PCS JÁ

PCS JÁ



    Tópico Geral

    JULIUS JR
    JULIUS JR
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 572
    Reputação : 34
    Data de inscrição : 01/09/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por JULIUS JR Seg 01 Dez 2014, 1:06 pm

    Jaspion escreveu:
    celsoant escreveu:
    servidor.tre escreveu:Alguém confirma essa informação de acordo ????


    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]


    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    avatar
    Ronnie
    Novo Usuário

    Mensagens : 4
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 09/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Ronnie Seg 01 Dez 2014, 1:06 pm

    Denovo?? escreveu:Acordo?
    Não.. boato.
    Conheço um colega da direção de um sindicato eleitoral e ele disse que isso "non ecziste".
    Raciocine.
    Se um colega do Amarildo sabe, o sindicato saberia.


    servidor.tre escreveu:Alguém confirma essa informação de acordo ????

    E se houver a proposta e já souberem (alguns) teriam dito ou esperariam mais um pouco para tentar melhorá-la?!
    O que sei é que mais que os 20% podem esquecer!
    avatar
    Leovini
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 397
    Reputação : 4
    Data de inscrição : 21/03/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Leovini Seg 01 Dez 2014, 1:27 pm

    Rui Costa e outros dois governadores articulam volta da CPMF, diz publicação

    O governador eleito da Bahia, Rui Costa, juntamente com mais dois governadores nordestinos, estão articulando o retorno da CPMF, a Contribuição Provisória sobre a Movimentação Financeira, afirma reportagem da Folha de S. Paulo.

    O antigo imposto era cobrado automaticamente a cada transmissão de valores em bancos

    Além de Costa, os futuros governadores do Ceará e Piauí, Camilo Santana e Wellington Dias, também devem propor retorno da contribuição. A proposta já ganhou a aprovação da presidente Dilma Rousseff, e será apresentada aos outros novos governadores nordestinos durante um encontro no dia 9 de dezembro, na Paraíba.

    A ideia é de que a mobilização pelo retorno da CPMF, conhecida como imposto do cheque, comece no Nordeste. O imposto estaria sendo articulado com o objetivo de ampliar recursos para a Saúde do país. "Queremos partir do Nordeste para outros Estados. Temos que ter a responsabilidade e a coragem de defender a CPMF", disse Camilo Santana, governador eleito do Ceará, à Folha de S. Paulo.

    Entre os defensores da CPMF está o chefe da Casa Civil, Aloizio Mercandante, e o secretário de Relações Institucionais, Ricardo Berzoini. Ricardo Coutinho (PSB), governador da Paraíba, defende uma maior ida de recursos para a Saúde. "Estamos sufocados", comentou.

    Há defensores do impostos até em partidos da oposição. Entre eles está José Serra e Antonio Anastasia, do PSDB. Criado no governo Itamar Franco, em 1993, o CPMF tinha alíquita de 0,38% e durou até 2007. Durante a disputa presidencial de 2014, o PT acusou Marina Silva, candidata do PSB), de mentir sobre sua posição sobre o imposto. Ela disse ter votado a favor da prorrogação da contribuição, mas foi contra.
    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar este link]
    avatar
    Leovini
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 397
    Reputação : 4
    Data de inscrição : 21/03/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Leovini Seg 01 Dez 2014, 1:30 pm

    Estelionato eleitoral total!!!

    Mais imposto! Que o que já tem é pouco.

    Demonizaram Marina pq ela tinha votado a favor da CPMF, e agora isso...

    É o Partido dos TRABALHADORES, que irá conceder aumento a quem ganha mais de 30 mil por mês em uma parcela só. E o resto...que se f*da!
    macfly
    macfly
    Usuário Especial
    Usuário Especial

    Cargo : ANALISTA
    Mensagens : 1190
    Reputação : 45
    Data de inscrição : 17/10/2014
    Localização : HILL VALLEY - CALIFÓRNIA

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por macfly Seg 01 Dez 2014, 1:42 pm

    CADÊ A P.ORRA DA REUNIÃO DO SINDJUS E FENAJUFE COM O LEWANDOWISKI MOSTRANDO PRA ELE QUE O PL DOS JUÍZES PASSOU NA CFT E O NOSSO NÃO????
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 01 Dez 2014, 1:55 pm

    macfly escreveu:CADÊ A P.ORRA DA REUNIÃO DO SINDJUS E FENAJUFE COM O LEWANDOWISKI MOSTRANDO PRA ELE QUE O PL DOS JUÍZES PASSOU NA CFT E O NOSSO NÃO????



    MOSTRAR O QUE SE ELE JÁ SABE, OU QUEM SABE:

    Tópico Geral - Página 2 24de91l
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 01 Dez 2014, 2:06 pm

    macfly escreveu:CADÊ A P.ORRA DA REUNIÃO DO SINDJUS E FENAJUFE COM O LEWANDOWISKI MOSTRANDO PRA ELE QUE O PL DOS JUÍZES PASSOU NA CFT E O NOSSO NÃO????

    Aí está a galera trabalhando firme e forte pela aprovação do PL 7920.

    Tópico Geral - Página 2 Eaqddx
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 01 Dez 2014, 2:14 pm

    Reunião do colégio de lideres no dia 03/12 pela manhã na Câmara dos Deputados, vão decidir a pauta do plenário daqui até o fim do ano. se o nosso não estiver entre as prioridades, daí é babaus mesmo...
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 2:20 pm

    E tem gente ainda perguntando informação para o CAGALHÃO do MPT, depois de tudo que essa figura trollou por aqui... é querer fazer muito papel de otário mesmo.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 01 Dez 2014, 2:30 pm

    Tenho uma curiosidade que só será satisfeita após o dia 23/12/2014: na cada vez mais remota hipótese de nosso reajuste sair, que tratamento terão os que dizem que não teremos nada, inclusive citando fontes no MPOG, Tesouro Nacional e afins? todos ceifados do fórum por trollagem?
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 01 Dez 2014, 2:34 pm

    pernalonga escreveu:Tenho uma curiosidade que só será satisfeita após o dia 23/12/2014: na cada vez mais remota hipótese de nosso reajuste sair, que tratamento terão os que dizem que não teremos nada, inclusive citando fontes no MPOG, Tesouro Nacional e afins? todos ceifados do fórum por trollagem?



    provavelmente não, mas o "pior" é que tb receberão o reajuste.
    embuscadeaumento
    embuscadeaumento
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2790
    Reputação : 54
    Data de inscrição : 05/07/2011

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por embuscadeaumento Seg 01 Dez 2014, 2:39 pm

    Cadê a pauta do dia 3? Hora do vamo vê chegando... ou serã que Dilmandona vai pedir que outro petralha peça vista?
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 2:42 pm

    pernalonga escreveu:Tenho uma curiosidade que só será satisfeita após o dia 23/12/2014: na cada vez mais remota hipótese de nosso reajuste sair, que tratamento terão os que dizem que não teremos nada, inclusive citando fontes no MPOG, Tesouro Nacional e afins? todos ceifados do fórum por trollagem?

    Eu repassei tempos atrás a informação que estávamos fora do aumento, que o Lewa tentaria uma última vez, mas mais para jogar para galera, já sabendo que não vem nada para nós. Fora isso, temos todos os indícios possíveis de que não levaremos nada, dada atuação da categoria que nada faz, os indicativos do executivo e o jogo de palavras do Judiciário.
    Se isso não se confirmar e o aumento chegar, terei o maior prazer, caso queiram, de ser expulso do fórum. Não trollei ninguém. Tem muitos que vem aqui prestar informação sobre possíveis acordos, propostas, etc, acho isso legal, repassar informação, mesmo que não se concretize. O que não dá é para aguentar trolls como esse idiota do MPT (e outros do mesmo tipo) vem a tempo aqui prestar informação sem sentido, comemorando o nada e ainda fazendo suspense (sem falar que o CAGALHÃO afirmou que ia dizer quem é para ter credibilidade e correu do fórum).
    TREmulo
    TREmulo
    Novo Usuário

    Mensagens : 7
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 28/11/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TREmulo Seg 01 Dez 2014, 2:43 pm

    Pantaleão escreveu:A ação impetrada pela ANAJUSTRA contra a União, com o objetivo de incorporar o percentual de 13,23% à remuneração dos seus associados e o pagamento das diferenças anteriores com correção monetária e juros de mora, teve sentença favorável.


    A Ministra do Supremo, Rosa Weber, seguiu a decisão do TRF da 1ª Região, que não reconheceu Recurso Extraordinário da União.

    No reajuste das remunerações dos servidores públicos federais, para o exercício de 2003 (Lei nº. 10.697/2003 e Lei nº. 10.698/2003), o Presidente da República concedeu para todos os servidores uma revisão geral anual de apenas 1% e também uma vantagem pecuniária individual (VPI) fixa de R$ 59,87.

    Com esse procedimento o Presidente promoveu a revisão geral de remuneração dos servidores públicos em patamares distintos, não isonômicos e em percentuais diferenciados, pois o acréscimo do valor referente a VPI, de R$ 59,87 correspondia a época, para o menor salário da União, a um reajuste de 13,23%.

    Agindo dessa maneira ele violou frontalmente o artigo 37, inciso X, da Carta Magna, o qual determina que "a remuneração dos servidores públicos e o subsídio de que trata o §4° do artigo 39, somente poderão ser fixados ou alterados por lei específica, observada a iniciativa privativa em cada caso, assegurada revisão geral anual, sempre na mesma data e sem distinção de índices".

    O SINASMEPU ajuizou ação coletiva (Processo nº 0042825-03.2014.4.01.0000), a fim de estender aos servidores do MPU a retroatividade do índice acima referido a partir de maio de 2003 ou da data de ingresso no serviço público, com todos os reflexos remuneratórios pertinentes.

    Por se tratar de Ação Rescisória, o processo fora proposto diretamente no TRF 1ª Região, onde encontra-se concluso para decisão desde 10/10/2014 no gabinete do Desembargador Jamil Rosa de Jesus, após remessa interna do Tribunal.

    Esta ação coletiva foi proposto em substituição processual sindical, sem juntada de lista (conforme autoriza STF e STJ), portanto a condição de filiado (ainda que posterior ao ajuizamento e até a execução) torna o consulente abrangido pela demanda.


    Seria extensivo a todos, por exemplo, Justiça Eleitoral também receberia? Precisa ser filiado a sindicato ou todos receberiam automaticamente? Grato.
    Denovo??
    Denovo??
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2139
    Reputação : 185
    Data de inscrição : 23/10/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Denovo?? Seg 01 Dez 2014, 2:45 pm

    Se sair aumento, eu, um notório profeta do zero, me auto banirei com muita satisfação, já que outro PCS só daqui há 5 anos, quando eu nem sei se o planeta Terra continuará a existir.
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8806
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi Seg 01 Dez 2014, 3:16 pm

    Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7833
    Reputação : 593
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Seg 01 Dez 2014, 3:17 pm

    pernalonga escreveu:Tenho uma curiosidade que só será satisfeita após o dia 23/12/2014: na cada vez mais remota hipótese de nosso reajuste sair, que tratamento terão os que dizem que não teremos nada, inclusive citando fontes no MPOG, Tesouro Nacional e afins? todos ceifados do fórum por trollagem?

    Não seja infantil, colega! Será que é preciso citar fontes de que a vontade do governo, para nós servidores do MPU e PJU, é o zero? Precisa de outra fonte fidedigna tal qual foi as palavras da Miriam Belchior dias atrás: "vocês tem 5% garantidos em janeiro de 2015".

    Sacanagem é vir aqui no fórum para veicular informações privilegiadas sem esclarecer a tal fonte fidedigna. Dizer que está tudo certo, mas não.

    Obviamente que todos queremos acreditar que o aumento virá, porém não podemos sair da realidade, induzindo a erro milhares de famílias.


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    JULIUS JR
    JULIUS JR
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 572
    Reputação : 34
    Data de inscrição : 01/09/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por JULIUS JR Seg 01 Dez 2014, 3:22 pm

    darkshi escreveu:Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero


    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 3:23 pm

    darkshi escreveu:Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero

    Me auto banirei com a maior alegria do mundo e irei junto com a Miriam B., que também anda trollando que não teremos aumento... kkk.
    JULIUS JR
    JULIUS JR
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 572
    Reputação : 34
    Data de inscrição : 01/09/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por JULIUS JR Seg 01 Dez 2014, 3:24 pm

    O acordo já é conhecido.


    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 3:24 pm

    darkshi escreveu:Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero

    Sorte sua que ninguém tá pedindo banimento daquele que comemorou carreira dos tribunais superiores, GRAEL, nível superior para técnico... kkk.
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 3:25 pm

    JULIUS JR escreveu:O acordo já é conhecido.


    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]


    Vai ser banido em dezembro... pelo que dizem alguns sábios aqui...
    Galizezin
    Galizezin
    Moderador
    Moderador

    Mensagens : 7833
    Reputação : 593
    Data de inscrição : 13/01/2012

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Galizezin Seg 01 Dez 2014, 3:26 pm

    darkshi escreveu:Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero

    Não existe profeta do zero. O que existe é profeta do aumento. O zero vem se confirmando desde 2009, e sem profecias. Governo e administração o concretizaram. Lewandowski disse em Floripa que o deles estava garantido, mas o nosso...


    _________________
    Neoliberalismo não entrega o que promete, diz FMI!
    avatar
    Leovini
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 397
    Reputação : 4
    Data de inscrição : 21/03/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Leovini Seg 01 Dez 2014, 4:02 pm

    Galizezin escreveu:
    pernalonga escreveu:Tenho uma curiosidade que só será satisfeita após o dia 23/12/2014: na cada vez mais remota hipótese de nosso reajuste sair, que tratamento terão os que dizem que não teremos nada, inclusive citando fontes no MPOG, Tesouro Nacional e afins? todos ceifados do fórum por trollagem?

    Não seja infantil, colega! Será que é preciso citar fontes de que a vontade do governo, para nós servidores do MPU e PJU, é o zero? Precisa de outra fonte fidedigna tal qual foi as palavras da Miriam Belchior dias atrás: "vocês tem 5% garantidos em janeiro de 2015".

    Sacanagem é vir aqui no fórum para veicular informações privilegiadas sem esclarecer a tal fonte fidedigna. Dizer que está tudo certo, mas não.

    Obviamente que todos queremos acreditar que o aumento virá, porém não podemos sair da realidade, induzindo a erro milhares de famílias.

    like

    Nunca postei nenhuma informação privilegiada aqui, dando como certa, mas caso saia o PL 7920 (mesmo parcelado em 6 ou 8x) ou mesmo 20% só para o PJU pode me banir tb.
    Na remotissima (quase zero!! rs) chance de acontecer, novo aumento só em 2018 e até lá pretendo estar longe daqui.


    Última edição por Leovini em Seg 01 Dez 2014, 4:03 pm, editado 1 vez(es)
    darkshi
    darkshi
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 8806
    Reputação : 248
    Data de inscrição : 14/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por darkshi Seg 01 Dez 2014, 4:03 pm

    TRF1/MG escreveu:
    darkshi escreveu:Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero

    Sorte sua que ninguém tá pedindo banimento daquele que comemorou carreira dos tribunais superiores, GRAEL, nível superior para técnico... kkk.

    E porque deveriam?
    Quem colocou a cabeça a premio foi vc. E eu irei cobrar.
    Maisquevencedor
    Maisquevencedor
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3003
    Reputação : 25
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Maisquevencedor Seg 01 Dez 2014, 4:11 pm

    darkshi escreveu:Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero

    Se sair o tal aumento, vou propor ao Maurício (Admin) transformarmos esses fórum em site tipo o olx ou bomnegocio, mas exclusivo pros novos ricos do PJU/MPU.
    Também vou abrir uma agência de viagens exclusiva: a Kid Tur. E o slogan vai ser algo do tipo transformando os sonhos dos servidores do PJU/MPU em delírios.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 01 Dez 2014, 4:33 pm

    E a movimentação de hoje da ação dos 13,23%, alguém sabe o que foi?
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 4:36 pm

    darkshi escreveu:
    TRF1/MG escreveu:
    darkshi escreveu:Irei cobrar o banimento de todos os profetas do zero

    Sorte sua que ninguém tá pedindo banimento daquele que comemorou carreira dos tribunais superiores, GRAEL, nível superior para técnico... kkk.

    E porque deveriam?
    Quem colocou a cabeça a premio foi vc. E eu irei cobrar.

    Que coloquei cabeça a prêmio??? Só repassei a informação que obtive, que por sinal está, infelizmente, saindo tudo como repassei. Mas fique tranquilo, saindo o aumento me AUTO BANIREI... depois volto com outro perfil, mas essa parte não conta para ninguém, por favor!!!
    Mas para me banir tem que ser aumento de verdade, não me venham com merrequinha parcelada, tem que ser o 7920 (mesmo que aumentem o parcelamento).
    camirecas
    camirecas
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : AJAAECJE
    Mensagens : 1546
    Reputação : 76
    Data de inscrição : 02/09/2012

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por camirecas Seg 01 Dez 2014, 4:37 pm

    pernalonga escreveu:Tenho uma curiosidade que só será satisfeita após o dia 23/12/2014: na cada vez mais remota hipótese de nosso reajuste sair, que tratamento terão os que dizem que não teremos nada, inclusive citando fontes no MPOG, Tesouro Nacional e afins? todos ceifados do fórum por trollagem?

    affraid affraid affraid
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 4:40 pm

    Podiam também os desgraçados que fizeram campanha para eleger quem nos ferra ter vergonha na cara e se "AUTO BANIREM" daqui.
    Eita, pedir vergonha na cara para quem chama bandido de herói é pedir demais!!!
    camirecas
    camirecas
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Cargo : AJAAECJE
    Mensagens : 1546
    Reputação : 76
    Data de inscrição : 02/09/2012

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por camirecas Seg 01 Dez 2014, 4:42 pm

    Resultado da Ampliada da Fenajufe deste fim de semana

    Servidores decidem que vão lutar até último minuto e marcam pressão na Câmara e protesto nacional para dia 10, no ‘dezembro roxo’ no Judiciário e MPU.

    Os servidores consideram inadmissível uma solução para a questão salarial que contemple apenas juízes e magistrados e exclua o setor que está mais penalizado e acumula oito anos de perdas salariais: os mais de 120 mil trabalhadores do Judiciário Federal e do Ministério Público da União. É o que reafirmaram os representantes da categoria que participaram, no domingo (30), da reunião ampliada da federação nacional (Fenajufe), em Brasília.

    Os trabalhadores aprovaram, unânimes, um calendário de atividades para a reta final do ano, com as quais pretendem pressionar o governo, o STF e o Congresso por um acordo em torno dos projetos salariais. Haverá vigília na Câmara na terça (2) e quarta-feira (3) para cobrar dos deputados da Comissão de Finanças e Tributação (CFT), que já aprovaram os reajustes salariais de juízes e procuradores, a votar os projetos dos servidores.

    Conjuntura difícil

    No dia 10 de dezembro, haverá ato nacional em Brasília, em frente ao Supremo Tribunal Federal, pela ‘dignidade’ da categoria e aprovação dos projetos. Nos estados, todos estão convocados a expressar a insatisfação vestindo roxo ou preto ou usando fitas dessas cores. “Os juízes já receberam R$ 4.377 de auxílio-moradia limpos, sem Imposto de Renda. Seria inaceitável mais uma vez uma solução só para os magistrados, um acinte e desrespeito ao conjunto da categoria, aos 120 mil mães e pais de famílias”, disse Adilson Rodrigues, dirigente da federação nacional e servidor da Justiça Federal de Santos (SP). “Se não tiver nada, que esse nada seja para todos: juízes e servidores”, afirmou.

    Ao longo da reunião, servidores alertaram para o cenário difícil atual, com o governo anunciando ministros para comandar a economia ligados a setores empresariais e que já explicitam a intenção de promover um forte ajuste fiscal e cortar recursos dos setores públicos. “[Ainda] não há acordo com o governo e não podemos plantar ilusões”, disse Elcimara Augusto Souza, do Tribunal de Justiça de Brasília, ao defender a importância de reconstruir a mobilização de toda a categoria para enfrentar a política de arrocho salarial do governo.

    “Parece que quem ganhou foi o outro candidato”, disse Adilson Rodrigues, numa referência à contradição entre o discurso de campanha de Dilma Rousseff e as medidas que estão sendo tomadas. “Vai cortar [recursos públicos] justamente de quem já está há oito anos com os salários congelados”, criticou. “O governo está fazendo o que o outro disse que ia fazer”, corroborou Saulo Arcangeli, também dirigente da federação e servidor do Maranhão. “Temos que discutir e nos [preparar] para os ataques que vêm ai, como a [ameaça] de quebra da estabilidade dos servidores, o [fim do] direito de greve e as fundações privadas para contratar [trabalhadores] pela CLT para os serviços públicos”, observou.

    Unidade no Judiciário e MPU

    A aprovação do calendário, com o ‘dezembro roxo’ da indignação dos servidores, sinaliza que haverá luta até o último minuto para defender o reajuste salarial e o fim dos oito anos de perdas salariais acumuladas. A reunião ampliada fez um chamado à unidade da categoria. “Quero conclamar todos os estados que estão aqui hoje a trazer gente para Brasília no dia 10 e também preparar a mobilização para o ano que vem, que vai ter que continuar”, defendeu Ruy Almeida, dirigente do sindicato do Rio Grande do Sul (Sintrajufe-RS). “A gente tem um acúmulo de luta que nos levou aonde estamos hoje [com os projetos no Congresso], mas [faltou] participação de muitos estados”, disse, destacando que foi a unidade e a mobilização conjunta que levaram às vitoriosas campanhas que arrancaram as reestruturações dos planos de cargos em 1996, 2002 e 2006. “Não é dizer que podemos fazer isso se estivermos unidos, é dizer que nós já fizemos isso e sabemos que é possível", disse.

    A reunião ampliada aprovou ainda levar ao presidente do STF, Ricardo Lewandowski, posição política reivindicando que ele se expresse publicamente a favor dos projetos dos servidores e assinale em nota ser inadmissível aprovar apenas os reajustes de magistrados e procuradores – algo que ele mesmo já disse a coordenadores da federação que colocaria em risco até a “governança” do Judiciário.

    Unidade com os federais

    Os servidores reafirmaram a participação na construção conjunta da campanha salarial de 2015 com os demais setores do funcionalismo, que já têm marcado para os dias 31 janeiro e 1º de fevereiro uma plenária nacional da categoria para organizar as mobilizações e traçar a pauta de reivindicações comuns a todos. “O que temos agora é o ajuste fiscal para os próximos anos [por parte do governo]. E como os servidores podem reverter isso? Com atos, com paralisações, [não] com a fragmentação e a divisão”, defendeu Elcimara. “[Precisamos] de uma luta conjunta [de todo funcionalismo], ir para s ruas para enfrentar os ataques do governo”, disse Cleber Aguiar, servidor do TRF de São Paulo e dirigente da federação e do Sintrajud-SP.

    Ao final, os servidores registraram o descontentamento aprovando uma moção de repúdio ao governo Dilma Rousseff por ter impedido, por meio do deputado Afonso Florence (PT/BA), a votação do projeto dos servidores na sessão da Comissão de Finanças e Tributação da quarta-feira (26). Nos próximos dias, a Bahia vai levar a insatisfação e a moção pessoalmente ao escritório do parlamentar em Salvador. “Sabemos que o Florence é apenas um agente [que atuou pelo governo], poderia ser qualquer outro deputado do PT, mas é importante no ponto de vista simbólico”, disse Fred Barboza, servidor da Justiça Eleitoral da Bahia e diretor do Sindjufe-BA.

    Fonte: LutaFenajufe Notícias
    Pantaleão
    Pantaleão
    Usuário Master
    Usuário Master

    Cargo : Ajudante de Pedreiro
    Mensagens : 590
    Reputação : 0
    Data de inscrição : 06/05/2011
    Localização : Sol Nascente

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Pantaleão Seg 01 Dez 2014, 4:43 pm

    TREmulo escreveu:
    Pantaleão escreveu:A ação impetrada pela ANAJUSTRA contra a União, com o objetivo de incorporar o percentual de 13,23% à remuneração dos seus associados e o pagamento das diferenças anteriores com correção monetária e juros de mora, teve sentença favorável.


    A Ministra do Supremo, Rosa Weber, seguiu a decisão do TRF da 1ª Região, que não reconheceu Recurso Extraordinário da União.

    No reajuste das remunerações dos servidores públicos federais, para o exercício de 2003 (Lei nº. 10.697/2003 e Lei nº. 10.698/2003), o Presidente da República concedeu para todos os servidores uma revisão geral anual de apenas 1% e também uma vantagem pecuniária individual (VPI) fixa de R$ 59,87.

    Com esse procedimento o Presidente promoveu a revisão geral de remuneração dos servidores públicos em patamares distintos, não isonômicos e em percentuais diferenciados, pois o acréscimo do valor referente a VPI, de R$ 59,87 correspondia a época, para o menor salário da União, a um reajuste de 13,23%.

    Agindo dessa maneira ele violou frontalmente o artigo 37, inciso X, da Carta Magna, o qual determina que "a remuneração dos servidores públicos e o subsídio de que trata o §4° do artigo 39, somente poderão ser fixados ou alterados por lei específica, observada a iniciativa privativa em cada caso, assegurada revisão geral anual, sempre na mesma data e sem distinção de índices".

    O SINASMEPU ajuizou ação coletiva (Processo nº 0042825-03.2014.4.01.0000), a fim de estender aos servidores do MPU a retroatividade do índice acima referido a partir de maio de 2003 ou da data de ingresso no serviço público, com todos os reflexos remuneratórios pertinentes.

    Por se tratar de Ação Rescisória, o processo fora proposto diretamente no TRF 1ª Região, onde encontra-se concluso para decisão desde 10/10/2014 no gabinete do Desembargador Jamil Rosa de Jesus, após remessa interna do Tribunal.

    Esta ação coletiva foi proposto em substituição processual sindical, sem juntada de lista (conforme autoriza STF e STJ), portanto a condição de filiado (ainda que posterior ao ajuizamento e até a execução) torna o consulente abrangido pela demanda.


    Seria extensivo a todos, por exemplo, Justiça Eleitoral também receberia? Precisa ser filiado a sindicato ou todos receberiam automaticamente? Grato.

    Precisa ser filiado à ANAJUSTRA.
    Alguém sabe se há a possibilidade de se filiar à ANAJUSTRA não sendo da justiça do trabalho?
    avatar
    TRF1/MG
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 4844
    Reputação : 314
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por TRF1/MG Seg 01 Dez 2014, 4:46 pm

    camirecas escreveu:Resultado da Ampliada da Fenajufe deste fim de semana

    Servidores decidem que vão lutar até último minuto e marcam pressão na Câmara e protesto nacional para dia 10, no ‘dezembro roxo’ no Judiciário e MPU.

    Os servidores consideram inadmissível uma solução para a questão salarial que contemple apenas juízes e magistrados e exclua o setor que está mais penalizado e acumula oito anos de perdas salariais: os mais de 120 mil trabalhadores do Judiciário Federal e do Ministério Público da União. É o que reafirmaram os representantes da categoria que participaram, no domingo (30), da reunião ampliada da federação nacional (Fenajufe), em Brasília.

    Os trabalhadores aprovaram, unânimes, um calendário de atividades para a reta final do ano, com as quais pretendem pressionar o governo, o STF e o Congresso por um acordo em torno dos projetos salariais. Haverá vigília na Câmara na terça (2) e quarta-feira (3) para cobrar dos deputados da Comissão de Finanças e Tributação (CFT), que já aprovaram os reajustes salariais de juízes e procuradores, a votar os projetos dos servidores.

    Conjuntura difícil

    No dia 10 de dezembro, haverá ato nacional em Brasília, em frente ao Supremo Tribunal Federal, pela ‘dignidade’ da categoria e aprovação dos projetos. Nos estados, todos estão convocados a expressar a insatisfação vestindo roxo ou preto ou usando fitas dessas cores. “Os juízes já receberam R$ 4.377 de auxílio-moradia limpos, sem Imposto de Renda. Seria inaceitável mais uma vez uma solução só para os magistrados, um acinte e desrespeito ao conjunto da categoria, aos 120 mil mães e pais de famílias”, disse Adilson Rodrigues, dirigente da federação nacional e servidor da Justiça Federal de Santos (SP). “Se não tiver nada, que esse nada seja para todos: juízes e servidores”, afirmou.

    Ao longo da reunião, servidores alertaram para o cenário difícil atual, com o governo anunciando ministros para comandar a economia ligados a setores empresariais e que já explicitam a intenção de promover um forte ajuste fiscal e cortar recursos dos setores públicos. “[Ainda] não há acordo com o governo e não podemos plantar ilusões”, disse Elcimara Augusto Souza, do Tribunal de Justiça de Brasília, ao defender a importância de reconstruir a mobilização de toda a categoria para enfrentar a política de arrocho salarial do governo.

    “Parece que quem ganhou foi o outro candidato”, disse Adilson Rodrigues, numa referência à contradição entre o discurso de campanha de Dilma Rousseff e as medidas que estão sendo tomadas. “Vai cortar [recursos públicos] justamente de quem já está há oito anos com os salários congelados”, criticou. “O governo está fazendo o que o outro disse que ia fazer”, corroborou Saulo Arcangeli, também dirigente da federação e servidor do Maranhão.
    “Temos que discutir e nos [preparar] para os ataques que vêm ai, como a [ameaça] de quebra da estabilidade dos servidores, o [fim do] direito de greve e as fundações privadas para contratar [trabalhadores] pela CLT para os serviços públicos”, observou.

    Unidade no Judiciário e MPU

    A aprovação do calendário, com o ‘dezembro roxo’ da indignação dos servidores, sinaliza que haverá luta até o último minuto para defender o reajuste salarial e o fim dos oito anos de perdas salariais acumuladas.  A reunião ampliada fez um chamado à unidade da categoria. “Quero conclamar todos os estados que estão aqui hoje a trazer gente para Brasília no dia 10 e também preparar a mobilização para o ano que vem, que vai ter que continuar”, defendeu Ruy Almeida, dirigente do sindicato do Rio Grande do Sul (Sintrajufe-RS). “A gente tem um acúmulo de luta que nos levou aonde estamos hoje [com os projetos no Congresso], mas [faltou] participação de muitos estados”, disse, destacando que foi a unidade e a mobilização conjunta que levaram às vitoriosas campanhas que arrancaram as reestruturações dos planos de cargos em 1996, 2002 e 2006. “Não é dizer que podemos fazer isso se estivermos unidos, é dizer que nós já fizemos isso e sabemos que é possível", disse.

    A reunião ampliada aprovou ainda levar ao presidente do STF, Ricardo Lewandowski, posição política reivindicando que ele se expresse publicamente a favor dos projetos dos servidores e assinale em nota ser inadmissível aprovar apenas os reajustes de magistrados e procuradores – algo que ele mesmo já disse a coordenadores da federação que colocaria em risco até a “governança” do Judiciário.

    Unidade com os federais

    Os servidores reafirmaram a participação na construção conjunta da campanha salarial de 2015 com os demais setores do funcionalismo, que já têm marcado para os dias 31 janeiro e 1º de fevereiro uma plenária nacional da categoria para organizar as mobilizações e traçar a pauta de reivindicações comuns a todos. “O que temos agora é o ajuste fiscal para os próximos anos [por parte do governo]. E como os servidores podem reverter isso? Com atos, com paralisações, [não] com a fragmentação e a divisão”, defendeu Elcimara. “[Precisamos] de uma luta conjunta [de todo funcionalismo], ir para s ruas para enfrentar os ataques do governo”, disse Cleber Aguiar, servidor do TRF de São Paulo e dirigente da federação e do Sintrajud-SP.  

    Ao final, os servidores registraram o descontentamento aprovando uma moção de repúdio ao governo Dilma Rousseff por ter impedido, por meio do deputado Afonso Florence (PT/BA), a votação do projeto dos servidores na sessão da Comissão de Finanças e Tributação da quarta-feira (26). Nos próximos dias, a Bahia vai levar a insatisfação e a moção pessoalmente ao escritório do parlamentar em Salvador. “Sabemos que o Florence é apenas um agente [que atuou pelo governo], poderia ser qualquer outro deputado do PT, mas é importante no ponto de vista simbólico”, disse Fred Barboza, servidor da Justiça Eleitoral da Bahia e diretor do Sindjufe-BA.

    Fonte: LutaFenajufe Notícias

    Sobre a parte em destaque no texto acima: bando de FDP, esse governo não é novo, vai fazer o que sempre fez conosco, nos ferrar. E agora, depois de fazerem campanha para essa va.., querem se fazer de surpreendidos. O que mudou? Nada. Já sabiam que isso ia ocorrer bando de FDP. Nojo dessa gente dissimulada, que finge não saber o que ia acontecer, lixos.
    JULIUS JR
    JULIUS JR
    Usuário Master
    Usuário Master

    Mensagens : 572
    Reputação : 34
    Data de inscrição : 01/09/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por JULIUS JR Seg 01 Dez 2014, 4:47 pm

    Pantaleão escreveu:
    TREmulo escreveu:
    Pantaleão escreveu:A ação impetrada pela ANAJUSTRA contra a União, com o objetivo de incorporar o percentual de 13,23% à remuneração dos seus associados e o pagamento das diferenças anteriores com correção monetária e juros de mora, teve sentença favorável.


    A Ministra do Supremo, Rosa Weber, seguiu a decisão do TRF da 1ª Região, que não reconheceu Recurso Extraordinário da União.

    No reajuste das remunerações dos servidores públicos federais, para o exercício de 2003 (Lei nº. 10.697/2003 e Lei nº. 10.698/2003), o Presidente da República concedeu para todos os servidores uma revisão geral anual de apenas 1% e também uma vantagem pecuniária individual (VPI) fixa de R$ 59,87.

    Com esse procedimento o Presidente promoveu a revisão geral de remuneração dos servidores públicos em patamares distintos, não isonômicos e em percentuais diferenciados, pois o acréscimo do valor referente a VPI, de R$ 59,87 correspondia a época, para o menor salário da União, a um reajuste de 13,23%.

    Agindo dessa maneira ele violou frontalmente o artigo 37, inciso X, da Carta Magna, o qual determina que "a remuneração dos servidores públicos e o subsídio de que trata o §4° do artigo 39, somente poderão ser fixados ou alterados por lei específica, observada a iniciativa privativa em cada caso, assegurada revisão geral anual, sempre na mesma data e sem distinção de índices".

    O SINASMEPU ajuizou ação coletiva (Processo nº 0042825-03.2014.4.01.0000), a fim de estender aos servidores do MPU a retroatividade do índice acima referido a partir de maio de 2003 ou da data de ingresso no serviço público, com todos os reflexos remuneratórios pertinentes.

    Por se tratar de Ação Rescisória, o processo fora proposto diretamente no TRF 1ª Região, onde encontra-se concluso para decisão desde 10/10/2014 no gabinete do Desembargador Jamil Rosa de Jesus, após remessa interna do Tribunal.

    Esta ação coletiva foi proposto em substituição processual sindical, sem juntada de lista (conforme autoriza STF e STJ), portanto a condição de filiado (ainda que posterior ao ajuizamento e até a execução) torna o consulente abrangido pela demanda.


    Seria extensivo a todos, por exemplo, Justiça Eleitoral também receberia? Precisa ser filiado a sindicato ou todos receberiam automaticamente? Grato.

    Precisa ser filiado à ANAJUSTRA.
    Alguém sabe se há a possibilidade de se filiar à ANAJUSTRA não sendo da justiça do trabalho?


    Veja o artigo 6º do estatuto da associação, disponível no site da ANAJUSTRA.
    Lord Sith
    Lord Sith
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2138
    Reputação : 91
    Data de inscrição : 25/05/2012

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Lord Sith Seg 01 Dez 2014, 5:12 pm

    O que tô achando estranho é que o 6613/6697 tinha requerimento de urgência subscrito pelos líderes, o 7920 tem um requerimento do Jovair Arantes e o 7919 tem dos líderes.

    MPT-PR escreveu:
    vinasbauer escreveu:
    MPT-PR escreveu:últimos acertos

    [Tens de ter uma conta e sessão iniciada para poderes visualizar esta imagem]

    PL7920 ou 20% da folha?


    se tudo ocorrer normalmente, o 7919 vai ser confirmado,  em relação ao 7920 não tenho muito acesso a negociação, mas acredito, opinião pessoal, que poderá ser tb confirmado.


    certeza mesmo tenho do 7919.
    corujito
    corujito
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 3137
    Reputação : 209
    Data de inscrição : 06/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por corujito Seg 01 Dez 2014, 5:17 pm

    Sim!

    7919 confirmado.

    E esqueçam esse negócio de parcelamento! Vai ser pago em apenas 1x

    Minha fonte é ex Procurador-Chefe de uma PR.
    16Toneladas
    16Toneladas
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 2008
    Reputação : 39
    Data de inscrição : 08/07/2010

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por 16Toneladas Seg 01 Dez 2014, 5:24 pm

    Se banirem os "profetas" do zero deste fórum, façam o favor de chamar pros seus lugares: Chapeuzinho Vermelho, Papai Noel, e Saci-Pererê e mudem o nome pra "Terra do Nunca Já".
    marlon_plaster
    marlon_plaster
    Usuário Sênior
    Usuário Sênior

    Mensagens : 489
    Reputação : 26
    Data de inscrição : 07/07/2010
    Idade : 39
    Localização : PR/MT - CUIABÁ

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por marlon_plaster Seg 01 Dez 2014, 5:26 pm

    pow corujito, essa foi forte hein.

    mas vamo q vamo, que tem duas boas semanas pela frente que prometem... hehehe

    corujito escreveu:Sim!

    7919 confirmado.

    E esqueçam esse negócio de parcelamento! Vai ser pago em apenas 1x

    Minha fonte é ex Procurador-Chefe de uma PR.
    avatar
    Convidado
    Convidado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Convidado Seg 01 Dez 2014, 5:33 pm

    corujito escreveu:Sim!

    7919 confirmado.

    E esqueçam esse negócio de parcelamento! Vai ser pago em apenas 1x

    Minha fonte é ex Procurador-Chefe de uma PR.


    Lauro Cardoso?
    alecspe
    alecspe
    Usuário VIP
    Usuário VIP

    Mensagens : 1532
    Reputação : 53
    Data de inscrição : 07/11/2014

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por alecspe Seg 01 Dez 2014, 5:39 pm

    corujito escreveu:Sim!

    7919 confirmado.

    E esqueçam esse negócio de parcelamento! Vai ser pago em apenas 1x

    Minha fonte é ex Procurador-Chefe de uma PR.

    Se houvesse prêmio Nobel ou Oscar para trolagens, essa postagem teria ganho fácil. Pior que daqui a pouco tem desesperados perguntando algo mais ou menos assim: "Alguém tem tabela desse aumento de uma só vez?" ou então loucuras do tipo: "eu sabia que tava certo isso, é que o executivo não queria receber pressão do funcionalismo federal e vai deixar para dar esse aumento no apagar das luzes".

    Conteúdo patrocinado

    Tópico Geral - Página 2 Empty Re: Tópico Geral

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Seg 06 Dez 2021, 11:16 pm