 19 de maio de 2015, enviada ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, onde aquela corte contestou os dados financeiros mascarados e manipulados, constantes da Nota Técnica do MPOG.

    Na nota do STF está assentado:

    “O Poder Judiciário da União está ciente das dificuldades enfrentadas pelo País. Tanto é assim que o projeto de lei da carreira de seus servidores, orçado em R$ 10,5 bilhões, foi encaminhado ao Congresso Nacional, com proposta de parcelamento em 6 parcelas semestrais, o que implica no desembolso, no primeiro ano de sua implantação, de R$ 1,5 bilhões. O valor integral do impacto irá ocorrer apenas no 4º exercício após a sua implantação.”

    Está previsto no artigo 2º do PL 7920/2014 (PLC 28) o impacto financeiro, consistente na implementação em seis parcelas sucessivas e não cumulativas.

    Os fundamentos do veto não se confirmam, uma vez que o impacto financeiro do parcelamento do reajuste foi indicado no PL e suficiente e exaustivamente demonstrado ao MPOG durante o período de negociação, não havendo aquele órgão apresentado a memória de cálculo que utilizou para chegar aos valores e forjar percentuais impactantes criados de forma fictícia para justificar o Veto n. 26.

    A proposta foi encaminhada pelo Supremo em 2014 e aprovada pelo Congresso Nacional. A previsão orçamentária ao reajuste previsto no PLC n. 28 consta da redação do PL 7920/2014 nos seguintes termos:

    “Ressalto que o projeto, ora proposto, observa o enquadramento previsto no artigo 20 da Lei Complementar n. 101/2000-LRF”

    O reajuste previsto no PLC 28 está dentro de todos os limites fixados na LRF e na LDO 2015, restando demonstrado no artigo 2º do PLC o impacto financeiro até a implementação total do reajuste.

    Foi, portanto, observada a constitucionalidade quanto à previsão orçamentária, dentro da autonomia orçamentária do Poder Judiciário (CF/88, artigo 99).

    O veto ao PLC 28, pela presidente da república, viola o preceito fundamental da separação, independência e autonomia dos Poderes Executivo e Judiciário (CF/88, artigo 2º).

    A jurisprudência do STF tem afirmado que a interferência do Poder Executivo na decisão do Congresso Nacional e do Poder Judiciário é inaceitável, porque o abuso permitiria levar à inanição os outros Poderes da República, inviabilizando, pelo achatamento salarial insuportável, a remuneração dos seus integrantes e auxiliares. (ADI 4356, Relator: Ministro DIAS TOFFOLI, Tribunal Pleno, julgado em 09/02/2011; ADI 2513 MC, Relator Ministro CELSO DE MELLO, Tribunal Pleno, julgado em 03/04/2002).

    Nessa breve análise ficam demonstradas as razões para a derrubada do veto.

    Fonte:
    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]

    Copiado!

    farao  Nilo

    alcapone
    alcapone
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Cargo : Analista MPU
    Mensagens : 44
    Reputação : 7
    Data de inscrição : 24/05/2015
    Localização : PGR

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por alcapone Ter 15 Set 2015, 3:31 pm

    Meu amigo, qual foi a sua intenção em postar esse link?
    "Canadá em Crise" o que isso tem a ver com o nosso país? e consequentemente ao nosso PL?
    A única interpretação que pode decorrer disso é a de que a crise é mundial e não só Brasileira, ou seja, tentando argumentar que a culpa não é (somente) do Governo.
    Por fim, o colega foi irônico em dizer que a "crise" no Canadá se comparada a nossa praticamente nem existe.
    As vezes, acho que você tem uma mania de perseguição incontrolável...
    Vai se tratar...



    pauloalc escreveu:
    lbnb escreveu:
    pauloalc escreveu:

    ....

    e só pra não deixar passar a questão da economia, Canadá entrou em recessão no primeiríssima semestre de 2015.

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]




    beijos, e boa noite a todos.

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    Vamos à wikipedia amiguinho?


    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]


    Falácia do espantalho

    Falácia do espantalho (também conhecida como Falácia do homem de palha) é um argumento em que a pessoa ignora a posição do adversário no debate e a substitui por uma versão distorcida, que representa de forma errada esta posição. A falácia existe quando a distorção é proposital, de forma a tornar o argumento mais facilmente refutável, ou quando é acidental, quando quem usa a falácia não entendeu o argumento que quer refutar.

    Então amiguinho. Onde diabos eu disse que nosso país sequer se compara ao Canadá? Onde diabos eu disse que temos um governo progressista de esquerda? Ou ainda onde satanás eu fiz algum elogio sequer ao governo Dilma?

    Eu às vezes penso que a situação dos servidores do judiciário é tão caótica que tem foristas usando pedra. Só isso justifica o nível de "arJumentos" vistos por aqui.

    PS: parece que vc quis criticar os traços de Estado de bem-estar-social do nosso país, citando o Canadá. É isso mesmo? Lol
    Justiceirotrf4
    Justiceirotrf4
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 919
    Reputação : 85
    Data de inscrição : 19/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Justiceirotrf4 Ter 15 Set 2015, 3:36 pm

    O veto nao sera derrubado. Foco no pltitica!
    Der Erpresser
    Der Erpresser
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : AJAJ
    Mensagens : 1098
    Reputação : 216
    Data de inscrição : 16/07/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Der Erpresser Ter 15 Set 2015, 3:37 pm

    Esse papinho de crise internacional nem com a CUT e MST (as principais organizações CRIMINOSAS aliadas ao PT) cola mais.

    Adeus, Petê!

    O Veto eu não sei se cai (VAMOS TORCER MUITO!), mas o Partidão já tombou, bonito!

    cheers cheers cheers



    androsvilazza
    androsvilazza
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2695
    Reputação : 509
    Data de inscrição : 22/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por androsvilazza Ter 15 Set 2015, 3:40 pm

    Galizezin escreveu:
    Pipoca escreveu:
    BLACK SOUL escreveu:
    DJANGO escreveu:O triste é ver colegas defendendo IR de 35% como se eles mesmos não fossem pagar a conta junto...
    PROJETO DA NAÇÃO????

    Quem é esse alienígena que defende mais IRPF.

    Prefiro a CPMF a uma alíquota de 35% no IR.

    CREIOEMDEUSPAI!


    Gente, vamos se informar primeiro antes de criticar qualquer coisa.... Meu irmão é da Receita Federal. Segundo ele, a Alíquota de 35% seria aplicável para aqueles com remuneração acima de R$ 30.000,00. Nada mais justo!! Quem ganha mais, paga mais....



    Se isso for realmente verossímil, o governo tem o meu apoio - nessa questão.

    Sou contra.
    Todo mundo sabe que o problema REAL do desajuste fiscal não é - e nunca foi - ausência de receitas. Sou contra majorar tributação pra resolver um problema que é visivelmente baseado em má-gestão dos recursos. Se fossem aumentar a tributação sobre os mais ricos, desonerando os mais pobres, e mantendo a carga tributária, na totalidade, estável, eu apoiaria. Mas já sabemos que não haverá relaxamento da tributação sobre os mais pobres, apenas arrocho maior sobre os mais ricos.

    Agora vamos a alguns conceitos básicos de economia:
    1. Sua remuneração hoje é, certamente, menor do que 30.000.
    2. Por piores que sejam os reajustes futuros, sua remuneração evoluirá - acredite - numa taxa muito superior à atualização das tabelas do IRPF.
    3. Em alguns anos vc terá o "privilégio" de ser encaixado na faixa superior do IRPF, de 35%.

    Como disse, nunca defenderei aumento de tributação. Defendo uma reforma administrativa de verdade, concentrando as soluções do lado das despesas, e não das receitas.
    Qualquer jumento que parar alguns segundos pra pensar sobre o assunto, consegue visualizar áreas de onde seria possível cortar um volume muito maior em despesas do que essas que o governo está "propondo". E tudo isso sem necessariamente mexer nas receitas. O que falta não é dinheiro, falta vontade de fazer as coisas do jeito certo.
    Denovo??
    Denovo??
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2139
    Reputação : 185
    Data de inscrição : 23/10/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Denovo?? Ter 15 Set 2015, 3:42 pm

    A maioria dos esquerdas é assim. Complexo de perseguição, de vítima, de heróis lutando contra o "sistema" para fazer "justiça".


    alcapone escreveu:Meu amigo, qual foi a sua intenção em postar esse link?
    "Canadá em Crise" o que isso tem a ver com o nosso país? e consequentemente ao nosso PL?
    A única interpretação que pode decorrer disso é a de que a crise é mundial e não só Brasileira, ou seja, tentando argumentar que a culpa não é (somente) do Governo.
    Por fim, o colega foi irônico em dizer que a "crise" no Canadá se comparada a nossa praticamente nem existe.
    As vezes, acho que você tem uma mania de perseguição incontrolável...
    Vai se tratar...



    pauloalc escreveu:
    lbnb escreveu:
    pauloalc escreveu:

    ....

    e só pra não deixar passar a questão da economia, Canadá entrou em recessão no primeiríssima semestre de 2015.

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]




    beijos, e boa noite a todos.

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    Vamos à wikipedia amiguinho?


    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]


    Falácia do espantalho

    Falácia do espantalho (também conhecida como Falácia do homem de palha) é um argumento em que a pessoa ignora a posição do adversário no debate e a substitui por uma versão distorcida, que representa de forma errada esta posição. A falácia existe quando a distorção é proposital, de forma a tornar o argumento mais facilmente refutável, ou quando é acidental, quando quem usa a falácia não entendeu o argumento que quer refutar.

    Então amiguinho. Onde diabos eu disse que nosso país sequer se compara ao Canadá? Onde diabos eu disse que temos um governo progressista de esquerda? Ou ainda onde satanás eu fiz algum elogio sequer ao governo Dilma?

    Eu às vezes penso que a situação dos servidores do judiciário é tão caótica que tem foristas usando pedra. Só isso justifica o nível de "arJumentos" vistos por aqui.

    PS: parece que vc quis criticar os traços de Estado de bem-estar-social do nosso país, citando o Canadá. É isso mesmo? Lol
    Alvinegro de Coração
    Alvinegro de Coração
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1540
    Reputação : 395
    Data de inscrição : 23/11/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Alvinegro de Coração Ter 15 Set 2015, 3:43 pm

    O governo está atirando pra todo lado, como um cego, um louco, um bêbado com uma metralhadora na mão.

    A meu ver, a tendência é que os parlamentares se afastem ainda mais do governo (ajustes, impostos, congelamento do funcionalismo). E também o funcionalismo (congelamento, quebra de acordo, menos concursos). E também a população de um modo geral (ajustes, impostos, diminuição dos gastos com programas sociais, menos concursos). E também os movimentos sociais (diminuição dos gastos com programas sociais). E também a imprensa (dêem uma olhada na página do Diário de Pernambuco, Gazeta do Povo, artigos no Estadão, Folha...)

    Acho que o Congresso não vai querer se misturar com esse discurso. Além disso, se não querem se misturar com a chefia, podem querer mudá-la ou forçá-la a mudar. Qual seria o momento mega plus triplo carpado que poderia ser dado já na próxima semana? A derrubada do veto. Nesse contexto, acho que não saímos perdendo.

    Em outra leitura, o Congresso poderia se sentir constrangido em apoiar uma proposta de reajuste ao PJU em um momento de crise, enfatizada pelas últimas atitudes do governo e tal... Sim, poderia, mas acho que não vai cair nessa. Em minha humilde opinião, é mais fácil os congressistas se emputecerem de vez com a presidente do que apoiá-la.

    Além disso, vejamos.
    Os SPFs passaram meses de greve. Não saía acordo nenhum e a situação permanecia insolúvel. Vai e volta, negocia, avança, recua, vai e volta de novo... Conseguiram entrar em acordo! E aí, o que faz o governo pouquíssimos dias depois? Rompe o acordo e muda a data de início do reajuste! Rá. É o mesmo que dizer: "Não façam acordo comigo! Sabem todos os acordos, projetos, todas as propostas, TUDO que eu encaminhei pra vocês? Esquece! A confiabilidade que eu mereço é zero!" Nesse contexto, a derrubada do veto também não sai perdendo, pois qual a garantia que temos de que o PL titica será respeitado pelo governo?

    Ah, e lembrem que o requerimento de urgência do PL titica não foi nem mesmo deferido. Ou seja, nem assinatura suficiente o bicho teve. Qual é o apoio que essa proposta tem no Congresso? Nada!

    Dia 22 é nóis.

    Só uma opinião. Abraços.
    Tibério
    Tibério
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 179
    Reputação : 14
    Data de inscrição : 06/05/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Tibério Ter 15 Set 2015, 3:43 pm

    pauloalc escreveu:
    lbnb escreveu:
    pauloalc escreveu:

    ....

    e só pra não deixar passar a questão da economia, Canadá entrou em recessão no primeiríssima semestre de 2015.

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]




    beijos, e boa noite a todos.

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    Vamos à wikipedia amiguinho?


    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]


    Falácia do espantalho

    Falácia do espantalho (também conhecida como Falácia do homem de palha) é um argumento em que a pessoa ignora a posição do adversário no debate e a substitui por uma versão distorcida, que representa de forma errada esta posição. A falácia existe quando a distorção é proposital, de forma a tornar o argumento mais facilmente refutável, ou quando é acidental, quando quem usa a falácia não entendeu o argumento que quer refutar.

    Então amiguinho. Onde diabos eu disse que nosso país sequer se compara ao Canadá? Onde diabos eu disse que temos um governo progressista de esquerda? Ou ainda onde satanás eu fiz algum elogio sequer ao governo Dilma?

    Eu às vezes penso que a situação dos servidores do judiciário é tão caótica que tem foristas usando pedra. Só isso justifica o nível de "arJumentos" vistos por aqui.

    PS: parece que vc quis criticar os traços de Estado de bem-estar-social do nosso país, citando o Canadá. É isso mesmo? Lol


    Maior cidade do Canadá, Toronto está fora da disputa pelos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2024, segundo a imprensa canadense, que justifica a desistência pelos altos custos na organização do evento e a falta de apoio das autoridades locais. A decisão deverá ser anunciada ainda nesta terça-feira pelo prefeito John Tory.

    Precisamente nesta terça vence o prazo para que as cidades enviem propostas de candidaturas ao Comitê Olímpico Internacional (COI) e manifestem interesse em sediar os Jogos de 2024. Até o momento, Los Angeles, Paris, Roma, Budapeste e Hamburgo declararam suas intenções de organizar o maior evento esportivo do mundo. O COI anunciará a lista oficial das candidatas nesta quarta-feira. A cidade vencedora será conhecida só em 2017.

    O prefeito de Toronto começou a estudar a viabilidade de uma candidatura após o sucesso na organização dos Jogos Pan-Americanos. A cidade fracassou duas vezes na tentativa de receber as Olimpíadas, perdendo para Atlanta, em 1996, e para Pequim, em 2008.

    A parte financeira é, realmente, o principal fator que intimida um projeto olímpico em Toronto. No Canadá, os Jogos de Montreal 1976 ainda estão na memória coletiva, uma vez que o evento deixou uma dívida que seria paga somente 30 anos depois.(g.m.)

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Ter 15 Set 2015, 3:46 pm

    Justiceirotrf4 escreveu:O veto nao sera derrubado. Foco no pltitica!



    Cara, teu post, absurdamente com nítido intuito de desmobilizar os colegas que lutam pela derrubada do veto, certamente inspirará a moderação a tomar as medidas cabíveis.

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Hqdefault
    zotrix
    zotrix
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 589
    Reputação : 59
    Data de inscrição : 03/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por zotrix Ter 15 Set 2015, 3:51 pm

    Justiceirotrf4 escreveu:O veto nao sera derrubado. Foco no pltitica!



    [É necessário estar registrado e conectado para poderes visualizar esta imagem]
    jgpg
    jgpg
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1571
    Reputação : 57
    Data de inscrição : 29/12/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por jgpg Ter 15 Set 2015, 4:00 pm

    Escolheram o serviço público e o servidor como alvos do ajuste



    Antônio Augusto de Queiroz
    DIAP     -     15/09/2015




    No cardápio de soluções para a crise, encontrei três fontes coincidentes no sentido de eleger o serviço público e o servidor como alvos do ajuste: a Agenda Brasil, um artigo de Armínio Fraga com proposta para superar a crise e as medidas anunciadas pelos ministros Nelson Barbosa e Joaquim Levy.  Citarei apenas três exemplos de cada fonte.

    Na Agenda Brasil, da lavra do senador Renan Calheiros, propõe-se o retorno do modelo de administração pública gerencial, da era FHC; a reforma da previdência, com ampliação da idade mínima; e o reajuste planejado dos servidores públicos, leia-se congelamento da despesa com pessoal.

    No artigo do ex-presidente do BC na gestão FHC, o economista Armínio Fraga, publicado em O Globo, de 13/09/20015, propõe-se a discussão sobre o tamanho e as prioridades do Estado; o fim da estabilidade do servidor; e a adoção da idade mínima de 65 anos, para homens e mulheres, para efeito de aposentadoria.

    No anúncio do pacto dos ministros Levy e Barbosa, propõe-se adiar o reajuste dos servidores, passando de janeiro, como previsto no orçamento para 2016, para agosto; o fim do abono de permanência devido ao servidor com tempo para requerer aposentadoria, a suspensão de concursos públicos, e uma reforma da previdência, em elaboração em comissão interna do governo, que proporá também a ampliação da idade mínima, possivelmente nos mesmos moldes propostos por Armínio Fraga.

    Os três pontos em comum: reduzir o tamanho e o papel do Estado; limitar ou reduzir despesa com pessoal e promover nova reforma da previdência, tanto do regime próprio quanto do regime geral são um péssimo sinal do que poderá vir em termos de qualidade de serviços públicos e precarização de relações de trabalho no serviço público.

    A suspensão dos concursos públicos e o anúncio do fim do abono significam um mau presságio em relação à paridade. Isso significa que para manter pessoas em condições de requerer aposentadoria em atividade vão criar bônus, indenizações e outras formas de burla à paridade, arrochando ainda mais os aposentados, que já pagam contribuição de forma indevida.

    As propostas, como se vê, atingem o serviço e o servidor público e, em quase todas as hipóteses, diretamente. É sempre assim, para honrar compromisso com os rentistas, desmontam o Estado e cortam direitos dos servidores públicos. Foi assim com Collor. Foi assim com FHC e está sendo assim com Dilma. E até mesmo Lula, com a sua reforma da previdência, foi por esse caminho.

    Entretanto, como a implementação de todas as propostas demanda mudança legal - seja no nível de lei ordinária, seja em nível constitucional - resta aos servidores e suas entidades resistirem, protestando junto ao governo e pressionando o Congresso por sua rejeição.

    Muitas entidades já fazem o trabalho parlamentar, mas agora há uma mudança substantiva na relação com o Congresso. Se na última década a briga era por mais e melhores direitos, agora a batalha é para evitar retrocessos, como aconteceu na penúltima década no Brasil.

    Se não houver resistência – e significativa – perante o governo nem forte pressão sobre o Congresso, novas medidas serão anunciadas, considerando que os custos são baixos ou difusos. Os governos, de um modo geral, trabalham com a régua do custo-benefício. Se uma medida tiver alto benefício e baixo custo, será priorizada frente a outra com alto custo e baixo benefício.

    Por isso, os servidores e suas entidades devem combinar a pressão de rua, como greves e manifestações, com o trabalho institucional, de pressão sobre os poderes, para evitar retrocesso em suas conquistas sociais. A luta pela regulamentação da Convenção 151 da OIT, por exemplo, assim como a liberação com ônus de dirigentes sindicais, ganham importância neste cenário. No primeiro caso porque obriga o governo a sentar e negociar. No segundo, porque as entidades poderiam contar com líderes sindicais imunes às pressões das chefias com dedicação exclusiva à defesa de sua base.

    Antônio Augusto de Queiroz é Jornalista, analista político e diretor de Documentação do Diap.
    androsvilazza
    androsvilazza
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2695
    Reputação : 509
    Data de inscrição : 22/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por androsvilazza Ter 15 Set 2015, 4:02 pm

    Tibério escreveu:
    pauloalc escreveu:
    lbnb escreveu:
    pauloalc escreveu:

    ....

    e só pra não deixar passar a questão da economia, Canadá entrou em recessão no primeiríssima semestre de 2015.

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]




    beijos, e boa noite a todos.

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    Vamos à wikipedia amiguinho?


    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]


    Falácia do espantalho

    Falácia do espantalho (também conhecida como Falácia do homem de palha) é um argumento em que a pessoa ignora a posição do adversário no debate e a substitui por uma versão distorcida, que representa de forma errada esta posição. A falácia existe quando a distorção é proposital, de forma a tornar o argumento mais facilmente refutável, ou quando é acidental, quando quem usa a falácia não entendeu o argumento que quer refutar.

    Então amiguinho. Onde diabos eu disse que nosso país sequer se compara ao Canadá? Onde diabos eu disse que temos um governo progressista de esquerda? Ou ainda onde satanás eu fiz algum elogio sequer ao governo Dilma?

    Eu às vezes penso que a situação dos servidores do judiciário é tão caótica que tem foristas usando pedra. Só isso justifica o nível de "arJumentos" vistos por aqui.

    PS: parece que vc quis criticar os traços de Estado de bem-estar-social do nosso país, citando o Canadá. É isso mesmo? Lol


    Maior cidade do Canadá, Toronto está fora da disputa pelos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2024, segundo a imprensa canadense, que justifica a desistência pelos altos custos na organização do evento e a falta de apoio das autoridades locais. A decisão deverá ser anunciada ainda nesta terça-feira pelo prefeito John Tory.

    Precisamente nesta terça vence o prazo para que as cidades enviem propostas de candidaturas ao Comitê Olímpico Internacional (COI) e manifestem interesse em sediar os Jogos de 2024. Até o momento, Los Angeles, Paris, Roma, Budapeste e Hamburgo declararam suas intenções de organizar o maior evento esportivo do mundo. O COI anunciará a lista oficial das candidatas nesta quarta-feira. A cidade vencedora será conhecida só em 2017.

    O prefeito de Toronto começou a estudar a viabilidade de uma candidatura após o sucesso na organização dos Jogos Pan-Americanos. A cidade fracassou duas vezes na tentativa de receber as Olimpíadas, perdendo para Atlanta, em 1996, e para Pequim, em 2008.

    A parte financeira é, realmente, o principal fator que intimida um projeto olímpico em Toronto. No Canadá, os Jogos de Montreal 1976 ainda estão na memória coletiva, uma vez que o evento deixou uma dívida que seria paga somente 30 anos depois.(g.m.)

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]

    Tá aí mais um exemplo da diferença entre o atual governo canadense e o (des)governo brasileiro:
    (...) Toronto está fora da disputa pelos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2024, segundo a imprensa canadense, que justifica a desistência pelos altos custos na organização do evento.

    Isso sim pode ser visto como uma demonstração de responsabilidade fiscal.

    Exatamente o oposto de uma certa propaganda de "melhor Copa do Mundo de todos os tempos", Olimpíadas Rio 2016, e todos os "investimentos" que o Brasil teve de fazer para viabilizar esses eventos. Incluindo (claro, como já é tradição) vários elefantes brancos.
    pauloalc
    pauloalc
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1889
    Reputação : 40
    Data de inscrição : 12/07/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por pauloalc Ter 15 Set 2015, 4:02 pm

    1. Canadá e Brasil não se comparam, com crise e sem crise, como o JoseBarbosa bem colocou.

    2. A minha intenção quanto ao link é clara. Mostrar que o Canadá está em recessão. Não tou aqui pra pegar na mão de ninguém. Isso é um fato. Eu por ex não acho que a economia mundial está pujante, bem longe disso. E não vejo como isso ainda isenta o governo do PT pelos erros internos (que todos concordam, são muitos). Não sou binário.


    3. Muito do que se posta aqui sequer tangência o nosso PL. Posta-se sobre política e economia o tempo todo.

    4. O colega erra em nos comparar ao Canadá.

    5. Quando eu ver a mesma reprovação direcionada outros textos políticos ao estilo +Mises-Marx ou aqueles textos direitóides do paulolsl eu vou parar de me achar "perseguido", por enquanto não vejo nada disso aqui. Nego só falta ter orgasmos com posts de direita e fica cheio de Fricote com um post que contrária seus dogmas pra lá de rasos e ainda vem dizer que eu me faço de perseguido?



    alcapone escreveu:Meu amigo, qual foi a sua intenção em postar esse link?
    "Canadá em Crise" o que isso tem a ver com o nosso país? e consequentemente ao nosso PL?
    A única interpretação que pode decorrer disso é a de que a crise é mundial e não só Brasileira, ou seja, tentando argumentar que a culpa não é (somente) do Governo.
    Por fim, o colega foi irônico em dizer que a "crise" no Canadá se comparada a nossa praticamente nem existe.
    As vezes, acho que você tem uma mania de perseguição incontrolável...
    Vai se tratar...



    pauloalc escreveu:
    lbnb escreveu:
    pauloalc escreveu:

    ....

    e só pra não deixar passar a questão da economia, Canadá entrou em recessão no primeiríssima semestre de 2015.

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]




    beijos, e boa noite a todos.

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    Vamos à wikipedia amiguinho?


    [É necessário estar registrado e conectado para poderes ver esta hiperligação]


    Falácia do espantalho

    Falácia do espantalho (também conhecida como Falácia do homem de palha) é um argumento em que a pessoa ignora a posição do adversário no debate e a substitui por uma versão distorcida, que representa de forma errada esta posição. A falácia existe quando a distorção é proposital, de forma a tornar o argumento mais facilmente refutável, ou quando é acidental, quando quem usa a falácia não entendeu o argumento que quer refutar.

    Então amiguinho. Onde diabos eu disse que nosso país sequer se compara ao Canadá? Onde diabos eu disse que temos um governo progressista de esquerda? Ou ainda onde satanás eu fiz algum elogio sequer ao governo Dilma?

    Eu às vezes penso que a situação dos servidores do judiciário é tão caótica que tem foristas usando pedra. Só isso justifica o nível de "arJumentos" vistos por aqui.

    PS: parece que vc quis criticar os traços de Estado de bem-estar-social do nosso país, citando o Canadá. É isso mesmo? Lol
    VozDaConsciência
    VozDaConsciência
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 218
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 16/09/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por VozDaConsciência Ter 15 Set 2015, 4:04 pm

    Alvinegro de Coração escreveu:O governo está atirando pra todo lado, como um cego, um louco, um bêbado com uma metralhadora na mão.

    A meu ver, a tendência é que os parlamentares se afastem ainda mais do governo (ajustes, impostos, congelamento do funcionalismo). E também o funcionalismo (congelamento, quebra de acordo, menos concursos). E também a população de um modo geral (ajustes, impostos, diminuição dos gastos com programas sociais, menos concursos). E também os movimentos sociais (diminuição dos gastos com programas sociais). E também a imprensa (dêem uma olhada na página do Diário de Pernambuco, Gazeta do Povo, artigos no Estadão, Folha...)

    Acho que o Congresso não vai querer se misturar com esse discurso. Além disso, se não querem se misturar com a chefia, podem querer mudá-la ou forçá-la a mudar. Qual seria o momento mega plus triplo carpado que poderia ser dado já na próxima semana? A derrubada do veto. Nesse contexto, acho que não saímos perdendo.

    Em outra leitura, o Congresso poderia se sentir constrangido em apoiar uma proposta de reajuste ao PJU em um momento de crise, enfatizada pelas últimas atitudes do governo e tal... Sim, poderia, mas acho que não vai cair nessa. Em minha humilde opinião, é mais fácil os congressistas se emputecerem de vez com a presidente do que apoiá-la.

    Além disso, vejamos.
    Os SPFs passaram meses de greve. Não saía acordo nenhum e a situação permanecia insolúvel. Vai e volta, negocia, avança, recua, vai e volta de novo... Conseguiram entrar em acordo! E aí, o que faz o governo pouquíssimos dias depois? Rompe o acordo e muda a data de início do reajuste! Rá. É o mesmo que dizer: "Não façam acordo comigo! Sabem todos os acordos, projetos, todas as propostas, TUDO que eu encaminhei pra vocês? Esquece! A confiabilidade que eu mereço é zero!" Nesse contexto, a derrubada do veto também não sai perdendo, pois qual a garantia que temos de que o PL titica será respeitado pelo governo?

    Ah, e lembrem que o requerimento de urgência do PL titica não foi nem mesmo deferido. Ou seja, nem assinatura suficiente o bicho teve. Qual é o apoio que essa proposta tem no Congresso? Nada!

    Dia 22 é nóis.

    Só uma opinião. Abraços.

    Obrigado, Alvinegro, em momentos onde tudo parece perdido, é bom ler um texto que traz positividade e apresenta situações absolutamente pertinentes, que mostram que o Veto pode ser derrubado. Vamos acreditar, enquanto houver chance, vamos lutar.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Convidado Ter 15 Set 2015, 4:06 pm

    pauloalc escreveu:1. Canadá e Brasil não se comparam, com crise e sem crise, como o JoseBarbosa bem colocou.

    2. A minha intenção quanto ao link é clara. Mostrar que o Canadá está em recessão. Não tou aqui pra pegar na mão de ninguém. Isso é um fato. Eu por ex não acho que a economia mundial está pujante, bem longe disso. E não vejo como isso ainda isenta o governo do PT pelos erros internos (que todos concordam, são muitos). Não sou binário.


    3. Muito do que se posta aqui sequer tangência o nosso PL. Posta-se sobre política e economia o tempo todo.

    4. O colega erra em nos comparar ao Canadá.

    5. Quando eu ver a mesma reprovação direcionada outros textos políticos ao estilo +Mises-Marx ou aqueles textos direitóides do paulolsl eu vou parar de me achar "perseguido", por enquanto não vejo nada disso aqui. Nego só falta ter orgasmos com posts de direita e fica cheio de Fricote com um post que contrária seus dogmas pra lá de rasos e ainda vem dizer que eu me faço de perseguido?



    alcapone escreveu:Meu amigo, qual foi a sua intenção em postar esse link?
    "Canadá em Crise" o que isso tem a ver com o nosso país? e consequentemente ao nosso PL?
    A única interpretação que pode decorrer disso é a de que a crise é mundial e não só Brasileira, ou seja, tentando argumentar que a culpa não é (somente) do Governo.
    Por fim, o colega foi irônico em dizer que a "crise" no Canadá se comparada a nossa praticamente nem existe.
    As vezes, acho que você tem uma mania de perseguição incontrolável...
    Vai se tratar...



    pauloalc escreveu:
    lbnb escreveu:

      Nossa, coitado do Canadá! Deve ser por isso que está cheio de canadense querendo vir para países sul-americanos governados pela esquerda progressista, que garantem o bem-estar social para todos, sem distinção... Pior que eles só os magistrados e promotores, que estão debandando em massa da magistratura para abraçar a carreira realmente valorizada, que é a dos servidores do judiciário.

    Vamos à wikipedia amiguinho?


    https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Falácia_do_espantalho


    Falácia do espantalho

    Falácia do espantalho (também conhecida como Falácia do homem de palha) é um argumento em que a pessoa ignora a posição do adversário no debate e a substitui por uma versão distorcida, que representa de forma errada esta posição. A falácia existe quando a distorção é proposital, de forma a tornar o argumento mais facilmente refutável, ou quando é acidental, quando quem usa a falácia não entendeu o argumento que quer refutar.

    Então amiguinho. Onde diabos eu disse que nosso país sequer se compara ao Canadá? Onde diabos eu disse que temos um governo progressista de esquerda? Ou ainda onde satanás eu fiz algum elogio sequer ao governo Dilma?

    Eu às vezes penso que a situação dos servidores do judiciário é tão caótica que tem foristas usando pedra. Só isso justifica o nível de "arJumentos" vistos por aqui.

    PS: parece que vc quis criticar os traços de Estado de bem-estar-social do nosso país, citando o Canadá. É isso mesmo? Lol


    O PROBLEMA É QUE ECONOMIA INTERNACIONAL NÃO É ESTE TÓPICO, CARO COLEGA, ENTENDE?
    Alvinegro de Coração
    Alvinegro de Coração
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1540
    Reputação : 395
    Data de inscrição : 23/11/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Alvinegro de Coração Ter 15 Set 2015, 4:06 pm

    TRT 2ª Região - São Paulo divulgou portaria retrocedendo no corte de ponto dos servidores.

    Hoje, o Deputado Silvio Costa declarou apoio aos servidores do MPU na derrubada do substitutivo.
    Jaspion
    Jaspion
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico
    Mensagens : 1031
    Reputação : 54
    Data de inscrição : 06/08/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Jaspion Ter 15 Set 2015, 4:07 pm

    zotrix escreveu:
    Justiceirotrf4 escreveu:O veto nao sera derrubado. Foco no pltitica!



    [É necessário estar registrado e conectado para poderes visualizar esta imagem]

    [É necessário estar registrado e conectado para poderes visualizar esta imagem]
    zotrix
    zotrix
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 589
    Reputação : 59
    Data de inscrição : 03/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por zotrix Ter 15 Set 2015, 4:12 pm

    Alvinegro de Coração escreveu:TRT 2ª Região - São Paulo divulgou portaria retrocedendo no corte de ponto dos servidores.

    Hoje, o Deputado Silvio Costa declarou apoio aos servidores do MPU na derrubada do substitutivo.

    Mas a intenção dele não é o PL original. Ele quer zero pra PJU e MPU.
    zotrix
    zotrix
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 589
    Reputação : 59
    Data de inscrição : 03/01/2015

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por zotrix Ter 15 Set 2015, 4:14 pm

    O cara começa comparando Canadá com Brasil, citando que aquele também está em recessão; e, depois, critica quem está comparando.

    scratch
    JULIUS JR
    JULIUS JR
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 572
    Reputação : 34
    Data de inscrição : 01/09/2014

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por JULIUS JR Ter 15 Set 2015, 4:19 pm

    Alvinegro de Coração escreveu:O governo está atirando pra todo lado, como um cego, um louco, um bêbado com uma metralhadora na mão.

    A meu ver, a tendência é que os parlamentares se afastem ainda mais do governo (ajustes, impostos, congelamento do funcionalismo). E também o funcionalismo (congelamento, quebra de acordo, menos concursos). E também a população de um modo geral (ajustes, impostos, diminuição dos gastos com programas sociais, menos concursos). E também os movimentos sociais (diminuição dos gastos com programas sociais). E também a imprensa (dêem uma olhada na página do Diário de Pernambuco, Gazeta do Povo, artigos no Estadão, Folha...)

    Acho que o Congresso não vai querer se misturar com esse discurso. Além disso, se não querem se misturar com a chefia, podem querer mudá-la ou forçá-la a mudar. Qual seria o momento mega plus triplo carpado que poderia ser dado já na próxima semana? A derrubada do veto. Nesse contexto, acho que não saímos perdendo.

    Em outra leitura, o Congresso poderia se sentir constrangido em apoiar uma proposta de reajuste ao PJU em um momento de crise, enfatizada pelas últimas atitudes do governo e tal... Sim, poderia, mas acho que não vai cair nessa. Em minha humilde opinião, é mais fácil os congressistas se emputecerem de vez com a presidente do que apoiá-la.

    Além disso, vejamos.
    Os SPFs passaram meses de greve. Não saía acordo nenhum e a situação permanecia insolúvel. Vai e volta, negocia, avança, recua, vai e volta de novo... Conseguiram entrar em acordo! E aí, o que faz o governo pouquíssimos dias depois? Rompe o acordo e muda a data de início do reajuste! Rá. É o mesmo que dizer: "Não façam acordo comigo! Sabem todos os acordos, projetos, todas as propostas, TUDO que eu encaminhei pra vocês? Esquece! A confiabilidade que eu mereço é zero!" Nesse contexto, a derrubada do veto também não sai perdendo, pois qual a garantia que temos de que o PL titica será respeitado pelo governo?

    Ah, e lembrem que o requerimento de urgência do PL titica não foi nem mesmo deferido. Ou seja, nem assinatura suficiente o bicho teve. Qual é o apoio que essa proposta tem no Congresso? Nada!

    Dia 22 é nóis.

    Só uma opinião. Abraços.


    like
    Edyrio2010
    Edyrio2010
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 738
    Reputação : 14
    Data de inscrição : 01/09/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Edyrio2010 Ter 15 Set 2015, 4:23 pm

    corujito escreveu:Não sejam tão noobs.

    Não há, nunca houve, e não haverá até o final do ano qualquer garantia total do "outro" PL.


    Fale-me sobre a atual fase do mestre Amarildo? Decepcionado?
    Juriti
    Juriti
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 176
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 06/09/2012

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Juriti Ter 15 Set 2015, 4:24 pm

    É ruim levar um chifre, principalmente, por alguém estranho ao nosso convívio...
    Alvinegro de Coração
    Alvinegro de Coração
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1540
    Reputação : 395
    Data de inscrição : 23/11/2010

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Alvinegro de Coração Ter 15 Set 2015, 4:29 pm

    Juriti escreveu:É ruim levar um chifre, principalmente, por alguém estranho ao nosso convívio...

    É ruim levar chifre de todo jeito, macho réi. Mas fiquei boiando, contextualize com o tópico. É o que nos interessa. Falo do tópico, não dos chifres.


    Última edição por Alvinegro de Coração em Ter 15 Set 2015, 4:31 pm, editado 1 vez(es)

    Conteúdo patrocinado

    PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015 - Página 23 Empty Re: PCS - PL 7920/2014 - PLC 28/2015

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter 26 Out 2021, 2:55 am