PCS JÁ

PCS JÁ



    Tópico Geral

    Alberico
    Alberico
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 989
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 29/11/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Alberico Seg 24 Nov 2014, 5:31 pm

    Wayne Arnold escreveu:
    pangasso escreveu:
    Wayne Arnold escreveu:Alguma coisa tem que estar errada aí, queria saber o quê!

    Fim da redução do IPI. O governo precisa fomentar as vendas de veículos de alguma forma. Os servidores do Judiciário/MPU foram os escolhidos para isso. Simples!

    Pois podem contar comigo. É aprovar e eu ir na concessionária, imediatamente.

    seria bom de mais pra ser verdd. Minha HD ia sair!!
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 24 Nov 2014, 5:31 pm

    darkshi escreveu:
    TRF1/MG escreveu:Sensacional!!! Já vou começar a cotar preços do meu Santa Fé novo!!! Agora é hora de abrir uma linda cerveja Eisenbahn Dama do Lago e esperar a felicidade bater a porta. Que beleza!!! Sorria meu bem, sorria...

    Obviamente os únicos aumentos que eu prevejo ano que vem são:
    1 - os 5% garantidos.
    2 - Uma FC (não sei qual). Já que serão criados FCs para o TSE em uma quantidade que teremos mais FCs do que servidores.
    3 - Caso a crise não impeça ainda mais os concursos. Uma aprovação para o cargo de analista.

    Mas se sair o PL, acho que irei comprar algumas cervas tops (nada dessas porcarias que o povo bebe).

    O povo bebe uma bebida a base de milho, não dá para classificar o que vendem aqui, das comuns, de cerveja. Estou numa torcida para que você possa comprar caixas e caixas de cervejas puro malte, cervejas nacionais premiuns, importadas do mais alto gabarito... Coruja, Colorado, Schornstein, Leffe Blonde, Duvel Tripel Hop... vou no embalo kkk.
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 24 Nov 2014, 5:33 pm

    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Banimento imediato nesse estraga prazer de segunda-feira no final da tarde... ah vá. Agora lá vou eu de novo ligar cancelando o carro... putz.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 5:33 pm

    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?
    Alberico
    Alberico
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 989
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 29/11/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Alberico Seg 24 Nov 2014, 5:34 pm

    Enquanto isso o cachê das amiguinhas do ELITEGIRL já subiu uns 200%
    Alberico
    Alberico
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 989
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 29/11/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Alberico Seg 24 Nov 2014, 5:35 pm

    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?

    A = abestado
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Seg 24 Nov 2014, 5:38 pm

    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?

    Esse "A" geralmente, em tese, significa haveria emenda substitutiva no projeto. Mas na tramitação não há nada disso.

    Uma letra dessas surgiu quando da aprovação do PL da GAJ em 2012.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 5:39 pm

    pangasso escreveu:
    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?

    A = abestado

    Vc precisar concluir o curso com o palhaço carequinha. Nem ri.
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 24 Nov 2014, 5:39 pm

    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    7920-A é o nosso sim...

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 5:40 pm

    andre3107 escreveu:
    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?

    Esse "A" geralmente, em tese, significa haveria emenda substitutiva no projeto. Mas na tramitação não há nada disso.

    Uma letra dessas surgiu quando da aprovação do PL da GAJ em 2012.

    Obrigado. Tbm não achei nada no histórico de tramitação do PL.
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 24 Nov 2014, 5:40 pm

    A letra A eles colocam depois que tem ACORDO. Pode anotar ai kkk.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 5:44 pm

    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?

    Os requerimentos são preliminares.

    Precisam entrar em pauta e ser aprovados para que em seguida os PLs entrem em discussão para posteriormente serem votados no Plenário.

    Se rejeitados os requerimentos, os PLs voltam para as comissões, onde estão os irmãos mais velhos 6613/6697/2199.

    Esse "A" significa o relatório final que foi aprovado sem a emenda dos técnicos.
    macfly
    macfly
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : ANALISTA
    Mensagens : 1190
    Reputação : 45
    Data de inscrição : 17/10/2014
    Localização : HILL VALLEY - CALIFÓRNIA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por macfly Seg 24 Nov 2014, 5:44 pm

    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?


    Amarildo Rules.
    avatar
    Leovini
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 397
    Reputação : 4
    Data de inscrição : 21/03/2014

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Leovini Seg 24 Nov 2014, 5:46 pm

    pangasso escreveu:Enquanto isso o cachê das amiguinhas do ELITEGIRL já subiu uns 200%

    Até essa categoria (que vive tomando no **) tem aumento. Acima da inflação diga-se de passagem.
    E a gente provavelmente só 6% em 2016
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 24 Nov 2014, 5:49 pm

    Leovini escreveu:
    pangasso escreveu:Enquanto isso o cachê das amiguinhas do ELITEGIRL já subiu uns 200%

    Até essa categoria (que vive tomando no **) tem aumento. Acima da inflação diga-se de passagem.
    E a gente provavelmente só 6% em 2016

    Essas merecem aumento sempre. Elas que trazem a alegria para muitos lares do país, evitam brigas de casais, são a base da família. Imagina se o homem não as tivesse para tirar seu estresse, de tempo em tempo, imagina o caos... Sem elas, nós homens, não aguentaríamos o pesado dia a dia!!!
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7912
    Reputação : 617
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Seg 24 Nov 2014, 5:49 pm

    Bonfa escreveu:
    TRF1/MG escreveu:
    Rengaw escreveu:Alguém pode me orientar, por favor?
    ]size=24]O QUE É MP???
    COMO EU CONSIGO RECEBER UMA?
    COMO EU PASSO UMA "MP"?
    [/size]

    MP é Ministério Público. Para passar no MP tem que estudar.


    E muito!

    Quase nada! pirat


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    Lord Sith
    Lord Sith
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2142
    Reputação : 91
    Data de inscrição : 25/05/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Lord Sith Seg 24 Nov 2014, 5:50 pm

    Esse A eh para nao gastar mais numeros de PLs com a gente. Vai seguir 7920-B, 7920-C, por ai vai.
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7912
    Reputação : 617
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Seg 24 Nov 2014, 5:55 pm

    pangasso escreveu:
    Wayne Arnold escreveu:Alguma coisa tem que estar errada aí, queria saber o quê!

    Fim da redução do IPI. O governo precisa fomentar as vendas de veículos de alguma forma. Os servidores do Judiciário/MPU foram os escolhidos para isso. Simples!

    Hoje assisti uma reportagem de um economista alertando para a crise nas montadoras. Segundo ele estão sendo produzidos praticamente o dobro de veículos que a demanda suporta. Montadoras estão com o estoque cheio. Solução? Não adianta espernear porque o lucro das montadoras é exorbitante. Vendem carroças a preço de carro de luxo. Parece que essa distinção entre carro pelado e completo é coisa praticada somente aqui.
    Enfim, existe muita gordura para ser queimada no setor de automóveis.


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 5:57 pm

    Galizezin escreveu:
    pangasso escreveu:
    Wayne Arnold escreveu:Alguma coisa tem que estar errada aí, queria saber o quê!

    Fim da redução do IPI. O governo precisa fomentar as vendas de veículos de alguma forma. Os servidores do Judiciário/MPU foram os escolhidos para isso. Simples!

    Hoje assisti uma reportagem de um economista alertando para a crise nas montadoras. Segundo ele estão sendo produzidos praticamente o dobro de veículos que a demanda suporta. Montadoras estão com o estoque cheio. Solução? Não adianta espernear porque o lucro das montadoras é exorbitante. Vendem carroças a preço de carro de luxo. Parece que essa distinção entre carro pelado e completo é coisa praticada somente aqui.
    Enfim, existe muita gordura para ser queimada no setor de automóveis.


    Pelo menos vão sair aquelas promoções: "Compre agora  carro novo com IPI antigo" e aproveitando o espírito de natal.

    Depois lá para o fim de janeiro, sai a promoção: " o governo aumentou o IPI, mas nós não aumentamos, aproveitem é só até o carnaval."


    Última edição por FCCOSTA em Seg 24 Nov 2014, 5:59 pm, editado 1 vez(es)
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7912
    Reputação : 617
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Seg 24 Nov 2014, 5:58 pm

    FCCOSTA escreveu:
    Galizezin escreveu:
    pangasso escreveu:
    Wayne Arnold escreveu:Alguma coisa tem que estar errada aí, queria saber o quê!

    Fim da redução do IPI. O governo precisa fomentar as vendas de veículos de alguma forma. Os servidores do Judiciário/MPU foram os escolhidos para isso. Simples!

    Hoje assisti uma reportagem de um economista alertando para a crise nas montadoras. Segundo ele estão sendo produzidos praticamente o dobro de veículos que a demanda suporta. Montadoras estão com o estoque cheio. Solução? Não adianta espernear porque o lucro das montadoras é exorbitante. Vendem carroças a preço de carro de luxo. Parece que essa distinção entre carro pelado e completo é coisa praticada somente aqui.
    Enfim, existe muita gordura para ser queimada no setor de automóveis.


    Pelo menos vão sair aquelas promoções: "Compre agora  carro novo com IPI antigo"

    Acho eu que um dia ainda chegaremos no

    carro zero em 60 vezes sem entrada e sem juros!


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7912
    Reputação : 617
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Seg 24 Nov 2014, 6:05 pm

    Relatório do PL 7919 é apresentado com emendas contra terceirização e aumento da jornada

    Nesta segunda-feira (24), a deputada Flávia Morais apresentou o relatório ao PL 7919/14, dentro do prazo estipulado pelo presidente da Comissão, deputado Luiz Faria, na reunião do dia 19 para o nosso projeto ser incluso na pauta de votação desta quarta-feira (26).

    Em seu relatório ela acatou algumas emendas propostas pelo Sindjus para corrigir pontos negativos à carreira colocados pela administração da PGR. Dentre outros itens, ela acatou a emenda que freia a terceirização e o aumento da jornada de trabalho. Também impede a tentativa de desvalorizar a GAS, outra questão trabalhada pelo Sindjus.

    Embora não adotou todas as emendas apresentadas pelo sindicato, ela impediu sérios prejuízos a nossa carreira. Para a coordenadora Ana Paula Cusinato, "o parecer barrou uma série de injustiças e retrocessos que o projeto previa para a carreira dos servidores do MPU e deve ser aprovado o mais breve possível".

    O Sindjus convoca todos os servidores do MPU a comparecerem à reunião da Comissão de Trabalho (plenário 12), nesta quarta-feira (26), a partir das 9h30, para pressionar os parlamentares pela votação e aprovação do parecer da deputada Flávia Morais no PL 7919 e dar mais um passo pela aprovação do nosso reajuste.

    Fonte: [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    mpuh
    mpuh
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 141
    Reputação : 5
    Data de inscrição : 03/09/2012

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por mpuh Seg 24 Nov 2014, 6:14 pm

    Galizezin escreveu:
    FCCOSTA escreveu:
    Galizezin escreveu:
    pangasso escreveu:

    Fim da redução do IPI. O governo precisa fomentar as vendas de veículos de alguma forma. Os servidores do Judiciário/MPU foram os escolhidos para isso. Simples!

    Hoje assisti uma reportagem de um economista alertando para a crise nas montadoras. Segundo ele estão sendo produzidos praticamente o dobro de veículos que a demanda suporta. Montadoras estão com o estoque cheio. Solução? Não adianta espernear porque o lucro das montadoras é exorbitante. Vendem carroças a preço de carro de luxo. Parece que essa distinção entre carro pelado e completo é coisa praticada somente aqui.
    Enfim, existe muita gordura para ser queimada no setor de automóveis.


    Pelo menos vão sair aquelas promoções: "Compre agora  carro novo com IPI antigo"

    Acho eu que um dia ainda chegaremos no

    carro zero em 60 vezes sem entrada e sem juros!

    em julho/2007 comprei um sentra zero em 60x sem entrada financiamento direto na Nissan (ano de lançamento do modelo)
    RVMS
    RVMS
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1355
    Reputação : 47
    Data de inscrição : 29/07/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por RVMS Seg 24 Nov 2014, 6:20 pm

    A Dep. fez uma emenda colocando que 80% das CCs devem ser ocupadas por servidores da casa. Acaso fosse possível a aprovação disso seria espetacular hehehehehehhe Mas acho que o destino final será o mesmo das emendas Policarpeanas.

    OBS; aprovou a emenda do NS para técnicos também.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8808
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi Seg 24 Nov 2014, 6:26 pm

    TRF1/MG escreveu:
    darkshi escreveu:
    TRF1/MG escreveu:Sensacional!!! Já vou começar a cotar preços do meu Santa Fé novo!!! Agora é hora de abrir uma linda cerveja Eisenbahn Dama do Lago e esperar a felicidade bater a porta. Que beleza!!! Sorria meu bem, sorria...

    Obviamente os únicos aumentos que eu prevejo ano que vem são:
    1 - os 5% garantidos.
    2 - Uma FC (não sei qual). Já que serão criados FCs para o TSE em uma quantidade que teremos mais FCs do que servidores.
    3 - Caso a crise não impeça ainda mais os concursos. Uma aprovação para o cargo de analista.

    Mas se sair o PL, acho que irei comprar algumas cervas tops (nada dessas porcarias que o povo bebe).

    O povo bebe uma bebida a base de milho, não dá para classificar o que vendem aqui, das comuns, de cerveja. Estou numa torcida para que você possa comprar caixas e caixas de cervejas puro malte, cervejas nacionais premiuns, importadas do mais alto gabarito... Coruja, Colorado, Schornstein, Leffe Blonde, Duvel Tripel Hop... vou no embalo kkk.

    Só tomo nacional premium e importada.
    Pior é que nem são tão caras.
    Mas uma boa cerva deve ser bebida que nem um bom vinho. É para apreciar e não para ficar bêbado e mijando feito louco.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8808
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi Seg 24 Nov 2014, 6:28 pm

    Galizezin escreveu:
    pangasso escreveu:
    Wayne Arnold escreveu:Alguma coisa tem que estar errada aí, queria saber o quê!

    Fim da redução do IPI. O governo precisa fomentar as vendas de veículos de alguma forma. Os servidores do Judiciário/MPU foram os escolhidos para isso. Simples!

    Hoje assisti uma reportagem de um economista alertando para a crise nas montadoras. Segundo ele estão sendo produzidos praticamente o dobro de veículos que a demanda suporta. Montadoras estão com o estoque cheio. Solução? Não adianta espernear porque o lucro das montadoras é exorbitante. Vendem carroças a preço de carro de luxo. Parece que essa distinção entre carro pelado e completo é coisa praticada somente aqui.
    Enfim, existe muita gordura para ser queimada no setor de automóveis.

    As montadoras irão preferir tacar fogo nos carros do que mudar a margem de lucro deles.
    avatar
    Judiciário
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1520
    Reputação : 24
    Data de inscrição : 07/07/2010
    Idade : 50

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Judiciário Seg 24 Nov 2014, 6:29 pm

    andre3107 escreveu:
    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?

    Esse "A" geralmente, em tese, significa haveria emenda substitutiva no projeto. Mas na tramitação não há nada disso.

    Uma letra dessas surgiu quando da aprovação do PL da GAJ em 2012.

    Vou chutar o que significa este "A".

    É a emenda substitutiva global que será apreciada no plenário da Câmara dos Deputados nos termos da nova projeção de implementação do PL, conforme Amarildo anunciou.

    Valorização
    Valorização
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2411
    Reputação : 27
    Data de inscrição : 07/04/2011
    Localização : Grande São Paulo

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Valorização Seg 24 Nov 2014, 6:30 pm

    Galizezin escreveu:Relatório do PL 7919 é apresentado com emendas contra terceirização e aumento da jornada

    Nesta segunda-feira (24), a deputada Flávia Morais apresentou o relatório ao PL 7919/14, dentro do prazo estipulado pelo presidente da Comissão, deputado Luiz Faria, na reunião do dia 19 para o nosso projeto ser incluso na pauta de votação desta quarta-feira (26).

    Em seu relatório ela acatou algumas emendas propostas pelo Sindjus para corrigir pontos negativos à carreira colocados pela administração da PGR. Dentre outros itens, ela acatou a emenda que freia a terceirização e o aumento da jornada de trabalho. Também impede a tentativa de desvalorizar a GAS, outra questão trabalhada pelo Sindjus.

    Embora não adotou todas as emendas apresentadas pelo sindicato, ela impediu sérios prejuízos a nossa carreira. Para a coordenadora Ana Paula Cusinato, "o parecer barrou uma série de injustiças e retrocessos que o projeto previa para a carreira dos servidores do MPU e deve ser aprovado o mais breve possível".

    O Sindjus convoca todos os servidores do MPU a comparecerem à reunião da Comissão de Trabalho (plenário 12), nesta quarta-feira (26), a partir das 9h30, para pressionar os parlamentares pela votação e aprovação do parecer da deputada Flávia Morais no PL 7919 e dar mais um passo pela aprovação do nosso reajuste.

    Fonte: [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]

    PROJETO DE LEI Nº 7.919, DE 2014


    Dispõe sobre as Carreiras dos Servidores do Ministério Público da União e as Carreiras dos Servidores do Conselho Nacional do Ministério Público, fixa os valores de sua remuneração, revoga a Lei nº 11.415, de 15 de dezembro de 2006, e dá outras providências.

    Autor: MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO

    Relatora: Deputada FLÁVIA MORAIS



    I - RELATÓRIO

    O Projeto de Lei nº 7.919, de 2014, de iniciativa do Ministério Público da União - MPU, objetiva dispor sobre as carreiras dos servidores do Ministério Público da União e do Conselho Nacional do Ministério Público, além de fixar os valores de suas remunerações.
    No capítulo das disposições gerais, o projeto lista os cargos que compõem as carreiras do MPU, quais sejam os de Analista, de nível superior, e o de Técnico, de nível médio, e coloca em extinção os cargos de Auxiliar, de nível fundamental. Além disso, são também relacionadas as funções de confiança (FC-1 a FC-3) e os cargos em comissão (CC-1 a CC-7) que integram o quadro de pessoal do MPU. Por fim, o referido capítulo estabelece vedação para a nomeação ou designação, para cargos em comissão e funções de confiança, de parentes de membros ou servidores em cargos de direção, chefia ou assessoramento, no âmbito do mesmo ramo do MPU.
    Os capítulos seguintes tratam do ingresso e do desenvolvimento na carreira, bem como da movimentação, da remuneração e da jornada de trabalho dos servidores das carreiras do MPU.
    No último capítulo, que trata das disposições finais e transitórias, são criados os três cargos de natureza especial listados, com as respectivas remunerações (Anexo V), e também se dispõe sobre o programa permanente de capacitação dos servidores e as atividades que poderão ou não ser objeto de execução indireta, além de estender suas disposições aos aposentados e pensionistas, assim como às carreiras do Conselho Nacional do Ministério Público, as quais serão objeto de projeto de lei específico, a ser encaminhado ao Congresso Nacional pelo Procurador-Geral da República.
    Os anexos à proposição trazem a distribuição dos cargos de Analista, Técnico e Auxiliar em classes e padrões (Anexo I), o valor dos vencimentos de cada um desses padrões (Anexo II), os valores de retribuição das funções de confiança (Anexo III) e dos cargos em comissão (Anexo IV), e os valores correspondentes às remunerações dos cargos de natureza especial (Anexo V).
    É de se ressaltar, por oportuno, que a estrutura de cargos e sua distribuição em classes e padrões não sofre modificações em relação à Lei 11.415/06 (com as alterações implementadas pela Lei 12.773/12), ora revogada, que dispunha sobre as mesmas carreiras, porém há um reajuste sobre os valores dos vencimentos anteriores, o qual varia de algo em torno de 56% (para a maioria dos padrões) a 78% (no padrão inicial do cargo de auxiliar, que está sendo colocado em extinção), que será implementado, gradativamente, nos meses de julho e dezembro dos anos de 2015 a 2017.
    É mantida, no entanto, a gratificação de atividade, em percentual de 90%, incidente sobre o novo vencimento básico, bem como o adicional de qualificação (que varia de 2,5% a 12,5% sobre o vencimento), a gratificação de perícia e a gratificação de projeto (ambas de 35% incidentes sobre o primeiro padrão do vencimento básico da carreira de analista ou da carreira de técnico, respectivamente), e a gratificação de atividade de segurança (de 35% sobre o vencimento para os servidores que atuem com uso de armas de fogo, e de 25% nos demais casos).
    As funções de confiança, por sua vez, sofrem reajuste em torno de 15%, enquanto os cargos em comissão são reajustados em percentuais que variam entre 25% e 65%.
    Por fim, com relação à lei anterior, é de se ressaltar que a proposição traz, em seu bojo, capítulos específicos referentes à movimentação dos servidores e à sua jornada de trabalho.
    A justificativa do projeto de lei não apresenta estimativa dos custos efetivos com a implementação das novas tabelas remuneratórias, mas afirma que as despesas decorrentes estarão enquadradas nos limites impostos pela Lei de Responsabilidade Fiscal.
    Foram apresentadas, perante a Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público, no prazo regimental, as onze emendas descritas no quadro seguinte:
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    Compete agora a esta Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público manifestar-se quanto ao mérito da proposição, nos termos do art. 32, inciso XVIII, do Regimento Interno da Câmara dos Deputados.
    É o relatório.

    II - VOTO DA RELATORA


    De acordo com a justificativa do Projeto de Lei 7.919/14, a proposição visa, precipuamente, aprimorar as políticas e as diretrizes estabelecidas para a gestão de pessoas e solucionar os principais problemas relacionados à questão remuneratória, além de corrigir distorções das carreiras atualmente regidas pela Lei 11.415/06, que revoga, e valorizar o corpo funcional de servidores do Ministério Público da União - MPU, cuja estrutura remuneratória se mostra defasada em relação a outras carreiras públicas de nível equivalente.
    É de se ressaltar, por oportuno, que esta Comissão aprovou, em 05.11.14, o PL 7.920/14, que alterou dispositivos da Lei 11.416/06 e estabeleceu tabela de vencimentos básicos para as carreiras do Poder Judiciário da União, com valores idênticos aos ora propostos para os servidores do MPU.
    Assim, as remunerações dos servidores das carreiras do MPU se encontram, de fato, defasadas, mormente se comparadas a carreiras de nível equivalente dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, tanto no caso dos cargos de nível médio quanto de nível superior.
    Conclui-se, em suma, que há poucas alterações estruturais propostas para a carreira administrativa do MPU, com relação à estrutura em vigor, definida na Lei 11.415/06, tratando a proposição, basicamente, de uma recomposição remuneratória devido às perdas decorrentes da ação inflacionária ao longo do tempo, a exemplo do que tem sido feito com relação a diversas carreiras dos Poderes da União.
    Quanto às emendas apresentadas, expomos, no quadro seguinte, nosso voto a cada uma delas e os motivos que nos levaram à decisão:
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    Desta forma, ante todo o exposto, nosso voto é pela APROVAÇÃO, no mérito, do Projeto de Lei nº 7.919, de 2014, bem como pela integral APROVAÇÃO das Emendas 2 e 10, pela APROVAÇÃO  PARCIAL das Emendas 4, 7 e 8, nos termos das Emendas da Relatora 1 e 2, anexas, pela APROVAÇÃO PARCIAL da Emenda 11, nos termos da Emenda 2, e pela REJEIÇÃO das demais emendas oferecidas ao projeto, quais sejam as Emendas 1, 3, 5, 6 e 9.

    Sala da Comissão, em        de                            de 2014.


    Deputada FLÁVIA MORAIS
    Relatora
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8808
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi Seg 24 Nov 2014, 6:30 pm

    RVMS escreveu:A Dep. fez uma emenda colocando que 80% das CCs devem ser ocupadas por servidores da casa. Acaso fosse possível a aprovação disso seria espetacular hehehehehehhe Mas acho que o destino final será o mesmo das emendas Policarpeanas.

    OBS; aprovou a emenda do NS para técnicos também.

    Isto seria até mais fácil passar.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8808
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi Seg 24 Nov 2014, 6:32 pm

    Judiciário escreveu:
    andre3107 escreveu:
    Del Piero escreveu:
    Judiciário escreveu:Vocês estão muito ansiosos, por dois motivos:

    1) O Requerimento não foi aprovado, por isso existe a expressão "SE APROVADO O RQU Nº 10.815/14, APRESENTADO"; e

    2) Não se trata do PL 7920/2014 e sim do 7920-A/2014 (PROJETO DE LEI N.º 7.920-A, DE 2014)

    Esse "A" significa o q ?

    Esse "A" geralmente, em tese, significa haveria emenda substitutiva no projeto. Mas na tramitação não há nada disso.

    Uma letra dessas surgiu quando da aprovação do PL da GAJ em 2012.

    Vou chutar o que significa este "A".

    É a emenda substitutiva global que será apreciada no plenário da Câmara dos Deputados nos termos da nova projeção de implementação do PL, conforme Amarildo anunciou.


    Bem, no minimo garantimos que existe uma emenda substitutiva.
    Agora se vai ser aprovada são outros 500.

    ps: Enquanto a questão do NS pro MPU.
    Não adianta aprovar isto via emendas. Se existe um substitutivo global pro PJU, vão fazer o mesmo pro MPU e se não for de interesse da ADM não vão colocar o NS na emenda substitutiva.
    RVMS
    RVMS
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Mensagens : 1355
    Reputação : 47
    Data de inscrição : 29/07/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por RVMS Seg 24 Nov 2014, 6:33 pm

    darkshi escreveu:
    RVMS escreveu:A Dep. fez uma emenda colocando que 80% das CCs devem ser ocupadas por servidores da casa. Acaso fosse possível a aprovação disso seria espetacular hehehehehehhe Mas acho que o destino final será o mesmo das emendas Policarpeanas.

    OBS; aprovou a emenda do NS para técnicos também.

    Isto seria até mais fácil passar.

    Porque você acha isso? Eu acho que não é a intenção da Administração.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8808
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi Seg 24 Nov 2014, 6:34 pm

    RVMS escreveu:
    darkshi escreveu:
    RVMS escreveu:A Dep. fez uma emenda colocando que 80% das CCs devem ser ocupadas por servidores da casa. Acaso fosse possível a aprovação disso seria espetacular hehehehehehhe Mas acho que o destino final será o mesmo das emendas Policarpeanas.

    OBS; aprovou a emenda do NS para técnicos também.

    Isto seria até mais fácil passar.

    Porque você acha isso? Eu acho que não é a intenção da Administração.

    Pq não vejo ninguém, a não ser a própria ADM, que seria contra.

    Já o NS o ego impediria isto (como impediu) via uma emenda parlamentar.
    5HTP
    5HTP
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 113
    Reputação : 2
    Data de inscrição : 19/09/2014

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por 5HTP Seg 24 Nov 2014, 6:53 pm

    darkshi escreveu:
    Judiciário escreveu:
    andre3107 escreveu:
    Del Piero escreveu:

    Esse "A" significa o q ?

    Esse "A" geralmente, em tese, significa haveria emenda substitutiva no projeto. Mas na tramitação não há nada disso.

    Uma letra dessas surgiu quando da aprovação do PL da GAJ em 2012.

    Vou chutar o que significa este "A".

    É a emenda substitutiva global que será apreciada no plenário da Câmara dos Deputados nos termos da nova projeção de implementação do PL, conforme Amarildo anunciou.


    Bem, no minimo garantimos que existe uma emenda substitutiva.
    Agora se vai ser aprovada são outros 500.

    ps: Enquanto a questão do NS pro MPU.
    Não adianta aprovar isto via emendas. Se existe um substitutivo global pro PJU, vão fazer o mesmo pro MPU e se não for de interesse da ADM não vão colocar o NS na emenda substitutiva.


    Vocês que entendem de processo legislativo, o que é este 7920-A? Não seria só o relatório aprovado na CTASP? Por que estão dizendo que é uma emenda substitutiva?
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 6:57 pm

    darkshi escreveu:
    TRF1/MG escreveu:
    darkshi escreveu:
    TRF1/MG escreveu:Sensacional!!! Já vou começar a cotar preços do meu Santa Fé novo!!! Agora é hora de abrir uma linda cerveja Eisenbahn Dama do Lago e esperar a felicidade bater a porta. Que beleza!!! Sorria meu bem, sorria...

    Obviamente os únicos aumentos que eu prevejo ano que vem são:
    1 - os 5% garantidos.
    2 - Uma FC (não sei qual). Já que serão criados FCs para o TSE em uma quantidade que teremos mais FCs do que servidores.
    3 - Caso a crise não impeça ainda mais os concursos. Uma aprovação para o cargo de analista.

    Mas se sair o PL, acho que irei comprar algumas cervas tops (nada dessas porcarias que o povo bebe).

    O povo bebe uma bebida a base de milho, não dá para classificar o que vendem aqui, das comuns, de cerveja. Estou numa torcida para que você possa comprar caixas e caixas de cervejas puro malte, cervejas nacionais premiuns, importadas do mais alto gabarito... Coruja, Colorado, Schornstein, Leffe Blonde, Duvel Tripel Hop... vou no embalo kkk.

    Só tomo nacional premium e importada.
    Pior é que nem são tão caras.
    Mas uma boa cerva deve ser bebida que nem um bom vinho. É para apreciar e não para ficar bêbado e mijando feito louco.

    Existem boas cervejas puro malte de valor razoável, mas não dá para fazer milagre: malte, principalmente o bom, é muito caro, e náo é qualquer lúpulo que produz amargor o suficiente para dar um sabor rico, de cerveja de verdade.

    Quanto ao que é uma cerveja, cerveja, e o que é uma "bebida leve sabor cerveja", experimetne bavária premium, aqui em Viçosa eu comro a long neck a R$ 2,79. Sim, é bavário, e sim, veja o quanto ser puro malte é diferente.

    Na verdade, o mundo da cerveja é sui generis. Como se diz, a vida é muito curta para você perder com cerveja barata.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 7:00 pm

    5HTP escreveu:
    darkshi escreveu:
    Judiciário escreveu:
    andre3107 escreveu:

    Esse "A" geralmente, em tese, significa haveria emenda substitutiva no projeto. Mas na tramitação não há nada disso.

    Uma letra dessas surgiu quando da aprovação do PL da GAJ em 2012.

    Vou chutar o que significa este "A".

    É a emenda substitutiva global que será apreciada no plenário da Câmara dos Deputados nos termos da nova projeção de implementação do PL, conforme Amarildo anunciou.


    Bem, no minimo garantimos que existe uma emenda substitutiva.
    Agora se vai ser aprovada são outros 500.

    ps: Enquanto a questão do NS pro MPU.
    Não adianta aprovar isto via emendas. Se existe um substitutivo global pro PJU, vão fazer o mesmo pro MPU e se não for de interesse da ADM não vão colocar o NS na emenda substitutiva.


    Vocês que entendem de processo legislativo, o que é este 7920-A? Não seria só o relatório aprovado na CTASP? Por que estão dizendo que é uma emenda substitutiva?

    Não vi isso no site da camara... alguém poderia enviar o link?

    pig pig pig pig pig pig pig pig pig pig pig pig
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 7:01 pm

    mpuh escreveu:
    Galizezin escreveu:
    FCCOSTA escreveu:
    Galizezin escreveu:

    Hoje assisti uma reportagem de um economista alertando para a crise nas montadoras. Segundo ele estão sendo produzidos praticamente o dobro de veículos que a demanda suporta. Montadoras estão com o estoque cheio. Solução? Não adianta espernear porque o lucro das montadoras é exorbitante. Vendem carroças a preço de carro de luxo. Parece que essa distinção entre carro pelado e completo é coisa praticada somente aqui.
    Enfim, existe muita gordura para ser queimada no setor de automóveis.


    Pelo menos vão sair aquelas promoções: "Compre agora  carro novo com IPI antigo"

    Acho eu que um dia ainda chegaremos no

    carro zero em 60 vezes sem entrada e sem juros!

    em julho/2007 comprei um sentra zero em 60x sem entrada financiamento direto na Nissan  (ano de lançamento do modelo)

    Na verdade, esta é uma faca de dois gumes: de um lado o Brasil é vantajoso justamente porque permitiria margens absurdas de lucro. Se for para vender em volume, com menor margem, talvez o mercado aqui não seja tão interessante...

    Falando em 60 vezes e mercado automotivo, estava vendo o Carlinhos Troll e seu canal de como é a vida americana. O cara acaba de comprar um Toyota Prius por 30500 d[olares, em 60 vezes REALMENTE sem juros (60 de 500 dólares). Isto num carro que faz 50 milhas por galão (ou bem mais que vinte quilômetros por litro). Margens de lucro decentes e, principalmente, juros civilizados, a promessa esquecida de Dilma, tal qual o fome zero do Lula, colocariam nossa economia realmente num outro patamar, incompar[avel.
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 24 Nov 2014, 7:05 pm

    josebarbos escreveu:
    darkshi escreveu:
    TRF1/MG escreveu:
    darkshi escreveu:

    Obviamente os únicos aumentos que eu prevejo ano que vem são:
    1 - os 5% garantidos.
    2 - Uma FC (não sei qual). Já que serão criados FCs para o TSE em uma quantidade que teremos mais FCs do que servidores.
    3 - Caso a crise não impeça ainda mais os concursos. Uma aprovação para o cargo de analista.

    Mas se sair o PL, acho que irei comprar algumas cervas tops (nada dessas porcarias que o povo bebe).

    O povo bebe uma bebida a base de milho, não dá para classificar o que vendem aqui, das comuns, de cerveja. Estou numa torcida para que você possa comprar caixas e caixas de cervejas puro malte, cervejas nacionais premiuns, importadas do mais alto gabarito... Coruja, Colorado, Schornstein, Leffe Blonde, Duvel Tripel Hop... vou no embalo kkk.

    Só tomo nacional premium e importada.
    Pior é que nem são tão caras.
    Mas uma boa cerva deve ser bebida que nem um bom vinho. É para apreciar e não para ficar bêbado e mijando feito louco.

    Existem boas cervejas puro malte de valor razoável, mas não dá para fazer milagre: malte, principalmente o bom, é muito caro, e náo é qualquer lúpulo que  produz amargor o suficiente para dar um sabor rico, de cerveja de verdade.

    Quanto ao que é uma cerveja, cerveja, e o que é uma "bebida leve sabor cerveja", experimetne bavária premium, aqui em Viçosa eu comro a long neck a R$ 2,79. Sim, é bavário, e sim, veja o quanto ser puro malte é diferente.

    Na verdade, o mundo da cerveja é sui generis. Como se diz, a vida é muito curta para você perder com cerveja barata.

    Acho que a Bavária Premium é a única puro malte das fabricadas em longa escala, das fábricas comuns. Aqui em SC se acha a Saint Bier, uma cerveja muito boa, puro malte, alta qualidade e preço legal. Pago 8 reais e pouco a de um litro. Hoje troquei a quantidade pela qualidade, bebo menos que bebia anos atrás, mas tomo só de qualidade. Em BH tem uma das melhores cervejarias deste país, a Wals, com cervejas simplesmente excelentes. Se achar por ai experimente, demais. Aqui em SC tem ótimas cervejarias, é um show a parte.
    corujito
    corujito
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3137
    Reputação : 209
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por corujito Seg 24 Nov 2014, 7:07 pm

    A classe média falida do Brasil consegue bostejar o consumo de qualquer coisa.

    Primeiro eram os maconheiros agrônomos "ah o pH disso, a acidez daquilo"

    Depois do barateamento das viagens na A.S chegaram os "sommeliers" cheiradores de rolha

    Agora, meu brother, virou crime tomar uma Antarctica naquele copo americano.
    andre3107
    andre3107
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : Técnico Judiciário
    Mensagens : 1112
    Reputação : 31
    Data de inscrição : 31/08/2012
    Localização : Belém/PA

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por andre3107 Seg 24 Nov 2014, 7:10 pm

    Relator do PL 7.920/14 confirma que apresentará parecer na sessão da CFT desta quarta-feira

    O relator do projeto salarial dos servidores do Judiciário Federal na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara, deputado Manoel Junior (PMDB-PB), pretende apresentar o seu parecer na sessão desta quarta-feira, 26. O texto ainda não estaria finalizado.

    A informação foi confirmada pela assessora parlamentar Kátia Rodrigues, do gabinete do deputado. Ainda sem parecer, o projeto de lei 7.920/2014 não está na pauta já divulgada da sessão, na qual constam os projetos que reajustam os subsídios de magistrados e procuradores. É possível, porém, pedir a inclusão na pauta no mesmo dia.

    O relator recebeu dirigentes sindicais da categoria no dia 19. Eles solicitaram a apresentação de relatório favorável ao projeto o quanto antes. Os coordenadores da Fenajufe Eugênia Lacerda e Tarcísio Ferreira e Paulo Cezar Silva dos Santos, coordenador do Sinjuspar/PR entregaram a ele cópia da liminar da ministra Rosa Weber sobre o corte orçamentário e da ação movida pela Fenajufe, que está sob a relatoria da ministra Carmen Lúcia.

    Servidores do MPU

    Os coordenadores foram ainda ao gabinete da relatora do PL 7.919/2014, Flávia Morais (PDT-GO), onde assessores informaram que ela estava em viagem e que pretendia pautar o projeto dos servidores do Ministério Público da União na sessão desta quarta-feira da Ctasp (Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público). A proposta já entrou na pauta divulgada pela Câmara.

    Pressão

    O objetivo da reunião foi apresentar subsídios para o relatório do parlamentar, que se comprometeu a tentar pautar o projeto na sessão desta quarta. “São iniciativas que precisamos tomar: pressionar os deputados é também uma forma de atingir o governo, mas sabemos que não há acordo e que a base governista tentará barrar a votação”, explica Tarcísio.

    Na sessão da semana passada, os dirigentes da Fenajufe, de sindicatos estaduais (Sinje-CE, Sitraemg-MG, Sindjuf-PB e Sindjus-DF) e da base da categoria acompanharam a sessão, que acabou suspensa por falta de quórum. Eles pediram apoio de deputados à proposta. Os coordenadores da federação conversaram com o líder do governo na CFT, que disse não haver acordo para aprovar o reajuste.

    “A pressão pelo reajuste deve continuar, pois ainda estamos no jogo. Por essa razão estaremos em Brasília ainda nesta semana e levaremos à reunião ampliada da Fenajufe do dia 30 de novembro a proposta de um esforço conjunto dos vários sindicatos da categoria em Brasília, para pressionar parlamentares, STF e o governo”, afirma o diretor do Sintrajufe/RS Ruy Almeida.

    Com informações de Hélcio Duarte Filho e Eliane Salles, Luta Fenajufe Notícias

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    gabg
    gabg
    Usuário Júnior
    Usuário Júnior

    Mensagens : 173
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 24/04/2011

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por gabg Seg 24 Nov 2014, 7:14 pm

    É zero!!
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 24 Nov 2014, 7:17 pm

    andre3107 escreveu:Relator do PL 7.920/14 confirma que apresentará parecer na sessão da CFT desta quarta-feira

    O relator do projeto salarial dos servidores do Judiciário Federal na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara, deputado Manoel Junior (PMDB-PB), pretende apresentar o seu parecer na sessão desta quarta-feira, 26. O texto ainda não estaria finalizado.

    A informação foi confirmada pela assessora parlamentar Kátia Rodrigues, do gabinete do deputado. Ainda sem parecer, o projeto de lei 7.920/2014 não está na pauta já divulgada da sessão, na qual constam os projetos que reajustam os subsídios de magistrados e procuradores. É possível, porém, pedir a inclusão na pauta no mesmo dia.
     
    O relator recebeu dirigentes sindicais da categoria no dia 19. Eles solicitaram a apresentação de relatório favorável ao projeto o quanto antes. Os coordenadores da Fenajufe Eugênia Lacerda e Tarcísio Ferreira e Paulo Cezar Silva dos Santos, coordenador do Sinjuspar/PR entregaram a ele cópia da liminar da ministra Rosa Weber sobre o corte orçamentário e da ação movida pela Fenajufe, que está sob a relatoria da ministra Carmen Lúcia.

    Servidores do MPU

    Os coordenadores foram ainda ao gabinete da relatora do PL 7.919/2014, Flávia Morais (PDT-GO), onde assessores informaram que ela estava em viagem e que pretendia pautar o projeto dos servidores do Ministério Público da União na sessão desta quarta-feira da Ctasp (Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público). A proposta já entrou na pauta divulgada pela Câmara.

    Pressão

    O objetivo da reunião foi apresentar subsídios para o relatório do parlamentar, que se comprometeu a tentar pautar o projeto na sessão desta quarta. “São iniciativas que precisamos tomar: pressionar os deputados é também uma forma de atingir o governo, mas sabemos que não há acordo e que a base governista tentará barrar a votação”, explica Tarcísio.  

    Na sessão da semana passada, os dirigentes da Fenajufe, de sindicatos estaduais (Sinje-CE, Sitraemg-MG, Sindjuf-PB e Sindjus-DF) e da base da categoria acompanharam a sessão, que acabou suspensa por falta de quórum. Eles pediram apoio de deputados à proposta. Os coordenadores da federação conversaram com o líder do governo na CFT, que disse não haver acordo para aprovar o reajuste.

    “A pressão pelo reajuste deve continuar, pois ainda estamos no jogo. Por essa razão estaremos em Brasília ainda nesta semana e levaremos à reunião ampliada da Fenajufe do dia 30 de novembro a proposta de um esforço conjunto dos vários sindicatos da categoria em Brasília, para pressionar parlamentares, STF e o governo”, afirma o diretor do Sintrajufe/RS Ruy Almeida.

    Com informações de Hélcio Duarte Filho e Eliane Salles, Luta Fenajufe Notícias

    http://site39603.hospedagemdesites.ws/site/noticias.php?id=11118#.VHO6gMl9hMg

    Agora é tetra. memelol

    Conteúdo patrocinado

    Tópico Geral - Página 13 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui 20 Jan 2022, 4:40 am