PCS JÁ

PCS JÁ



    Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    ale1969
    ale1969
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1372
    Reputação : 128
    Data de inscrição : 26/03/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por ale1969 Sex 11 Out 2019, 4:26 pm

    androsvilazza escreveu:
    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:
    Bastião escreveu:Falando em bunda molagem...

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    quem está por trás do "o antagonista"?

    o dono nada mais é que a Empiricus.


    Independentemente da mídia, não consigo ver nenhum grande conglomerado como algo diferente daquele "biscoito de polvilho" que faz jornal de bairro e tem uma clara preferência ideológica.

    Por falar em o antagonista, a intranet do MPT está bloqueando o acesso ao site, categorizando-o na categoria "pornografia" memelol Coincidência ou não, esse bloqueio é recente, salvo engano há 1 ou 2 dias apenas... Laughing

    Pornografia... Boa desculpa para não dar o nome correto.
    euvoltei
    euvoltei
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1822
    Reputação : 183
    Data de inscrição : 30/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por euvoltei Seg 14 Out 2019, 9:12 am

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Rodrigo Maia é entusiasta da proposta de acabar com a Justiça do Trabalho
    Ideia é que juízes do trabalho sejam transformados em juízes federais, acabando o déficit
    Redação Redação
    14/10/2019 às 00:01 | Atualizado às 23:16

    A proposta de extinção da Justiça do Trabalho (JT) é considerada uma espécie de resgate da promessa do presidente na Câmara, Rodrigo Maia. Ele jamais escondeu sua ideia. “A Justiça do Trabalho não deveria nem existir”, chegou a afirmar em maio de 2017. A ideia é, com a extinção, incorporar seus magistrados à Justiça Federal, o que pode acabar o antigo problema de insuficiência de pessoal. Hoje, a Justiça do Trabalho tem o dobro de magistrados da Justiça Federal. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

    A queda vertiginosa de ações e o triunfo do contrato, após a reforma trabalhista, fazem prever que logo não haverá o que fazer na justiça do Trabalho.

    A Justiça do Trabalho tem o dobro de juízes da Justiça Federal e cinco vezes mais tribunais de segundo grau. Todos cada vez menos úteis.

    Antes da reforma, em 2017, juiz do Trabalho de primeiro grau julgou em média 3.240 processos, 41,6% menos que os 7.783 processos de juiz federal.

    A Justiça do Trabalho custará aos pagadores de impostos, este ano, R$18,2 bilhões. Desse total, 90,3% vão para o bolso dos funcionários.

    ---------

    avatar
    Convidado
    Convidado

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Convidado Seg 14 Out 2019, 9:22 am

    Já que a medida está em resultados, seria interessante acabar com as Câmaras de Vereadores ou até com as Assembleias Legislativas, visto que não entregam p... nenhuma para a sociedade.
    avatar
    meneguello
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Cargo : técnico
    Mensagens : 38
    Reputação : 8
    Data de inscrição : 09/07/2010
    Idade : 63

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por meneguello Seg 14 Out 2019, 11:25 am

    Bastião escreveu:Já que a medida está em resultados, seria interessante acabar com as Câmaras de Vereadores ou até com as Assembleias Legislativas, visto que não entregam p... nenhuma para a sociedade.

    Uma boa ideia então seria que os sindicatos propusessem a discussão de readequação de TODOS os níveis das estruturas de poder; especialmente diminuindo o número de vereadores, deputados e senadores. Podemos aproveitar esse "momento limão" da carreira e fazer uma limonada.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Convidado Seg 14 Out 2019, 12:59 pm

    Em 2019 sindicato não dá pitaco em nada...já passou a época de sindicalismo forte, ainda mais no presente em que os próprios trabalhadores entoam a voz anti sindicato. Fora os anti direitos trabalhistas. Vai entender...

    Ps: fora a ausência de competência legal/constitucional
    flávio mansur de oliveira
    flávio mansur de oliveira
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 67
    Reputação : 15
    Data de inscrição : 01/06/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por flávio mansur de oliveira Seg 14 Out 2019, 1:35 pm

    euvoltei escreveu:[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Rodrigo Maia é entusiasta da proposta de acabar com a Justiça do Trabalho
    Ideia é que juízes do trabalho sejam transformados em juízes federais, acabando o déficit
    Redação Redação
    14/10/2019 às 00:01 | Atualizado às 23:16

    A proposta de extinção da Justiça do Trabalho (JT) é considerada uma espécie de resgate da promessa do presidente na Câmara, Rodrigo Maia. Ele jamais escondeu sua ideia. “A Justiça do Trabalho não deveria nem existir”, chegou a afirmar em maio de 2017. A ideia é, com a extinção, incorporar seus magistrados à Justiça Federal, o que pode acabar o antigo problema de insuficiência de pessoal. Hoje, a Justiça do Trabalho tem o dobro de magistrados da Justiça Federal. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
    A queda vertiginosa de ações e o triunfo do contrato, após a reforma trabalhista, fazem prever que logo não haverá o que fazer na justiça do Trabalho.

    A Justiça do Trabalho tem o dobro de juízes da Justiça Federal e cinco vezes mais tribunais de segundo grau. Todos cada vez menos úteis.

    Antes da reforma, em 2017, juiz do Trabalho de primeiro grau julgou em média 3.240 processos, 41,6% menos que os 7.783 processos de juiz federal.

    A Justiça do Trabalho custará aos pagadores de impostos, este ano, R$18,2 bilhões. Desse total, 90,3% vão para o bolso dos funcionários.

    ---------



    Resta saber o destino dos servidores, pois os magistrados estão seguros.
    avatar
    meneguello
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Cargo : técnico
    Mensagens : 38
    Reputação : 8
    Data de inscrição : 09/07/2010
    Idade : 63

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por meneguello Seg 14 Out 2019, 1:51 pm

    Bastião escreveu:Em 2019 sindicato não dá pitaco em nada...já passou a época de sindicalismo forte, ainda mais no presente em que os próprios trabalhadores entoam a voz anti sindicato. Fora os anti direitos trabalhistas. Vai entender...

    Ps: fora a ausência de competência legal/constitucional

    Nem pensei no aspecto da competência para proposição seja lá de que medida, pensei apenas em jogar para a platéia sedenta de sangue bounce
    euvoltei
    euvoltei
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1822
    Reputação : 183
    Data de inscrição : 30/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por euvoltei Seg 14 Out 2019, 2:02 pm

    "Experiências externas

    A reunião contou ainda com a apresentação de experiências de outros ramos do Poder Judiciário que desenvolveram projetos de concentração de serviços na estrutura organizacional. A juíza federal Luciana Ortiz Tavares Costa Zanoni, da 3ª Região, falou sobre a implantação do modelo de Secretaria Única na sua região e apresentou aspectos postivos e as dificuldades vivenciados, como a padronização de procedimento.

    A secretária de Gestão de Pessoas do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP), Patrícia Maria Landi da Silva Bastos, apresentou a Unidade de Processamento Judicial (UPJ), conhecida como “Cartório do Futuro”. A inovação do TJSP também foi motivada por restrições orçamentárias e pela necessidade de adequação da realidade de trabalho resultante da implantação do processo digital."

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    josebarbos
    josebarbos
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3254
    Reputação : 423
    Data de inscrição : 20/05/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por josebarbos Qua 16 Out 2019, 6:47 pm

    Bastião escreveu:Em 2019 sindicato não dá pitaco em nada...já passou a época de sindicalismo forte, ainda mais no presente em que os próprios trabalhadores entoam a voz anti sindicato. Fora os anti direitos trabalhistas. Vai entender...

    Ps: fora a ausência de competência legal/constitucional

    Com a informação aberta a todos, jornal impresso, sindicato, cartório são coisas que perderam o sentido de existência.
    No caso dos sindicatos, vide o recente exemplo do Plan-Assiste no âmbito do MPU, não conseguem mobilizar ninguém, só correm atrás da informação e não tomam qualquer medida prática.
    Ficou bastante claro que se houve lugar em que sindicalismo deu certo, não foi no Brasil. Sindicato virou mais uma taxa.
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7556
    Reputação : 514
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Galizezin Qua 16 Out 2019, 8:33 pm

    por que cartórios?


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    josebarbos
    josebarbos
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3254
    Reputação : 423
    Data de inscrição : 20/05/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por josebarbos Qui 17 Out 2019, 12:35 pm

    Galizezin escreveu:por que cartórios?

    Cartórios, no caso, como exemplos burocráticos.

    Da última vez que fui reconhecer firma, tive que brigar com o atendente que quis cobrar mais de cem reais por assinatura em razão de ser um contrato de natureza imobiliária. Hoje em dia, é mero hábito besta a assinatura em papel, é muito mais fácil, conveniente e seguro utilizar-se de recursos de assinatura digital.

    Obviamente, enquanto guarda de informações históricas, eles ainda tem o seu lugar, mas na reles burocracia e em tempos de documentos digitais, perderam completamente o sentido.
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7556
    Reputação : 514
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Galizezin Qui 17 Out 2019, 8:13 pm

    valeu!


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    avatar
    GDJ
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 525
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 18/11/2010

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por GDJ Sex 18 Out 2019, 6:59 am

    Galizezin escreveu:por que cartórios?

    Cartório, nesse caso, é sinônimo de Secretaria das Varas.
    Nesse texto extraída de um site da Justiça Federal, por exemplo, eles usam os dois termos.

    O que são as varas federais?
    Atualizado em:
    23/07/2019
    São representações do Poder Judiciário federal em determinado território.

    As varas federais são divididas fisicamente em duas seções:

    secretaria (ou cartório), onde há o atendimento ao público e é realizada a tramitação processual;
    gabinete, onde oficia o juiz federal responsável – titular ou substituto.
    Em cada vara federal, há também uma sala destinada para audiências.
    josebarbos
    josebarbos
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3254
    Reputação : 423
    Data de inscrição : 20/05/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por josebarbos Sex 18 Out 2019, 9:58 am

    GDJ escreveu:
    Galizezin escreveu:por que cartórios?

    Cartório, nesse caso, é sinônimo de Secretaria das Varas.
    Nesse texto extraída de um site da Justiça Federal, por exemplo, eles usam os dois termos.

    O que são as varas federais?
    Atualizado em:
    23/07/2019
    São representações do Poder Judiciário federal em determinado território.

    As varas federais são divididas fisicamente em duas seções:

    secretaria (ou cartório), onde há o atendimento ao público e é realizada a tramitação processual;
    gabinete, onde oficia o juiz federal responsável – titular ou substituto.
    Em cada vara federal, há também uma sala destinada para audiências.

    Para deixar bem claro, quando me referi a cartório, não me atentei para o fato de que tem este sinônimo à secretaria, é uma nomenclatura comum no sul (e talvez noutros lugares).
    Refiro-me aos cartórios, titulados por tabeliães, que fazem registros de imóveis, notas etc; naquelas atividades eminentemente burocráticas na sua acepção mais perversa: firma reconhecida, cópia autenticada etc.
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7556
    Reputação : 514
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Galizezin Sex 18 Out 2019, 10:05 am

    eu tinha entendido, porém acho difícil a extinção dos tabelionatos.


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    mauriciokpv
    mauriciokpv
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 42
    Reputação : 3
    Data de inscrição : 31/03/2011

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty O risco de disponibilidade, para servidores da JT, é real?

    Mensagem por mauriciokpv Sex 25 Out 2019, 12:09 pm

    flávio mansur de oliveira escreveu:
    euvoltei escreveu:[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Rodrigo Maia é entusiasta da proposta de acabar com a Justiça do Trabalho
    Ideia é que juízes do trabalho sejam transformados em juízes federais, acabando o déficit
    Redação Redação
    14/10/2019 às 00:01 | Atualizado às 23:16

    A proposta de extinção da Justiça do Trabalho (JT) é considerada uma espécie de resgate da promessa do presidente na Câmara, Rodrigo Maia. Ele jamais escondeu sua ideia. “A Justiça do Trabalho não deveria nem existir”, chegou a afirmar em maio de 2017. A ideia é, com a extinção, incorporar seus magistrados à Justiça Federal, o que pode acabar o antigo problema de insuficiência de pessoal. Hoje, a Justiça do Trabalho tem o dobro de magistrados da Justiça Federal. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
    A queda vertiginosa de ações e o triunfo do contrato, após a reforma trabalhista, fazem prever que logo não haverá o que fazer na justiça do Trabalho.

    A Justiça do Trabalho tem o dobro de juízes da Justiça Federal e cinco vezes mais tribunais de segundo grau. Todos cada vez menos úteis.

    Antes da reforma, em 2017, juiz do Trabalho de primeiro grau julgou em média 3.240 processos, 41,6% menos que os 7.783 processos de juiz federal.

    A Justiça do Trabalho custará aos pagadores de impostos, este ano, R$18,2 bilhões. Desse total, 90,3% vão para o bolso dos funcionários.

    ---------



    Resta saber o destino dos servidores, pois os magistrados estão seguros.
    thiagonunes88
    thiagonunes88
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 40
    Reputação : 8
    Data de inscrição : 12/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por thiagonunes88 Qua 22 Jan 2020, 7:01 pm

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    thiagonunes88
    thiagonunes88
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 40
    Reputação : 8
    Data de inscrição : 12/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por thiagonunes88 Qua 22 Jan 2020, 7:04 pm

    Essa semana teve ainda um relatório do csjt pra tornar mais célere a movimentação dos servidores no segundo grau .
    ptralhasnopoder
    ptralhasnopoder
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 655
    Reputação : 55
    Data de inscrição : 18/09/2014

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por ptralhasnopoder Qui 23 Jan 2020, 4:53 pm

    Tá sendo divulgado um relatório.
    Temos que reagir.
    Sugiro todos entregarem suas funções comissionadas igual os servidores da receita Federal fazem.
    Além de grupos Nacional de Whatsapp com lideranças sindicais e servidores.
    ptralhasnopoder
    ptralhasnopoder
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 655
    Reputação : 55
    Data de inscrição : 18/09/2014

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por ptralhasnopoder Qui 23 Jan 2020, 4:56 pm

    Nossa categoria precisa ser valorizada.
    Trabalhamos muito e com qualidade.
    Temos colegas preparadíssimos em todas as áreas.
    Tá na hora dessa turma articular uma reação.
    Chuck Coleman
    Chuck Coleman
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1195
    Reputação : 106
    Data de inscrição : 16/04/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Chuck Coleman Qui 23 Jan 2020, 5:08 pm

    ptralhasnopoder escreveu:Tá sendo divulgado um relatório.
    Temos que reagir.
    Sugiro todos entregarem suas funções comissionadas igual os servidores da receita Federal fazem.
    Além de grupos Nacional de Whatsapp com lideranças sindicais e servidores.

    lol! lol! lol! lol! lol! lol! lol! lol! lol! lol! lol! lol! lol!
    memelol memelol memelol memelol memelol memelol
    mauriciokpv
    mauriciokpv
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 42
    Reputação : 3
    Data de inscrição : 31/03/2011

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Reestruturação na JT de Santa Catarina

    Mensagem por mauriciokpv Qui 23 Jan 2020, 5:56 pm

    Olá, Alguém sabe de alguma ocorrendo "por baixo dos panos" em relação à unificação de Varas em SC?
    Sniper
    Sniper
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 756
    Reputação : 50
    Data de inscrição : 06/05/2011

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Sniper Qui 23 Jan 2020, 10:02 pm

    mauriciokpv escreveu:
    flávio mansur de oliveira escreveu:
    euvoltei escreveu:[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Rodrigo Maia é entusiasta da proposta de acabar com a Justiça do Trabalho
    Ideia é que juízes do trabalho sejam transformados em juízes federais, acabando o déficit
    Redação Redação
    14/10/2019 às 00:01 | Atualizado às 23:16

    A proposta de extinção da Justiça do Trabalho (JT) é considerada uma espécie de resgate da promessa do presidente na Câmara, Rodrigo Maia. Ele jamais escondeu sua ideia. “A Justiça do Trabalho não deveria nem existir”, chegou a afirmar em maio de 2017. A ideia é, com a extinção, incorporar seus magistrados à Justiça Federal, o que pode acabar o antigo problema de insuficiência de pessoal. Hoje, a Justiça do Trabalho tem o dobro de magistrados da Justiça Federal. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
    A queda vertiginosa de ações e o triunfo do contrato, após a reforma trabalhista, fazem prever que logo não haverá o que fazer na justiça do Trabalho.

    A Justiça do Trabalho tem o dobro de juízes da Justiça Federal e cinco vezes mais tribunais de segundo grau. Todos cada vez menos úteis.

    Antes da reforma, em 2017, juiz do Trabalho de primeiro grau julgou em média 3.240 processos, 41,6% menos que os 7.783 processos de juiz federal.

    A Justiça do Trabalho custará aos pagadores de impostos, este ano, R$18,2 bilhões. Desse total, 90,3% vão para o bolso dos funcionários.

    ---------



    Resta saber o destino dos servidores, pois os magistrados estão seguros.

    O Botafogo acha que é o dono do Brasil!
    Mas ele precisa entender que muitas vezes querer não é poder!
    A Justiça do Trabalho não vai acabar. Será reorganizada de acordo com a sua nova realidade, pós reforma trabalhista.
    Por óbvio, haverá choro e ranger de dentes, mas ela ainda existirá.
    AGU
    AGU
    Novo Usuário

    Mensagens : 2
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 30/04/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por AGU Ter 28 Jul 2020, 7:01 pm

    Boa tarde pessoal, como ficou essa reestruturação? Não vingou? Vai haver redução de varas e etc
    euvoltei
    euvoltei
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1822
    Reputação : 183
    Data de inscrição : 30/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por euvoltei Ter 11 Maio 2021, 8:17 am

    E essa minuta de resolução que vai substituir a resolução 63 do csjt..... alguém tem mais informações...

    vi algumas coisas nos grupos de zap.....
    Rengaw
    Rengaw
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 683
    Reputação : 42
    Data de inscrição : 26/08/2014

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Rengaw Ter 11 Maio 2021, 5:23 pm

    LIVE ANJUSTRA SOBRE A REFORMA ADM. HOJE 11/05/21 AS 18:00

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    araponga
    araponga
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 127
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 01/06/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por araponga Qua 12 Maio 2021, 1:39 pm

    euvoltei escreveu:E essa minuta de resolução que vai substituir a resolução 63 do csjt..... alguém tem mais informações...

    vi algumas coisas nos grupos de zap.....

    Colega, passa detalhes dos boatos que você ouviu, eu tô no escuro (não soube de nada).
    araponga
    araponga
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 127
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 01/06/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por araponga Qua 12 Maio 2021, 3:15 pm

    Dei um google e achei essa notícia:

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
    euvoltei
    euvoltei
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1822
    Reputação : 183
    Data de inscrição : 30/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por euvoltei Qua 12 Maio 2021, 6:44 pm

    araponga escreveu:
    euvoltei escreveu:E essa minuta de resolução que vai substituir a resolução 63 do csjt..... alguém tem mais informações...

    vi algumas coisas nos grupos de zap.....

    Colega, passa detalhes dos boatos que você ouviu, eu tô no escuro (não soube de nada).

    Recebi essa mensagem abaixo com um pdf anexado num grupo de zap... não sei mandar PDF por aqui....







    ATENÇÃO - IMPORTANTE - Minuta de nova estrutura da Justiça do Trabalho foi disponibilizada - Colegas, peço desculpas pelo envio de mensagem à noite, mas creio que o assunto é relevante. Foi disponibilizada a minuta de nova estrutura da Justiça do Trabalho (revisão da antiga resolução 63). Fiz uma leitura inicial e destaco alguns pontos relevantes. É apenas uma leitura inicial, colegas, já que a norma foi disponibilidade há 30 minutos, e desse modo, posso estar equivocada em algumas conclusões. Peço-lhes que leiam, reflitam, opinem, me repassem informações. Precisamos subsidiar a Anamatra caso seja necessário rever algum ou alguns dos temas propostos.
    Seguem os destaques que fiz:

    *Máximo de 10% dos servidores de carreiras que não sejam carreiras do Judiciário Federal. O que ultrapassar isso deve ser aos poucos substituído.

    *Cargos e comissão e funções comissionadas – máximo 70% dos cargos efetivos do órgão, e aos poucos o excedente deve ser transformado ou extinto.

    *Quantidade de servidores na área judiciária deve ser apurada conforme a média processual do último triênio e observando a resolução 219 do CNJ.

    *Tribunal pode fazer equalização/transferência de servidores entre as unidades.

    *Servidores de segurança ou com função de avaliador em foros de vara única não devem ser contabilizados como servidores das varas, para fins de quantitativos

    *Gabinetes de desembargador, juiz titular e juiz substituto não podem ter servidores sem função comissionada.

    *Unidades de apoio judiciário podem ocupar no máximo 30% das funções da área judiciária a qual vinculadas.

    *Unidades de apoio indireto às unidades judiciárias – de 15 a 30% do total de servidores (tribunais de grande e médio porte) e 20 a 30% (tribunais de pequeno porte). Saem deste cálculo TI e EJUD. Área de TI terá norma própria.

    *Escola Judicial – percentual máximo de servidores em relação ao número de servidores/juízes (público alvo): 0,5% (tribunais de grande porte), 0,6% (tribunais de médio porte) e 0,8% (tribunais de grande porte).

    *Gabinetes de Desembargadores com funções administrativas e que não acompanharem os desembargadores devem ser destacados atuar na função jurisdicional (ou seja, auxiliando outros gabinetes).

    *Déficit de servidores – equalização deve ocorrer prioritariamente no mesmo nível de jurisdição e em caso de unidades do mesmo foro, preferencialmente dentro do mesmo foro.

    * Poderá ser usado o teletrabalho como forma de incentivo à permanência de servidores em varas de maior movimentação, bem como para transferência de servidores.

    *Poderá haver acordo técnico entre os Tribunais para equalização da força de trabalho (?).

    *Tribunais poderão aglutinar secretarias de Varas, mantendo em separado os gabinetes dos juízes. Também poderão aglutinar secretarias de turmas do 2º grau.

    *Nas varas com mais de 1500 processos ano, poderá ser lotado juiz substituto, com gabinete próprio, com até 2 FC5 e 1 FC4. No caso de juiz substituto sem designação fixa, a lotação dos assistentes será em unidade vinculada à Corregedoria Regional.

    *Varas com menos de 50% da média de casos das demais Varas – TRT deverá extinguir, transformar, alterar jurisdição ou requerer a manutenção da unidade, indicando as razões.

    *Postos avançados da JT – devem ser extintos ou readequados como Vara, Juízo Digital ou local atingindo por justiça itinerante (prazo de 3 anos para fazer isso).

    *CSJT pode flexibilizar exigências em razão de especificidades locais.
    ale1969
    ale1969
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1372
    Reputação : 128
    Data de inscrição : 26/03/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por ale1969 Qui 13 Maio 2021, 1:09 pm

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

    Seminário da FENAJUFE, hoje 13/5 às 18h e 30 min.
    araponga
    araponga
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 127
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 01/06/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por araponga Qui 13 Maio 2021, 4:07 pm

    euvoltei escreveu:

    ATENÇÃO - IMPORTANTE - Minuta de nova estrutura da Justiça do Trabalho foi disponibilizada - Colegas, peço desculpas pelo envio de mensagem à noite, mas creio que o assunto é relevante. Foi disponibilizada a minuta de nova estrutura da Justiça do Trabalho (revisão da antiga resolução 63). Fiz uma leitura inicial e destaco alguns pontos relevantes. É apenas uma leitura inicial, colegas, já que a norma foi disponibilidade há 30 minutos, e desse modo, posso estar equivocada em algumas conclusões. Peço-lhes que leiam, reflitam, opinem, me repassem informações. Precisamos subsidiar a Anamatra caso seja necessário rever algum ou alguns dos temas propostos.
    Seguem os destaques que fiz:

    *Máximo de 10% dos servidores de carreiras que não sejam carreiras do Judiciário Federal. O que ultrapassar isso deve ser aos poucos substituído.

    *Cargos e comissão e funções comissionadas – máximo 70% dos cargos efetivos do órgão, e aos poucos o excedente deve ser transformado ou extinto.

    *Quantidade de servidores na área judiciária  deve ser apurada conforme a média processual do último triênio e observando a resolução 219 do CNJ.

    *Tribunal pode fazer equalização/transferência de servidores entre as unidades.

    *Servidores de segurança ou com função de avaliador em foros de vara única não devem ser contabilizados como servidores das varas, para fins de quantitativos

    *Gabinetes de desembargador, juiz titular e juiz substituto não podem ter servidores sem função comissionada.

    *Unidades de apoio judiciário podem ocupar no máximo 30% das funções da área judiciária a qual vinculadas.

    *Unidades de apoio indireto às unidades judiciárias – de 15 a 30% do total de servidores (tribunais de grande e médio porte) e 20 a 30% (tribunais de pequeno porte). Saem deste cálculo TI e EJUD. Área de TI terá norma própria.

    *Escola Judicial – percentual máximo de servidores em relação ao número de servidores/juízes (público alvo): 0,5% (tribunais de grande porte), 0,6% (tribunais de médio porte) e 0,8% (tribunais de grande porte).

    *Gabinetes de Desembargadores com funções administrativas e que não acompanharem os desembargadores devem ser destacados atuar na função jurisdicional (ou seja, auxiliando outros gabinetes).

    *Déficit de servidores – equalização deve ocorrer prioritariamente no mesmo nível de jurisdição e em caso de unidades do mesmo foro, preferencialmente dentro do mesmo foro.

    * Poderá ser usado o teletrabalho como forma de incentivo à permanência de servidores em varas de maior movimentação, bem como para transferência de servidores.

    *Poderá haver acordo técnico entre os Tribunais para equalização da força de trabalho (?).

    *Tribunais poderão aglutinar secretarias de Varas, mantendo em separado os gabinetes dos juízes. Também poderão aglutinar secretarias de turmas do 2º grau.

    *Nas varas com mais de 1500 processos ano, poderá ser lotado juiz substituto, com gabinete próprio, com até 2 FC5 e 1 FC4. No caso de juiz substituto sem designação fixa, a lotação dos assistentes será em unidade vinculada à Corregedoria Regional.

    *Varas com menos de 50% da média de casos das demais Varas – TRT deverá extinguir, transformar, alterar jurisdição ou requerer a manutenção da unidade, indicando as razões.

    *Postos avançados da JT – devem ser extintos ou readequados como Vara, Juízo Digital ou local atingindo por justiça itinerante (prazo de 3 anos para fazer isso).

    *CSJT pode flexibilizar exigências em razão de especificidades locais.

    Obrigado por compartilhar.
    Tem que ser muito iludido pra esperar que algo vá melhorar no PJU...
    ale1969
    ale1969
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1372
    Reputação : 128
    Data de inscrição : 26/03/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por ale1969 Sex 14 Maio 2021, 12:56 pm

    O problema é que não há como manter o quantitativo de servidores nas unidades com a queda no número de processos pós 2017. Este fato praticamente impede novos concursos, os aposentados não podem ser repostos, Secretarias sem FC, Gabinetes de 1º e 2º graus com FCs, porém com menor número de servidores. O último a sair, paga a conta e fecha a porta.
    ale1969
    ale1969
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1372
    Reputação : 128
    Data de inscrição : 26/03/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por ale1969 Ter 18 Maio 2021, 12:06 pm

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


    Artigo do companheiro Amaury do SISEJUFE é categórico.
    euvoltei
    euvoltei
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1822
    Reputação : 183
    Data de inscrição : 30/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por euvoltei Sab 26 Jun 2021, 11:26 am

    CSJT aprova padronização da estrutura organizacional e de pessoal da Justiça do Trabalho
    O normativo traz disposições para distribuição, movimentação e lotação de servidores, além da distribuição de cargos em comissão e funções comissionadas.

    Mosaico dos participantes da sessão
    Mosaico dos participantes da sessão

    25/6/2021 - O Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) aprovou, durante a 5ª Sessão Ordinária, realizada na tarde desta sexta-feira (25), a proposta de resolução que dispõe sobre a padronização da estrutura organizacional e de pessoal e acerca da distribuição da força de trabalho nos órgãos da Justiça do Trabalho de 1º e 2º graus. Com a decisão, fica revogada a Resolução CSJT 63/2010.

    O documento busca replicar as políticas judiciárias previstas na Resolução CNJ 219/2016 no âmbito da Justiça do Trabalho, com a preocupação de adequá-las às particularidades gerenciais e administrativas do ramo trabalhista. As mudanças também levam em consideração a adoção do Processo Judicial Eletrônico (PJe), a relevância da eficiência operacional e de gestão de pessoas relacionados aos temas estratégicos do Poder Judiciário e os processos críticos para o funcionamento de todos os Tribunais.

    O normativo também elenca normas para distribuição, movimentação e lotação de servidores, além da distribuição de cargos em comissão e funções comissionadas. Também estabelece uma estrutura mínima para as Varas do Trabalho e para os gabinetes de desembargador. Cria ainda uma uniformidade de atribuições para as Escolas Judiciais.

    “A mudança e reestruturação era necessária para se adequar às novas diretrizes do Judiciário. Foi um processo em que se estabeleceu diálogo, interação e comunicação com os representantes dos principais órgãos e instituições interessadas, como Coleprecor, Anamatra e federações de servidores”, descreveu a presidente do CSJT, ministra Maria Cristina Peduzzi.

    Estatísticas

    Além da denominação padronizada de unidades da área judiciária e administrativa, a resolução traz ainda números e fórmulas para o cálculo da lotação das Escolas Judiciais e para a distribuição de funções em Varas do Trabalho e em gabinetes de desembargadores.

    O conselheiro Augusto César, ministro do TST que coordenou o Grupo de Trabalho encarregado pelo estudo do tema, esclareceu que os números são resultados dos dados mapeados pelo grupo para padronização da estrutura organizacional.

    “Em setembro de 2019 foi designada comissão coordenada por mim, integrada pelo corregedor-geral, representantes do primeiro e segundo graus, além da Anamatra e do TST. Houve um mapeamento da Justiça do Trabalho para compreender quais as repercussões e quais mudanças tecnológicas iriam interferir neste trabalho”, disse.

    Os Tribunais deverão implementar as diretrizes da Resolução até 31 de dezembro de 2022.
    Confira como foi a sessão na íntegra:

    Esse conteúdo não está disponível sem cookies.Aceitar co

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]



    Vamos aguardar a íntrega da resolução
    araponga
    araponga
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 127
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 01/06/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por araponga Seg 28 Jun 2021, 10:36 am

    Já está rolando um anexo de como ficaria a distribuição das funções, mas não consegui postar aqui nem o .pdf nem os prints.

    Na minha unidade reduzirão à metade.
    marco trt8
    marco trt8
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 48
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 23/12/2014

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por marco trt8 Seg 28 Jun 2021, 4:52 pm

    amigos, alguém poderia desenhar os prejuízos desta resolução para os servidores da JT? a princípio, seria mais a redução do número de fc's?
    euvoltei
    euvoltei
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1822
    Reputação : 183
    Data de inscrição : 30/01/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por euvoltei Seg 28 Jun 2021, 6:46 pm

    marco trt8, tem que esperar pra ver o que de fato foi aprovado, além do prazo pra implementar...

    araponga
    araponga
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 127
    Reputação : 11
    Data de inscrição : 01/06/2015

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por araponga Qua 14 Jul 2021, 5:03 pm

    Publicada a resolução 296/21 do CSJT.

    [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]


    Salve-se quem puder.

    Conteúdo patrocinado

    Reestruturação Da Justiça do Trabalho - Página 2 Empty Re: Reestruturação Da Justiça do Trabalho

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg 02 Ago 2021, 5:10 am