PCS JÁ

PCS JÁ



    Tópico Geral

    avatar
    Convidad
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidad Sex 08 Mar 2013, 11:27 am

    Galizezin escreveu:
    RicardoMII escreveu:
    sergio caldas escreveu:
    Galizezin escreveu:O projeto de modernização do MPF apontou para terceirização de algumas áreas (transporte e informática), bem como a consequente liberdade de trânsito dos cargos, dentro da instituição, ou seja, o ex-técnico de transportes poderá ser lotado em gabinete, ou em outra área que couber. Assim, penso, o técnico administrativo também pode ser efetivado em gabinete, para lidar com processos.

    Qual o objetivo disso? valorizar as carreiras, a médio prazo, com a implantação do subsídio?
    As conclusões da FGV estão guardadas a sete chaves? Pelo que parece: SIM! As alterações estão sendo implantadas em doses homeopáticas.

    penso que as terceirizações no âmbito do poder judiciário e ministério público são nefastas, em amplo sentido, uma vez que atentam contra o princípio da moralização, concurso público, impessoalidade, etc.

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Vocês pagariam 8 mil reais para um jardineiro?

    eu não... nem quero que o estado faça isso..
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Sex 08 Mar 2013, 11:42 am

    RicardoMII escreveu:
    sergio caldas escreveu:
    Galizezin escreveu:O projeto de modernização do MPF apontou para terceirização de algumas áreas (transporte e informática), bem como a consequente liberdade de trânsito dos cargos, dentro da instituição, ou seja, o ex-técnico de transportes poderá ser lotado em gabinete, ou em outra área que couber. Assim, penso, o técnico administrativo também pode ser efetivado em gabinete, para lidar com processos.

    Qual o objetivo disso? valorizar as carreiras, a médio prazo, com a implantação do subsídio?
    As conclusões da FGV estão guardadas a sete chaves? Pelo que parece: SIM! As alterações estão sendo implantadas em doses homeopáticas.

    penso que as terceirizações no âmbito do poder judiciário e ministério público são nefastas, em amplo sentido, uma vez que atentam contra o princípio da moralização, concurso público, impessoalidade, etc.

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.
    RicardoMII
    RicardoMII
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2059
    Reputação : 9
    Data de inscrição : 07/07/2010
    Localização : João Pessoa

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por RicardoMII Sex 08 Mar 2013, 12:29 pm

    josebarbos escreveu:
    RicardoMII escreveu:
    sergio caldas escreveu:
    Galizezin escreveu:O projeto de modernização do MPF apontou para terceirização de algumas áreas (transporte e informática), bem como a consequente liberdade de trânsito dos cargos, dentro da instituição, ou seja, o ex-técnico de transportes poderá ser lotado em gabinete, ou em outra área que couber. Assim, penso, o técnico administrativo também pode ser efetivado em gabinete, para lidar com processos.

    Qual o objetivo disso? valorizar as carreiras, a médio prazo, com a implantação do subsídio?
    As conclusões da FGV estão guardadas a sete chaves? Pelo que parece: SIM! As alterações estão sendo implantadas em doses homeopáticas.

    penso que as terceirizações no âmbito do poder judiciário e ministério público são nefastas, em amplo sentido, uma vez que atentam contra o princípio da moralização, concurso público, impessoalidade, etc.

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Independente do que venha, se é que algum dia vai vir alguma coisa, o que importa é conseguir melhorar os salários inicial e final, o resto são detalhes.
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7830
    Reputação : 593
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Sex 08 Mar 2013, 7:19 pm

    josebarbos escreveu:
    RicardoMII escreveu:
    sergio caldas escreveu:
    Galizezin escreveu:O projeto de modernização do MPF apontou para terceirização de algumas áreas (transporte e informática), bem como a consequente liberdade de trânsito dos cargos, dentro da instituição, ou seja, o ex-técnico de transportes poderá ser lotado em gabinete, ou em outra área que couber. Assim, penso, o técnico administrativo também pode ser efetivado em gabinete, para lidar com processos.

    Qual o objetivo disso? valorizar as carreiras, a médio prazo, com a implantação do subsídio?
    As conclusões da FGV estão guardadas a sete chaves? Pelo que parece: SIM! As alterações estão sendo implantadas em doses homeopáticas.

    penso que as terceirizações no âmbito do poder judiciário e ministério público são nefastas, em amplo sentido, uma vez que atentam contra o princípio da moralização, concurso público, impessoalidade, etc.

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Sex 08 Mar 2013, 7:31 pm

    Dilma anuncia nesta 6ª desoneração de tributos da cesta básica

    BRASÍLIA, 8 Mar (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff anuncia na noite desta sexta-feira, em pronunciamento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, a desoneração integral dos tributos federais que incidem sobre a cesta básica, disseram à Reuters duas fonte do governo.

    Com a medida, o governo pretende atacar a inflação, que continua em níveis elevados, afirmou uma das fontes, sob condição de anonimato.

    Dados desta sexta-feira mostram que a inflação dos últimos 12 meses até fevereiro fechou em 6,31 por cento, próximo do teto da meta do governo, de 6,5 por cento pelo IPCA.

    O governo já tomou outras medidas para tentar diminuir a inflação, entre eles a redução da conta de energia elétrica, anunciada em janeiro.

    "O governo está fazendo as desonerações (em geral) aos poucos, na medida em que há condições para fazê-las", disse à Reuters uma das fontes.

    Em fevereiro, em entrevista a rádios do Paraná, a presidente anunciou que o governo estudava a desoneração integral dos tributos federais, além de uma reavaliação de que produtos fazem parte da cesta básica.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7830
    Reputação : 593
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Sex 08 Mar 2013, 7:49 pm

    andre3107 escreveu:Dilma anuncia nesta 6ª desoneração de tributos da cesta básica

    BRASÍLIA, 8 Mar (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff anuncia na noite desta sexta-feira, em pronunciamento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, a desoneração integral dos tributos federais que incidem sobre a cesta básica, disseram à Reuters duas fonte do governo.

    Com a medida, o governo pretende atacar a inflação, que continua em níveis elevados, afirmou uma das fontes, sob condição de anonimato.

    Dados desta sexta-feira mostram que a inflação dos últimos 12 meses até fevereiro fechou em 6,31 por cento, próximo do teto da meta do governo, de 6,5 por cento pelo IPCA.

    O governo já tomou outras medidas para tentar diminuir a inflação, entre eles a redução da conta de energia elétrica, anunciada em janeiro.

    "O governo está fazendo as desonerações (em geral) aos poucos, na medida em que há condições para fazê-las", disse à Reuters uma das fontes.

    Em fevereiro, em entrevista a rádios do Paraná, a presidente anunciou que o governo estudava a desoneração integral dos tributos federais, além de uma reavaliação de que produtos fazem parte da cesta básica.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Ponto pra Dilmá! Haja tributos...ao menos isso ela está fazendo de concreto, desonerando.
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Sex 08 Mar 2013, 7:50 pm

    Galizezin escreveu:
    andre3107 escreveu:Dilma anuncia nesta 6ª desoneração de tributos da cesta básica

    BRASÍLIA, 8 Mar (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff anuncia na noite desta sexta-feira, em pronunciamento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, a desoneração integral dos tributos federais que incidem sobre a cesta básica, disseram à Reuters duas fonte do governo.

    Com a medida, o governo pretende atacar a inflação, que continua em níveis elevados, afirmou uma das fontes, sob condição de anonimato.

    Dados desta sexta-feira mostram que a inflação dos últimos 12 meses até fevereiro fechou em 6,31 por cento, próximo do teto da meta do governo, de 6,5 por cento pelo IPCA.

    O governo já tomou outras medidas para tentar diminuir a inflação, entre eles a redução da conta de energia elétrica, anunciada em janeiro.

    "O governo está fazendo as desonerações (em geral) aos poucos, na medida em que há condições para fazê-las", disse à Reuters uma das fontes.

    Em fevereiro, em entrevista a rádios do Paraná, a presidente anunciou que o governo estudava a desoneração integral dos tributos federais, além de uma reavaliação de que produtos fazem parte da cesta básica.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Ponto pra Dilmá! Haja tributos...ao menos isso ela está fazendo de concreto, desonerando.

    Acredito que o tributo que pesa mais é o ICMS, mas é Estadual.
    epitaciosouza
    epitaciosouza
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 738
    Reputação : 6
    Data de inscrição : 31/08/2011

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por epitaciosouza Sex 08 Mar 2013, 8:50 pm

    Galizezin escreveu:
    andre3107 escreveu:Dilma anuncia nesta 6ª desoneração de tributos da cesta básica

    BRASÍLIA, 8 Mar (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff anuncia na noite desta sexta-feira, em pronunciamento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, a desoneração integral dos tributos federais que incidem sobre a cesta básica, disseram à Reuters duas fonte do governo.

    Com a medida, o governo pretende atacar a inflação, que continua em níveis elevados, afirmou uma das fontes, sob condição de anonimato.

    Dados desta sexta-feira mostram que a inflação dos últimos 12 meses até fevereiro fechou em 6,31 por cento, próximo do teto da meta do governo, de 6,5 por cento pelo IPCA.

    O governo já tomou outras medidas para tentar diminuir a inflação, entre eles a redução da conta de energia elétrica, anunciada em janeiro.

    "O governo está fazendo as desonerações (em geral) aos poucos, na medida em que há condições para fazê-las", disse à Reuters uma das fontes.

    Em fevereiro, em entrevista a rádios do Paraná, a presidente anunciou que o governo estudava a desoneração integral dos tributos federais, além de uma reavaliação de que produtos fazem parte da cesta básica.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Ponto pra Dilmá! Haja tributos...ao menos isso ela está fazendo de concreto, desonerando.

    Acho bacana a atitude dela.

    Porém, a mão que bate é a mesma que afaga ou balança o berço!

    Alguém vai pagar a conta dessa desoneração.



    bom
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Sex 08 Mar 2013, 11:21 pm

    epitaciosouza escreveu:
    Galizezin escreveu:
    andre3107 escreveu:Dilma anuncia nesta 6ª desoneração de tributos da cesta básica

    BRASÍLIA, 8 Mar (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff anuncia na noite desta sexta-feira, em pronunciamento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, a desoneração integral dos tributos federais que incidem sobre a cesta básica, disseram à Reuters duas fonte do governo.

    Com a medida, o governo pretende atacar a inflação, que continua em níveis elevados, afirmou uma das fontes, sob condição de anonimato.

    Dados desta sexta-feira mostram que a inflação dos últimos 12 meses até fevereiro fechou em 6,31 por cento, próximo do teto da meta do governo, de 6,5 por cento pelo IPCA.

    O governo já tomou outras medidas para tentar diminuir a inflação, entre eles a redução da conta de energia elétrica, anunciada em janeiro.

    "O governo está fazendo as desonerações (em geral) aos poucos, na medida em que há condições para fazê-las", disse à Reuters uma das fontes.

    Em fevereiro, em entrevista a rádios do Paraná, a presidente anunciou que o governo estudava a desoneração integral dos tributos federais, além de uma reavaliação de que produtos fazem parte da cesta básica.

    http://oglobo.globo.com/pais/dilma-anuncia-nesta-6-desoneracao-de-tributos-da-cesta-basica-7786503

    Ponto pra Dilmá! Haja tributos...ao menos isso ela está fazendo de concreto, desonerando.

    Acho bacana a atitude dela.

    Porém, a mão que bate é a mesma que afaga ou balança o berço!

    Alguém vai pagar a conta dessa desoneração.



    bom

    Pois é, esqueceram de contar a parte do aumento do diesel. A Dilma já vetou, e agora fica sendo a "dona" da medida.

    Quero só ver onde vem a compensação. Aposto em bebidas, pra variar.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Sex 08 Mar 2013, 11:26 pm

    Galizezin escreveu:
    josebarbos escreveu:
    RicardoMII escreveu:
    sergio caldas escreveu:

    penso que as terceirizações no âmbito do poder judiciário e ministério público são nefastas, em amplo sentido, uma vez que atentam contra o princípio da moralização, concurso público, impessoalidade, etc.

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom

    Isto só comprova a incrível capacidade de jornaizinhos vagabundos, aliás, prometo que é a última vez que vou chamá-lo de tal coisa, tal sua efetividade.

    Se a relação servidor - MPU fosse um casamento, seria meio que um cara que te trai, te bate, não compra uma roupa boa, não dá presentes. Aí quando o negócio degringola, vem com um "cartãozinho", dizendo que está com problemas mas que a culpa é dele, e que em 7 anos tudo será melhor.

    ACORDA FIOOOOOOOOO!
    Subsídio foi só para enganar trouxa. Viu a minuta? Não tem nem assinatura do Gurgel. O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    Quem algum dia defendeu subsídio foi o SG, que entre outras coisas, estava com a responsabilidade de encerrar a greve.

    Ainda bem que eu to vazando, nunca vi tanta gente ser tão alienada num mundo. A ignorância deve ser uma benção, mesmo!!!
    Aroldo Rique
    Aroldo Rique
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 5984
    Reputação : 40
    Data de inscrição : 07/07/2010

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Aroldo Rique Sab 09 Mar 2013, 3:57 pm

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]


    _________________

    Pessoal, associem-se à ANATA.
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    Aroldo Rique
    Aroldo Rique
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 5984
    Reputação : 40
    Data de inscrição : 07/07/2010

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Aroldo Rique Sab 09 Mar 2013, 4:19 pm

    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:
    josebarbos escreveu:
    RicardoMII escreveu:

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom
    O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    O Gurgel já deu declaração favorável ao subsídio sim, pow, eu mesmo ouvi, na reunião que tivemos com ele no CNMP.

    Publicamente, ele pode não ter falado, mas, em reuniões, ele já falou sim.


    _________________

    Pessoal, associem-se à ANATA.
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    avatar
    Marajá
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1797
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 03/09/2011

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Marajá Sab 09 Mar 2013, 7:30 pm

    Czar escreveu:vcs se dão conta de que falta pouco, muito pouco, pra chegar o momento de cravarmos uma estaca no coração dorit? lembram do "só acredito quando estiver no contracheque"?
    pois é, o momento chegou. chegou magro, humilhado, escarnecido, mas chegou.


    O Dorit continua com toda a razão....

    Essa miséria dividida em 3 anos vai ser o mesmo que zero... só esse mês a gasolina subiu na bomba 12% aqui na minha cidade, fora que ano passado já havia subido, mas não repassaram para os preços....

    A inflação voltou e vai zerar ou negativar essa merreca de 15%...
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7830
    Reputação : 593
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Sab 09 Mar 2013, 7:50 pm

    epitaciosouza escreveu:
    Galizezin escreveu:
    andre3107 escreveu:Dilma anuncia nesta 6ª desoneração de tributos da cesta básica

    BRASÍLIA, 8 Mar (Reuters) - A presidente Dilma Rousseff anuncia na noite desta sexta-feira, em pronunciamento comemorativo ao Dia Internacional da Mulher, a desoneração integral dos tributos federais que incidem sobre a cesta básica, disseram à Reuters duas fonte do governo.

    Com a medida, o governo pretende atacar a inflação, que continua em níveis elevados, afirmou uma das fontes, sob condição de anonimato.

    Dados desta sexta-feira mostram que a inflação dos últimos 12 meses até fevereiro fechou em 6,31 por cento, próximo do teto da meta do governo, de 6,5 por cento pelo IPCA.

    O governo já tomou outras medidas para tentar diminuir a inflação, entre eles a redução da conta de energia elétrica, anunciada em janeiro.

    "O governo está fazendo as desonerações (em geral) aos poucos, na medida em que há condições para fazê-las", disse à Reuters uma das fontes.

    Em fevereiro, em entrevista a rádios do Paraná, a presidente anunciou que o governo estudava a desoneração integral dos tributos federais, além de uma reavaliação de que produtos fazem parte da cesta básica.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Ponto pra Dilmá! Haja tributos...ao menos isso ela está fazendo de concreto, desonerando.

    Acho bacana a atitude dela.

    Porém, a mão que bate é a mesma que afaga ou balança o berço!

    Alguém vai pagar a conta dessa desoneração.



    bom

    A verdade é uma só. O estado é ineficiente e gastão. Apenas ressalto que a culpa dos altos impostos não pode ser atribuida a servidores. Pode continuar desonerando, pois o brasileiro não tem como arcar com 5 meses de salário só para impostos. Se educação, transporte e saúde prestassem, mas nem isso...
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7830
    Reputação : 593
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Sab 09 Mar 2013, 7:56 pm

    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:
    josebarbos escreveu:
    RicardoMII escreveu:

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom

    Isto só comprova a incrível capacidade de jornaizinhos vagabundos, aliás, prometo que é a última vez que vou chamá-lo de tal coisa, tal sua efetividade.

    Se a relação servidor - MPU fosse um casamento, seria meio que um cara que te trai, te bate, não compra uma roupa boa, não dá presentes. Aí quando o negócio degringola, vem com um "cartãozinho", dizendo que está com problemas mas que a culpa é dele, e que em 7 anos tudo será melhor.

    ACORDA FIOOOOOOOOO!
    Subsídio foi só para enganar trouxa. Viu a minuta? Não tem nem assinatura do Gurgel. O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    Quem algum dia defendeu subsídio foi o SG, que entre outras coisas, estava com a responsabilidade de encerrar a greve.

    Ainda bem que eu to vazando, nunca vi tanta gente ser tão alienada num mundo. A ignorância deve ser uma benção, mesmo!!!

    Mas o subsídio não ficou só na minuta. Foi encaminhado ao congresso nacional e recebeu a identificação de PL 2199. Acho pouco provável que ele não tenha assinado esse projeto de lei. Quem mais teria competência para encaminhar projeto de lei que altera carreiras?
    Tivemos azar, pois coincidiu a melhoria salarial com a denúncia do mensalão, e o PT escolheu vingar-se jogando as moedinhas dadas para quem já havia recebido mais.

    E o ministro JB? A que veio esse homem? Até agora nada...
    avatar
    OJ_Leoqr
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 545
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 19/08/2010

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por OJ_Leoqr Sab 09 Mar 2013, 9:44 pm

    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:
    josebarbos escreveu:
    RicardoMII escreveu:

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom

    Isto só comprova a incrível capacidade de jornaizinhos vagabundos, aliás, prometo que é a última vez que vou chamá-lo de tal coisa, tal sua efetividade.

    Se a relação servidor - MPU fosse um casamento, seria meio que um cara que te trai, te bate, não compra uma roupa boa, não dá presentes. Aí quando o negócio degringola, vem com um "cartãozinho", dizendo que está com problemas mas que a culpa é dele, e que em 7 anos tudo será melhor.

    ACORDA FIOOOOOOOOO!
    Subsídio foi só para enganar trouxa. Viu a minuta? Não tem nem assinatura do Gurgel. O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    Quem algum dia defendeu subsídio foi o SG, que entre outras coisas, estava com a responsabilidade de encerrar a greve.

    Ainda bem que eu to vazando, nunca vi tanta gente ser tão alienada num mundo. A ignorância deve ser uma benção, mesmo!!!

    E aí, jose? Como foi na ANP???
    Lincoln-DF
    Lincoln-DF
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3516
    Reputação : 2
    Data de inscrição : 07/07/2010
    Idade : 58
    Localização : MPF, de volta ao DF

    Tópico Geral - Página 19 Empty Opa, Voltei ao "DF"...!!!

    Mensagem por Lincoln-DF Sab 09 Mar 2013, 9:53 pm


          Cool 1 boa noite p/
          tds, abençoada
          Exclamation
    sergio caldas
    sergio caldas
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : analista judiciário
    Mensagens : 1241
    Reputação : 30
    Data de inscrição : 29/11/2010
    Localização : são paulo

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por sergio caldas Dom 10 Mar 2013, 8:16 am

    Uma resenha do Elio Gaspari na Folha de São Paulo explica muito da personalidade do JB: depois de ofender um jornalista, ele pede desculpas via assessoria de imprensa. parece mesmo que vive encastelado numa cúpula, sentindo-se superior aos outros e incapaz de interagir com pessoas que considera de uma "casta inferior"...quanto aos funcionários do judiciário, devemos ser a última das preocupações desse homem...
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Dom 10 Mar 2013, 8:25 am

    Francisco Weffort: “O PT se desnaturou completamente”
    O ex-ministro da Cultura e ex-secretário-geral do PT, Francisco Weffort, diz que o partido “deu um passo a mais no descaminho” e foi engolido pelo corporativismo getulista

    O cientista político Francisco Weffort, de 75 anos, é um dos pensadores mais respeitados do país. Ex-ministro da Cultura no governo de Fernando Henrique, fundador do PT e secretário geral do partido entre 1984 e 1988, Weffort voltou à vida acadêmica, como professor colaborador do Instituto de Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Em entrevista a ÉPOCA, cujos principais trechos estão na edição desta semana da revista (conteúdo restrito para assinantes), ele fala sobre os grandes pecados do PT desde a sua fundação, em 1980, o papel do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesse processo e a crença no socialismo ainda existente entre os militantes do partido. Segundo Weffort, Lula “nunca autorizou” a defesa do socialismo pelo PT. “O Lula, na verdade, nunca falou muito de socialismo. Ele não sabe o que é isso”, afirma.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 11 Mar 2013, 12:47 am

    OJ_Leoqr escreveu:
    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:
    josebarbos escreveu:

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom

    Isto só comprova a incrível capacidade de jornaizinhos vagabundos, aliás, prometo que é a última vez que vou chamá-lo de tal coisa, tal sua efetividade.

    Se a relação servidor - MPU fosse um casamento, seria meio que um cara que te trai, te bate, não compra uma roupa boa, não dá presentes. Aí quando o negócio degringola, vem com um "cartãozinho", dizendo que está com problemas mas que a culpa é dele, e que em 7 anos tudo será melhor.

    ACORDA FIOOOOOOOOO!
    Subsídio foi só para enganar trouxa. Viu a minuta? Não tem nem assinatura do Gurgel. O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    Quem algum dia defendeu subsídio foi o SG, que entre outras coisas, estava com a responsabilidade de encerrar a greve.

    Ainda bem que eu to vazando, nunca vi tanta gente ser tão alienada num mundo. A ignorância deve ser uma benção, mesmo!!!

    E aí, jose? Como foi na ANP???

    Não fui mal, mas não passei, nem passaria porque precisaria fazer uma prova monstro (>300 candidatos/vaga + títulos, em que ainda estou zerado).
    Mas foi bom, graças a ANP passei no Ibama, amanhã já deve sair a posição oficial final. Já é um tremendo alento, e estudando fundo para a STN. Nestes dois meses não aprendi "nada", mas já sei MUITO mais que no começo do ano. Dos livros, alguns já acabaram, outros estão no final. Infelizmente não é a leitura meticulosa e com anotações que seria o ideal, mas já é uma tremenda evolução.

    E é isto aí, vou até providenciar uma fotinha da Dilma, Gurgel e Dr. Lauro. Pessoas que realmente tem me motivado e inspirado como poucos heróis! bounce
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 11 Mar 2013, 1:07 am

    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:
    josebarbos escreveu:
    RicardoMII escreveu:

    Penso da mesma forma.
    Que moral vai ter o MP para cobrar dos outros quando ele mesmo pratica a terceirização.
    Agora, fala sério. Depois de tudo que passamos ainda tem gente acreditando em subsidio?

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom

    Isto só comprova a incrível capacidade de jornaizinhos vagabundos, aliás, prometo que é a última vez que vou chamá-lo de tal coisa, tal sua efetividade.

    Se a relação servidor - MPU fosse um casamento, seria meio que um cara que te trai, te bate, não compra uma roupa boa, não dá presentes. Aí quando o negócio degringola, vem com um "cartãozinho", dizendo que está com problemas mas que a culpa é dele, e que em 7 anos tudo será melhor.

    ACORDA FIOOOOOOOOO!
    Subsídio foi só para enganar trouxa. Viu a minuta? Não tem nem assinatura do Gurgel. O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    Quem algum dia defendeu subsídio foi o SG, que entre outras coisas, estava com a responsabilidade de encerrar a greve.

    Ainda bem que eu to vazando, nunca vi tanta gente ser tão alienada num mundo. A ignorância deve ser uma benção, mesmo!!!

    Mas o subsídio não ficou só na minuta. Foi encaminhado ao congresso nacional e recebeu a identificação de PL 2199. Acho pouco provável que ele não tenha assinado esse projeto de lei. Quem mais teria competência para encaminhar projeto de lei que altera carreiras?
    É verdade, ele virou o PL 2199/2011, cuja minuta encontra-se aqui. Se quiser observar bem, o PL encontra-se apenas rubricado (não sei se pelo Gurgel), a minuta cita a presidência da república (sinceramente, desconheço como o Gurgel seria identificado, já que tem competência privativa sobre a remuneração dos servidores e membros do MPU), e não tem, no final do texto, o nome do Dr. Gurgel e seu cargo, de PGR. A justificativa não chega a ter uma página e meia, sendo que tem algumas mudanças importantes até mesmo na forma de ingresso que sequer são observadas. Sem contar que o PL foi interposto num cenário de greve dos servidores, talvez a melhor greve que os servidores do MPU fizeram na sua história. Se o PGR, em reuniões, chegou a manifestar preferência pelo subsídio, na prática e no discurso públicos sempre fez questão de manter a ligação entre os servidores do MPU e do Judiciário. Entretanto, talvez nada seja mais claro que o público comentário do SG que o subsidio poderia ser pago ainda em 2011. Engraçado que quando se chegou a um consenso sobre o MPU ter 5% da folha ao ano, não se fez nenhum cálculo sobre o subsídio possível, que certamente poderia ser vantajoso em relação à simples recomposição na GAMPU que manteve as mesmas distorções condenadas no PL 2199.


    Tivemos azar, pois coincidiu a melhoria salarial com a denúncia do mensalão, e o PT escolheu vingar-se jogando as moedinhas dadas para quem já havia recebido mais.
    E o que, de prático, PGR e presidente do STF fizeram para manter a autonomia administrativa e financeira de suas respectivas instituições? Ao contrário desta análise superficial da coincidência com o mensalão, que obviamente tem uma forte influência política, é importante lembrar que a agenda de reajustes dos membros e magistrados já vem sendo discutida desde 2009, ano em que pela primeira vez se viu um corte no valor do reajuste concedido aos ministros do STF e PGR, bem como desde então, todos os outros projetos de revisão permaneceram na geladeira. O cúmulo ocorreu em 2011, quando não conseguiram emplacar sequer os 5% que tinham previsão orçamentária! Aí, a questão é pensar que se está difícil até para eles, imagina para nós, que ficamos só com o resto?

    E o ministro JB? A que veio esse homem? Até agora nada...
    Não é meu herói, nunca foi, e já tem fama de ser um homem "distante" há muito tempo. Não condeno alguém que certamente foi muito ridicularizado durante a época em que era apenas um faxineiro. Por mais que seja injusto com alguns, mostra sinceridade quando trata a todos que antigamente o subjugavam com desprezo, mesmo que com injusto preconceito. É importante lembrar que o reajuste já deveria ser prioridade dos servidores desde 2008, que entre outras coisas, perderam momentos político/econômicos muito mais relevantes justamente por sua passividade.
    GCC
    GCC
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Cargo : Analista Judiciário - TJDFT
    Mensagens : 360
    Reputação : 74
    Data de inscrição : 06/02/2013

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por GCC Seg 11 Mar 2013, 10:12 am

    Sexta feira no TJDFT saiu a folha do contracheque de março, a ser paga dia 22/03. SEM O AUMENTO.
    Ou seja: "A LDO foi auterada, o orçamento sai dia 12/03. Que se lasque! Não vamos pagar os servidores! Respeitar lei vigente? Para que? Servidor é subespécie, só tem direito a ficar quieto."
    Cade o Sindicato. Não é hora de greve, de acionar mecanismos internacionais e etc....

    Estão desrespeitando lei vigente, é um absurdo. E cade nossas "lideranças".

    Eita barco furado, para quem não pular fora o naufrágio é certo.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 11 Mar 2013, 10:36 am

    GCC escreveu:Sexta feira no TJDFT saiu a folha do contracheque de março, a ser paga dia 22/03. SEM O AUMENTO.
    Ou seja: "A LDO foi auterada, o orçamento sai dia 12/03. Que se lasque! Não vamos pagar os servidores! Respeitar lei vigente? Para que? Servidor é subespécie, só tem direito a ficar quieto."
    Cade o Sindicato. Não é hora de greve, de acionar mecanismos internacionais e etc....

    Estão desrespeitando lei vigente, é um absurdo. E cade nossas "lideranças".

    Eita barco furado, para quem não pular fora o naufrágio é certo.

    Cara, a LDO foi alterada para incluir aquelas categorias que só aceitaram os 5% "de última hora", e não estavam incluídas no Anexo V da LOA, porque não tinham fechado o acordo com o governo em tempo.

    Sabe por que o Judiciário não foi incluído aí? Simplesmente porque não é necessário, porque a LDO JÁ o autorizava, como procedeu o executivo e o MPU. O Judiciário só não paga a merreca porque não quer.
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Seg 11 Mar 2013, 10:38 am

    josebarbos escreveu:
    GCC escreveu:Sexta feira no TJDFT saiu a folha do contracheque de março, a ser paga dia 22/03. SEM O AUMENTO.
    Ou seja: "A LDO foi auterada, o orçamento sai dia 12/03. Que se lasque! Não vamos pagar os servidores! Respeitar lei vigente? Para que? Servidor é subespécie, só tem direito a ficar quieto."
    Cade o Sindicato. Não é hora de greve, de acionar mecanismos internacionais e etc....

    Estão desrespeitando lei vigente, é um absurdo. E cade nossas "lideranças".

    Eita barco furado, para quem não pular fora o naufrágio é certo.

    Cara, a LDO foi alterada para incluir aquelas categorias que só aceitaram os 5% "de última hora", e não estavam incluídas no Anexo V da LOA, porque não tinham fechado o acordo com o governo em tempo.

    Sabe por que o Judiciário não foi incluído aí? Simplesmente porque não é necessário, porque a LDO JÁ o autorizava, como procedeu o executivo e o MPU. O Judiciário só não paga a merreca porque não quer.

    Não não, no finalzinho do substitutito constava claramente que todos os projetos já aprovados poderiam ser pagos.
    usuario6
    usuario6
    Usuário Recente
    Usuário Recente

    Mensagens : 38
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 29/06/2011

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por usuario6 Seg 11 Mar 2013, 10:48 am

    [quote="andre3107"]
    josebarbos escreveu:
    GCC escreveu:Sexta feira no TJDFT saiu a folha do contracheque de março, a ser paga dia 22/03. SEM O AUMENTO.
    Ou seja: "A LDO foi auterada, o orçamento sai dia 12/03. Que se lasque! Não vamos pagar os servidores! Respeitar lei vigente? Para que? Servidor é subespécie, só tem direito a ficar quieto."
    Cade o Sindicato. Não é hora de greve, de acionar mecanismos internacionais e etc....

    Estão desrespeitando lei vigente, é um absurdo. E cade nossas "lideranças".

    Eita barco furado, para quem não pular fora o naufrágio é certo.

    Cara, a LDO foi alterada para incluir aquelas categorias que só aceitaram os 5% "de última hora", e não estavam incluídas no Anexo V da LOA, porque não tinham fechado o acordo com o governo em tempo.

    Sabe por que o Judiciário não foi incluído aí? Simplesmente porque não é necessário, porque a LDO JÁ o autorizava, como procedeu o executivo e o MPU. O Judiciário só não paga a merreca porque não quer.

    Não não, no finalzinho do substitutito constava claramente que todos os projetos já aprovados poderiam ser pagos.[/quote]

    Exatamente!!! Será que eles estão esperando a sanção e publicação? Porque, teoricamente, foi aprovada mas ainda não é lei... :\
    Tô começando a achar que vai ficar para Abril mesmo... A não ser que tenham a boa vontade de fazer uma folha suplementar...
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Seg 11 Mar 2013, 10:52 am

    [quote="usuario6"]
    andre3107 escreveu:
    josebarbos escreveu:
    GCC escreveu:Sexta feira no TJDFT saiu a folha do contracheque de março, a ser paga dia 22/03. SEM O AUMENTO.
    Ou seja: "A LDO foi auterada, o orçamento sai dia 12/03. Que se lasque! Não vamos pagar os servidores! Respeitar lei vigente? Para que? Servidor é subespécie, só tem direito a ficar quieto."
    Cade o Sindicato. Não é hora de greve, de acionar mecanismos internacionais e etc....

    Estão desrespeitando lei vigente, é um absurdo. E cade nossas "lideranças".

    Eita barco furado, para quem não pular fora o naufrágio é certo.

    Cara, a LDO foi alterada para incluir aquelas categorias que só aceitaram os 5% "de última hora", e não estavam incluídas no Anexo V da LOA, porque não tinham fechado o acordo com o governo em tempo.

    Sabe por que o Judiciário não foi incluído aí? Simplesmente porque não é necessário, porque a LDO JÁ o autorizava, como procedeu o executivo e o MPU. O Judiciário só não paga a merreca porque não quer.

    Não não, no finalzinho do substitutito constava claramente que todos os projetos já aprovados poderiam ser pagos.[/quote]

    Exatamente!!! Será que eles estão esperando a sanção e publicação? Porque, teoricamente, foi aprovada mas ainda não é lei... :\
    Tô começando a achar que vai ficar para Abril mesmo... A não ser que tenham a boa vontade de fazer uma folha suplementar...

    É isso, sem sanção e publicação pra esses Tribunais sem vergonha na cara e formalistas/burocratas só pagarão quando a lei estiver vigente.
    Mas de abril não passa, a não ser que haja folha suplementar antes.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 11 Mar 2013, 10:55 am

    andre3107 escreveu:
    josebarbos escreveu:
    GCC escreveu:Sexta feira no TJDFT saiu a folha do contracheque de março, a ser paga dia 22/03. SEM O AUMENTO.
    Ou seja: "A LDO foi auterada, o orçamento sai dia 12/03. Que se lasque! Não vamos pagar os servidores! Respeitar lei vigente? Para que? Servidor é subespécie, só tem direito a ficar quieto."
    Cade o Sindicato. Não é hora de greve, de acionar mecanismos internacionais e etc....

    Estão desrespeitando lei vigente, é um absurdo. E cade nossas "lideranças".

    Eita barco furado, para quem não pular fora o naufrágio é certo.

    Cara, a LDO foi alterada para incluir aquelas categorias que só aceitaram os 5% "de última hora", e não estavam incluídas no Anexo V da LOA, porque não tinham fechado o acordo com o governo em tempo.

    Sabe por que o Judiciário não foi incluído aí? Simplesmente porque não é necessário, porque a LDO JÁ o autorizava, como procedeu o executivo e o MPU. O Judiciário só não paga a merreca porque não quer.

    Não não, no finalzinho do substitutito constava claramente que todos os projetos já aprovados poderiam ser pagos.

    Não cheguei a ver o texto, mas a questão é autoaplicável.
    A LDO, em seu artigo 50, já estabelece que mesmo que o orçamento não seja aprovado até 31/12 do ano anterior à sua exeução, o que lá está programado já é válido para algumas despesas de caráter obrigatório, entre elas salários de servidores.

    Com PLN 55 ou não, o judiciário já poderia, aliás, DEVERIA já estar pagando. Se está esperando o orçamento formalmente ser aprovado, então o PLN não altera em nada. Nestas horas, devemos perguntar o que sindicatos e policarpos da vida andam fazendo.
    magmontal
    magmontal
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 525
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 31/08/2011
    Localização : PJU

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por magmontal Seg 11 Mar 2013, 3:06 pm

    josebarbos escreveu:
    andre3107 escreveu:
    josebarbos escreveu:
    GCC escreveu:Sexta feira no TJDFT saiu a folha do contracheque de março, a ser paga dia 22/03. SEM O AUMENTO.
    Ou seja: "A LDO foi auterada, o orçamento sai dia 12/03. Que se lasque! Não vamos pagar os servidores! Respeitar lei vigente? Para que? Servidor é subespécie, só tem direito a ficar quieto."
    Cade o Sindicato. Não é hora de greve, de acionar mecanismos internacionais e etc....

    Estão desrespeitando lei vigente, é um absurdo. E cade nossas "lideranças".

    Eita barco furado, para quem não pular fora o naufrágio é certo.

    Cara, a LDO foi alterada para incluir aquelas categorias que só aceitaram os 5% "de última hora", e não estavam incluídas no Anexo V da LOA, porque não tinham fechado o acordo com o governo em tempo.

    Sabe por que o Judiciário não foi incluído aí? Simplesmente porque não é necessário, porque a LDO JÁ o autorizava, como procedeu o executivo e o MPU. O Judiciário só não paga a merreca porque não quer.

    Não não, no finalzinho do substitutito constava claramente que todos os projetos já aprovados poderiam ser pagos.

    Não cheguei a ver o texto, mas a questão é autoaplicável.
    A LDO, em seu artigo 50, já estabelece que mesmo que o orçamento não seja aprovado até 31/12 do ano anterior à sua exeução, o que lá está programado já é válido para algumas despesas de caráter obrigatório, entre elas salários de servidores.

    Com PLN 55 ou não, o judiciário já poderia, aliás, DEVERIA já estar pagando. Se está esperando o orçamento formalmente ser aprovado, então o PLN não altera em nada. Nestas horas, devemos perguntar o que sindicatos e policarpos da vida andam fazendo.

    Vi o Policarpo do lado do Zé Dirceu na televisão , essa semana, quando estavam falando na negativa do STF para que fosse ao enterro do "companheiro" Chaves, na Venezuela.
    Najla
    Najla
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4436
    Reputação : 50
    Data de inscrição : 07/08/2010

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Najla Seg 11 Mar 2013, 3:31 pm

    Colegas,

    Quem aqui no fórum continua filiado ao Sindjus-DF?
    Preciso da ajuda de vcs para uma tarefa, é fácil e importante ao mesmo tempo.
    Façam valer a mensalidade que é paga todos os meses.

    Aguardo o retorno por MP.

    Agradeço muitissimo desde já.

    Thanks!!!!
    flower


    _________________
    Não espere por ninguém. Faça a sua parte.
    avatar
    Marajá
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1797
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 03/09/2011

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Marajá Seg 11 Mar 2013, 3:51 pm

    "11/03/2013


    Rechaçando a CUT e chamando a unidade, SP elege delegação ao 8° Congrejufe

    Teses analisaram aprofundamento da crise econômica e a necessidade da unidade entre todos os servidores para enfrentar os ataques do governo

    Por Caê Batista

    “Unidade, unidade, unidade”. Foi sob essa consigna que os servidores de São Paulo elegeram os delegados do Sintrajud para o 8° Congrejufe, que acontece entre 26 e 30 de abril, em Caeté (MG).

    Realizada no sábado, dia 09 de março, a assembleia contou com 161 servidores, teve três teses apresentadas e duas chapas disputaram as 50 vagas. E a ampla maioria das intervenções reforçou a necessidade de os servidores estarem unidos para enfrentar os ataques do governo Dilma Rousseff (PT) e, neste congresso, tirar a Fenajufe da CUT.

    As falas que abordaram a crise econômica concordaram que ela se aprofunda, trazendo mais ataques aos trabalhadores. Elas também concordaram que a política dos governos de diferentes países contra os trabalhadores, principalmente do serviço público, tem sido a mesma: retirada de direitos, demissões, redução salarial, intensificação do trabalho, perseguição aos ativistas e lutadores, entre outras.

    No Brasil, não é diferente. O governo Dilma tem imposto o congelamento salarial, mas teve que recuar diante da greve unificada do funcionalismo público federal do ano passado. A campanha não teve todas as suas reivindicações atendidas, mas o saldo político da campanha foi importante para os passos futuros.

    Se de um lado reajuste de 15,8%, em três anos, é muito inferior ao pleiteado e não merece comemorações, de outro lado, a última greve trouxe um grande ensinamento sobre a luta conjunta do funcionalismo e como organizar a luta no local de trabalho.

    Os servidores que abordaram o papel da CUT concordaram que essa central tem traído a luta dos servidores públicos. Disseram também que a Fenajufe sob a orientação da CUT também tem agido dessa forma. Ao longo dos cinco anos de campanha pelo PCS, não foram poucas as vezes que sindicatos ligados à CUT anunciaram acordos que nunca existiram, enfraquecendo a luta da categoria.

    Aliás, ao abandonar a luta pelo Plano de Carreira, a CUT mostrou o que poderia vir a fazer ao longo dos cinco anos de campanha pelo PCS para proteger o governo federal
    .


    Os delegados de São Paulo também vão levar ao 8° Congrejufe a proposta de início de debate sobre um plano de carreira, sobre as condições de trabalho, campanha contra o assédio moral e um plano de lutas para enfrentar os ataques do governo Dilma."
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Seg 11 Mar 2013, 4:25 pm

    Imposto sindical volta a ser cobrado por 90 dias

    Após audiência pública realizada no último dia 25/02, no Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, com representantes da CUT; da Internacional do Serviço Público – ISP; CSP-Conlutas e demais centrais sindicais e também da representação do Ministério Público do Trabalho, o ministro Brizola Neto, decidiu revogar a Instrução Normativa nº 01 de 14 de janeiro de 2013, que suspendia o imposto sindical de servidores e empregados públicos e devolver os efeitos da Instrução Normativa nº 01, de 30 de setembro de 2008, pelo prazo de 90 dias, permitindo assim, o recolhimento da taxa.

    O evento, convocado pelo Secretário de Relações de Trabalho do MTE, Manoel Messias Melo, contou com a presença do Secretário de Relações de Trabalho do Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão – MPOG, Sérgio Mendonça; também participaram da audiência, dezenas de entidades, dentre elas a Condsef, Andes – SN, Fasubra, Confetam, CNTSS, CNTE que enviaram participantes que lotaram o auditório e ao longo da tarde discutiram o tema.

    O coordenador da Fenajufe, Jean Loiola que participou da audiência pública, avalia que, “embora a decisão do ministro Brizola Neto seja para um período de 90 dias, a volta do imposto sindical representa um retrocesso. Esperamos que, nesse período as entidades sindicais contrárias a arrecadação do imposto, sobre tudo, as de base cutista, consigam fazer gestões junto ao MTE para que a cobrança do imposto sindical venha a ser extinta”, diz ele.

    Fonte: Fenajufe
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    RICARDO.PONTES
    RICARDO.PONTES
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : Oréia Seca
    Mensagens : 3440
    Reputação : 23
    Data de inscrição : 25/08/2010
    Localização : Brasília - DF

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por RICARDO.PONTES Seg 11 Mar 2013, 4:30 pm

    As Paquitas do sindjusdf passaram aqui no TST para informa que terá uma reuniao às 15horas, falaram tambem que o nosso presidente conversou com o JB, mas não falou do que se trata.
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Seg 11 Mar 2013, 4:39 pm

    RICARDO.PONTES escreveu:As Paquitas do sindjusdf passaram aqui no TST para informa que terá uma reuniao às 15horas, falaram tambem que o nosso presidente conversou com o JB, mas não falou do que se trata.

    Há uma comunicado sobre uma reunião às 14 horas de hoje na intranet do TRT10. Diz que é sobre o reajuste.
    Mas eu já tinha saído e não fiquei pra ver a bagaça.
    LedZepellin
    LedZepellin
    Novo Usuário

    Mensagens : 2
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 11/03/2013

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por LedZepellin Seg 11 Mar 2013, 5:13 pm

    Folha suplementar a vista.
    Anaju99
    Anaju99
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Analista Judiciário
    Mensagens : 560
    Reputação : 4
    Data de inscrição : 25/08/2011
    Idade : 53
    Localização : Porto Alegre

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Anaju99 Seg 11 Mar 2013, 5:20 pm

    Será para todos? TRF4 também?

    LedZepellin escreveu:Folha suplementar a vista.
    LedZepellin
    LedZepellin
    Novo Usuário

    Mensagens : 2
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 11/03/2013

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por LedZepellin Seg 11 Mar 2013, 11:12 pm

    Anaju99 escreveu:Será para todos? TRF4 também?

    LedZepellin escreveu:Folha suplementar a vista.


    TJDFT. Não sei quanto aos outros Tribunais.

    No entanto, a fonte não é das mais seguras: Coordenação do SINDJUS, hehehe.
    avatar
    OJ_Leoqr
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 545
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 19/08/2010

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por OJ_Leoqr Seg 11 Mar 2013, 11:22 pm

    josebarbos escreveu:
    OJ_Leoqr escreveu:

    E aí, jose? Como foi na ANP???

    Não fui mal, mas não passei, nem passaria porque precisaria fazer uma prova monstro (>300 candidatos/vaga + títulos, em que ainda estou zerado).
    Mas foi bom, graças a ANP passei no Ibama, amanhã já deve sair a posição oficial final. Já é um tremendo alento, e estudando fundo para a STN. Nestes dois meses não aprendi "nada", mas já sei MUITO mais que no começo do ano. Dos livros, alguns já acabaram, outros estão no final. Infelizmente não é a leitura meticulosa e com anotações que seria o ideal, mas já é uma tremenda evolução.

    E é isto aí, vou até providenciar uma fotinha da Dilma, Gurgel e Dr. Lauro. Pessoas que realmente tem me motivado e inspirado como poucos heróis! bounce

    Blz! Qdo sair algo oficial do IBAMA, e ser for bom, não tenha vergonha: conte pra gente! Wink

    É isso aí, a parada é não ficar parado!! Cool
    magmontal
    magmontal
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 525
    Reputação : 10
    Data de inscrição : 31/08/2011
    Localização : PJU

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por magmontal Ter 12 Mar 2013, 12:21 am

    Joaquim Barbosa manda preparar pagamento de reajuste em março

    Em resposta à solicitação do Sindjus, o presidente do STF Joaquim Barbosa informou que irá efetivar o pagamento do reajuste dos servidores do Judiciário assim que o PLN 55/2012 for sancionado, tendo inclusive determinado a produção de folha suplementar. Esse posicionamento se reflete em todos os tribunais.

    Como divulgado no Boletim do Sindjus de 7 de março, imediatamente após a aprovação pelo Congresso Nacional do PLN 55/2012 – que modifica a LDO 2013 possibilitando o pagamento dos reajustes dos servidores aprovados em 2012 graças a emendas dos deputados Darcísio Perondi (PMDB-RS), João Dado (PDT-SP) e Policarpo (PT-DF) – os coordenadores do Sindjus Cledo Vieira e Jailton Assis reuniram-se com Sílvio Albuquerque, chefe de gabinete da Presidência do STF, para informar da aprovação e cobrar a implementação da Lei 12.774/2012.

    “Estamos acompanhando em todos os tribunais a produção das folhas suplementares com o retroativo a janeiro para que seja efetivado ainda no mês de março.”, afirma Cledo Vieira.

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7830
    Reputação : 593
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Ter 12 Mar 2013, 8:49 am

    josebarbos escreveu:
    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:
    josebarbos escreveu:

    Tem gente que lê o PL do Congelamento e consegue acreditar, não sei como, que o mesmo prevê revisão de inflação mais 2,5% ou PIB.

    Tem gente que vê um projeto de sucateamento da carreira, por uma FGV que já demonstrou não ter a MENOR noção do que é o serviço público, vide a besteira que publicou semana passada sobre o modelo de seleção, esquecendo itens básicos de um estado democrático de direito, e consegue achar que o subsídio ainda vem.

    Ou tal otimismo é uma benção divina, ou depois é um tremendo puxão de tapete, quanto maior a altura, mais alta a queda.
    Subsídio? Eu quero, é minha meta para 2014. Dia 24 mesmo começo a correr atrás dele noutro órgão. No MPU, subsídio é coisa de membro, nunca mais virá. Quando vier alguma coisa "diferente", será gratificação de desempenho.

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom

    Isto só comprova a incrível capacidade de jornaizinhos vagabundos, aliás, prometo que é a última vez que vou chamá-lo de tal coisa, tal sua efetividade.

    Se a relação servidor - MPU fosse um casamento, seria meio que um cara que te trai, te bate, não compra uma roupa boa, não dá presentes. Aí quando o negócio degringola, vem com um "cartãozinho", dizendo que está com problemas mas que a culpa é dele, e que em 7 anos tudo será melhor.

    ACORDA FIOOOOOOOOO!
    Subsídio foi só para enganar trouxa. Viu a minuta? Não tem nem assinatura do Gurgel. O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    Quem algum dia defendeu subsídio foi o SG, que entre outras coisas, estava com a responsabilidade de encerrar a greve.

    Ainda bem que eu to vazando, nunca vi tanta gente ser tão alienada num mundo. A ignorância deve ser uma benção, mesmo!!!

    Mas o subsídio não ficou só na minuta. Foi encaminhado ao congresso nacional e recebeu a identificação de PL 2199. Acho pouco provável que ele não tenha assinado esse projeto de lei. Quem mais teria competência para encaminhar projeto de lei que altera carreiras?
    É verdade, ele virou o PL 2199/2011, cuja minuta encontra-se aqui. Se quiser observar bem, o PL encontra-se apenas rubricado (não sei se pelo Gurgel), a minuta cita a presidência da república (sinceramente, desconheço como o Gurgel seria identificado, já que tem competência privativa sobre a remuneração dos servidores e membros do MPU), e não tem, no final do texto, o nome do Dr. Gurgel e seu cargo, de PGR. A justificativa não chega a ter uma página e meia, sendo que tem algumas mudanças importantes até mesmo na forma de ingresso que sequer são observadas. Sem contar que o PL foi interposto num cenário de greve dos servidores, talvez a melhor greve que os servidores do MPU fizeram na sua história. Se o PGR, em reuniões, chegou a manifestar preferência pelo subsídio, na prática e no discurso públicos sempre fez questão de manter a ligação entre os servidores do MPU e do Judiciário. Entretanto, talvez nada seja mais claro que o público comentário do SG que o subsidio poderia ser pago ainda em 2011. Engraçado que quando se chegou a um consenso sobre o MPU ter 5% da folha ao ano, não se fez nenhum cálculo sobre o subsídio possível, que certamente poderia ser vantajoso em relação à simples recomposição na GAMPU que manteve as mesmas distorções condenadas no PL 2199.


    Tivemos azar, pois coincidiu a melhoria salarial com a denúncia do mensalão, e o PT escolheu vingar-se jogando as moedinhas dadas para quem já havia recebido mais.
    E o que, de prático, PGR e presidente do STF fizeram para manter a autonomia administrativa e financeira de suas respectivas instituições? Ao contrário desta análise superficial da coincidência com o mensalão, que obviamente tem uma forte influência política, é importante lembrar que a agenda de reajustes dos membros e magistrados já vem sendo discutida desde 2009, ano em que pela primeira vez se viu um corte no valor do reajuste concedido aos ministros do STF e PGR, bem como desde então, todos os outros projetos de revisão permaneceram na geladeira. O cúmulo ocorreu em 2011, quando não conseguiram emplacar sequer os 5% que tinham previsão orçamentária! Aí, a questão é pensar que se está difícil até para eles, imagina para nós, que ficamos só com o resto?

    E o ministro JB? A que veio esse homem? Até agora nada...
    Não é meu herói, nunca foi, e já tem fama de ser um homem "distante" há muito tempo. Não condeno alguém que certamente foi muito ridicularizado durante a época em que era apenas um faxineiro. Por mais que seja injusto com alguns, mostra sinceridade quando trata a todos que antigamente o subjugavam com desprezo, mesmo que com injusto preconceito. É importante lembrar que o reajuste já deveria ser prioridade dos servidores desde 2008, que entre outras coisas, perderam momentos político/econômicos muito mais relevantes justamente por sua passividade.

    Olá Zé!
    A greve dos servidores recebeu incentivo da própria PGR. O cenário estava bastante ruim para o MPU e judiciário. O PT largou o chicote e se vingou como e por onde pode.
    Ayres Britto pediu a Gurgel que não rompesse o cordão umbilical remuneratório, e todos sabemos da dependência do MPU com o judiciário federal.
    Servidor será sempre preterido, em quaisquer esferas. Enquanto os altos cargos recebem retroativos, ganhamos a partir de "lá na frente". É muito provável que Lewandowski consiga um pcs expressivo para o judiciário. Infelizmente a coisa anda desse jeito: quando assume um deles é que os cofres são abertos.
    camirecas
    camirecas
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : AJAAECJE
    Mensagens : 1546
    Reputação : 76
    Data de inscrição : 02/09/2012

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por camirecas Ter 12 Mar 2013, 9:57 am

    josebarbos escreveu:
    OJ_Leoqr escreveu:
    josebarbos escreveu:
    Galizezin escreveu:

    Ao que tudo indica, a FGV, como consultoria "contratada", deve ter apontado muitas falhas na administração que, por sua vez, deve implementar somente aquilo que bem lhe aprouver.
    Existe a possibilidade de subsídio no MPU? É difícil, mas não se descarta. A meta da instituição é, para até 2020, alcançar 80% de satisfação aos componentes das carreiras. Como eles vão conseguir isso?

    Conhecendo bem o ser humano: valorização = salário bom

    Isto só comprova a incrível capacidade de jornaizinhos vagabundos, aliás, prometo que é a última vez que vou chamá-lo de tal coisa, tal sua efetividade.

    Se a relação servidor - MPU fosse um casamento, seria meio que um cara que te trai, te bate, não compra uma roupa boa, não dá presentes. Aí quando o negócio degringola, vem com um "cartãozinho", dizendo que está com problemas mas que a culpa é dele, e que em 7 anos tudo será melhor.

    ACORDA FIOOOOOOOOO!
    Subsídio foi só para enganar trouxa. Viu a minuta? Não tem nem assinatura do Gurgel. O Gurgel NUNCA, em momento algum, deu UMA declaração sobre o subsídio. Pelo contrário, só falou do alinhamento MPU/Judiciário.

    Quem algum dia defendeu subsídio foi o SG, que entre outras coisas, estava com a responsabilidade de encerrar a greve.

    Ainda bem que eu to vazando, nunca vi tanta gente ser tão alienada num mundo. A ignorância deve ser uma benção, mesmo!!!

    E aí, jose? Como foi na ANP???

    Não fui mal, mas não passei, nem passaria porque precisaria fazer uma prova monstro (>300 candidatos/vaga + títulos, em que ainda estou zerado).
    Mas foi bom, graças a ANP passei no Ibama, amanhã já deve sair a posição oficial final. Já é um tremendo alento, e estudando fundo para a STN. Nestes dois meses não aprendi "nada", mas já sei MUITO mais que no começo do ano. Dos livros, alguns já acabaram, outros estão no final. Infelizmente não é a leitura meticulosa e com anotações que seria o ideal, mas já é uma tremenda evolução.

    E é isto aí, vou até providenciar uma fotinha da Dilma, Gurgel e Dr. Lauro. Pessoas que realmente tem me motivado e inspirado como poucos heróis! bounce

    É isso aí companheiro!
    Quem planta maçã colhe maçã. Plantar laranja e esperar colher melancia é barril.
    Colhemos o que plantamos. Fico feliz por um colega melhorar.
    Como dizemos aqui na Bahia, muito AXÉ para você. Muita paz e equilíbrio também.
    A luta continua para todos!!

    Conteúdo patrocinado

    Tópico Geral - Página 19 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qua 01 Dez 2021, 10:45 am